VIABAHIA: Atividades com crianças em São Sebastião do Passé encerram comemorações ao Dia Mundial do Meio Ambiente

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 08 jun 2018

Tags:,

O Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado no dia 05/06. Como forma de propagar e incentivar os cuidados com a flora e a fauna, a VIABAHIA Concessionária de Rodovias S.A., em parceria com o Núcleo de Ofiologia e Animais Peçonhentos da Bahia (NOAP) da Universidade Federal da Bahia (UFBA), com o apoio da Secretaria de Educação de São Sebastião do Passé realizou ontem (06/06) diversas atividades e interação com crianças na Escola Municipal Luis Viana Filho.

“Gostaria de parabenizar a VIABAHIA pela iniciativa em levar aos estudantes o contato com animais peçonhentos. Queremos desmistificar a imagem de que estes animais são nocivos à sociedade. Muito pelo contrário, serpentes, aranhas e escorpiões são de extrema importância na área de pesquisa e saúde, no desenvolvimento de soros e remédios contra variadas enfermidades”, explica a coordenadora do NOAP, professora doutora Rejâne Lira-da-Silva.

200 meninos e meninas conheceram de perto animais peçonhentos vivos como serpentes e aranhas. Também participaram de um teatro de fantoches, experimentos científicos, palestras educativas, além da exibição de vídeos com a temática do meio ambiente.

CURIOSIDADES:

Reconhecido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) como Museu Itinerante em 2008, o NOAP completou 30 anos. Criado em 1987 pelas pesquisadoras Tania BrazilRejâne Lira-da-Silva, Luciana Casais e Tatiana Rocha, o Núcleo é um dos grupos de pesquisa mais antigos da universidade, reconhecido pelo Ministério da Saúde como Núcleo Regional de Ofiologia, referência para a região Nordeste.

Siga VIABAHIA nas redes sociais:

Twitter® – www.twitter.com/viabahia_sa – @viabahia_sa

Instagram® – www.instagram.com/viabahia – @viabahia

Programa ‘Adote uma Praça’ é sucesso na cidade; quinze novas empresas acabam de aderir

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 02 dez 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

Já são 18 os logradouros públicos que estão sob os cuidados da iniciativa privada

Quinze novas empresas aderiram formalmente ao programa municipal Adote uma Praça. Com isso, agora são 18 os logradouros públicos espalhados pela cidade que estão temporariamente sob os cuidados da iniciativa privada. Os termos de adoção foram assinados nesta quinta-feira, 30, por representantes da Prefeitura de Vitória da Conquista e das instituições participantes da iniciativa.

Instituído pela Lei Municipal nº 1649/09, o programa Adote uma Praça tem como objetivos conservar e embelezar espaços públicos, através de parceria entre o Poder Público e a iniciativa privada, mediante a permissão de uso de bem público.

Antes de assinarem seus respectivos termos de adoção e oficializarem a parceria, as empresas interessadas protocolaram a documentação necessária junto à Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

“A Prefeitura está sendo procurada por empresários, educadores, segmentos do comércio, da indústria, do agronegócio, e as pessoas querem adotar praças, avenidas, logradouros para embelezar a cidade”, afirmou o prefeito Herzem Gusmão. Segundo o gestor, neste momento, o governo municipal sinaliza para “uma cidade mais verde, mais agradável, menos árida e de acessibilidade”.

A secretária municipal de Meio Ambiente, Luzia Vieira, falou em “acolhimento” ao se referir ao programa. “Essa parceria em praças e avenidas vai nos tornar mais próximos para que possamos trazer aos visitantes e aos moradores de nossa cidade um ambiente mais agradável e acolhedor”, declarou.

‘Sonho realizado’ – Esse tipo de sentimento foi mencionado pelo empresário Sandro Jardim. Ele adotou um trecho com 44 metros de extensão, no canteiro central da Avenida Juracy Magalhães – bem em frente à loja Vaso, da qual é proprietário. Ali, ele colocou 16 vasos de cerâmica – cada um com uma palmeira da espécie Fênix. Além disso, ornamentou o local com grama e 4 bancos feitos de eucalipto.

A novidade é vista e utilizada diariamente por ciclistas, praticantes de caminhada ou cooper, ou ainda trabalhadores a caminho do serviço. “Nosso maior prazer, de manhã, é limpar o lugar para que as pessoas possam utilizá-lo”, observou Jardim. “Para mim foi uma honra, um prazer, e também um sonho realizado”, complementou o empresário.

