Simmp faz paralisação; mais uma greve nas escolas?

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 19 jun 2018

Tags:, ,

da Redação
Foto: Arquivo

O Simmp –  Sindicato do Magistério Municipal Público de Vitória da Conquista  anunciou em seu site oficial uma paralisação para esta quarta-feira (20). A paralisação visa mobilizar os professores da rede  municipal de ensino para que possam acompanhar a rodada de negociação salarial com o governo municipal.

A paralisação, todo ano acontece,  foi acertada em assembleia e visa pressionar a administração municipal a ceder o que sempre cobra a categoria.

Greve/Sindicato

A Prefeitura mantém a mesa permanente de negociações, e tem mostrado a realidade do Município no tocante a queda de arrecadação e LRF já no limite prudencial. Os representantes do Governo Municipal estão tentando evitar mais uma greve nas escolas da rede municipal.

O Simmp, merece confirmação, mantém praticamente a média histórica de uma greve a cada ano. São interrupções que agravam e dificultam a recuperação de alunos. Ao longo dos anos das administrações petistas a cidade de Vitória da Conquista nunca conseguiu bater a meta do Ideb.

Não existe nenhum dado oficial em pesquisa, mas empiricamente pode ser creditado as inúmeras interrupções de aulas o fracasso das escolas municipais. “Onde o sindicato é forte o ensino é fraco”(autor desconhecido); frase que o prefeito Herzem Gusmão (MDB) destacou quando da posse dos novos diretores de escolas, em evento na AABB. O prefeito disse que ouviu a frase em um encontro da FNP – Frente Nacional dos Prefeitos.

 

 

 

Funcionários da EMBASA paralisam as atividades e pedem reajuste salarial

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Vit. da Conquista | Data: 19 jun 2018

Tags:, ,

Da Redação

Na manhã desta terça-feira(19), cerca de 60 funcionários da  Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa)  em Vitória da Conquista e mais duas unidades no estado paralisaram suas atividades.

De acordo com  o Sindicato dos Trabalhadores de Água e Esgoto do Estado da Bahia (SINDAE) a manifestação de advertência tem o objetivo de chamar a atenção da empresa para as reivindicações da categoria, que desde o mês de abril apresentaram ao governo do estado o pedido de reajuste salarial inicialmente de 5%, mas o governo só ofereceu 1,9%.

Na busca de  resolver esse impasse o SINDAE apresentou um novo reajuste de 4%, mas o governo ainda não deu resposta. O sindicato diz que apenas o setor de operação e manutenção de esgoto está funcionando normalmente na cidade. O SINDAE já possui  tem  reunião marcada para esta quarta feira (20), com a direção da empresa. A expectativa é que toda essa situação seja resolvida nesta reunião. Entretanto, independente do resultado, já está marcada uma assembléia geral com a categoria no próximo dia 26.

Ressaltando que mesmo com a paralisação dos funcionários, os  serviços de abastecimento e do esgoto permanecem funcionando normalmente em Vitória da Conquista.

 

Devido a atraso de salário, funcionários da Viação Vitória prometem realizar paralisação nesta segunda (18)

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte | Data: 18 jun 2018

Tags:,

Da Redação


O Sindicato dos Rodoviários de Vitória da Conquista (Sintravc) informou que os funcionários da Viação Vitória irão realizar na tarde desta segunda-feira uma paralisação de advertência. A ação se dará devido ao atraso dos rodoviários que atuam na empresa.

De acordo com o Sintravc, apenas 30% da frota, como determina a lei, irá rodar. O Sintravic informou que todos os carros da Viação Vitória serão recolhidos à garagem, e lá a direção vai determinar quais linhas serão atendidas pelos 26 carros, que corresponde aos 30%.

O sindicato pretende se reunir com os rodoviários para ver a possibilidade de nos horários de pico 50% da frota atenda a população. A empresa alega que a greve nacional dos caminhoneiros e as paralisações promovidas pelo sindicato no mês de maio impossibilitou a regularização dos salários. A Vitória chegou a apresentar uma proposta à categoria, mas não foi aceita.

Com frota reduzida ônibus da Viação Vitória voltam a circular em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte, Vit. da Conquista | Data: 28 maio 2018

Tags:,

 

Da Redação

Na manhã desta segunda-feira (28), os ônibus da Viação Vitória voltaram a circular na cidade. A frota, que já estava reduzida por causa da falta de combustíveis nos postos da cidade, no sábado (26), deixou de circular totalmente por conta de atrasos nos salários dos funcionários.

Segundo informações da Assessoria de Comunicação da empresa, 100% da frota ficou retida na garagem por dois dias, por decisão do Sindicato dos Rodoviários.

Mas, nesta segunda, os ônibus da Vitória voltaram a atender a população, mesmo com frota reduzida. No entanto, ainda não se sabe até quando os ônibus permaneceram circulando na cidade, em virtude da greve que deixa a cidade sem combustíveis.

Ônibus da viação Vitória estão sem rodar por falta de pagamento de salários

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte, Vit. da Conquista | Data: 26 maio 2018

Tags:, ,

Da Redação

Os conquistenses que precisaram utilizar o transporte coletivo na cidade neste sábado(26) foram surpreendidos com a paralisação total dos ônibus da Viação Vitória.

A frota, que já estava reduzida por causa da falta de combustíveis nos postos da cidade em decorrência da greve dos caminhoneiros, não saiu das garagens por conta de  atraso de salários dos funcionários. A situação deixou cerca de 40 mil passageiros sem transporte em Conquista.

Por meio de nota, a Viação Vitória informou que 100% da frota encontra-se retida na garagem por decisão do Sindicato dos Rodoviários. A empresa destacou que a entidade sindical se antecipou e não respeitou o prazo estabelecido de aguardar até a próxima terça-feira (29) para que a Viação pudesse quitar as pendências salariais.

Ainda na nota, a Viação Vitória informou que o departamento jurídico da empresa está tomando as medidas legais cabíveis para garantir o funcionamento da quantidade mínima de ônibus determinada pela lei. A Viação Vitória informou, ainda, que tem feito esforço concentrado nos últimos dias para manter o transporte público funcionando, mesmo com todas as dificuldades causadas pela greve dos caminhoneiros.

 

 

 

Protestos dos caminhoneiros continuam pelo 3º dia consecutivo

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte, Vit. da Conquista | Data: 23 maio 2018

Tags:, ,

Da Redação


A paralisação de caminhoneiros em estradas que cortam a Bahia prossegue nesta quarta-feira (23). Segundo a Via Bahia, diversos trechos da BR 116 estão paralisados, inclusive o trecho que corta Vitória da Conquista.

Os motoristas protestam contra os aumentos, que têm sido constantes, do preço do diesel. Além de Vitória da Conquista, as manifestações acontecem em trechos da BR 116 em nos trechos que ficam em Santo Estevão, Itatim, Milagres, Jequié e Poções. Mesmo com os bloqueios, a concessionária diz que o tráfego está “fluindo normal” exceto para caminhões e carretas.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF-BA), desde as primeiras horas da manhã também há manifestações na altura do km 395 da BR-110 em São Sebastião do Passé, no Recôncavo, e no km 110 da BR-101 em Alagoinhas, no agreste. Em todos os pontos, os grupos estão liberando a passagem para carros pequenos. Caminhões e carretas ficam retidos.

Paralisação da BR-116 interrompe coleta de lixo em algumas localidades de Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 23 maio 2018

Tags:, , ,

Da Redação


A Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista emitiu um comunicado informando que, em virtude da paralisação dos caminhoneiros realizada na BR-116, a coleta de lixo de algumas regiões da zona rural não pôde ser feita nesta terça-feira (22).

As regiões mais afetadas foram Cercadinho, Inhobim, Veredinha, Batuque, Dantelândia, Lagoa das Flores, Distrito Industrial, Chácaras Guarani e Mira Sol. A Secretaria de Serviços Públicos informou, ainda, que o serviço será regularizado assim que as estradas forem desobstruídas e o acesso às localidades possa ser feito com segurança pelos agentes públicos.

DISEP: greve de funcionários terceirizados continua

0

Publicado por Editor | Colocado em Segurança, Vit. da Conquista | Data: 23 fev 2018

Tags:, ,



Da Redação

Foto: Rafael Gusmão

Paralisados desde o incio da semana, funcionários terceirizados do Distrito Integrado de Segurança Pública de Vitória da Conquista,, continuam com a greve até o momento.

Com salários atrasados desde o ano passado, cerca de 46 funcionários que prestam serviços no DISEP, nos  setores administrativos, entre eles o registro das ocorrências permanecem com as atividades paralisadas. Mesmo com a  realização manifestações durante a semana reivindicando o pagamento,  até o momento nada foi feito pela empresa responsável.

