Petrobras anuncia queda no preço da gasolina

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 12 jun 2018

Tags:,

 

Da Redação

 

As alterações nos preços dos combustíveis pelo pais continua. A Petrobras anunciou que, com o reajuste que entrará em vigor na quarta-feira, 13, o preço médio do litro da gasolina ‘A’ sem tributo nas refinarias será de R$ 1,9664, com queda de 1,05% em relação à média atual de R$ 1,9873. Já o preço do diesel segue congelado em R$ 2,0316.

 

 

Petrobras reduz preço da gasolina comercializada nas refinarias

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 04 jun 2018

Tags:,

Da Redação

Fonte: G1

Os altos e baixos nos preços dos combustíveis  continua no pais. Foi anunciado nesta segunda-feira (4), pela  Petrobras a redução 0,68% no preço da gasolina comercializada nas refinarias. Com a alta, o litro da gasolina nas refinarias passará de R$ 2,0113 para R$ 1,9976, a partir desta terça-feira (05).

O corte acontece após 2 altas seguidas. No sábado, a estatal tinha elevado o preço da gasolina em 2,25%, após um aumento de 0,74% anunciado na quarta-feira (30). Desde o início de maio, já foram anunciadas 14 altas e 7 quedas no preço da gasolina. Em 1 mês, o combustível acumula alta de 11,64% nas refinarias.

Preço de venda da gasolina e diesel nas refinarias é reduzido pela Petrobras

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, transporte | Data: 23 maio 2018

Tags:,

 

Da Redação

Foi anunciado na manhã desta quarta-feira (23) , pela Petrobras um novo reajuste no preço dos combustíveis nas refinarias. O preço do litro da gasolina baixou 0,62%, passando de R$ 2,0433 para R$ 2,0306. Já o do diesel caiu 1,14%, de R$ 2,3351 para 2,3083.

Na véspera, a estatal já tinha reduzido os preços, depois de sucessivas altas que geraram protestos de caminhoneiros e discussões entre a petroleira e o governo. Os cortes foram motivados pela queda da cotação do dólar, segundo o presidente da Petrobras, Pedro Parente.

Na minimizar a escalada nos preços, o governo anunciou que vai reduzir os impostos sobre os combustíveis. No caso do diesel, a proposta é zerar a cobrança da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide). Também está em estudo a redução das alíquotas do PIS-Cofins tanto para o diesel quanto para a gasolina. Para compensar a perda na arrecadação, o Congresso concordou em aprovar o projeto de reoneração da folha de pagamentos das empresas.

 

Gasolina e diesel ficaram ainda mais caros neste ultimo sábado (21); Confira o reajuste

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 23 abr 2018

Tags:, , ,

 Da Redação

Foi anunciado pela Petrobras neste sábado (21), mais um reajuste nos preços da gasolina e do diesel, ambos ficam mais caros  nas distribuidoras.

Só neste mês, o valor do litro dos combustíveis já foi reajustado mais de 10 vezes, o que não deixa o consumidor muito feliz. O Diesel subiu R$ 0,0223/litro e Gasolina R$ 0,0192/litro. Passando a custar  R$ 1,7199 para R$ 1,7391, a gasolina. E o  diesel de  R$ 1,9822 para R$ 2,0045.

A gasolina e o diesel comercializados para as distribuidoras nas refinarias são do tipo A. Os produtos vendidos ao consumidor final, nas bombas dos postos, são uma composição que mistura esses combustíveis do tipo A com biocombustíveis. Os preços médios divulgados pela Petrobras para as refinarias também não contabilizam a incidência de tributos.

Gás de cozinha deve ficar mais barato a partir de hoje (05)

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Economia | Data: 05 abr 2018

Tags:, , ,

Da Redação

Mais economia para o seu bolso,  o GLP ou  gás de cozinha deve ficar mais barato a partir desta quinta-feira (05). O preço foi reduzido pela Petrobras nas distribuidoras e o botijão de 13 quilos ficará R$ 1,03 mais barato. O botijão, que antes custava R$ 23,16, custará R$ 22,13. Essa redução não leva em consideração os tributos e a margem de lucro na comercialização do produto.

