Novas eleições do TJ-BA são remarcadas após afastamento de magistrados

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Geral, Justiça | Data: 28 nov 2019

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é pel.gif

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) divulgou nesta quarta (27), a data das novas eleições para a Mesa Diretora do órgão. A votação irá acontecer no próximo dia 4 de dezembro, a partir das 8h30. A eleição precisou ser remarcada, a pós a operação que resultou no afastamento de magistrados em ação contra venda de sentenças para grilagem de terras no estado.

Dois desembargadores que estão afastados das atividades desde a Operação Faroeste tiveram as candidaturas homologadas. São eles: José Olegário Monção Caldas e Maria da Graça Osório Pimentel Leal. De acordo com o TJ-BA, o órgão aguarda o posicionamento do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para saber se os Desembargadores afastados, que são candidatos, poderão concorrer.

A data da nova eleição foi decidida nesta quarta-feira (27), em sessão presidida pelo desembargador Augusto de Lima Bispo, que assumiu interinamente a presidência do órgão. O pleito estava marcado para ocorrer no dia 20 de novembro, mas foi adiado em decorrência da Operação Faroeste, deflagrada um dia antes.

3 municípios escolhem seus prefeitos

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil | Data: 04 maio 2014

Tags:

Agência Brasil

Urnas eletrônicasTrês municípios farão novas eleições para prefeito e vice-prefeito neste domingo (4/5) – Cabeceiras, em Goiás, Mossoró e Francisco Dantas, no Rio Grande do Norte. Os eleitores dessas cidades voltarão às urnas devido à cassação dos mandatos dos candidatos que venceram as eleições em 2012, anuladas pela Justiça. O período de votação é das 8h às 17h.

De acordo com resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as eleições devem ser marcadas sempre para o primeiro domingo de cada mês pelos tribunais regionais eleitorais (TREs). Os prefeitos e vice-prefeitos das três cidades foram considerados culpados pela compra de votos.

Em Cabeceiras, que conta com cerca de 6 mil eleitores, no leste de Goiás, divisa com Minas Gerais, o prefeito e o vice-prefeito eleitos em 2012, Nadir de Paiva e Bim de Oemis, foram considerados inelegíveis por oito anos pelo Tribunal Regional Eleitoral do estado. Concorrerão no pleito de amanhã os candidatos Antônio Cardoso da Silva (PSL), Joaquim Machado Sobrinho (PP), Everton Francisco de Matos (PSL) e Wanderson Gonçalves de Melo (PP).

…Leia na íntegra