Pacientes que lutam contra o câncer recebem presente especial no Natal

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 26 dez 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

Pacientes em tratamento de câncer receberam um presente especial neste Natal. No dia 19 de dezembro, a Igreja Batista da Cidade realizou um baile de gala. Com o tema “Natal com Mais Vida”, o evento levou alegria e o verdadeiro sentido do nascimento do menino Jesus aos pacientes que lutam contra o câncer.

Ao todo foram 250 convidados: 100 pacientes, 100 acompanhantes e mais 50 pessoas diretamente ligadas ao tratamento, sendo estes médicos, enfermeiros e voluntários de instituições como Casa do Amor, Unacon, Oncomed e Casa da Esperança.

A noite contou com um jantar especial, apresentações musicais, baile e a Ceia do Senhor. Durante o dia, os convidados tiveram acesso a serviços de beleza e também receberam roupas especiais para o evento doadas por membros da comunidade.

Pacientes com Anemia Falciforme interrompem tratamento por falta de remédio

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 10 dez 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

img_0914A falta do medicamento hidroxiureia está causando dificuldades no tratamento de diversas pessoas acometidas pela Anemia Falciforme em Vitória da Conquista. A líder do movimento em defesa dos diagnosticados com a doença, Maria José Meireles, cobra empenho dos governos Estadual e Municipal para o tratamento dos pacientes.

Utilizando a Tribuna Livre da Câmara Municipal, nessa sexta-feira (9), Maria José afirmou ter procurado o Núcleo Regional de Saúde (antiga Dires), sendo informada que o medicamento não está sendo encontrado no mercado por falta de matéria-prima. “Como assim, se em outros estados estão tendo o remédio?”, questionou.

Ela também alega que o setor de Tratamento Fora do Domicílio (TFD) da Prefeitura Municipal não está ofertando aos pacientes com Anemia Falciforme passagens para realizarem o tratamento em outras cidades, como Salvador.

Além disso, Maria José denuncia que o tratamento dispensado a pacientes acometidos pela anemia falciforme para execução da sangria no Hospital Geral de Vitória da Conquista não está sendo adequado.

“Eu venho nesta Casa [Câmara Municipal] solicitar de vocês que façam alguma coisa. Eu clamo a vocês vereadores que vistam essa camisa. Nos ajude”, apelou Maria José. “Eu gostaria que o prefeito assuma essa responsabilidade. É um direito nosso”, finalizou.

A doença

A anemia falciforme é uma doença séria na qual o organismo fabrica células vermelhas sanguíneas em forma de “C”. Células vermelhas normais têm forma de disco e se movem facilmente pelos vasos sanguíneos. Por terem essa forma anormal, essas células não se movem facilmente através dos vasos sanguíneos. Os blocos de células em forma de foice bloqueiam o fluxo sanguíneo que flui para os órgãos e membros. Vasos sanguíneos bloqueados podem causar dor, infecções sérias, danos a órgãos e até mesmo Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Superlotado! Hospital de Base restringe atendimento a pacientes de alto risco

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 22 out 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

hospital-de-base

Nessa sexta-feira (21), a direção do Hospital de Base de Vitória da Conquista emitiu uma portaria que determina a restrição de atendimento somente aos pacientes de alto risco no Pronto Socorro. Segundo a portaria, a decisão foi motivada pela superlotação da unidade.

A restrição afeta o atendimento aos pacientes que não se enquadra em emergências clínicas e cirúrgicas de classificação de risco vermelho (diagnóstico de Traumatismo Craniano Encefálico – TCE – moderado e grave, Traumatismo Raquimedular – TRM, fratura exposta, obstrução vascular aguda, traumas vasculares e equivalentes em complexidade e inequívocas patologias cirúrgicas agudas oriundas de trauma ou infecção).

Confira o texto da portaria na íntegra:

A Diretoria Geral do Hospital Geral de Vitória da conquista, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com as normas de Direito Administrativo;

Em decorrência da superlotação do Pronto Socorro do HGVC, em consonância com o que foi preconizado em reuniões anteriores com o Ministério Público do Estado da Bahia e Conselho Regional de Medicina;

RESOLVE

Determinar a restrição aos atendimentos a pacientes em emergências clínicas e cirúrgicas de classificação de risco vermelho (diagnóstico de Traumatismo Craniano Encefálico – TCE – moderado e grave, Traumatismo Raquimedular – TRM, fratura exposta, obstrução vascular aguda, traumas vasculares e equivalentes em complexidade e inequívocas patologias cirúrgicas agudas oriundas de trauma ou infecção).

Esta portaria entrará em vigor a partir da presente data, revogada todas as disposições em contrário.

DIRETORA GERAL DO HOSPITAL GERAL DE VITÓRIA DA CONQUISTA,
Vitória da Conquista/Estado da Bahia, aos 21 dias do mês de outubro de 2016.

Vitória da Conquista registra segunda morte por H1N1

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 18 maio 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

hospital_geral_vitoria_conquistaPaciente morreu no mesmo dia em que deu entrada no Hospital de Base

A segunda morte em decorrência do vírus Influenza A H1N1 em Vitória da Conquista foi confirmada nessa terça-feira (17). Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a vítima, uma mulher de 49 anos, deu entrada no Hospital de Base no dia 03 de maio com sintomas da doença, tomou a medicação, mas acabou não resistindo e veio a óbito no mesmo dia.

A paciente, que não teve o nome divulgado, estava com os sintomas há mais de uma semana, mas teria resistido em procurar orientação médica, o que agravou o quadro e contribuiu para a morte, aponta a Secretaria.

Paciente com suspeita de H1N1 será transferida para Hospital de Base

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 04 abr 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

IMG_1024A paciente Renialda Alves de Souza, que está internada no Hospital Uimec com suspeita de contaminação pelo vírus H1N1, será transferida a qualquer momento para a UTI do Hospital de Base. A decisão foi tomada em uma reunião entre a direção dos dois hospitais, juntamente com a Secretaria Municipal de Saúde e Central de Regulação do Estado.

Dona Renialda, de 51 anos, deu entrada no pronto socorro do hospital Unimec, na ultima terça feira (29), com suspeita de ter contraído dengue. No entanto, após exames, os médicos constataram que a paciente está como uma “Pneumonia Bacteriana”, o que levantou a suspeita de gripe H1N1.

Com isso, o hospital solicitou a transferida urgente para uma UTI do Hospital de Base, com isolamento – onde não havia vaga. Enquanto isso, a paciente se encontra na emergência do Unimec, sem equipamento de ventilação mecânica, junto com outros pacientes, o que aumenta os riscos de contaminação.

Em contato com a redação do BLOG DA RESENHA GERAL, a direção do Unimec informou que ainda aguarda o resultado dos exames para confirmarem a infecção por H1N1 na paciente. Enquanto isso, o caso está sendo tratado como Síndrome Respiratória Aguda Grave.

Paciente é fotografado deitado no chão do corredor do Hospital de Base

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 04 set 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_1107foto: reprodução Facebook

O Hospital de Base, em Vitória da Conquista continua provocando cenas lamentáveis. Dessa vez, acompanhantes de pacientes da unidade de saúde flagraram um homem amarrado a uma maca baixa em pleno corredor do hospital. O detalhe é que a maca é a mesma utilizada pelos socorristas do SAMU 192 e deixa o paciente quase em contato com o chão.

A foto foi postada esta semana no Facebook de uma mulher que visitava o hospital. “Esse coitado, até apanhar, apanhou lá dentro. Só porque estava agitado. Cadê os direitos humanos?”, denunciou a mulher. Assim como o rapaz da foto, outras pessoas se encontravam nos corredores (como é de costume) da unidade hospitalar.

Estas cenas se repetem pelo fato do número de paciente ser muito superior ao de leitos, no maior hospital da região Sudoeste. Muitos dos pacientes que dão entrada na emergência do Hospital de Base acabam sendo encaminhados para o corredor com a mesma maca que foram socorridos pelo SAMU 192. A ausência de estrutura é tão gritante que o SAMU 192 chega a ficar sem macas para novos atendimentos, o que obriga as ambulâncias a fazerem rondas pelas unidades de saúde da cidade para reaver os equipamentos.

Esaú Matos emite nota sobre morte de adolescente durante parto

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 01 jun 2015

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais

fundacao_esau_matosA Comissão de Saúde e Assistência Social da Câmara Municipal divulgou uma nota recebida do Hospital Esaú Matos sobre a morte de uma adolescente, de 16 de anos de idade, ocorrida em 16 de maio. Na nota, a Fundação de Saúde garante que a morte da jovem foi provocada por complicações no pós-parto.

De acordo com a nota, o trabalho de parto da adolescente durou 14 horas, quando pode chegar a 16 horas. Logo após o nascimento do bebê, “a paciente começou a apresentar sangramento e hipotonia uterina, que é uma complicação do pós-parto, que pode acontecer tanto no parto normal como no parto cesáreo. Essa complicação acontece porque o útero não consegue se contrair, fechando os vasos sanguíneos, que ficam abertos após a retirada da placenta”.

Ainda segundo a nota, “a paciente foi encaminhada ao centro cirúrgico, onde foi recebida pelo anestesista de plantão e toda a equipe médica presente, quando foi indicada a abertura do abdome para a tentativa de retirada do útero, já que essa não seria uma primeira opção numa paciente de 16 anos. Durante a cirurgia, a paciente continuava com sangramento, sendo necessária a realização de exames e transfusões sanguíneos de imediato”.

Logo após o fato, familiares da jovem e vereadores acusaram o hospital de negligência, por ter forçado o parto normal de uma criança pesando cerca de cinco quilos em uma paciente amputada. Um boletim de ocorrência foi aberto pela família.

Pacientes continuam esperando atendimento nos corredores do Hospital de Base

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 14 maio 2015

Tags:, , , ,

Informações do G1 Bahia

DSC_0524

Pacientes do Hospital Geral de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, denunciam que os corredores da unidade de saúde estão lotados de pessoas que aguardam há dias por atendimento. Um dos casos é o da esposa de Aparecido Trindade. Ele conta que a mulher chegou ao local com as pernas inchadas e sentindo dores, na segunda-feira (11), e desde então, aguarda atendimento médico sentada no saguão do hospital.

“Precisava fazer o ultrassom, que até agora não fizeram. Agora, que me viram agitado, o médico veio dar um parecer. Ele disse: pelo meu olho clínico, eu tô vendo que é trombose e que não pode sair daí”, detalhou.

Moradora de Itapetinga, Maria Alessandra é outra pessoa que, segundo familiares, aguarda atendimento na unidade em Vitória da Conquista. A acompanhante da paciente, Josiane Santana, disse que os médicos ainda não emitiram previsão de assistência. “Perguntaram a Maria onde estava doendo e colocaram ela na sala e disseram que, provavelmente, vão atender ela”, afirma. …Leia na íntegra

Vídeo: TV Aratu entrevista enfermeiro acusado de estuprar pacientes

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia, Sudoeste | Data: 19 mar 2015

Tags:, , , , , , ,

TV Aratu

Adolescente de 14 anos teria sido última vítima de enfermeiro

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia, Sudoeste | Data: 19 mar 2015

Tags:, , , , , ,


por Mateus Novais
foto: reprodução TV Aratu

enfermeio

O enfermeiro Guilharde Moura Leite foi transferido, na manhã desta quinta-feira (19), da cidade de Cordeiros para a carceragem da delegacia de Itarantim. Ele foi recambiado em Vitória da Conquista por policiais civis. Guilharde, de 34 anos, é suspeito de estuprar 6 mulheres durante atendimento clínico.

Em entrevista ao repórter Daniel Silva, da TV Aratu, ele negou as acusações: “Não confirmo, não”. O delegado que está à frente do caso não quis gravar entrevista, mas informou que a última vítima do enfermeiro foi uma adolescente de 14 anos. Segundo a polícia, o estupro aconteceu no dia 7 de março, em Itarantim. O suspeito disse que conhece a adolescente e que era seduzido por ela. “Ela já tinha me abordado algumas vezes, mas eu nunca dei ‘trela’ para ela”, afirmou.

A polícia acredita que o acusado sedava as vítimas antes de cometer os estupros. As denúncias já estão sendo investigadas em três municípios da região Sudoeste. Caso sejam confirmadas, o enfermeiro poderá pegar de 6 a 10 anos de cadeia, além de perder o registro profissional

Enfermeiro é acusado de estuprar pacientes em quatro cidades; seis vítimas já foram confirmadas

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia, Sudoeste | Data: 19 mar 2015

Tags:, , , , , , ,

por Mateus Novais*
foto: Aratu Online

IMG_1108Um enfermeiro foi preso na manhã desta quarta-feira (18), no município de Cordeiros, localizada a 163 km de Vitória da Conquista, acusado de estuprar seis mulheres durante atendimento clínico. De acordo com o advogado da Prefeitura do município, Saulo de Tarso, o suspeito, Guilharde Moura Leite, foi aprovado no último concurso da Prefeitura de Cordeiros e atuava na Unidade de Saúde da Família Dr. José Cardoso dos Apóstolos desde fevereiro de 2014.

O caso foi descoberto durante um processo administrativo que investigava a assiduidade do profissional, que utilizava atestado médico para justificar as faltas quando estava de plantão no posto do município de Itarantim. Ele não havia comunicado que tinha assumido a função em outra cidade.

Em contato com o coordenador jurídico de processos criminais de Itarantim, o advogado informou que foi descoberto a denúncia de quatros casos de estupro em Ribeirão do Largo, emitido pela Comarca Encruzilhada. Dando sequência as investigações, outros dois casos foram confirmados em Itarantim. O suspeito sedava as vítimas para praticar o ato.

Por conta disso, um inquérito judicial foi instaurado e a polícia cumpriu o mandado de prisão temporária expedido pela Comarca de Itarantim. Outros casos estão sendo investigados na cidade de Macarani.

Guilhearde está custodiado na delegacia de Cordeiros e aguarda transferência para Itarantin, onde ficará à disposição da Justiça.

*Informações do Aratu Online

Mulher morre no Hospital de Base enquanto esperava conserto de tomógrafo

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 25 nov 2014

Tags:, , ,

G1 Bahia
foto: arquivo BRG

hospital_geral_vitoria_conquistaApós mais de 15 dias internada e aguardando exame de tomografia computadorizada no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), na região sudoeste da Bahia, Marinalva Feitas Ferreira, de 57 anos, veio à óbito no sábado (22). A informação foi confirmada pelo filho da paciente, Vitor Freitas, na tarde desta segunda-feira (24).

Freitas contou que a mãe foi levada para o hospital com uma infecção generalizada, um dia após uma cirurgia de correção de hérnia, realizada em unidade de saúde privada, no dia 6 de novembro. Por conta do problema, ele detalha que os médicos solicitaram com urgência a realização da tomografia.

Em nota, a assessoria da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) confirmou que o aparelho de tomografia apresenta problemas no gerador de energia há mais ou menos um mês.

No documento, a Sesab explica que o contrato com a atual empresa de manutenção não pôde ser renovado, porque a companhia estaria com pendências no cadastro da Secretaria de Administração do Estado (Saeb), mas que a direção do HGVC procurou outra empresa para realizar a manutenção. O problema, segundo a nota da Sesab, é que o orçamento para a reposição de duas peças do tomógrafo ficou em quase R$ 130 mil, valor que, por lei, exige a realização de licitação. O comunicado ainda informa que tanto a Sesab quanto o HGVC estão tentando solucionar o problema o mais rápido possível. …Leia na íntegra

Paciente com leucemia gostaria de receber tratamento em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 13 maio 2014

Tags:, , ,

da Redação

Viagens para Salvador são feitas sempre na mesma ambulância velha e sem ar condiocionado 

Elaine BBEsteve na manhã desta 2ª feira (12), na Rádio Clube FM (95,9), a paciente Eliene dos Anjos Oliveira, de 32 anos de idade que está em tratamento de leucemia aguda. Ela gravou entrevista que será apresentada na Resenha Geral desta 3ª feira (13), onde faz apelo ao prefeito de Vitória da Conquista para que ele cumpra as promessas feitas no período eleitoral – de que teríamos excelentes condições para o tratamento de saúde na cidade. Segundo relatório médico ela foi admitida no Hospital Universitário Professor Edgard Santos, para continuação da quimioterapia por LLA pré-B (alto risco).

Em função da distância das viagens para Salvador com duração de 8 horas, e feitas sempre na mesma ambulância velha, ela insiste em apelar para que o tratamento pudesse ser feito em Vitória da Conquista. Lamentou que o mesmo tratamento pode ser realizado na cidade de Itabuna. …Leia na íntegra

Professora vai ao Hospital de Base e protesta contra o precário atendimento

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 10 ago 2013

Tags:, ,

da Redação

Cartaz

A professora Valderez Oliveira, foi ao Hospital de Base visitar um paciente e ficou escandalizada com a situação de um jovem de 18 anos. O paciente, que teve o abdômen aberto por duas vezes, permanece no corredor daquela unidade hospitalar. “Liguei para Leninha e ela disse que nada poderia fazer porque estava em casa”, lamentou a professora. O operado, não está livre de outra intervenção cirúrgica, e permanece no corredor correndo risco de contrair infecção.  Na recente visita do secretário Jorge Solla (Sesab), foi divulgado através da imprensa, que o problema estava resolvido com a transferência de pacientes para hospitais da rede privada.

Este caso registrado pela professora Valderez é mais uma demonstração que a gestão de Solla fracassou. O Ministério Público de Vitória da Conquista deveria intensificar a fiscalização com visitas diárias ao Hospital de Base. O MP tem como solicitar a Justiça , que  pacientes em estado grave, sejam transferidos para a rede hospitalar privada. O Estado da Bahia paga a conta. O cartaz que ilustra este artigo foi exibido por médicos durante o protesto em Vitória da Conquista.

Pacientes reivindicam melhorias no atendimento do PS do São Vicente

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 17 jan 2013

Tags:, , ,

por Mateus Novais
Foto: Roberto Silva

IMG_2110Na manhã desta quinta-feira (17), pacientes do SUS que procuraram atendimento no Hospital São Vicente de Vitória da Conquista fizeram uma mobilização pedindo agilidade no serviço.

Com a recepção da emergência lotada e a demora no atendimento, os pacientes que estavam No Pronto Socorro (PS) do São Vicente perderam a paciência e reclamaram. Em entrevista a repórter Mônica Cajaiba, do programa Resenha Geral, algumas pessoas afirmaram que não havia médico de plantão. Outros diziam que esperaram 5 horas por um atendimento.

A reportagem do Blog da Resenha também conversou com a gerente administrativa do hospital, Ludmila Oliveira, que afirmou que sempre há dois médicos de plantão, “mas que o problema de superlotação das emergências públicas é um problema de todo o SUS”.

Confira a entrevista na íntegra: