Conquista 179 anos: Prefeitura entrega monumento ao Gari na avenida Integração

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 09 nov 2019

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

A Avenida Integração ganhou um novo olhar, no fim da manhã deste sábado (09). Um belíssimo monumento foi entregue em homenagem ao Gari. A ação também faz parte das comemorações, do aniversário de 179 anos de Vitória da Conquista.

O monumento está localizado na Av. Presidente Dutra, Rio-Bahia, nas imediações das instalações do DNIT. A escultura de possui 5 metros de altura, e é do artista plástico, Alan D Kard.

O prefeito Herzem Gusmão, a vice, Irma Lemos, o presidente da Câmara, Luciano Gomes, secretários, vereadores, garis e comunidade participaram da entrega.

Prefeitura e parceiros definem projeto para revitalizar área do Cristo

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 16 mar 2017

Tags:, , ,

da Redação
Com informações da Ascom / Prefeitura / Conteúdo

Poder público e iniciativa privada pretendem investir no espaço para atrair visitantes e incentivar o turismo religioso

Há quase 37 anos erguido no alto da Serra do Periperi, o Cristo Crucificado de Mário Cravo se tornou alvo de um ambicioso projeto que pretende incentivar o turismo religioso em Vitória da Conquista. A ideia deve começar a ser posta em prática nos próximos dias, envolvendo a Prefeitura e uma série de parceiros ligados à iniciativa privada.

O projeto foi apresentado na manhã desta quarta-feira, 15, numa reunião realizada no Hotel Pousada da Conquista. “O objetivo é transformar esse ícone, esse marco de Vitória da Conquista, o Cristo Crucificado de Mário Cravo, num espaço religioso de visitação. E que possa criar a possibilidade para a cidade, até do ponto de vista do turismo”, observou o secretário municipal de Indústria e Comércio, Cláudio Cardoso, após acompanhar a exposição dos detalhes do projeto.

A ideia surgiu de um trabalho de pesquisa do turismólogo e empresário Ricardo Mateus. Habituado a visitar o monumento, Mateus defende que a obra seja revitalizada e desperte seu potencial socioeconômico.

‘Visitação e comércio’ – “A gente precisa restaurá-lo, fazendo um projeto amplo, junto com a iniciativa privada, e também dando aporte à Prefeitura neste momento. Para que a gente possa colocá-lo para visitação e para que as pessoas possam vir de fato. E fazer ele se tornar um grande mentor de comércio voltado ao turismo de Vitória da Conquista e região sudoeste”, explicou o empresário.

O plano estratégico de turismo prevê o aproveitamento da localização privilegiada do Cristo. Dali, é possível ter uma vista panorâmica de Vitória da Conquista. Além disso, a poucos metros do monumento está o cruzeiro que marca a primeira missa campal realizada na cidade, na década de 1950. A área visada pelo projeto inclui ainda o Parque da Serra do Periperi, a Praça da Juventude, a Praça Sá Barreto – principal acesso ao monumento, por meio da Rua do Cruzeiro.

Para revitalizar o local, os envolvidos no projeto preveem melhorias na sinalização e no transporte para o monumento. Também há previsão de se instalar postos de observação da paisagem, instalações para apoio a futuros visitantes, serviços de higiene pessoal, equipamentos de saúde, opções de lazer, restaurantes, quiosques para venda de souvenirs, etc. E, sobretudo, reforçar a segurança no local (atualmente, o monumento é protegido por uma viatura da Polícia Militar).

‘Espaço agradável’ – Tudo isso será feito em etapas, sempre com o objetivo de tornar o lugar atrativo para turistas e para os próprios moradores da cidade. “Que as pessoas possam promover eventos religiosos, e que a população possa ali encontrar momentos de lazer e de contemplação. A vista para a cidade é muito bonita e é um espaço muito agradável”, afirmou Cláudio Cardoso.

De acordo com o que ficou encaminhado durante a reunião desta quarta-feira, as primeiras intervenções no entorno do Cristo serão feitas já com vistas à Semana Santa, em abril. “A gente tem parceiros empresários que estão ao nosso lado para que a gente possa investir junto com a Prefeitura nesse projeto. E para que a gente possa, na Semana Santa, abrir para a população já vir visitar e dar continuidade ao trabalho, para que seja uma grande obra no futuro”, disse Mateus.

Parceiros – Além da Prefeitura (secretarias de Cultura, Indústria e Comércio, Infraestrutura e Mobilidade Urbana, Serviços Públicos, Meio Ambiente), o projeto envolve a Câmara de Dirigentes Lojistas, a Associação Comercial de Vitória da Conquista, a Associação das Indústrias de Vitória da Conquista, o Conselho de Segurança, a Polícia Militar e a Faculdade Independente do Nordeste (Fainor), além de empresários com atuação na cidade.

O monumento – Construída por Mário Cravo e inaugurada em 1980, a estátua do Cristo possui 17 metros de altura e, de uma mão à outra, mede 13 metros. A obra tem estrutura de ferro e é moldada em fibra de vidro, pesando cerca de 30 toneladas. O cruzeiro onde está fixado mede 30 metros e foi erguido 17 anos antes, em 1963.

Monumento da 2ª Guerra Mundial é desprezado na Serra dos Pombos

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Sudoeste | Data: 11 fev 2016

Tags:, , ,

da Redação
Foto: BRG

Monumento BAXX

Na Serra dos Pombos, na estreada que liga Vitória da Conquista ao município de Anagé, existe um monumento da 2ª Guerra Mundial, –  um caminhão utilizado pelo Exército do Brasil que representou um importante marco na inauguração do asfalto da BA 262 e permanece esquecido com marcas das pichações. Este é o segundo registro que faz o BRG após alguns anos sem nenhuma providência.

Na época da sua instalação, coube ao então governador Antônio Carlos Magalhães o comando da solenidade de inauguração da rodovia, trecho Conquista/Brumado.

O monumento está desprezado e depredado, e bem que a Prefeitura de Anagé deveria se encarregar de restaurá-lo ou apelar para o Governo da Bahia. Estaria a Prefeitura do município colaborando com o resgate histórico daquele velho instrumento da década de 40.

Prefeitura expõe pedaço da antiga fonte luminosa que estava desaparecida

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 25 mar 2014

Tags:, ,

da Redação

Fonte Luminosa BBA Prefeitura de Vitória da Conquista colocou em exposição no interior do seu estande na ExpoConquista, um pedaço que restou da antiga fonte luminosa. Foi esculpida pelo artista baiano José Medeiros e recebia muita água e luzes de várias cores que encantaram várias gerações. Apenas a Vênus escapou.

A fonte luminosa foi inaugurada em 1956, na gestão do então prefeito Edvaldo de Oliveira Flores. No dia 25 de dezembro de 1956 foi inaugurado a Praça Jardim das Borboletas, equipada de fonte luminosa, viveiro para pássaros e um mini zoológico, com onças e os macacos “Cazuza” e “Simão”, desativado na primeira gestão de José Pedral, em 1963. O site Taberna da História considerava que o monumento estava desaparecido. Ninguém tinha notícia – até que o programa Resenha Geral da Rádio Clube de Conquista começou a cobrar.

Segundo Alcebíades Cajaiba, filho do saudoso escultor Cajaiba, informou a nossa reportagem que a PMVC mandou buscar a fonte luminosa e que a mesma seria colocada em exposição no Memorial Regis Pacheco. O monumento merece ser restaurado com auxílio de fotografias. Exibir a Vênus na ExpoConquista denota a falta de zelo com um pedaço da nossa história.

Com informações do site Taberna da História

Monumento de Cajaiba aos ex – pracinhas da 2ª Guerra Mundial merece cuidados

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 21 jan 2014

Tags:, , ,

da Redação

Monumento BBFoi inaugurado em 1992, na Praça Sá Barreto, em frente ao Tiro de Guerra, o monumento que presta homenagem aos ex-combatentes da Segunda Guerra Mundial. Em Vitória da Conquista a Associação dos Ex-Combatentes é presidente por Sebastião Leite (Camacho).

A obra de autoria do saudoso escultor Cajaiba está necessitando de cuidados. A pequena quantidade de lixo e mato demonstram a falta de zelo para com o monumento. Embora seja da obrigação do poder público , bem que Leite poderia com auxílio do Tiro de Guerra manter o espaço sempre limpo. Faltam ao monumento uma placa e iluminação para valorizar a obra que resgata parte da história da 2ª Guerra Mundial.