As contas da empresa  estão bloqueadas pela justiça devido a questões trabalhistas de outros contratos,  com  isso o pagamento dos servidores não pode ser efetuado. A Secretaria da Segurança Pública do Estado da Bahia solicitou a rescisão unilateral do contrato com a Monkal Empreendimentos Eireli, empresa que presta serviços terceirizados DISEP, por inadimplência contratual.

 

Funcionários da Viação Vitória podem paralisar as atividades novamente no final da tarde desta sexta-feira(23)

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte, Vit. da Conquista | Data: 23 fev 2018

Tags:,

Da Redação

Foto: Rafael Gusmão

Apesar  dos ônibus da viação Vitória ter circulado normalmente nesta manha de sexta-feira(23), funcionários podem voltar a paralisar as atividades nesse final de tarde.

Segundo informações passadas por funcionários a equipe do Resenha Geral, grande parte dos servidores ainda não receberam os seus salários. Funcionários devem se reunir na garagem da viação para buscar solução do problema.

Ex funcionários da empresa também reclamam sobre a falta de acerto de contas, pagamento dos direitos não efetuados pela viação.

 

 

Servidores paralisam as atividades no DISEP devido a falta de pagamento pela empresa responsável

0

Publicado por Editor | Colocado em Segurança, Trabalho, Vit. da Conquista | Data: 22 fev 2018

Tags:,


Da Redação

Sem o pagamento de salários, servidores que trabalham no Distrito Integrado de Segurança Pública de Vitória da Conquista mantém paralisação das atividades.

Devido inadimplência contratual a Secretaria da Segurança Pública do Estado da Bahia solicitou a rescisão unilateral do contrato com a Monkal Empreendimentos Eireli, empresa que presta serviços terceirizados ao DISEP,

O grupo que está com as atividades paralisadas  é responsável pelos setores administrativos, entre eles o registro das ocorrências.

Segundo os servidores , o coordenador do DISEP, André Paulo Martins Sousa, encontra-se em Salvador com intuito de resolver esse problema dos salários dos funcionários.

Agências do Itaú têm atividades paralisadas pelos funcionários em Brumado, Itapetinga e Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 01 fev 2018

Tags:, ,

Da Redação

 

 

Bancários paralisaram as atividades nas agências do Itaú em Brumado, Itapetinga e Conquista, nesta quinta-feira (01), em protesto contra os desmandos do banco. Os atos fazem parte de um dia de mobilização que está acontecendo por todo país.

O Itaú Unibanco é o maior banco privado do país, entretanto o banco vem fechando postos de trabalho, aumentando a sobrecarga de serviços e contribuindo para o adoecimento dos trabalhadores bancários.

De acordo com o  diretor do Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região, os funcionários estão na luta por mais contratações para a melhoria do atendimento à população.

Fotos: Ascom/SBVR

 

 

Funcionários da Viação Vitória paralisam as atividades e anunciam greve

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte, Vit. da Conquista | Data: 23 jan 2018

Tags:, ,

Da Redação

 

O Sindicato dos Rodoviários de Vitória Conquista, por meio de sua página na internet anunciou nesta terça (23) a paralisação das atividades por tempo indeterminado. Os funcionários da empresa Viação Vitória iniciaram a greve por volta das 10:30h de hoje(23)

Nota oficial emitida pelo sindicato

“O Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários de Vitória da Conquista (Sintravc) confirma aos veículos de comunicação em todos os segmentos, bem como aos usuários do transporte coletivo urbano, que nesta terça-feira (23/01/2018), os funcionários da VIAÇÃO VITÓRIA LTDA iniciarão greve a partir das 10h30, horário no qual os ônibus estarão sendo recolhidos do Terminal Rodoviário Urbano, na Avenida Lauro de Freitas, para a garagem da empresa.

O movimento de greve tem início após a Viação Vitória não cumprir os prazos determinados para o pagamento do salário referente ao mês de dezembro de 2017. O Sintravc apoiará logística e juridicamente a decisão dos trabalhadores e reafirma seu compromisso com a categoria, bem como a manutenção e cumprimento de seus direitos”

Professores de universidades estaduais fazem paralisação de 24 horas

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação | Data: 28 nov 2017

Tags:, , ,

Da Redação

Foto: reprodução Facebook Adusb

Nesta terça (28), os professores das quatro Universidades Estaduais da Bahia suspenderam as atividades. Em Vitória da Conquista, os docentes da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia fizeram um ato pela manhã na porta do campus, fechando os portões. A ação também ocorreu nos outros dois campi da Instituição, localizados nas cidades de Itapetinga e Jequié.