Zita Kelle Cunha, representante da Vidrassel, adotou um canteiro com aproximadamente 60 metros de comprimento na Rua N, no bairro Felícia. Trata-se do canteiro central de uma via que faz parte do trajeto do futuro Corredor Perimetral.

Nesse local, há 5 anos, Zita Kelle já havia plantado 6 flamboyants (alguns deles, hoje, já têm 4 metros de altura), além de lírios e bromélias. Agora, com a formalização da adoção do local, ela pretende intensificar os cuidados e a manutenção. “Pretendemos plantar uma cobertura com grama e fazer uma via de acesso para que as pessoas possam passar. E a limpeza, a gente sempre está fazendo”, informou.

O programa – A assinatura do Termo de Adoção não estabelece um período determinado de duração para o tempo em que o logradouro estará sob a responsabilidade da empresa requerente. Mas a parceria pode ser desfeita através de manifestação do empresário ou da própria Prefeitura, nos casos de descumprimento das finalidades do programa.

Como contrapartida à adoção, entendida como custeamento da manutenção da praça adotada, a entidade social que participar do programa poderá afixar placas publicitárias, inclusive com seus logotipos, informando que a urbanização, a conservação e a manutenção daquele local estão sob sua responsabilidade.

Jabuticabeiras são plantadas na Olívia Flores

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 11 nov 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

Ação foi realizada pela organização da Feira de Flores de Holambra em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente

Daqui a dez anos, os conquistenses que passarem pela Avenida Olívia Flores poderão contemplar 23 pés de jabuticabeira e até provar do seu fruto. Isso graças ao plantio de mudas desta espécie realizado na manhã da última quarta-feira, 8, por integrantes do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal – Núcleo Vitória, responsável pela Feira de Flores “Conquista Florescendo – Feira de Flores de Holambra”, em parceria com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

“A feira este ano teve um diferencial, pois concluímos com este plantio que pra nós é importante. É um presente à cidade pelos seus 177 anos e traz uma conscientização para essas crianças da importância que é a gente plantar e zelar por uma árvore para que, daqui alguns anos, a gente passe por essa avenida e veja essas árvores adultas produzindo e as pessoas usufruindo desse bem que plantamos hoje”, declarou o presidente do Centro Espírita, Adão Gomes Lima.

A menina Ive Leite, 6, foi uma das crianças que participaram da ação. “Eu gostei muito porque eu gosto muito de plantar árvores”, disse ela após o plantio. Beatriz Lima, 8, foi outra criança que se divertiu: “Gostei. Foi muito legal estar aqui, plantando estas árvores, colocando a mão na terra”.

A comerciante Maria Amélia Oliveira foi com os netos Luísa, Marina e Abraão, de apenas um ano e dois meses, plantar as jabuticabas. “É uma ação importante esta. A gente tem um quintal, tem bastante fruta e elas já estão acostumadas a mexer com terra”, falou a senhora, apontando para a neta ‘do meio’.

Por ser nativa da Mata Atlântica, a jabuticabeira, com seus frutos pequenos da cor roxa escura, é considerada bem brasileira. Além de frutífera, a árvore é considerada uma planta ornamental, já que em determinadas épocas desabrocham lindas flores na cor branca, em troncos e ramos.

A ação faz parte da programação em comemoração do aniversário da cidade, celebrado nesta quinta-feira, 9.

Regularmente, o Governo Municipal tem realizado serviços de arborização e paisagismo da cidade. Nos últimos dez meses, como ressaltou a secretária de Meio Ambiente, Luzia Vieira, cerca de 2 mil árvores foram plantadas nas áreas verdes do município.

 

Esgoto polui a Lagoa das Bateias

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 16 ago 2017

Tags:, , ,

da Redação

O secretário de Infraestrutura Urbana da Prefeitura de Vitória da Conquista, engenheiro José Antônio Vieira, atesta que uma elevatória da Embasa vem causando danos e contaminando o espaço onde existia um espelho d’água que custou aos cofres públicos R$ 26 milhões. Hoje a lagoa está tomada por baronesas e matagal.

Essas unidades de bombeamento (estações elevatórias de esgoto), existem para bombear a água e os resíduos de tubulações onde existe uma baixa declividade, ou porção elevada do terreno para assim permitir que a gravidade volte a atuar no transporte do esgoto até chegar às estações nas quais ele será tratado.

