Ministro de Temer boicota evento com Rui e acusa apropriação de programa

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Política | Data: 19 mar 2017

Tags:, ,

da Redação
Com informações do Bahia.ba (Conteúdo)

Foto: Mateus Pereira/GOVBA
Foto: Mateus Pereira/GOVBA

O ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, decidiu boicotar o evento de lançamento do programa Criança Feliz na Bahia, com a presença do governador Rui Costa (PT).

Conforme apurou o bahia.ba, o aliado do presidente Michel Temer (PMDB) desistiu de participar da cerimônia, que acontecerá na próxima terça-feira (21) na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), após o gestor estadual convidar prefeitos baianos sem mencionar que o programa social é do Governo Federal e teria a presença do ministro.

Aliados de Temer acusam Rui de se “apropriar” de projetos e obras federais para ganhar visibilidade. O deputado federal baiano Benito Grama (PTB) chegou a gravar um vídeo no qual desfere ataques neste sentido. O petista nega.

O programa – Lançado no ano passado, o Criança Feliz tem, entre os objetivos, apoiar e acompanhar o desenvolvimento infantil na primeira infância até os três anos. No caso de crianças em situação de vulnerabilidade ou de necessidades especiais, esse apoio poderá se estender até os seis anos.

Em meio à crise carcerária, Padilha cita Darcy Ribeiro no Twitter

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Segurança | Data: 08 jan 2017

Tags:, , ,

da Redação

Camila Turtelli / Estadão Conteúdo

“Se os governadores não construírem escolas, em 20 anos faltará dinheiro para construir presídios”, citou

Foto: Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil
Foto: Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

 

Em meio a uma das piores crises carcerárias do País, o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, publicou uma frase do antropólogo Darcy Ribeiro (1922-1997), em sua conta no Twitter, na manhã deste sábado (7): “Se os governadores não construírem escolas, em 20 anos faltará dinheiro para construir presídios.”

Na postagem, o político ainda comentou que o estudioso anteviu há 36 anos o que hoje ocorre. “Sua lição é atualíssima. Só o conhecimento emancipa o cidadão e o prepara para a vida”, escreveu Padilha.

A postagem recebeu críticas dos internautas. “O que estão esperando para mudar essa realidade?”, perguntou um usuário. Outro chamou Padilha de “debochado”.

O ministro-chefe fez ainda uma outra postagem na sequência. “A construção a que se referiu Darcy Ribeiro, é a de ter o aluno como centro da educação. Não os prédios ou as corporações. A isto buscamos.”

Darcy Ribeiro também já ocupou o cargo de chefe da Casa Civil no governo João Goulart, (1961-1964), onde elaborou as chamadas reformas de base (reformas agrária, tributária, administrativa, bancária e educacional).

Imbassahy poderá mesmo assumir a Secretaria de Governo de Temer

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Política | Data: 11 dez 2016

Tags:, ,

da Redação
antonio-imbassahy

A imprensa voltou a noticiar a possibilidade da possível nomeação de Antônio Imbassahy (PSDB) para ministro da Secretaria de Governo. De acordo com nota de O Antagonista, o presidente trcuou e deve anuncia-lo em breve na articulação política.

De acordo com a nota, o presidente Temer deseja agradar o PSDB e mantê-lo na base do governo. Temer deve se reunir nesta segunda (12) com Aécio Neves (MG) para acertar o ingresso do baiano Imbassahy na pasta.

Geddel decide deixar o cargo após crise atingir Temer e Padilha

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 25 nov 2016

Tags:, ,

A Tarde

img_1125

O ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) decidiu deixar a Secretaria de Governo após acusações de tráfico de influência para liberar a obra onde ele teria comprado um apartamento . A decisão foi tomada depois do ex-ministro da Cultura Marcelo Calero afirmar que gravou conversas com o peemedebista, com o presidente Michel Temer e com o ministro Eliseu Padilha.

Calero alega que foi pressionado pelos três para liberar construção do prédio La Vue, na Ladeira Barra, em Salvador.

