Pastor Edimar é solto novamente

0

Publicado por Editor | Colocado em Polícia, Vit. da Conquista | Data: 14 jul 2018

Tags:

Da Redação


Na última quinta (12), o Pastor Edimar da Silva Brito foi novamente solto por determinação do desembargador Nilson Castelo Branco, da Primeira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia, em Salvador, que deferiu pedido de liminar em Habeas Corpus e determinou novamente a sua soltura. Dessa vez, o acusado de ser o mandante dos assassinatos de Marcilene Oliveira Sampaio e da sobrinha dela, Ana Cristina Santos Sampaio, ficou 17 dias presos.

O Pastor Edimar da Silva Brito, apresentou-se na cidade de Itabuna, no dia 25 de junho, em cumprimento da decisão do Juiz de Direito Reno Viana Soares, da Vara do Júri e Execuções Penais de Vitória da Conquista, que decretou novamente a sua prisão preventiva e também a do Pastor Fabio de Jesus Santos e do vigilante Adriano Silva dos Santos, acusados de participarem do crime. A decisão de pronúncia determinou que todos eles sejam julgados pelo Tribunal do Júri.

Com a soltura do pastor Edimar, apenas o vigilante Adriano Silva dos Santos continua preso em Vitória da Conquista. O pastor Fábio já havia sido solto no fim do mês de junho.