A falha detectada pelo engenheiro, foi comunicada a Kelly Galvão, engenheira sanitarista da Embasa. A técnica, gerente regional do órgão, prometeu examinar e logo solucionar o gravíssimo problema.

O fato já foi comunicado a promotora Karina Cherubini do Ministério Público Estadual em reunião com representantes da Prefeitura de Conquista.

Atitude: Prefeitura retoma ações de proteção da Serra do Piripiri

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 16 jun 2017

Tags:, ,

da Redação

A Prefeitura de Vitória da Conquista retomou nesta quinta-feira, (15), as ações de desocupação da área de preservação ambiental do Parque da Serra do Piriri.

As equipes das secretarias de Meio Ambiente, Serviços Públicos e Infraestrutura Urbana trabalham de forma integrada com três frentes em toda área da Batalha e próximo às nascentes do Bebedouro da Onça, Pedra Branca e no bairro Panorama, em direção ao Cristo.

Em reunião desta 4ª feira (14), com o juiz da Fazenda, Ricardo Frederico Campos, e com a promotora, Karina Cherubini, foram aprovadas ações em defesa da Serra do Piripiri. Representando a Prefeitura estavam o prefeito Herzem Gusmão (PMDB), Murilo Mármores (PGM), a secretária Luzia Vieira (Meio Ambiente), e os advogados Cristiano e Tibério.

Na próxima 3ª feira ( 20)  um TAC  será assinado que estabelecerá uma série de ações a serem desenvolvidas em etapas. Uma delas é a desocupação imediata da área de preservação. O município terá ainda o grande desafio de recompor a vegetação destruída e devolver a vida à região devastada pela ação de grupos que utilizaram a área de forma criminosa, algumas pessoas com clara intenção de comercialização de lotes.

 

Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, a operação de ontem (15), transcorreu de forma tranquila e as equipes de meio ambiente iniciarão o plantio de mudas de árvores na Serra do Piripiri na próxima semana.

Servidores do Meio Ambiente são capacitados na área de paisagismo

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 07 jun 2017

Tags:, ,

da Redação
Conteúdo Ascom / Prefeitura

Durante toda esta terça-feira, 6, servidores do setor de paisagismo da Prefeitura Municipal e profissionais da área ambiental estão participando do curso de Capacitação de Produção e Manejo de Espécies Arbóreas. A atividade faz parte da programação da Semana Municipal de Meio Ambiente e está sendo ministrada no Módulo Luizão da Uesb.

Seis professores da Universidade estão conduzindo a capacitação.  Temas como plantio, manutenção e manejo; arborização pública e urbana; controle de pragas e doenças; tipos de poda; manutenção de áreas verdes em nosso ecossistema; e a importância do paisagismo para a comunidade estão sendo abordados.

“A ideia é realmente trazer os problemas de Vitória da Conquista, o conhecimento e o benefício de cada espécie e como trabalhar com o reino vegetal como um todo”, explica a secretária de Meio Ambiente, Luzia Vieira. Sobre a contribuição da atividade para a prestação do serviço público, ela destaca: “Teremos jardineiros capacitados mais uma vez.”

A gerente de paisagismo do Horto Florestal, Ana Cláudia Passos, esteve entre os quase 50 servidores que participaram da ação. Ela ressalta que oportunidades como essa são de grande importância para atualizar a equipe. “O pessoal é simples, trabalhador e humilde, que já tem experiência no paisagismo e sabe muito bem o que está fazendo. Mas esses detalhes que os professores estão citando são importantes até pra eles se contextualizarem sobre a importância do trabalho deles na cidade”, afirma.

Tem início projeto de urbanização e paisagismo do quarteirão da Prefeitura

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 08 maio 2017

Tags:, ,

da Redação
Conteúdo Ascom / Prefeitura

Neste final de semana, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente deu início à execução do projeto de urbanização e de paisagismo criado pelo engenheiro Leandro Fonseca. De acordo com a secretária de Meio Ambiente, Luzia Vieira, é um projeto belíssimo, que dará uma nova configuração ao quarteirão do prédio da prefeitura.

“Estamos iniciando o projeto pela arborização. A espécie que nós escolhemos é a Cássia Chuva de Ouro, que é uma espécie muito bela. Tivemos a preocupação de escolher uma espécie que nos permitisse trabalhar com facilidade a sua manutenção e para que não venha tampar a fachada da Prefeitura”, explicou a secretária. A parte de infraestrutura do projeto será executada pela Emurc.

Ao todo, foram plantadas 27 mudas da árvore, com a colocação de gradil de proteção. A árvore escolhida é uma das espécies indicadas para arborização urbana em passeios, dentro dos critérios técnicos de arborização pública. Para o plantio, após a abertura das covas, foi realizada a colocação de terra vegetal e a adubação orgânica e química do solo.

O prefeito Herzem Gusmão acompanhou o plantio das mudas e colaborou com a equipe da Secretaria de Meio Ambiente.

Câmara debate meio ambiente e destinação de resíduos sólidos

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 02 maio 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Câmara Municipal

Desde os primeiros dias do ano de 2017, que a Prefeitura de Vitória da Conquista vem realizando mutirões de limpeza na cidade e zona rural com o reforço da operação Cata Bagulho. A administração municipal, pela 1ª vez, vem retirando das ruas do centro e bairros periféricos muitas toneladas de entulho da construção civil.

Na manhã desta 3ª feira (2), a Câmara Municipal  realizará um debate sobre o meio ambiente. A audiência pública acontecerá no Plenário Carmem Lúcia, e foi uma iniciativa dos mandatos dos vereadores Jorge Bezerra (SD) e Cícero Custódio (PSL).

O comandante Cel. Esmeraldino Correia, titular da Secretaria do Meio Ambiente participara e fará um relato da grande operação que vem comandando nestes já 4 meses do ano em curso.

Horto Florestal é responsável por manutenção de áreas verdes

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 20 abr 2017

Tags:, ,

da Redação
Com informações da Ascom / Prefeitura / Conteúdo

Ipês, flamboyants, jacarandás-mimosos e outras espécies dividem o mesmo espaço com árvores nativas, frutíferas e mudas diversas no Horto Florestal Vilma Dias, ligado a Secretaria Municipal de Meio Ambiente. O equipamento, localizado no bairro Conquistinha, é uma das mais belas áreas verdes abertas ao público em Vitória da Conquista .

O local abriga os setores de Paisagismo e Arborização Pública. Nele são executados os projetos de paisagismo e manutenção de todas as praças, avenidas e canteiros da cidade, além da realização de podas preventivas. O serviço ainda atua no atendimento às demandas solicitadas para recuperação e implantação de jardins em órgãos públicos.

No horto também são produzidas mudas ornamentais de variadas espécies para serem plantadas em calçadas, áreas verdes, praças e avenidas, bem como nos jardins da cidade. “A população pode solicitar a doação de mudas, mas no momento esse serviço está suspenso, pois estamos em fase de produção de novos exemplares”, explicou a gerente municipal de Paisagismo, Ana Cláudia Oliveira.

Outra atribuição do equipamento, que conta com uma equipe formada por mais de 40 profissionais, entre fiscais, jardineiros e equipes administrativa e de apoio, é a poda de árvores. “As população deve entrar em contato com a gente caso precise podar alguma árvore, pois esse trabalho é uma atribuição da Secretaria de Meio Ambiente. A população precisa lembrar que a poda de árvores sem autorização é crime ambiental, esclareceu a gerente de Paisagismo”.

Aberto à visitação, o Horto Vilma Dias funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 13h às 17h. Escolas, igrejas e outras instituições podem agendar visitas por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (77) 3422-8143.

Prefeitura segue embelezando e limpando a cidade

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 28 mar 2017

Tags:, , ,

da Redação

Foto: celular (leitor)

Após implantação de um canteiro ornamental na Rua do Gancho, a Secretaria do Meio Ambiente, que tem o comando da agrônoma Luzia Vieira, promoveu alteração significativa no canteiro da rotatória nas imediações do Centro de Cultura Camilo de Jesus Lima.

São intervenções simples e singelas que transformam e embelezam a cidade. No trabalho durante o dia e noite, a equipe de jardinagem da Dra Luzia Vieira, vem recebendo manifestações carinhosas das pessoas que circulam nas imediações dos locais que estão sendo alvo deste tipo de intervenção. A transformação da rotatória do INSS já começou e receberá ornamentação semelhante.

“Eu sabia que tudo iria mudar para melhor”, disse o médico Dr. Aloísio Alan – que não escondia a sua satisfação por ver a cidade começando a receber as transformações da nova gestão.

Prefeitura e Ministério Público planejam a 4ª edição do Projeto Eco Kids e Eco Teens

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 11 mar 2017

Tags:, , ,

da Redação
Com informações da Ascom / Prefeitura (Conteúdo)

Na tarde dessa quinta-feira, 09, membros das Secretarias de Meio Ambiente, Comunicação e Educação participaram de uma reunião com a promotora de Justiça, Karina Cherubini, que atua na área de meio ambiente. O encontro, que aconteceu na sede do Ministério Público Estadual, teve como principal objetivo discutir e planejar a 4ª edição do Projeto Eco Kids e Eco Teens em Vitória da Conquista.

O projeto, que já foi executado em algumas escolas da rede municipal, consiste na criação e circulação de um jornal  sobre meio ambiente, voltado e preparado por alunos das escolas de ensino fundamental, públicas e privadas. Tendo como principal objetivo promover a conscientização ambiental por parte dos estudantes.

“Esse primeiro encontro teve como principal objetivo apresentar um pouco mais do projeto para as escolas que participarão dessa nova edição”, pontuou Karina. “ É um projeto que teve início em 2009, na cidade de Ilhéus e já alcançou reconhecimento nacional. Temos certeza que essa 4ª edição também será um sucesso”, acrescentou a promotora.

Ao todo, três escolas do município participarão do Projeto: Centro Educacional Eurípedes Peri Rosa; Escola Municipal Euclides da Cunha; e a Escola Municipal Milton de Almeida Santo. “ Todas essas escolas terão apoio total do núcleo pedagógico da Secretaria de Educação, já temos uma sistemática elaborada com algumas propostas para serem executadas dentro do projeto”, afirmou a coordenadora pedagógica, Cristina Leilane.

Além das escolas municipais, também participarão dessa edição os colégios estaduais Camilo de Jesus Lima e Dr Orlando Leite, além do colégio Opção. Durante a reunião, foram distribuídos jornais Eco Kids e Eco Teens produzidos em outros municípios.

O projeto conta com a parceria da Prefeitura municipal de Vitória da Conquista, do Ministério Público, dos Conselhos Municipais, da Diretoria Regional de Educação (Direc-20), entre outras instituições.

Meio Ambiente vai dar ênfase a arborização urbana

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 22 jan 2017

Tags:, ,

da Redação

Com informações e foto da Ascom / PMVC

????????????????????????????????????

A meta da atual gestão de Meio Ambiente  é fazer de Vitória da Conquista uma cidade mais arborizada. O primeiro passo, no entanto, é cuidar da vegetação já existente com frentes de trabalho para embelezamento, limpeza e  organização da cidade, esforços realizados de forma integrada entre as secretarias municipais. A Coordenação de Meio Ambiente e a Secretaria de Serviços Públicos, por exemplo, têm feito mutirões para a manutenção das praças e jardins da cidade.

Na manhã desta sexta-feira, 20, a equipe de Meio Ambiente trabalhou na avenida Olívia Flores com serviços de poda de gramado, árvores e arbustos e monitoramento das espécies. Por conta desse monitoramento, esta semana, duas árvores mortas foram erradicadas na Olívia Flores, uma delas, um jacarandá antigo, que ficava logo no trecho inicial da avenida .

“Ao perceber que uma árvore pode oferecer risco à população, é realizado um laudo técnico pela secretaria para se estudar em que pode se preservar aquela árvore. As que estão mortas são erradicadas e substituídas. Geralmente, para cada erradicação, nós plantamos de três a quatro árvores”, explica a coordenadora. …Leia na íntegra

Em Salvador, o Dique; em BH, Pampulha; no Rio, Rodrigo de Freitas; em Conquista…

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 20 set 2016

Tags:, ,

Por Fábio Sena (Blog)

Pode não parecer à primeira vista, mas isto é uma lagoa.

Pode não parecer à primeira vista, mas isto é uma lagoa.

Um pesquisador de meio ambiente ou um amante do turismo ecológico que resida em outra cidade e que, despertado o interesse de estudo sobre unidades de conservação ambiental em Vitória da Conquista, obtenha acesso à descrição do Parque Lagoa das Bateias no site oficial da Prefeitura Municipal, há-de se encantar com a narrativa ali exposta. “A Lagoa das Bateias faz parte da sub-bacia da Bacia do Rio Santa Rita, que integra a do Rio Verruga e localiza-se na zona urbana de Vitória da Conquista, possuindo uma área de aproximadamente 53 hectares. Após a intervenção da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, a área da Lagoa recebeu uma nova estrutura, tornou-se uma Unidade de Conservação, que além de desempenhar funções de manutenção dos mananciais hídricos e de ter importância como monumento paisagístico e área de lazer para a cidade, estimulou investimentos em saneamento, conservação, educação ambiental, lazer e turismo”.

lagoa2

Sendo oportunizada a este mesmo pesquisador ou turista ecológico uma visita in loco ao parque, em poucos minutos ele dirá da gritante distância entre teoria e prática, ou entre intenção e gesto, como preferiria Chico Buarque de Holanda. Arquitetada para assegurar melhores condições de habitabilidade à antiga ocupação do Bairro Santa Cruz com um conjunto de obras que incluía a construção de um canal de macrodrenagem que liga a Serra do Peri-Peri à Lagoa das Bateias, a unidade de conservação está longe de cumprir suas missões, entre elas a de espaço de convivência. Moradores do entorno temiam desde 2005, quando o Município na gestão de José Raimundo Fontes deu início às obras de requalificação, que a área se transformasse num novo “pinicão”. Adivinhos ou pessimistas, o fato é que a profecia está quase a se cumprir. A obra custou mais de R$ 20 milhões. O ex-prefeito José Fernandes Pedral Sampaio a ironizou: “Projetei uma lagoa, fizeram uma ilha”.

Bois.

O dono deste gado permitiu que os mesmos se alimentasse e fizessem a cesta por ali mesmo.

Quem ainda frequenta o Parque Lagoa das Bateias percebe que, entre 2007 (quando o equipamento foi entregue ao público) e 2016, a área – que teve seus momentos de esplendor – sofreu degradação em múltiplas dimensões e afugentou mesmo os mais renitentes frequentadores, ciclistas e pedestres. A lagoa é uma unanimidade às avessas. Antes uma exuberante paisagem natural e formidável espaço de convivência humana, atualmente o parque é um ambiente descuidado, feio, agredido por descarte de objetos indesejáveis como sacos plásticos e entulhos. Tornou-se um ambiente lúgubre, que exala mau cheiro. O mato ganhou expressão. As tabuas invadiram a lagoa e o belíssimo espelho d’água, que um dia serviu de fundo a românticos registros fotográficos, está escondida sob vasta e indesejada vegetação. …Leia na íntegra

Ambientalista do MCMP não vê motivos para comemorar o Dia Mundial do Meio Ambiente!

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 07 jun 2016

Tags:, ,

Ascom

Não diferente de 05 de junho de 1990, Dia Mundial do Meio Ambiente, em que o ambientalista e Presidente do Movimento Contra a Morte Prematura, André Cairo, entrevistado por Rubens Sampaio, do Jornalismo da TV Sudoeste, afirmando não ter motivos para comemorar a data, 26 anos depois, em 05 de junto de 2016, continua reafirmando, diante da situação de desequilíbrio do meio ambiente no Planeta Terra, “se os cinco Continentes começarem agora, daqui cem anos começa equilibrar”, alerta André Cairo, louvando o Cacique Seatle da Tribo Diuvamish, 1854, em seguida, ser a pedra fundamental para o Dia Mundial do Meio Ambiente.

Sustentabilidade é o tema desta edição do programa Conquista.com

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 07 maio 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

Na edição do Programa Conquista.com, que foi ao ar neste sábado (7), o tema central é desenvolvimento sustentável. Especialistas falam de que forma o homem pode desenvolver suas atividades de forma harmônica com o meio ambiente. O programa na íntegra pode ser conferido no vídeo abaixo:

Meio Ambiente tem que ser Inteiro e não Pela Metade!

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 31 mar 2016

Tags:, ,

Por André Cairo
foto: Erlan Dávila

CAiro André

Como Ambientalista e Presidente do Movimento Contra a Morte Prematura, reafirmo que em outubro de 1987, em Vitória da Conquista, numa forte chuva, visualizei a Praça do Gil se transformar num rio em movimento, resultando na morte de seis pessoas afogadas dentro de um Corcel amarelo; no dia seguinte fui à Prefeitura, reclamar a falta de desvio pluvial adequado, continuando em bastidores.

Em 1989 vi uma mulher dividida ao meio na Av. Presidente Dutra, atropelada por uma carreta em alta velocidade, próximo ao DNER; no dia seguinte, deitei na pista central como protesto, criei o MCMP, hoje com mais de 250 conquistas e 29 anos que não tiro férias, saindo do trabalho para trabalhar.

Em 2016, Dia Mundial da Água, personificado de Dr. Verdejante, não vi motivos para comemorar, senão protestar, tendo Conquista dois Rios contaminados, o Verruga, o outro quando chove e a situação do Planeta Terra, onde 70% é água que preocupa com poluição e desprezo pela sua preciosidade, só havendo equilíbrio daqui 100 anos se começar agora. Finalizo, afirmando que a consciência, lógica e razão, somadas com preceitos da Divindade, o meio ambiente terá inteiro equilíbrio e não pela metade.

 

Secretaria de Meio Ambiente suspende funcionamento para mudança de endereço

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 26 fev 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

DSC_2813Novo endereço da Secretaria de Meio Ambiente, na Rua dos Fonsecas

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente estará funcionando, a partir da próxima semana, em novo endereço. Devido a mudança, o atendimento ao público estará suspenso nesta sexta, segunda e terça. Haverá apenas expediente interno.

A partir de quarta, 2 de março, o atendimento será normalizado. A nova sede da secretaria está localizada na Rua dos Fonsecas, nº 41, Centro.

Justiça determina que governo ajude a combater fogo na Chapada

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 14 dez 2015

Tags:, , ,

nov_25_pel_banner_site_resenha_feirao_aquitemnegocio_582x65px_jean

Da Redação

fogo_chapada_02
Uma decisão da Justiça Federal determinou que os governos do Estado da Bahia e da União garantam o fornecimento de material e pessoal para o combate aos incêndios que atingem a Chapada Diamantina há 40 dias. A informação foi divulgada nesse domingo (13) pelas Defensorias do Estado e da União, que impetraram Ação Civil Pública.

De acordo com o juiz, os governos Federal e Estadual precisam disponibilizar e cinco veículos para deslocamento de tropas; 400 kits de combate a incêndio com materiais de proteção individual; apoio aéreo de pelo menos quatro helicópteros;  30 brigadistas; além da manutenção das medidas até o fim da operação de rescaldo. Conforme a decisão da ação Civil Pública, as medidas deverão ser cumpridas até 8 horas da próxima quarta-feira (16), sob pena de multa diária de R$ 10 mil.

A falta de equipamentos adequados para o trabalho de combate ao fogo era uma reclamação dos brigadistas, que alegavam atuar sem as condições necessárias. De acordo com as defensorias, a decisão da Ação Civil Pública foi tomada após os órgãos tomaram conhecimento de que o fogo já estava atingindo comunidades locais, o que confirma a necessidade emergencial do fornecimento de material e pessoal essenciais ao controle do fogo na Chapada Diamantina.

 

O Governo do Estado informou que para atender os brigadistas voluntários que atuam no combate ao incêndio na Chapada Diamantina, iria entregar aos brigadistas Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) no valor de R$ 500 mil. De acordo com a gestão estadual, o material inclui luvas, máscaras, foice, abafadores, mochilas costais, facões, foices, pás, enxadas e fardamento.

Lama!

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Meio Ambiente | Data: 22 nov 2015

Tags:, , , ,

– Charge do Duke, via O Tempo.

Nascentes estão secando em Vitória da Conquista, diz Bibia

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 17 out 2015

Tags:, , ,

da Redação

Com informações e foto da Ascom/Câmara

BibiaO vereador Edjaime Rosa Bibia (PSDB) aproveitou a Audiência Pública sobre o rio Catolé, realizada pela Câmara Municipal, nessa quinta (15), para lembrar que importantes nascentes em Vitória da Conquista estão secando.

Em pronunciamento o parlamentar lembrou  “Não poderia deixar de falar das nascentes, as riquezas na nossa cidade. A Serra do Periperi tem uma das minas mais importantes de nossa cidade”, disse.

Registrou ainda que o Bebedouro da Onça que tinha água potável e um subsolo riquíssimo, agora está seco. O parlamentar também denunciou a devastação da Serra do Periperi. “Tiraram mais de 200 mil caçambas de cascalho para fazer a avenida Presidente Dutra e nada foi plantado”. Bibia  sugeriu a elaboração de projetos de preservação e plantio de árvores. Sobre o Poço Escuro, a única reserva que restou na cidade,  lembrou da necessidade de cuidados especiais.