O protesto foi validado nas assembleias da categoria em outubro deste ano, para que os portões pudessem ser fechados nesta terça-feira. Um indicativo de greve também foi aprovado. “A paralisação das atividades na Uesb, nos três campi, foi um protesto contra as políticas do governo Rui Costa de arrocho salarial, de corte de direitos e de contingenciamento orçamentário, além de sua indisposição em negociar a pauta de reivindicações da categoria docente”, afirmou a Associação dos Docentes da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Adusb), em sua página no Facebook.

A categoria pede a destinação mínima de 7% da receita líquida de impostos do estado para o orçamento anual das universidades.

 

Professores da UESB paralisam as atividades na próxima terça (28)

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação | Data: 23 nov 2017

Tags:, ,

Da Redação


Na próxima terça (28), os professores da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) irão paralisar as atividades. O protesto, segundo a categoria, é contra o arrocho salarial e pela garantia de direitos trabalhistas. A suspensão de atividades acontecerá também na Uneb e Uesc.

Os professores reivindicam que o governo Rui Costa negocie a pauta protocolada desde dezembro do ano passado. Os docentes estarão mobilizados em frente aos portões da Universidade a partir das 8 horas.  Segundo a categoria, os portões serão fechados durante todo o dia da mobilização, nos três em Itapetinga, Jequié e Vitória da Conquista.

Conforme a Associação de Docentes da Universidade, servidores públicos baianos estão há quase três anos sem reposição inflacionária, uma perda de 20,5%. O valor é equivalente ao não pagamento de quase três meses de salário ao longo do período. Cerca de 300 professores da Uesb estão com direitos trabalhistas travados entre promoções, progressões e mudanças de regime de trabalho, alguns já desde o ano passado. Para reverter o quadro, o movimento reivindica recomposição salarial de 30,5% e o respeito aos direitos trabalhistas.

Receita Federal: analistas-tributários fazem greve de 24h nesta quarta (25)

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 24 out 2017

Tags:,

Da Redação


Os Analistas-Tributários da Receita Federal irão fazer greve de 24 horas nesta quarta-feira (25). De acordo com o Sindireceita, o movimento é contra a desestruturação da Receita Federal do Brasil. Durante a paralisação, não serão realizados diversos serviços, como: atendimento aos contribuintes; emissão de certidões negativas e de regularidade; restituição e compensação; inscrições e alterações cadastrais; regularização de débitos e pendências; orientação aos contribuintes; parcelamento de débitos; revisões de declarações; análise de processos de cobrança; atendimentos a demandas e respostas a ofícios de outros órgãos, entre outras atividades.

Conforme a categoria,não houve definição em relação ao acordo salarial assinado em 23 de março de 2016 que, até o momento, não foi cumprido pelo governo. O sindicato defende que se permanecer esse estado de indefinição e instabilidade, provocará uma desestruturação do órgão, que é responsável pela Administração Tributária Federal.

Professores da Uesb paralisam as atividades nesta quarta (27)

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação | Data: 25 set 2017

Tags:, ,

Da Redação


Na próxima quarta-feira (27), os professores da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) irão paralisar suas atividades e realizarão ato público em Salvador em protesto contra o ajuste fiscal e o arrocho salarial do governo Rui Costa. De acordo com as informações divulgadas, os portões da Universidade serão fechados nos três campi.

Conforme a Associação dos Docentes da Uesb (Adusb), o Movimento Docente das Universidades Estaduais da Bahia protocolou a pauta de reivindicações da categoria em dezembro de 2016. Contudo, o governo Rui Costa tem protelado a discussão. A suspensão de atividades e o ato público em Salvador têm como finalidade pressionar o Estado a avançar no processo de negociação.

Trabalhadores dos Correios entram em greve na Bahia após retirada de vigilantes em agências

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 21 ago 2017

Tags:, , , ,

Da Redação

Nesta segunda (21), os trabalhadores dos Correios na Bahia entraram em greve por tempo indeterminado, após a retirada de vigilantes de agências. É o que informa o Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos no Estado da Bahia (Sincotelba). Conforme o sindicato, 84 agências em todo o estado estão sem 132 profissionais de segurança.

Por conta da paralisação, não estão funcionando, nesta segunda-feira, as agências do Rio Vermelho, Calçada, em Salvador, além de Lauro de Freitas, Ubatã e Irecê. Além dessas agências, estão sem vigilantes as unidades de Vitória da Conquista, Pojuca, Feira de Santana, Itabuna e Ilhéus, segundo afirmou o Sindicato.

Ainda conforme informações divulgadas pelo Sincotelba, na capital e no interior são mais de 80 agências, que atuam como banco postal e estão sem vigilante. Dessa forma, a falta de segurança implica na manutenção das atividades.

Ônibus voltam a circular em Conquista depois de paralisação no início da manhã

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte, Vit. da Conquista | Data: 30 jun 2017

Tags:, ,

Da Redação


Nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (30), Vitória da Conquista amanheceu sem ônibus. A situação se deu em decorrência da greve geral, que contou com a adesão de algumas categorias na cidade.

Apesar dos rodoviários não aderirem a paralisação, muita gente ficou sem poder se locomover devido à mobilização de outras categorias. Na porta da garagem da Cidade Verde, por exemplo, um veículo pertencente ao Sindicato dos Bancários foi colocado como barreira para os ônibus não saírem.

Na metade da manhã, no entanto, os veículos que realizam o transporte coletivo na cidade começaram a circular normalmente.

Universidades Estaduais paralisam nesta terça; aulas serão suspensas na Uesb

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 29 maio 2017

Tags:, ,

Da Redação


Professores e servidores das quatro universidades estaduais baianas (Ueba), inclusive da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) vão paralisar as atividades nesta terça-feira (30). De acordo com as informações divulgadas, o ato é em defesa dos direitos trabalhistas e da educação superior pública de qualidade.

Durante a paralisação, os portões das universidades serão fechados as atividades acadêmicas e administrativas serão suspensas.  Como parte da mobilização, em Vitória da Conquista, será realizado um ato público e panfletagem na Avenida Olívia Flores, em frente ao Colégio Modelo, pelos docentes da Instituição. A concentração será às 9 horas no Posto Pantanal. Em Itapetinga, será realizada uma atividade em frente aos portões do campus, a partir das 8 horas. As atividades em Jequié ainda serão divulgadas.

“Os ataques à autonomia universitária, sobretudo do ponto administrativo, o contingenciamento de recursos e o represamento de direitos trabalhistas se somam ao conjunto de medidas que atentam contra a existência das universidades públicas. Os servidores públicos já amargam um arrocho salarial de quase 20% e, apesar do governo Rui Costa afirmar que o estado se encontra em situação fiscal favorável, o mesmo já ameaça aumentar a contribuição previdenciária de 12% para 14%, o que aumentaria as perdas salariais para 22%.

Os estudantes ainda sofrem com a falta de uma política de permanência que garanta a construção e melhoria dos restaurantes, residências e creches universitárias. Estas ações não são contempladas no projeto assistencialista proposto pelo Programa Estadual de Permanência Estudantil, implementado sem um diálogo efetivo com os discentes”, afirma a nota divulgada pela Associação dos Docentes da Uesb (Adusb), sobre os motivos da paralisação.

Alunos da Uesb ficam sem aulas nos três campi da Universidade

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação | Data: 23 maio 2017

Tags:, ,


Da Redação


Nesta terça (23), teve início a paralisação do professores da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb). Por conta da suspensão das atividades da categoria, mais de 12 mil alunos estão sem aula nos três campi da Instituição: Jequié, Itapetinga e Vitória da Conquista. Já as atividades administrativas estão funcionando normalmente.

Conforme a categoria, a paralisação segue nestas quarta e quinta, 24 e 25 de maio, respectivamente,  e também no dia 30 de maio, próxima terça-feira. Segundo o site oficial da Associação dos Docentes da Uesb (Adusb), nos três primeiros dias, a paralisação é em consonância com a pauta nacional do #OcupaBrasília.

No dia 24, os professores irão participar de uma caravana para Brasília para pedir a saída do presidente Michel Temer e para protestar contra as Reformas da Previdência e Trabalhista e a Lei da Terceirização. Já no dia 30 de maio, a paralisação tem como objetivo pressionar o Estado a negociar com os professores. De acordo com os docentes, sem o pagamento do reajuste linear nos anos de 2015, 2016 e 2017, as perdas inflacionárias acumuladas já chegam a quase 20%.