De acor com a Petrobras, o preço de venda para distribuidoras não é o único determinante do preço final ao consumidor. A empresa informou que, como a lei brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, as revisões feitas pela Petrobras podem ou não se refletir no preço final, que incorpora impostos e repasses dos demais agentes do setor de comercialização, como distribuidores e revendedores.

O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo( Sindigás),  informou  por meio de nota ,que as empresas filiadas à entidade foram comunicadas na quarta-feira (4) sobre os novos valores para os botijões de até 13 kg.

Aumento nos preços do diesel e da gasolina nas refinarias é anunciado pela Petrobras

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 26 mar 2018

Tags:, , ,


Da Redação

Foi anunciado nesta segunda-feira (26), pela Petrobras no Rio de Janeiro, o  aumento  do preço praticado nas refinarias para o “diesel A” e para a “gasolina A”. Os valores entrarão em vigor no dia 27 de março.

O reajuste  para o diesel, foi 1,213%, passando de R$1,8475 na sexta-feira para R$1,8702. Nos reajustes anteriores, o diesel tinha diminuído 0,487%, depois de aumento de 2,068% na quinta-feira.

A aumento na gasolina foi de  0,761% em uma sequência de cinco aumentos. Na quinta-feira foi anunciada majoração de 0,92%, no valor de R$1,6404. No anúncio de sexta-feira a tarifa passou para R$1,6431, com aumento de 0,164%.

De acordo com  a Petrobras, o preço cobrado pela estatal corresponde a 46% da composição do preço ao consumidor do diesel. Na gasolina, o percentual da empresa é 27%.

Valor da gasolina deve ficar mais barato

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 29 ago 2017

Tags:,

Da Redação


A Petrobras vai reduzir os preços nas refinarias da gasolina em 1,1% e elevar o do diesel 0,5% a partir da quarta-feira (30). Com a nova política de revisão de preços, a petroleira espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

A notícia deve animar os motorista, já que o valor do combustível deve cair pais um pouco. Nesta semana, em Vitória da Conquista, já foi registrada uma queda no preço da gasolina. Em alguns postos, o litro do combustível já pode ser encontrado quase 0,10 centavos mais barato.

Por outro lado, com o novo sistema da Petrobrás, o valor dos combustíveis irá variar bastante. Conforme a empresa, em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, agora a Petrobrás está avaliando todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente. Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais.

Petrobras reduz preço da gasolina em 5,4% e do diesel em 4,8%

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 26 fev 2017

Tags:, , , ,

Redação

A Petrobras decidiu reduzir o preço do diesel nas refinarias em 4,8%, em média, e da gasolina em 5,4%, em média. Os novos valores anunciados na noite da sexta-feira (24) começaram a ser aplicados ontem.

Se o ajuste for integralmente repassado e não houver alterações nas demais parcelas que compõem o preço ao consumidor final, o diesel pode cair 3% ou cerca de R$ 0,09 por litro, em média, e a gasolina 2,3% ou R$ 0,09 por litro, em média.

Edson Fachin assume como novo relator da Lava Jato no lugar de Teori Zavascki

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 02 fev 2017

Tags:, , , ,

Da Redação

O ministro Edson Fachin foi o nome definido por sorteio eletrônico, feito nesta quinta-feira (2), para assumir a vaga de relator da Operação Lava Jato, após a queda do avião que causou a morte do ministro Teori Zavascki, e antigo relator, no dia 19 de janeiro.

Os ministros da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) participaram do sorteio, a exemplo de Celso de Mello, Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski. O ministro Fachin não fazia parte dessa Turma, mas foi transferido antes do sorteio. A Segunda Turma do STF é responsável por examinar inquéritos e recursos referentes ao esquema de corrupção na Petrobrás.

Até o momento, 40 inquéritos e aproximadamente 100 delações premiadas estão em execução no STF. Em sua função, Fachin tem o poder de arquivar um pedido de inquérito, encerrar investigações e avaliar até que ponto a vida de um investigado poderá ser invadida.

Petrobras nega que faltará combustível na Bahia

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 01 out 2016

Tags:,

A Tarde

650x375_combustivel_1671014
A Petrobras negou, nesta sexta-feira, 30, que vá faltar combustível na Bahia. A informação sobre o desabastecimento foi levantada pelo Sindicato dos Revendedores de Combustíveis da Bahia (Sindicombustíveis) na quinta-feira, 29.

Segundo o sindicato, a situação ocorreria devido à uma pane elétrica na Refinaria Landulfo Alves. “Estamos preocupados. Se as distribuidoras não regularizarem o abastecimento entre hoje e amanhã, vai faltar produto”, disse o presidente do sindicato, José Augusto Costa.

Por meio de nota, enviada ao Portal A TARDE, a Petrobras confirmou a pane elétrica na refinaria, mas afirma que medidas foram tomadas para sanar o problema. “Na última terça-feira (27/09) houve uma falha no alimentador elétrico que supre o sistema de bombeio dos derivados produzidos na Refinaria Landulpho Alves (Rlam) para as distribuidoras. Imediatamente, a Rlam montou um sistema alternativo com geradores elétricos para realizar bombeio de forma temporária”, informa a nota.

Ainda segundo a Petrobras, desde a quinta, os bombeiros dos principais produtos como óleo combustível, diesel, gasolina e Gás Natural Liquefeito (GNL), foram normalizados. E que nesta sexta-feira, 30, o bombeio de todos os demais produtos será normalizado.

Lula comandou esquema de corrupção na Petrobras, diz Lava Jato

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 14 set 2016

Tags:, ,

Folha de S. Paulo

img_8211

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi denunciado na tarde desta quarta-feira (14) pela força-tarefa da Lava Jato sob acusação de comandar o esquema de corrupção na Petrobras e atuar, junto com a empreiteira OAS, no desvio de ao menos R$ 87,6 milhões da estatal.

“Sem o poder de decisão de Lula, esse esquema seria impossível […] Lula era o maestro dessa grande orquestra concatenada para saquear os cofres públicos”, declarou o procurador da República Deltan Dallagnol, durante coletiva de imprensa.

Na denúncia, o petista é acusado de corrupção passiva e de lavagem de dinheiro, que teria sido feita em parceria com Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS. A acusação pede à Justiça que Lula devolva esses R$ 87,6 milhões, que teriam sido desviado de contratos da empreiteira com a Petrobras e revertidos em propinas.

O próprio ex-presidente da República teria, segundo a denúncia, recebido R$ 3,7 milhões em vantagens indevidas da empresa.

Parte do valor, segundo os procuradores, está relacionada ao caso do tríplex em Guarujá, no litoral de São Paulo: R$1,1 milhão teriam sido usados para comprar o apartamento, mais R$ 926 mil para reformá-lo e R$ 350 mil para instalar equipamentos de cozinha na unidade. A OAS ainda teria pago R$ 1,3 milhão para armazenar bens de Lula depois que deixou a Presidência. …Leia na íntegra

Dinheiro desviado da Petrobras foi fundamental para eleição de Wagner em 2006, diz Cerveró

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 03 jun 2016

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais

IMG_0768

Uma reportagem do jornal O Estado de S. Paulo, desta sexta-feira (3), traz detalhes da delação premiada do ex-diretor da Petrobrás Nestor Cerveró. Em seu depoimento para a Operação Lava Jato, Cerveró afirmou que a campanha de governador da Bahia em 2006 do ex-ministro Jaques Wagner (PT) recebeu recursos da comercialização de petróleos e derivados no mercado internacional por intermédio do ex-presidente da estatal José Sérgio Gabrielli.

Na delação, o ex-diretor da Petrobrás garante que o dinheiro recebido por Jaques Wagner foi fundamental para garantira a sua primeira eleição como governador. “Em 2006 Jacques Wagner era o azarão, o terceiro colocado nas pesquisas de intenção de voto para o governo da Bahia. O apoio financeiro dado por Gabrielli foi o que permitiu Jacques Wagner vencer a eleição, contra os prognósticos iniciais”, afirmou Cerveró, em seu termo de colaboração 31, fechado com a Procuradoria Geral da República e tornado público nesta quinta-feira, 2, por ordem do ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal.

Cerveró apontou, ainda, que Wagner “teve participação decisiva na indicação de Gabrielli para a presidência da Petrobrás”. “Ambos integravam a chamada ‘República dos Caranguejos’, ao lado de Marcelo Déda (governador de Sergipe, morto em 2013) e Humberto Costa (senador de Pernambuco).” – todos membros do PT. “Houve uma disputa grande para o cargo. O nome de Gabrielli foi apoiado pela ‘República dos Caranguejos”, contou o delator. …Leia na íntegra

Corrupção na Petrobras é o segundo maior do mundo, aponta ONG alemã

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Mundo | Data: 11 fev 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

650x375_petrobras-vagas-inscricoes-concursos_1483005

A organização não governamental Transparência Internacional, instalada na Alemanha, elegeu o esquema de propinas instalado na Petrobras entre 2004 e 2014 como o segundo maior caso de corrupção do mundo. A ONG promoveu uma votação de âmbito internacional pela internet sobre os 400 episódios mais importantes da corrupção.

Com 11.900 votos, a Petrobras pegou o segundo posto, ficando atrás apenas de Viktor Yanukovych, ex-presidente da Ucrânia (2010/2014), merecedor de 13.210 votos. O esquema na Petrobras, desmontado na Operação Lava Jato, supera, na avaliação dos entrevistados, outros capítulos marcantes de fraudes, como o caso Fifa (1.844 votos) e o do ex-presidente panamenho Ricardo Martinelli (10.166 votos), acusado pelo desvio de US$ 100 milhões. Martinelli encerrou a votação da Transparência em terceiro lugar.

PF pede ao Supremo para ouvir Lula, suspeito de ter se beneficiado do petrolão

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 11 set 2015

Tags:, , , ,

banner_shop_05

Pedido está amparado em depoimentos do doleiro Alberto Youssef, do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e do ex-gerente da estatal Pedro Barusco

Revista Veja (online)

Por: Laryssa Borges e Marcela Mattos, de Brasília

Pixuleco, boneco inflável do ex-presidente Lula
PIXULECO – Polícia Federal opede ao Supremo Tribunal Federal para ouvir o ex-presidente Lula no inquérito do petrolão(Ueslei Marcelino/Reuters)

A Operação Lava Jato da Polícia Federal nunca esteve tão perto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Documento assinado pelo delegado Josélio Azevedo Sousa solicita ao Supremo Tribunal Federal (STF) que o ex-presidente seja ouvido nas investigações do propinoduto armado para assaltar a Petrobras.

Conforme o documento, o ex-presidente pode ter sido “beneficiado pelo esquema em curso na Petrobras, obtendo vantagens para si, para seu partido, o PT, ou mesmo para seu governo”. O pedido da Polícia Federal é em parte amparado nos depoimentos do doleiro Alberto Youssef, do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa e do ex-gerente de Engenharia da estatal Pedro Barusco. O primeiro passo do Supremo agora será submeter o pedido à análise do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Além de Lula, a Polícia Federal pede para que sejam ouvidos, entre outros, os ex-presidentes da Petrobras José Sergio Gabrielli e José Eduardo Dutra, o ex-tesoureiro da campanha de Dilma em 2010 José de Filippi Junior, os ex-ministros Ideli Salvatti, