Prefeitura dialoga com moradores dos Campinhos sobre a entrega de nova Escola

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 21 jan 2020

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

da Secom/PMVC (Conteúdo)

Na noite desta sexta-feira (18), a Prefeitura Municipal promoveu no centro comunitário do conjunto residencial Lagoa Azul, um encontro entre os moradores do conjunto e do Morada Nova com membros do governo, para tratar da inauguração da nova escola do Bairro Campinhos, que deverá atender a cerca de 360 crianças.

O objetivo da reunião foi conscientizar a população local sobre a importância dessa obra para as famílias da localidade, tirar dúvidas e estabelecer o diálogo com as pessoas que serão beneficiadas diretamente pela entrega da escola. A inauguração está prevista para acontecer assim que a pavimentação da via de acesso for concluída. No entanto, essa obra tem sido impedida por um pequeno grupo de pessoas que vai ao local sempre que as máquinas da Emurc se posicionam para o início da colocação do asfalto.

Equipes da Secretaria de Desenvolvimento Social, Secretaria de Mobilidade Urbana e Secretaria de Insfraestrutura dialogaram com os moradores.

Mais reuniões vão acontecer em outras localidades do bairro para que a comunidade tenha a oportunidade de dialogar com o governo, tirar dúvidas e entender a importância da obra. Na noite desta segunda-feira (20), a reunião vai ser realizada no Condomínio Margarida e na terça-feira (21), no Condomínio Parque das Flores.

A escola, construída através de recursos do Ministério das Cidades, segue o projeto do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) do Governo Federal, e possui uma das mais modernas estruturas voltada à educação infantil. Sua capacidade de atendimento é para até 180 crianças estudando em tempo integral (matutino e vespertino) ou 360 crianças divididas em dois turnos.

O novo equipamento, que deverá atender aos moradores dos bairros Campinhos e adjacências já está em fase final de implantação. Presente na reunião, o Secretário de Mobilidade Urbana, Jackson Yoshiura explicou à população que a Prefeitura tem se empenhado a cumprir as exigências legais para a inauguração da obra. “Esperamos inaugurá-la o mais rápido possível e, para isso, precisamos de todo apoio da população que é a principal interessada”, ressalta.

Morador do Lagoa Azul, o Pastor Josimarcos de Jesus, ressaltou a importância da escola para a comunidade. “Conheço muitas mães que têm dificuldades em trabalhar por não ter onde deixar seus filhos. Essa escola será de grande importância para a comunidade, principalmente para a educação dessas crianças”, afirma.

A nova Escola dos Campinhos possui seis salas de aula e quadra padrão FNDE e ocupa uma área de mais 700m², com custo total de R$ 1.646.125,22 (um milhão, seiscentos e quarenta e seis mil, cento e vinte e cinco reais e vinte e dois centavos).

Janeiro Roxo: Vigilância Epidemiológica sensibiliza profissionais da Atenção Básica para diagnóstico da Hanseníase

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 20 jan 2020

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

da Secom/PMVC (Conteúdo)

Sensibilizar o olhar clínico dos profissionais da Atenção Primária para o diagnóstico precoce da Hanseníase. Esse tem sido o objetivo das ações de capacitação que a Vigilância Epidemiológica tem realizado ao longo desse mês de campanha do Janeiro Roxo.

Todos os profissionais que trabalham nas Unidades de Saúde da Atenção Básica da zona urbana e rural do município – desde médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, odontólogos e equipe de apoio – estão sendo sensibilizados para identificar os pacientes com a doença, para que seja tratada rapidamente a fim de alcançar a cura. “Entendemos que a hanseníase está presente no território, as pessoas estão doentes e, de fato, a Atenção Primária é a porta de entrada para esses casos. Como alguns desses pacientes estão chegando com diagnóstico muito tardio, isso nos informa que precisamos estar ainda mais atentos”, justifica Amanda Maria Lima, coordenadora da Vigilância Epidemiológica.

A coordenadora ainda explica que se o profissional de saúde entende que está trabalhando em um território onde há Hanseníase, ele vai estar mais alerta para os casos em tratamento ou em período de incubação da doença. Isso faz com que todos os profissionais tenham esse olhar mais vigilante para a Hanseníase, que é uma doença que leva a grandes incapacidades quando o diagnóstico é muito tardio.

Neste ano, as equipes de saúde da zona rural têm sido o foco das sensibilizações. De acordo com uma avaliação feita pela equipe de Vigilância Epidemiológica, 80% da entrada de novos casos de Hanseníase no município são da zona urbana e 20% na zona rural. “Esse percentual nos causou uma inquietação: será mesmo que não há indivíduos que estão doentes e precisam dessa atenção à Hanseníase? Por isso, pensamos em trabalhar no território da zona rural, onde tem muitas localidades distantes em que pode haver a existência da doença, também para entender se esse percentual é real ou se estamos tendo subnotificação”, explica Amanda.

Dados epidemiológicos da Hanseníase no município – De 2017 a 2019, já foram diagnosticados 148 novos casos de Hanseníase em Vitória da Conquista. Atualmente, 60 pacientes estão em tratamento, ofertado pelo SUS, no Centro Municipal de Pneumologia e Dermatologia Sanitária. O serviço é referência no município e atende casos suspeitos de Hanseníase, onde pode ser feita a avaliação de sensibilidade, solicitação de exames de laboratório, a consulta médica para diagnóstico, acompanhamento e todo o tratamento.

Secretaria Municipal de Educação apresenta balanço de 2019

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Vit. da Conquista | Data: 08 jan 2020

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

da Secom/PMVC (Conteúdo)

Prefeito Herzem Gusmão em reunião na Smed. Ao lado, o Tenente-coronel Antônio Braga, o Secretário de Administração, Kairan Rocha e o Secretário de Educação, Esmeraldino Correia

Em visita à Secretaria Municipal de Educação (Smed), nesta segunda-feira (6), o prefeito Herzem Gusmão participou de uma reunião para prestação de contas das atividades desenvolvidas, tanto pelos setores administrativos quanto pelo Núcleo Pedagógico da Smed, ao longo do ano de 2019. Também esteve presente no encontro, o secretário de Administração, Kairan Rocha.

Partindo da premissa “Educar é Conquista”, a Smed tem buscado alcançar, de forma progressiva, avanços na Educação. Todas as ações são para beneficiar os mais de 44 mil alunos matriculados em uma das cinco modalidades existentes no município (Educação Infantil; Ensino Fundamental I; Ensino Fundamental II, Educação de Jovens e Adultos/EJA; e Educação Especial).

Destaque, por exemplo, para as mais de 75 mil refeições servidas diariamente aos estudantes, representando 15 milhões de refeições/ano e 900 toneladas de alimentos distribuídas para os Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e escolas da rede. Vale ressaltar também os mais de 8 mil alunos que foram transportados diariamente nos 284 roteiros existentes para atender a este público.

Houve, ainda, a realização de diversas formações, o incremento no quadro de professores regentes, com a entrada de mais 120 profissionais e na área de Artes com a chegada de 100 instrutores. Sem esquecer os 59 aulões preparatórios para as provas do Sistema de Avaliação do Ensino Básico (Saeb), as mais de 1300 carteiras reformadas pela equipe da Marcenaria e os cerca de 1200 atendimentos realizados pela Infraestrutura Escolar nas unidades de ensino.

Entre os projetos pedagógicos que marcaram 2019, destacaram-se o “Símbolos Nacionais”, visando fortalecer a cidadania e despertar o interesse dos alunos pela história do país; o “Todos por uma Escola de Paz”, que estimulou a consciência crítica a respeito da Cultura de Paz no convívio socioescolar; e o “Alimentação Saudável”, que conscientizou os pais ligados às 29 creches municipais sobre a importância da alimentação na primeira infância.

“Vi resultados extraordinários! É uma verdadeira revolução, uma transformação na educação. Por isso, saio daqui feliz e entusiasmado com esses resultados que são frutos do trabalho em equipe, da dedicação e eficiência de técnicos de excelência, sob o comando do secretário Esmeraldino Correia que tem conduzido o trabalho, com diálogo e entendimento”, enfatizou o prefeito Herzem Gusmão.

Segundo o secretário da pasta, Esmeraldino Correia, a avaliação de 2019 é positiva e o trabalho, em 2020, seguirá na mesma linha. “Temos metas, ações planejadas para construir uma nova história na Educação da cidade. Vamos colocar essa criançada para ler e escrever. É nosso dever, nossa obrigação legal, ética e moral fazermos isso”, assegurou o secretário.

Ainda na oportunidade, o prefeito e o secretário de Administração conheceram o Núcleo de Avaliação e Estatísticas Pedagógicas, também implantado em 2019, na gestão do secretário Esmeraldino, para ser um espaço de pesquisa e ciência que referência, por meio de dados, as ações empreendidas pela Smed.

Prefeitura desenvolve ações conjuntas para atendimento aos moradores da zona rural atingidos pelas fortes chuvas

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 04 jan 2020

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

da Secom/PMVC (Conteúdo)


Nos últimos dias, Vitória da Conquista foi atingida por chuvas fortes que trouxeram danos, principalmente para os moradores da zona rural do município. Uma das comunidades mais atingidas foi o povoado de Cabeceiras, pertencente ao distrito de José Gonçalves. Segundo a Defesa Civil, no dia 1º de janeiro uma precipitação pluviométrica média de 55 milímetros atingiu a região do povoado em um temporal com fortes rajadas de vento e incidência de granizo. Uma força-tarefa formada por equipes técnicas de diferentes secretarias foi formada para, rapidamente, prestar auxílio à comunidade.

Na quinta-feira (02), a Defesa Civil enviou engenheiros para realizarem perícia nas casas que sofreram danos. Os peritos analisaram as condições físicas e estruturais das edificações e constataram que foram atingidas 21 edificações (19 residenciais, 01 escola e 01 garagem particular de ônibus), das quais 17 residências tiveram a sua cobertura arrancada, além de ruptura parcial de paredes, sendo que, em 04 delas, não há possibilidade de habitação, por terem o telhado sido atingido em proporção maior.

Diante dessa situação diagnosticada, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes) foi acionada e enviou, na manhã desta sexta-feira (3), equipes técnicas para visitar as famílias e levantar informações sobre as suas principais necessidades, a fim de buscar as políticas públicas que melhor possam atendê-las.

“O objetivo é justamente compreender, nessas famílias, as circunstâncias, as pessoas envolvidas e a rede de apoio, tanto da comunidade, quanto da família e da rede pública também. A partir do momento em que nós nos reunimos ontem, chamamos os técnicos do Cras da zona rural e os técnicos do Creas Central, justamente para conversar e acompanhar essas famílias no que diz respeito a essas políticas de assistência social”, explica Vanessa Severino, coordenadora de Proteção Social Especial.

Gileno e Maria Aparecida conversaram com a psicóloga e a assistente social do Cras

Uma das famílias que teve prejuízos com as fortes chuvas foi a de Gileno Pacheco e sua esposa, Maria Aparecida. Com os ventos que acompanharam a tempestade, a casa em que eles moram com os dois filhos pequenos foi completamente destelhada. “A gente ficou no desespero, não podia sair porque o vento tava muito forte, com relâmpagos e caindo raios, e a gente não podia fazer nada. Deus abençoou que em uma hora, uma hora e vinte, passou; mas foi um terror”, conta Gileno.

Por sorte, os filhos do casal, de 3 e 4 anos de idade, não estavam na casa no momento da chuva. Agora, eles estão instalados em uma casa cedida por um vizinho, onde conseguiram abrigar móveis e eletrodomésticos que salvaram da chuva. Foi lá que eles receberam a psicóloga e a assistente social da Semdes para uma conversa sobre os danos registrados e atualização cadastral.

Para os próximos dias, a previsão é de que haja mais chuva e rajadas de vento. Por isso, a Secretaria de Educação disponibilizou a Escola Municipal Francisco Antônio Vasconcelos e a Semdes a estruturou com colchões e cobertores para acesso da comunidade em caso de necessidade. A escola servirá como base para abrigar todos aqueles que se sentirem ameaçados em suas casas, em caso de novas chuvas.

Estradas – a chuva forte também afetou as estradas e, por determinação do prefeito Herzem Gusmão, uma força-tarefa sob a coordenação do chefe do Gabinete Civil, Murilo Mármore, foi montada para executar todos os serviços necessários na região de José Gonçalves, inclusive, disponibilizando máquinas para um mutirão. Amanhā, sábado (04), uma equipe de técnicos da Secretaria de Infraestrutura fará um levantamento para o início das ações de recuperação das estradas.

Governo Municipal acompanha de perto as obras para melhoria do abastecimento de água em José Gonçalves

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 31 dez 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

da Secom/PMVC (Conteúdo)

No último dia 27 de dezembro, o chefe do Gabinete Civil, Murilo Mármore, esteve na Região de José Gonçalves com o objetivo de vistoriar as obras para melhoria do sistema de abastecimento de água. Os serviços envolvem aprisionamento de água, abertura de novas aguadas e tanques, além da limpeza e ampliação dos já existentes.

Na semana anterior, no dia 16 de dezembro, o prefeito Herzem Gusmão já havia estado na região para acompanhar de perto os serviços que ele considera prioritários, uma vez que beneficiará a centenas de moradores de doze povoados.

O Sistema de abastecimento será instalado no povoado de Lagoa do Batista, onde há um açude com capacidade para 10 milhões de litros de água, mas que é subutilizado pela comunidade. Com a construção de uma estação de tratamento, será possível tratar a água do açude e armazená-la para distribuição. Cerca de 12 povoados locais devem ser beneficiados.

A Guarda Municipal está chegando!

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 30 dez 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

Youtube (Secom/PMVC)

Governo Municipal reúne técnicos da Prefeitura e da Caixa para apresentação de balanço anual

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 25 dez 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

da Secom/PMVC (Conteúdo)

Prefeito e técnicos da prefeitura na última reunião do ano com gestores da Caixa

Na manhã desta segunda-feira (23), o Prefeito Municipal, Herzem Gusmão, reuniu-se com a superintendência da Caixa Econômica Federal (CEF), na sala de reuniões da Secretaria de Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico (Semtre), para sua última reunião em 2019. O encontro teve o objetivo de fazer um balanço anual das relações entre o município e a instituição bancária.

Desde março de 2017, o Prefeito reúne, mensalmente, técnicos da prefeitura e da Caixa para discutir os programas de repasse do Orçamento Geral da União (OGU) e operações de financiamento. Segundo o superintendente regional da CEF, João Dácia, a relação entre Prefeitura e Caixa tem se demonstrado cada vez mais profícua para o município. “É uma grande parceria. A Prefeitura tem honrado seus compromissos e esclarecido todos os pareceres técnicos com extrema transparência e isso é muito bom para o município”, relata o superintendente.

O Prefeito, Herzem Gusmão, reitera que essa parceria com a Caixa tem sido extremamente proveitosa e com o objetivo de finalizar todas obras importantes para a cidade, desde novos projetos às obras inacabadas de gestões anteriores. “Nossa missão é a de valorizar ao máximo cada centavo do dinheiro público, trazendo o que há de melhor em obras para a nossa cidade. A população pode constatar que temos honrado nossos compromissos e para o próximo ano iremos fazer ainda mais”, declara Herzem.

Neste ano, a parceria entre a Prefeitura e a Caixa foi marcada pela realização de obras oriundas do Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa) e também pela proposta de ampliação do Finisa 2, com aporte de recursos na ordem de R$ 60 milhões destinados a atender às necessidades de infraestrutura de alguns bairros e localidades rurais.

Natal Conquista de Luz: João Bosco e artistas regionais sobem ao palco na segunda noite de festa no Glauber Rocha

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 22 dez 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é pel.gif

da Secom/PMVC (Conteúdo)

Uma das marcas do Natal Conquista de Luz é a valorização dos artistas regionais, que têm espaço garantido também no Centro Cultural Glauber Rocha. Quem abriu a programação deste sábado (21), foi o músico conquistense Papalo Monteiro.

Papalo Monteiro

Com o show “Canto e chão” e um repertório de própria autoria, Papalo cantou a beleza e simplicidade do povo brasileiro, dando um toque moderno ao regional. Sobre a participação no evento, o músico destacou: “Vitória da Conquista é um celeiro de artistas e aqui nestes palcos nós tocamos, nos renovamos e buscamos trazer mais para o nosso público”.

Em seguida, subiu ao palco o cantor e compositor Rony Barbosa. Conhecido por sua pegada forrozeira, Rony trouxe para o Natal Conquista de Luz um show inovador com músicas que marcaram época nas vozes de Roberto Carlos, José Augusto, Fábio Júnior, Elba Ramalho e outros artistas brasileiros. “Ficamos muito felizes em estar aqui neste momento. Há tempos que queríamos participar e agora deu certo”, comemorou.

Rony Barbosa

O público também foi embalado por um dos maiores nomes da música popular brasileira. João Bosco trouxe novas canções e composições já consagradas em sua carreira. Com um repertório bastante peculiar, ele expressou o sentimento em realizar uma apresentação nesta época natalina. “Acho lindo poder exercitar o ofício de músico num espaço aberto onde as pessoas podem transitar livremente. As pessoas vêm porque gostam e querem ouvir e, nesta época do ano, estão muito envolvidas com essas questões de amizade e solidariedade. A sensibilidade fica a flor da pele”, afirmou.

João Bosco

Para fechar a noite, muita animação com a banda “Mulher no Samba” trazendo samba de todos os cantos do Brasil. “Esse ano vimos um espaço maior para os grupos de samba e isso nos deixa muito felizes, já que estamos há quatro anos buscando fincar o samba de forma mais forte nesta região.”, disse a vocalista Elaine.

Mulheres no Samba

As apresentações agradaram ao público. “Os organizadores estão de parabéns pela escolha desses artistas. Shows maravilhosos, ambiente agradável, eu amei”, declarou a comerciante Alana Pires, que assistiu a todos os shows da primeira e da segunda noite da festa. E a professora Andréa Andrade completou: “além de dar visibilidade aos artistas locais ao lado de grandes nomes nacionais, o espaço aqui é muito organizado, ambiente familiar e estrutura, policiamento e área de alimentação muito bons”, completou.

Prefeitura e representantes de entidades discutem as diretrizes do PDDU

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 18 dez 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é pel.gif

da Secom/PMVC (Conteúdo)

Na manhã desta terça-feira (17), a Secretaria de Infraestrutura Urbana promoveu mais uma reunião para abordar e esclarecer as diretrizes para a elaboração do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) e o Plano Urbanístico do Distrito Aeroportuário (PDAP).

A reunião aconteceu no Auditório da Secretaria Municipal de Saúde e foram convidados a participar representantes do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (Crea-BA), Conselho de Arquitetura e Urbanismo da Bahia (CAU/BA), Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento da Bahia (IAB-BA), Sinduscon-BA, empresários da construção civil do ramo imobiliário, construtores e os profissionais arquitetos e engenheiros civis.

Na oportunidade, todos puderam esclarecer dúvidas relacionadas a implementação do Plano Diretor junto à coordenação da Fundação Escola Politécnica da Universidade Estadual da Bahia (FEP – Ufba) – empresa contratada pela Prefeitura Municipal para elaborar o PDDU e o PDAP.

O objetivo foi fazer um alinhamento em relação aos últimos meses da elaboração do Plano Diretor, que é um momento de discussão e aprofundamento das propostas, como explica Liana Viveiros, coordenadora técnica da FEP: “Foram discutidas algumas questões relativas à legislação aeroportuária, as limitações e algumas preocupações de entidades em relação à ocupação da área “.

A coordenadora ainda pontua que um dos conteúdos que também foi abordado na reunião diz respeito à estratégia de implementação, que inclui a construção de um sistema de informações e de um quadro de indicadores.

Para o Secretário de Infraestrutura Urbana, José Antônio Vieira, a reunião serviu para estreitar os entendimentos entre os setores. “O PDDU não vem pronto, ele é construído, junto com a FEP, que vai dar as diretrizes à Prefeitura de Vitória da Conquista, os técnicos da cidade e as entidades de classe. É um produto feito pela coletividade para nossa cidade”, destaca o secretario.

A partir dessa reunião, será organizada uma agenda de trabalho para os próximos três meses de discussão de temas específicos com os diversos segmentos da sociedade e com a equipe técnica da prefeitura.

Campanha da Prefeitura levou bate-papo sobre violência contra a mulher para construção civil

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 11 dez 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

da Secom/PMVC (Conteúdo)

O dia começou diferente no canteiro de obras do Residencial Donna Olívia, nesta segunda (9). Os trabalhadores receberam a visita da equipe do Centro de Referência da Mulher Albertina Vasconcelos (Crav) para um bate-papo sobre violência contra a mulher. A atividade integrou a programação da campanha “16 Dias de Ativismo pelo fim da violência contra mulher”, realizada pela Prefeitura de Vitória da Conquista.

“É bom para que os homens se mantenham informados. Agora, vão pensar duas vezes antes de agredir uma mulher. Isso é muito bom. Eu sou totalmente contra a agressão às mulheres”, declarou o pedreiro Carlos Ribeiro, após participar do bate-papo.

Para a técnica em segurança do trabalho, Aline Meira, uma das poucas mulheres que trabalham na obra, o momento foi importante. “Hoje em dia, a gente vivência isso o tempo inteiro. É importante conscientizar as pessoas e mudar essas novas gerações que estão chegando pra que não cometam os mesmos erros e que mudem essa visão machista que ainda predomina no mundo”.

Durante a campanha, outras obras foram visitadas pela equipe: Vitória Tower, Stella Maris, Parque Vitória Belvedere, Dona Gilenilda, Parque Vitória Real e Lord Residence.

“Atingir esse público foi extremamente importante para tentar desconstruir comportamentos e pensamentos que foram naturalizados e reproduzidos, trazer a possibilidade de novas reflexões e questionamentos e entender que o machismo é prejudicial para todos”, explicou a psicóloga do Crav, Silvia Ticianna.

“Momentos como esses são necessários para que mulheres e homens entendam que a união é a melhor forma de lutar contra o machismo e a violência de gênero”, completou, lembrando que, neste ano, a campanha abordou as dimensões da masculinidade tóxica, alcançando o público masculino sem deixar o protagonismo da mulher em segundo plano.

De acordo com a gerente do Crav, Monique Cajaíba, a campanha apresentou uma abordagem simplificada para alcançar o público, preferencialmente homens, dando visibilidade aos comportamentos que refletem às diversas formas de violência de gênero e doméstica. “Apresentamos a temática como uma questão pública a ser enfrentada e da luta por uma nova sociedade mais igualitária. Assim como, estratégias de combate e prevenção à violência contra as mulheres no meio social”, ressaltou.

A campanha também chegou aos trabalhares da limpeza pública. A Torre Empreendimentos abriu as portas da empresa, nesta segunda e terça (9 e 10), para que o assunto também fosse abordado no local.

Cemae e Cemerf comemoram 20 anos de atuação

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 08 dez 2019

Tags:

da Secom/PMVC (Conteúdo)

A manhã desta sexta-feira (6) foi um dia atípico para dois dos serviços do Complexo de Saúde. O Centro Municipal de Atenção Especializada (Cemae) e o Centro Municipal Especializado em Reabilitação Física e Auditiva (Cemerf) completam, neste mês dezembro, 20 anos de história em Vitória da Conquista. E a data não poderia ser passada em branco.

Hoje, os profissionais que atuam no serviço tiveram uma manhã de comemorações e homenagens pelo tempo de dedicação no cuidado com as pessoas, pois tudo isso não seria possível sem o trabalho de muitas mãos que trabalharam ao longo dessa história.

No Cemerf, desde dezembro de 1999, foram 14 mil pacientes acolhidos por um serviço de referência para 74 municípios da macrorregião Sudoeste. É um time de 70 profissionais que se orgulham em fazer parte dessa história, atuando todos os dias na reabilitação de vidas. “Confraternizar 20 anos de existência é muita felicidade. É um orgulho fazer parte dessa equipe, entendendo que cada um planta um pouquinho de si para chegar em um resultado coletivo. O nosso único objetivo é o bem-estar do paciente sempre”, destaca Patrícia Barreto, terapeuta ocupacional que trabalha no Cemerf há 11 anos.

O momento de confraternização aconteceu para reafirmar o sentimento de admiração e respeito entre os profissionais que prestaram homenagens aos colegas de trabalho. “É muito importante realizar essa homenagem principalmente para eles que estão todos os dias doando o seu tempo e conhecimento em prol das pessoas com deficiência. Eles são os principais protagonistas disso tudo”, pontua Cristiane Cestari, coordenadora do Cemerf.

O Cemae já atendeu e registrou 410 mil prontuários de pacientes de Vitória da Conquista e de mais 73 municípios pactuados que passaram nesses 20 anos pelo serviço. Certamente, boa parte desses pacientes passaram pela mesa de recepção na sala de espera onde trabalha a atendente Eloísa Silva, que atua no serviço desde a fundação, lá em 1999. “Quando me mandaram para cá eu nem imaginava o que seria o Cemae. Aí eu vim, me identifiquei com tudo por aqui e gosto muito do meu trabalho”, conta Eloísa.

53 profissionais, de 32 especialidades médicas e 35 profissionais de apoio, atuam no Cemae, recebendo diariamente cerca de 600 pessoas.”Precisamos valorizar esses servidores que estão se dedicando há tanto tempo à população conquistense. Esse momento é o mínimo que a gente pode estar fazendo para retribuir essa colaboração diária”, afirma Eulinámelia Hipólito, coordenadora do Cemae.

Representando a figura do Prefeito Hérzem Gusmão, a secretária de governo, Geane Oliveira falou da relevância da atuação dos profissionais para os dois serviços do município: “O serviço público é feito de gente. E quando falamos de serviço público de saúde, nós servimos as pessoas no momento de maior vulnerabilidade que estão passando. Que o Cemae e o Cemerf possam continuar desenvolvendo esse trabalho valoroso para o nosso município nos anos que ainda virão”.

Prefeitura atua e resolve!

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 25 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_black_friday-1.gif

Rede Municipal se prepara para última avaliação anual do Educar pra Valer

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 17 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

da Secom/PMVC (Conteúdo)

Coordenadores do Município e aplicadores da prova recebem orientações da coordenadora do programa na Bahia, Silvia Lima

Entre os dias 2 e 6 de dezembro, mais de 6 mil alunos do 2° e 5° ano de todas as escolas da Rede Municipal de Ensino participam da última avaliação diagnóstica do aprendizado de 2019 do programa Educar pra Valer. Por isso, nesta quarta-feira (13), 130 pessoas, entre coordenadores das unidades escolares e aplicadores das provas, foram capacitados pela equipe do programa e da Secretaria Municipal de Educação (Smed) a respeito da aplicação das provas.

“Começamos o ano fazendo a primeira avaliação diagnóstica para saber em que nível educacional estão os estudantes e, agora, faremos a avaliação somativa, baseada na Teoria da Resposta ao Item. O objetivo é saber como foi a evolução educacional dos alunos aqui do Município”, explicou o assistente de coordenação do Educar pra Valer, Marcos Dionísio.

Segundo a coordenadora pedagógica da Rede Municipal, Tânia Novais: “Avaliar e monitorar são estratégias que o município de Vitória da Conquista adotou para melhorar os índices educacionais. A avaliação nos permite diagnosticar e traçar estratégias para o alcance das metas e o monitoramento é o acompanhamento constante do trabalho, revendo, revisando, construindo em serviço, a qualidade da educação municipal”.

As avaliações são feitas e aplicadas pelo Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (Caed/UFJF).


Mobilidade urbana é debatida em mais uma reunião do PDDU

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 14 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

Secom/PMVC (Conteúdo)


Mais uma reunião para tratar do Plano Diretor de Desenvolvimento urbano (PDDU) foi realizada nessa terça-feira (12). O objetivo foi apresentar os documentos elaborados pela empresa Via 11 Engenharia, contratada para realizar os estudos de Circulação Viária e do Sistema de Transporte Coletivo Urbano.

O encontro foi realizado na Câmara Municipal e contou com a presença do secretário de Infraestrutura Urbana, José Antônio Vieira, vereadores e membros do Grupo de Trabalho e Acompanhamento (GTA).

“Esse plano é dos habitantes de Vitória da Conquista, construído por pessoas com capacidade técnica para fazer. A Prefeitura contratou uma empresa especializada e o PDDU faz parte das ações que o governo está fazendo para melhorar nossa cidade. Vamos construir uma cidade organizada e sustentável”, afirmou ao secretário municipal.

Já o vereador Valdemir Dias, que também faz parte do GTA, destacou: “É fundamental a participação de todos os segmentos e cada intervenção da comunidade é muito importante. A Câmara já tem uma comissão para acompanhar o PDDU e o plano aeroviário e estamos debruçados nestes planos”.

O representante da consultoria, arquiteto Eloy Koccany, expôs o levantamento feito na cidade, ressaltando que esses estudos servirão de base para elaboração do Plano de Mobilidade Urbana: “Ele que deve ser oportunamente desenvolvido pela Administração Municipal, após a elaboração do PDDU”. O expositor ainda destacou que na mobilidade o pedestre deve ter sempre a preferência, por isso rampas de acessibilidade e calçadas apropriadas devem ser prioridade.

Prof. Orley, membro do GTA, avalia positivamente a elaboração do PDDU

O professor do Instituto Federal Baiano (IFBA), Orley de Oliveira, é representante das entidades profissionais, acadêmicas e de pesquisa no GTA. Por participar da elaboração do último PDDU, com propriedade, ele comenta: “Nesse PDDU, realmente a participação está bem maior. Agora, a mobilização é maior, tem sido mais divulgado e nesse também tem a Fundação Politécnica que está dando todo suporte. Isso nos dá alegria, pois provavelmente vamos construir um documento mais interessante, mais elaborado”.

Aluna de escola municipal vence Concurso Cultural Nacional

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 13 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Secom/Prefeitura (Conteúdo)

Rebeca falou da felicidade de ter sua redação reconhecida nacionalmente

Rebeca Novaes, estudante do 5º ano da Mário Batista, venceu na categoria Redação

A redação escrita por Rebeca Novaes, aluna do 5º ano da Escola Municipal Mário Batista, no bairro Urbis I, foi a campeã da etapa nacional do Concurso Cultural do Instituto Sicoob. “Eu nem estou acreditando ainda. Me sinto honrada por ter ganhado na etapa nacional porque tinham muitas pessoas participando, pessoas de todo o país. Fiquei muito feliz”, contou a garota.

O resultado foi divulgado nesta segunda-feira (11). O Concurso Cultural do Instituto Sicoob recebeu mais de 60 mil inscrições de estudantes do 3º e 5º anos do Ensino Fundamental das redes pública e privada do país para as duas categorias existentes (desenho e redação). O tema dos trabalhos foi “Todo mundo ganha com a cooperação”. Ao todo, participaram 764 escolas de 246 municípios brasileiros.

Entre os critérios utilizados pela comissão avaliadora do Concurso para analisar as redações, destacam-se o texto narrativo, o domínio das normas gramaticais e a originalidade. O texto de Rebeca, 11 anos, sob a orientação da professora Gilmara Quaresma, foi uma paródia da história da lebre e da tartaruga, abordando o consumo consciente e a preservação ambiental.

“A mensagem que quis deixar é de que precisamos ser menos consumistas e mais conscientes porque nosso planeta está, cada vez mais, se acabando com o lixo”, afirmou a garota que adora ler e escrever nas horas vagas – “às vezes, baixo livro no celular e fico lendo ou pego meu caderno e vou escrever” –, e ainda está em dúvida entre cursar Medicina ou Direito.

Resultado esperado – Apesar da surpresa da estudante, para a diretora da escola, Edelci Cardoso, que foi professora de Rebeca por três anos, o resultado já era esperado. “Apesar de ter recebido a notícia com muita satisfação, não chegou a ser novidade, considerando quem é Rebeca, uma menina extremamente aplicada e que também é fruto do trabalho que vem sendo feito”, comentou.

A Escola Municipal Mário Batista tem construído uma história de destaque na rede. Na nota do último Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), a unidade alcançou 6,2 pontos. “Tenho certeza de que teremos outras alegrias e surpresas em relação à Escola Municipal Mário Batista em razão do preparo da escola e dos professores e atuação da coordenação”, reforçou Edelci.

Como premiação, nesta etapa final, Rebeca receberá um computador. Já a escola também será premiada com um data show e caixa de som.

Governo Municipal presente na primeira feira baiana de Inovação e Tecnologia Agropecuária

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 11 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Secom/PMVC (Conteúdo)

Até domingo (10), Vitória da Conquista será a capital baiana da inovação agropecuária. É a e-Agro – Feira de Inovação e Tecnologia Agropecuária da Bahia. O município foi escolhido para sediar a primeira edição do evento e reuniu produtores, trabalhadores rurais, estudantes, professores e pesquisadores de todo o país.

A abertura oficial foi realizada na manhã desta sexta-feira (8), no auditório do Parque de Exposições Teopompo de Almeida e contou com a presença do prefeito de Vitória da Conquista Herzem Gusmão e membros do Governo Municipal. “Estamos na semana do aniversário da cidade e essa primeira edição da e-Agro Bahia aqui no município é, com certeza, um presente para a nossa cidade. O nosso governo também está inovando ao trazermos assessorias especializadas para planejar e modernizar o nosso município, tendo a preocupação de fazer uma cidade criativa e para pessoas. Então, estamos sintonizados com esse grande evento”, declarou.

A e-Agro é uma iniciativa da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (Faeb), ligada à Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), em parceria com o Sebrae e a Cooperativa Mista Agropecuária Conquistense (Coopmac). “Aqui, a gente começa a plantar um sonho, uma semente, nesse solo fértil da Bahia que gera emprego e renda. Eu tenho certeza que ano que vem faremos um evento ainda mais completo, maior e mais forte, porque essa não é uma feira de inovação da FAEB, Sebrae ou CNA, é um evento do produtor rural baiano”, disse o presidente do Sistema Faeb/Senar, Humberto Miranda, ao dar as boas-vindas.

O presidente da CNA, João Martins, e comitiva veio de Brasília para participar do evento. “Não existe avanço sem inovação tecnológica. Por isso, estamos sempre pensando e trabalhando para inovar. Nós destinamos 40% de todo o orçamento do Senar para a Assistência Técnica. Temos que fazer o nosso país dar certo. Só se organiza a produção se organizar o produtor”, afirmou.

Para o diretor-geral do Senar Brasil, Daniel Carrara, que está em Vitória da Conquista pela primeira vez, foi um prazer conhecer a cidade. Sobre a temática da feira, ele salientou: “Há dois anos pegamos essa bandeira de inovação e tecnologia agronegócio e tenho certeza que vocês agricultores, nossos patrões, serão mais beneficiados”.

Também participaram da mesa: o Secretário de Agricultura da Bahia, Lucas Teixeira, o presidente da COOPMAC, Jaymilton Gusmão, e o diretor técnico do Sebrae-Ba, Franklin Santos.

A Prefeitura está com um estande na Vila dos Parceiros, apresentando seus projetos agropecuários. Empresas de vários lugares também expõe suas tecnologias. “A área agrícola é uma área que Israel tem expertise, foi lá que foi criada a irrigação por gotejamento. Temos algumas semelhanças com o Nordeste Brasileiro e estamos aqui, pois as nossas empresas têm muito a contribuir”, disse a assessora especial do Ministério da Economia de Israel, Sheila Sztutman. A empresa israelense Rivulis está desde 1960 no Brasil e há 2 anos lançou o Manna -um monitoramento à distância das lavouras.

Conquista 179 anos: Ação educativa do Simtrans por um trânsito mais humanizado

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 10 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Secom/PMVC (Conteúdo)

“Organizar, educar e garantir um trânsito que respeite a vida”, este é o tema da blitz educativa realizada pelo Simtrans na manhã deste sábado (09). No dia do aniversário da cidade, motoristas e pedestres, que passavam pela Avenida Olívia Flores, foram abordados por agentes de trânsito e receberam rosas brancas, sorrisos e mensagens de paz.

“A rosa branca traz uma mensagem de paz. Nós, agentes de trânsito, somos trabalhadores a favor da vida”, ressalta a agente, Andréa Barbosa. Ela ainda destaca que, “em Conquista, não existe uma indústria de multas, mas sim o respeito à vida das pessoas e o estrito cumprimento do Código de Trânsito Brasileiro”.

Presente na ação, o Secretário de Mobilidade Urbana, Jackson Yoshiura, declara que a ideia da gestão é a de sempre trabalhar com campanhas educativas. “Buscamos trazer para hoje essa ação para mostrar que o agente de trânsito é um trabalhador que respeita e merece ser respeitado. Dessa forma, a Semob tem sempre buscado, através do diálogo, informar o papel de cada usuário nas vias”, explica.

A motorista Maria Helena Lemos acrescenta que esse tipo de ação contribui para a sensibilização dos motoristas.”Acho inovadora e torço para que haja sempre ações como esta de hoje. Os agentes são figuras importantes para educar sobre qual atitude cada um de nós deve ter no trânsito”, relata.

Conquista 179 anos: município tem buscado ainda mais avanços na área da Saúde

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 08 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Secom/PMVC (Conteúdo)

Neste ano de 2019, muito trabalho vem sendo feito para garantir resultados positivos e oferecer melhor qualidade dos serviços públicos de saúde do município, desde a Atenção Básica, atenção especializada aos serviços de média e alta complexidade.

“Apesar dos desafios enfrentados neste ano, continuamos empenhados, no sentido de manter os serviços de qualidade e resolutivos para a população. Isso significa que estamos planejando e nos organizando mais ainda para que isso se reflita em serviços”, afirma o Secretário de Saúde, Alexsandro Nascimento Costa.

Em 2019, foram reformadas 6 unidades de saúde da família e inaugurados o Ambulátorio de Saúde Mental e sede do CAPS AD III.

Atenção Básica – De janeiro a outubro, algumas unidades de saúde passaram por reforma, ampliações e inaugurações de novas sedes. Na zona urbana, a Unidade Básica de Saúde Dr. João Melo Filho, no bairro Ibirapuera, e a Unidade de Saúde da Família Jardim Valéria, mudaram de endereço para atender à população local com mais comodidade no acolhimento. E ainda neste mês de novembro, será entregue as novas instalações do Centro de Saúde Régis Pacheco, que vai passar a funcionar na Avenida João Pessoa, no centro da cidade.

Prefeito Herzem Gusmão e vice-prefeita, Irma Lemos, entregam reforma da unidade de Saúde da Família de Dantelândia à população

Já na zona rural, a população das localidades de São Sebastião e Dantelândia passaram a contar com unidades de saúde da família reformadas e ampliadas, a fim de garantir melhor estrutura física para atuação dos profissionais no atendimento ao público. Além disso, a Prefeitura também fez a reforma do Posto de Saúde Joel Batista dos Santos, situado no povoado de Corta Lote, que foi ativado para atender cerca de 500 moradores da região.

E para garantir melhor cobertura dos serviços de Atenção Básica na zona rural, também foram adquiridos e distribuídos 160 tablets para os agentes comunitários de saúde realizarem o cadastro domiciliar individual e territorial dos usuários de abrangência, além do registro das visitas domiciliares.

E não para por aí! As obras de ampliação da Unidade de Saúde da Família do Miro Cairo estão em andamento, assim como a construção da nova Unidade Básica de Saúde do bairro Vila América.

Atenção Especializada – Os serviços de Saúde Mental também tiveram avanços significativos neste ano. No mês de fevereiro, o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD) III foi inaugurado em sede própria, no Bairro Felícia.

Já no mês de maio, o município também passou a contar com a sede própria do Ambulatório de Saúde Mental, inaugurado no Complexo de Saúde (Cemae). O novo espaço veio para ampliar a oferta de assistência especializada em saúde mental, acolhendo pessoas em sofrimento psíquico moderado.

A Clínica Municipal de Reabilitação Dr. Sebastião Rodrigues Castro é uma iniciativa da atual gestão e considerada referência na área de fisioterapia, ortopedia e angiologia e também no tratamento de feridas crônicas ou de difícil cicatrização. O serviço vascular, por exemplo, realizou, de janeiro a outubro, 4.502 atendimentos para tratamento de pacientes com tempo superior a dois meses da existência da ferida, utilizando curativos de alta tecnologia para auxiliar no processo de cicatrização da lesão. Com isso, 185 pacientes tiveram alta no tratamento em feridas crônicas e alguns com até 25 anos de lesão.

Vigilância em Saúde – Na área de Vigilância em Saúde, as taxas de infestação predial do mosquito Aedes Aegypti caíram, graças ao empenho dos agentes de endemias, parcerias com outras secretarias e instituições de ensino do município e a implantação de novas estratégias de controle. Como foi o caso do Bairro Santa Terezinha, que recebeu o programa piloto sem uso de larvicidas e inseticidas, o que diminuiu o índice de infestação de 15,2% para 5,1%, em apenas 60 dias de trabalho.

Na área de Vigilância Epidemiológica, a taxa de incidência de sífilis congênita caiu para 1,42%, para cada 100 mil habitantes, o que corresponde ao número de quatro casos confirmados até o fim do primeiro semestre em Vitória da Conquista. E esse resultado positivo se deu por meio da descentralização do diagnóstico e tratamento da doença para a porta de entrada do serviço de saúde pública: a atenção básica.

Regulação, Controle e Avaliação do SUS – Quem busca o serviço na Central de Regulação de Procedimentos e Exames Especializados (CRPEE) pode perceber que a sede está passando por reformas estruturais e também na parte funcional do serviço, que passou a contar com um novo sistema de marcação, próprio do município, implantado e desenvolvido pelo Núcleo de Tecnologia da Informação (NTI) da Prefeitura.

No segundo semestre de 2019, foi implantado no município o Núcleo de Cirurgias, que foi criado para otimizar a fila de espera dos pacientes que aguardam por procedimentos cirúrgicos. Vale destacar que de janeiro a setembro foram realizadas 16.779 cirurgias no município.

Para o serviço de Tratamento Fora do Domicilio (TFD), foram adquiridos dois veículos para transporte sanitário de pacientes com dificuldades de locomoção, em processo de tratamento de hemodiálise e com alta cirúrgica. Além disso, foi reativada Motolância, mais um veículo a serviço do SAMU 192 no município e acionado nos casos que necessitam de uma resposta operacional mais rápida e eficaz no atendimento às situações de urgência e emergência.

Novos horizontes – De acordo com o secretário de saúde, em 2020 muito ainda vai ser feito em Vitória da Conquista. A grande aposta é na qualificação dos profissionais da rede municipal de saúde. “Qualificando melhor os profissionais, nos tornamos mais resolutivos e os serviços se tornam mais coordenados e perto das pessoas. Esse é o horizonte que a gente visualiza para saúde de Conquista”, finaliza.

Conquista 179 anos: Município registra significativos avanços na Educação

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 07 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Secom/PMVC (Conteúdo)

Entregas de cinco equipamentos educacionais marcaram o ano de 2019

Somente neste ano, a Prefeitura entregou 3 creches, 1 escola, 1 quadra coberta, reativou 4 salas de leitura e abriu 2 salas de recursos multifuncionais

Além das obras que estão oferecendo um ambiente adequado ao processo de ensino-aprendizagem, os investimentos em materiais pedagógicos, as parcerias com instituições renomadas e a formação permanente dos educadores estão garantindo os avanços da educação municipal de Vitória da Conquista. E o ritmo de trabalho é intenso.

Somente em 2019, foram entregues 3 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI), beneficiando mais de 500 crianças que moram nos bairros Miro CairoNova Cidade e Vila Elisa, e 1 escola, com capacidade para atender mais de 250 estudantes, também no Vila Elisa. Os investimentos, nesses equipamentos, somaram mais de R$ 7 milhões.

Além disso, quatro Salas de Leitura foram reativadas neste ano, como forma de motivar as crianças a desenvolverem o gosto pela leitura e para cumprir o Plano de Metas da Secretaria de Educação (Smed). Nele, estão previstas que todas as 49 escolas da zona urbana tenham as suas salas de leitura abertas, reativadas ou revitalizadas.

Com a reativação da Sala de Leitura, a Escola poderá retomar o projeto “Crianças em busca do sol”, que premia os maiores leitores do ano

Houve também a abertura de duas Salas de Recursos Multifuncionais, uma na Escola Municipal Ita David de Castro e outra na Pedro Francisco de Moraes. E foi disponibilizado Atendimento Educacional Especializado (AEE) para surdos na Escola Municipal Zulema Cotrim, oferecendo a Língua Brasileira de Sinais (Libras) e a Língua Portuguesa escrita.

Mas não foi apenas a população da zona urbana que foi beneficiada, a rural também. O distrito de Iguá recebeu uma quadra poliesportiva, em um investimento superior a R$ 700 mil. E, abrindo as comemorações pelos 179 anos, esta semana, foi entregue a reforma do Centro Educacional Moisés Meira, em José Gonçalves, onde foram investidos mais de R$ 500 mil.

Graças a última licitação do transporte escolar, neste ano, os alunos, em sua maioria, passaram a ser transportados por uma frota mais nova (com ônibus e micro-ônibus, com idade máxima de 12 anos e 7 anos para vans), com rastreador GPS e tacógrafo, entre outros itens de segurança para os estudantes. Os veículos percorrem mais de 160 roteiros, transportando mais de 8 mil alunos.

O secretário de Educação, Esmeraldino Correia observa que esses resultados expressivos ocorreram graças ao modelo de trabalho unificado adotado neste ano: “a junção: pedagógico e administrativo, incorporando uma só filosofia que é ‘Educar é Conquista’. Por conta disso, tivemos um rendimento real. E, com essa unicidade vamos trazer um novo momento para a educação em Conquista, dando à criança a oportunidade de viver a plenitude da cidadania”.

União entre Pedagógico e Administrativo fez a diferença este ano, apontou o secretário

Ideias inovadoras – Para alcançar as 7 metas traçadas para a Rede Municipal, a exemplo da alfabetização de 100% das crianças até o 2º ano do Ensino Fundamental, é que a Smed adotou iniciativas inovadoras, como o “Buriti Mirim”, que tem beneficiado cerca de 8 mil crianças, de 2 a 5 anos. O projeto propõe atividades lúdicas e dinâmicas, que valorizam a expressão infantil e proporcionam novas possibilidades de assimilação dos conteúdos. Grande parte do material foi exposto durante a 1ª Mostrart Infantil da Rede.

E aprender rock na escola, já pensou? Numa parceria com as secretarias municipais de Comunicação e de Cultura, foi realizada a primeira edição do “Escola de Rock”. O projeto proporcionou a alunos do Ensino Fundamental II da Escola Municipal Ridalva Correa de Melo, oficinas de produção cultural e a possibilidade de promover um Festival de Rock na praça.

Outros projetos que marcaram 2019 foram: o “Símbolos Nacionais”, com o objetivo de fortalecer a cidadania e despertar o interesse dos alunos pela história do país; o “Todos por uma Escola de Paz”, que visa desenvolver a consciência crítica a respeito da Cultura de Paz no convívio socioescolar; e o “Alimentação Saudável”, que está conscientizando os pais de 29 CMEIs sobre a importância da alimentação na primeira infância.

Desde seu lançamento em maio deste ano, o Símbolos Nacionais passou por cinco escolas municipais

Outra ação inédita que foi incorporada pela Rede Municipal, mas, desta vez, para beneficiar os professores, foi o “Inglês pra Valer”. Cerca de 50 professores do Ensino Fundamental II têm participado de um curso de inglês, suprindo uma carência antiga na área de formação continuada para professores dessa área.

Somado a isso, pela primeira vez, pedagógico e administrativo se mobilizaram, de forma conjunta, na aplicação das provas do Sistema de Avaliação do Ensino Básico (Saeb), resultando em 98,6% de frequência dos alunos. A expectativa da Smed é elevar a nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) para 6,0 tanto para os anos iniciais quanto finais.

Ainda em 2019, em Brasília, o Governo Municipal protocolou o pedido de adesão do Município de Vitória da Conquista ao Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares do Ministério da Educação (MEC). Esse modelo de escola apresenta um conceito de gestão nas áreas educacional, didático-pedagógica e administrativa com a participação do corpo docente da escola e apoio dos militares.

Administrativamente, foi implantado o Setor de Estatística e Avaliação, que é um relevante centro de pesquisa e ciência, tornando claro o desempenho geral da Smed quanto ao cumprimento de metas, quantificando-as.

E muito mais está por vir! “Nucleação de escolas da zona rural, começando por José Gonçalves e Pradoso, com o objetivo primordial de erradicar as salas multisseriadas; a efetivação do projeto educacional “Educar é Conquista”; a proposta de implementação da oitava meta na Rede Municipal, correspondente a correção de fluxos; queremos alcançar o percentual de 30% na oferta de turmas de Educação Infantil; e está em fase de negociação um convênio entre o Município e a Uesb para beneficiar os professores da Rede Municipal, com um curso de Mestrado”, contou o secretário. Já estão previstas também as entregas de 1 escola para o bairro Campinhos, de 1 creche para o Panorama, além de 1 quadra para o Simão.

Caps AD III comemora 17 anos em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 06 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Secom/PMVC (Conteúdo)

Em 17 anos de funcionamento, 7.405 pacientes já passaram pelo Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas III (CAPS AD III) e receberam atendimento e acompanhamento multiprofissional. Para comemorar, o serviço celebrou a data, na quinta-feira (31), com pacientes, funcionários, familiares e amigos.

“Minha vida mudou muito através do Caps. Há mais ou menos cinco anos, eu decidi mudar de vida com o incentivo da psicóloga Suzi Keila. O Caps me ofereceu um ambiente de acolhimento muito fundamental para minha mudança e me forneceu instrumentos que me fizeram parar de usar qualquer substância. Em cinco anos, eu não tive nenhuma recaída”, conta Murilo Cordeiro (44), paciente do serviço desde 2012.

Para Murilo, o CAPS é a sua segunda casa.

Atualmente, são 1340 pacientes ativos no serviço que lida com o constante desafio de cuidar das pessoas em sofrimento. “É muito difícil as pessoas confiarem as suas fragilidades a alguém e aqui nós temos isso, essa confiança com os usuários. Há 17 anos, o serviço trabalha dessa forma, acolhendo as pessoas respeitando as suas histórias, ofertando para elas a melhor forma de cuidado possível”, destaca Aracely Schettine, gerente do CAPS AD III.

Além do cuidado com os pacientes, os familiares que acompanham de perto o tratamento também são cuidados pelo serviço, como é a história de Dona Antônia Ribeiro. Ela acompanha o tratamento do filho Carlos André, que está no serviço há quatro anos. “Graças a Deus está sendo muito bom. Eu não tenho do que reclamar. Foi aqui que eu também encontrei o apoio pra seguir na luta porque ele depende de mim pra tudo. Ele gostou muito daqui. Se deixar, ele vem todo dia”, conta ela.

A confraternização contou com um café da manhã, dinâmicas, sorteios e um bolo de aniversário. “Todo dia, se nós pudéssemos, faríamos uma festa, porque cada dia vencido é muito importante para todos nós aqui. Precisamos comemorar com eles, porque eles são a alma do nosso serviço”, finaliza a gerente.