O anúncio oficial da saída dele deve ser feito ainda nesta sexta-feira, 25. Contudo, Geddel já comunicou a aliados de sua decisão, assim como alguns ministros e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB).

img_1750

Em carta enviada para Temer (confira a íntegra abaixo), Geddel cita que as críticas feitas a ele estão causando sofrimento aos seus familiares e que esse era “o limite da dor” que ele suporta. Diante disso, o baiano disse que fez uma análise e decidiu deixar o governo.

“Fiz minha mais profunda reflexão e fruto dela apresento aqui este meu pedido de exoneração do honroso cargo que com dedicação venho exercendo”.

Geddel ainda aproveitou para elogiar Temer, que ele chamou de “sério, ético e afável no trato com todos” e disse que vai continuar torcendo pelo governo.

A polêmica envolvendo Geddel começou após a renúncia de Calero. Na ocasião, ele argumentou que tomou a decisão por conta da pressão feita pelo baiano para que o Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional (Iphan) liberasse a construção do empreendimento imobiliário.

Calero alega que foi “enquadrado” por Temer para encontrar uma “saída” para a obra de interesse de Geddel. Além disso, o ex-ministro da Cultura disse que também foi procurado por Padilha após uma conversa ruim com Geddel.

O baiano comprou um apartamento no prédio. Ele confirma que conversou com Calero sobre o empreendimento, mas nega que tenha feito pressão.

No início dessa semana, o Planalto afirmou que Geddel seria mantido no governo apesar da polêmica envolvendo seu nome.

Leia a íntegra da carta de demissão de Geddel:

“Meu fraterno amigo presidente Michel Temer,

Avolumaram-se as críticas sobre mim. Em Salvador, vejo o sofrimento dos meus familiares. Quem me conhece sabe ser esse o limite da dor que suporto. É hora de sair.

Diante da dimensão das interpretações dadas, peço desculpas aos que estão sendo por elas alcançados, mas o Brasil é maior do que tudo isso.

Fiz minha mais profunda reflexão e fruto dela apresento aqui este meu pedido de exoneração do honroso cargo que com dedicação venho exercendo.

Retornando à Bahia, sigo como ardoroso torcedor do nosso governo, capitaneado por um presidente sério, ético e afável no trato com todos, rogando que, sob seus contínuos esforços, tenhamos a cada dia um país melhor.

Aos congressistas, o meu sincero agradecimento pelo apoio e colaboração que deram na aprovação de importantes medidas para o Brasil.

Um forte abraço, meu querido amigo.

Geddel Vieira Lima”

Após gravação, ministro da Transparência decide sair do cargo

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 30 maio 2016

Tags:, , , , ,

Folha

IMG_1258

O ministro da Transparência, Fiscalização e Controle, Fabiano Silveira, pediu demissão do governo Michel Temer.

A decisão foi anunciada em uma carta enviada na noite desta segunda (30) ao presidente interino. Na mensagem, Silveira afirma que optou pela demissão para que “nada atinja” a conduta dele.

Em áudio gravado pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, Silveira aparece orientando o executivo e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), em relação a como agir perante as investigações da Lava Jato.

Na carta enviada a Temer, Silveira nega qualquer relação com Machado e diz que jamais pensou em interferir nas investigações. …Leia na íntegra

“Novo estilo” de Geddel agrada deputados baianos

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 24 maio 2016

Tags:, ,

Tribuna da Bahia

Em entrevista nesta segunda-feira ao jornal A Tarde, Geddel disse ter aprendido com Ulysses Guimarães que na política raiva só fingida ou combinada

Deputados federais da bancada baiana estão animados com o novo estilo adotado pelo ministro da Articulação Política do governo Michel Temer (PMDB), Geddel Vieira Lima.

Nos encontros que tem mantido com os aliados na Bahia, Geddel tem deixado claro que não quer nada para o PMDB, além do devido para o irmão, o deputado federal Lúcio Vieira Lima, além de defender claramente que quem votou a favor do impeachment tenha prioridade em qualquer pleito em relação àqueles que aderiram depois ao novo governo.

Em entrevista nesta segunda-feira ao jornal A Tarde, Geddel disse ter aprendido com Ulysses Guimarães que na política raiva só fingida ou combinada.

Temer faz nesta manhã primeira reunião ministerial

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 13 maio 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_1205

O presidente interino Michel Temer convocou para as 9 horas desta sexta-feira (13) a primeira reunião ministerial que discutirá as primeiras medidas do governo. O encontro será no Palácio do Planalto. Com o afastamento ontem (12) de Dilma Rousseff, Temer assumiu, por até 180 dias, o comando o país e já deu posse aos novos ministros.

De acordo com o ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Romero Jucá, os projetos prevendo reajuste para o funcionalismo público e negociados com o governo anterior serão mantidos. “Vamos trabalhar pela aprovação desses projetos, porque pacto firmado tem de ser cumprido e governo tem de ter palavra. “A proposta é trabalhar para reduzir o número de cargos de confiança, melhorar e qualificar as despesas do governo”, destacou Jucá. “O gasto público tem de ser feito com responsabilidade. O dinheiro é pouco. Portanto, tem de ser bem aplicado em prol da melhoria da população”, completou o ministro.

Ministro de Temer, Geddel quer dialogar; confira nomes dos novos ministros

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 12 maio 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: arquivo BRG

DSC_1299

O presidente interino Michel Temer já escolheu sua equipe de governo. No total, serão 22 ministérios, segundo divulgou a assessoria de imprensa da Vice-Presidência. O Ministério da Cultura, por exemplo, será incorporado ao Ministério da Educação.

O único baiano na lista, Geddel Vieira Lima (PMDB), disse, em entrevista ao jornal A Tarde,  no final da noite de quarta (11), que sua nova função será dialogar com parlamentares no Congresso, mas também com movimentos sociais. E mandou recado: “É preciso aprender a diferença entre oposição ao governo e oposição ao país. Meu objetivo é dialogar, dialogar e dialogar, com quem tiver interessado em contribuir”, disse.

Questionado sobre como fica a relação com os adversários políticos na Bahia, o futuro ministro-chefe da Secretaria de Governo  afirmou que o interesse pela Bahia se sobrepõe às disputas políticas. “Não há figura de aliado nem de adversário político. O que existe é o interesse da Bahia que sempre esteve acima de tudo para mim. A Bahia vai ser sempre o local em primeiro lugar. Estarei à disposição do governador (Rui Costa – PT), do prefeito (ACM Neto – DEM) e dos prefeitos. De quem estiver interessado em contribuir para a Bahia”.

Abaixo, a lista dos novos ministros: …Leia na íntegra

Lula toma posse como ministro, mas Justiça suspende ato de nomeação

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 17 mar 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

IMG_0320

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tomou posse, na manhã desta quinta-feira (17), como ministro-chefe da Casa Civil. A solenidade foi marcada pelo apoio de movimentos sociais. No entanto, uma liminar derrubou o ato de nomeação.

Durante a solenidade, a presidente Dilma Rousseff afirmou que Lula é o maior líder político do país. “As dificuldades, muitas vezes, costumam criar oportunidades. As circunstâncias atuais me dão a magnífica chance de trazer para o governo o maior líder político desse país”. Os presentes à posse no Salão Nobre do Palácio do Planalto, em sua maioria representantes de movimentos sociais e sindicais, interrompem o discurso da presidenta com palavras de ordem e gritos de “Ole, ole, ole, olá, Lulá, Lulá”, “O povo não é bobo, abaixo a Rede Globo”, “A verdade é dura, a Rede Globo apoiou a ditadura”.

Liminar

No momento em que ocorria a solenidade de posse do ex-presidente, uma decisão da Justiça Federal de Brasília determinou a suspensão do ato de nomeação. A decisão é provisória (liminar) e foi assinada pelo juiz da 4ª. Vara Federal Itagiba Catta Preta Neto, que acolheu uma ação popular movida pelo advogado Enio Meregali Júnior, apontando cometimento do crime de responsabilidade por parte de Dilma.

O advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, informou que o governo federal irá recorrer ainda nesta quinta da decisão que suspendeu a posse. Segundo ele, a iniciativa não tem amparo legal, porque outro magistrado já estaria cuidando do processo. “Estamos tomando o conhecimento da situação para poder recorrer ainda hoje”, disse o ministro à Folha.

Cardoszo também afirmou que quem definirá a validade da posse de Lula não será um “juiz de uma vara”, mas o STF (Supremo Tribunal Federal).

Lula vai assumir Ministério da Casa Civil

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 16 mar 2016

Tags:, ,

Banner Expoconquista

por Mateus Novais

Lula Dilma B

O líder do PT na Câmara, deputado Afonso Florence (BA), anunciou na manhã desta quarta-feira (16) que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai assumir a Casa Civil da Presidência da República, no lugar de Jaques Wagner.

Nessa terça (15), Lula se reuniu, no Palácio da Alvorada, por mais de quatro horas com a presidenta Dilma Rousseff e na manhã de hoje voltou ao palácio, por volta das 9h. Também estão no Alvorada os ministros da Casa Civil, Jaques Wagner, da Fazenda, Nelson Barbosa, e da Educação, Aloizio Mercadante.

Desde ontem, a possibilidade de Lula ser nomeado ministro de Dilma repercute entre deputados favoráveis e contrários ao governo. Os petistas apoiam a iniciativa por conta da habilidade política do ex-presidente, enquanto os oposicionistas classificam a hipótese como tentativa de blindá-lo das investigações da Operação Lava Jato.

Ministro do TSE participa de palestra sobre direito eleitoral, em Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Justiça | Data: 29 fev 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

IMG_4459

O Ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Henrique Neves, estará em Vitória da Conquista na próxima sexta-feira (4) participando da 1ª Jornada de Direito Eleitoral. O evento também contará com a presença do presidente da OAB-BA Luiz Viana, o advogado eleitoralista Rafael de Medeiros Chaves Matos e o professor de Direito Eleitoral Jarbas Magalhães.

A Jornada é uma promoção da OAB Conquista, em parceria com a Comissão de Direito Eleitoral, e será realizada no auditório da entidade. O número de vagas gratuitas é limitado a 60 advogados. O evento também é aberto à sociedade sob o valor de uma taxa para inscrição.

Ex-ministro-chefe da CGU, Jorge Hage, é homenageado com Comenda 2 de Julho

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Bahia | Data: 17 dez 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

IMG_1709foto: Ascom Dep. Fabíola Mansur

Na manhã desta quinta-feira (17), o ex-ministro-chefe da Controladoria Geral da União (CGU), Jorge Hage, foi condecorado com a Comenda 2 de Julho. A cerimônia aconteceu no plenário da Assembleia Legislativa da Bahia. A Medalha 2 de Julho foi entregue ao som da clássica “Se todos fossem iguais a você”, de Tom e Vinícius, na voz de Ana Mameto.

A homenagem foi acompanhada por familiares de Hage, deputados e amigos, como os ex-governadores Waldir Pires e Roberto Santos. A indicação da comenda foi iniciativa da deputada Fabíola Mansur (PSB).

Ministro do Supremo suspende comissão do impeachment na Câmara

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 08 dez 2015

Tags:, , , ,

Agência Brasil

O ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu hoje (8) à noite suspender a tramitação do pedido de impeachment da presidenta Dilma Rousseff até a próxima quarta-feira (16), quando o plenário da Corte deverá julgar pedido liminar do PCdoB sobre a constitucionalidade da Lei 1.079/50, que regulamentou as normas de processo e julgamento do impeachment.

A decisão impede a Câmara dos Deputados de instalar a comissão especial do impeachment até a decisão do Supremo sobre a validade da lei. A pedido do partido, Fachin decidiu paralisar a tramitação para evitar que atos futuros possam ser anulados pela Corte.

Uma das questões levantadas pelo ministro, por exemplo, e que serão analisadas pelo plenário, foi a votação secreta realizada hoje na Câmara dos Deputados para eleger os membros da comissão. No despacho, Fachin ressalta que a Constituição e o Regimento Interno da Câmara não prevêem votação fechada.

A assessoria do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), informou, após a decisão do ministro Luiz Edson Fachin, que Cunha só vai se pronunciar após receber a comunicação oficial do Supremo a respeito do ato.

Ministro do STF defende afastamento ou renúncia de Cunha

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Justiça, Política | Data: 19 nov 2015

Tags:, , , ,

da Redação

Mello BBAgrava situação do deputado federal Eduardo Cunha (PMDB), presidente da C~câmara dos Deputados. O ministro Marco Aurélio Mello do STF – Supremo Tribunal Federal defendeu nesta quinta-feira (19) o afastamento espontâneo do presidente Cunha, alvo de processo de cassação no Conselho de Ética da Casa após denúncias de participação no esquema de corrupção da Petrobras. “Nós precisaríamos aí de uma grandeza maior para no contexto haver afastamento espontâneo. Quem sabe até a renúncia ao próprio mandato”, disse ministro a grande imprensa nacional.

O ministro do STF ainda acrescentou: “Melhoraria, sem dúvida, porque teríamos a eleição de um novo presidente para a Câmara. Ele continuaria no desempenho do mandato, porque, de qualquer forma, ele está na cadeira por algum tempo tendo em conta apenas o mandato”, sentenciou.

‘É fato que não há Governo’, diz ministro do Supremo Tribunal Federal

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 31 out 2015

Tags:, , , ,

Diário do Poder

Cunha não tem autoridade no impeachment, Lula não é semideus e Dilma já teria caído no Parlamentarismo, diz ministro do STF

Marco Aurélio Mello propõe uma ‘Renúncia Coletiva’  na Esplanada. Foto: Marcelo Camargo/ABR

Em entrevista à revista IstoÉ desta semana, o ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello, avaliou a atuação crise institucional e econômica que o Brasil enfrenta. Segundo ex-presidente do STF, que se aposenta em julho de 2016, sua ideia é uma renúncia coletiva da presidente Dilma, do vice-presidente Michel Temer, e dos presidentes da Câmara, Eduardo Cunha, e do Senado, Renan Calheiros. Para o ministro do Supremo, se o Brasil vivesse sob um regime parlamentarista, Dilma já teria caído.

Veja abaixo a entrevista na íntegra:

Istoé – O sr. lançou a ideia da renúncia coletiva por não ver saída para a crise?

Marco Aurélio Mello – Não podemos continuar nesse estado em que não há um diálogo entre os poderes Executivo e Legislativo e não se toma as medidas que impeçam o País de ir à bancarrota. O desemprego está se agravando. Claro que julgo as pessoas por mim. Numa situação dessas, eu teria essa iniciativa. Colocaria em segundo plano um interesse individual para privilegiar o coletivo. A verdade é que o Brasil está parado. Há uma crise econômica. E é fato notório que não há governo. …Leia na íntegra

Vídeo: senador e ministro quase saem no tapa em Brasília

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 31 out 2015

Tags:, ,

Youtube

O senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) e o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, quase trocaram agressões físicas nesta quinta-feira, durante audiência pública na Comissão Mista de Mudanças Climáticas do Congresso Nacional. A discussão começou depois que Caiado questionou Braga sobre a renovação das concessões das distribuidoras e os planos de venda da Celg Distribuidora pela Eletrobras. Confira o vídeo:

Eleição OAB: ministro do STJ participa de seminário organizado por Ubirajara Ávila

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 17 out 2015

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais

ministro_humberto

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins, esteve em Vitória da Conquista nessa sexta-feira (16). O seminário é promovido pela Comissão de Direitos Coletivos e Difusos da seccional da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) na Bahia, presidida pelo advogado e candidato a presidente da OAB de Vitória da Conquista, Ubirajara Ávila.

O tema da palestra do ministro Martins teve como tema “Advocacia e Poder Judiciário”. O presidente da seccional da OAB Bahia, Luiz Viana de Queiroz, também participou do seminário como orador, abordando o tema “Advocacia em Tempos de Crise”, bem como o desembargador do TJ-BA (Tribunal de Justiça da Bahia), Pedro Guerra, que falará sobre “Advocacia Municipalista – Aspectos Jurídicos das Contratações de Advogados por Municípios e Câmaras de Vereadores” e o professor de Direito e juiz federal João Batista de Castro Júnior, da Vara Federal de Vitória da Conquista, que apresentou o tema “Incidente de Resolução de Demandas Repetitivas e outros Novos Regramentos Processuais Relacionados aos Direitos Coletivos e Difusos”. O papel de conduzir o debate ficou por conta do desembargador do TJ-BA, Nilson Castelo Branco.

IMG_1703

Eleição

Sobre o processo eleitoral à OAB Conquista, Ubirajara Ávila apontou que já realizou o pedido de registro da chapa e que inicia efetivamente a campanha a partir da próxima segunda-feira (19). “Temos essa perspectiva de estabelecer uma advocacia que efetivamente possibilite uma vida digna aos profissionais, fomentando outras áreas e trazendo essa renovação tão necessária. É hora de mudança e fazer uma OAB que ocupe seu espaço na sociedade, trabalhando pelo cidadão”, disse o organizador do evento .

Gilmar Mendes pede ao MP e à PF que investiguem campanha de Dilma

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Justiça | Data: 22 ago 2015

Tags:, , , , ,

Veja (online)

Em requerimento, Ministro do TSE apontou “vários indicativos” de que a campanha da petista teria sido financiada por recursos do petrolão

Ministro Gilmar Mendes em sessão plenária

O ministro Gilmar Mendes, vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pediu ao Ministério Público e à Polícia Federal a investigação de suposta prática de atos ilícitos na campanha que reelegeu a presidente Dilma Rousseff em 2014. Em relatório encaminhado nesta sexta-feira à Procuradoria-Geral da República (PGR) e à PF, o ministro cita “vários indicativos” de que a campanha da petista teria sido financiada por recursos desviados da Petrobras.

Relator no TSE das contas da campanha do PT e da candidata à reeleição no ano passado, Mendes encaminhou ainda o despacho ao corregedor-geral da Justiça Eleitoral, ministro João Otávio de Noronha, para que sejam tomadas providências em relação a um artigo da Lei dos Partidos Políticos que veda o financiamento de campanhas por empresas de capital misto, como a Petrobras.

“Assim, tenho por imprescindível dar conhecimento às autoridades competentes sobre os indicativos da prática de ilícitos eleitorais e de crimes de ação penal pública ressaltados neste despacho”, escreveu o ministro. No despacho, Gilmar Mendes utiliza informações reveladas pela Operação Lava Jato, como trechos da delação do empreiteiro Ricardo Pessoa, dono da UTC, que disse a investigadores ter doado 7,5 milhões de reais à campanha de Dilma. …Leia na íntegra

As vésperas da eleição: Governo anuncia Medicina na UFBA pela segunda vez desde 2013

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 22 out 2014

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

ministroO ministro da Saúde Arthur Chioro (foto) esteve em Vitória da Conquista nesta quarta-feira (22) para participar de uma palestra sobre o programa federal “Mais Médicos”. Como já havia sido informado, estranhamente o ministro anunciou o curso de Medicina para o campus avançado da Universidade Federal da Bahia (UFBA), em Vitória da Conquista. Mas esta não é a primeira vez que isso acontece.

Segundo o site da Prefeitura Municipal, a partir de 2015, os estudantes que participarem do Enem e se credenciarem no Sisu terão a opção de disputar as 45 vagas do curso de Medicina no Campus Anísio Teixeira, em Conquista. Ainda o que afirma o site, as vagas estarão disponíveis a partir do segundo semestre do ano que vem.

Esta informação tomou muita gente de surpresa – principalmente a classe médica – já que o Ministério da Saúde deixou de fora Vitória da Conquista dos anúncios oficiais recentes para o curso de Medicina. Guanambi, Juazeiro, Eunápolis, Itabuna, Alagoinhas e Jacobina estão nesta lista oficial. …Leia na íntegra

Entrega de chaves do “Minha Casa” em Conquista terá presença do ministro das Cidades

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 08 out 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

Minha Casa MinhaO ministro das Cidades, Gilberto Occhi, vem a vitória da Conquista na próxima sexta-feira (10) para participar da cerimônia de entrega dos residenciais Margarida e Lagoa Azul 1, 2 e 3. A solenidade contará também com a presença do atual governador Jaques Wagner e do governador eleito Rui Costa.

A entrega das chaves ocorrerá nos próprios residenciais, localizados no bairro Campinhos, às 9h30. Na oportunidade, serão entregues 1.200 residências. Todos os beneficiários que assinaram o contrato com a Caixa Econômica Federal nesta semana estão convocados a comparecer.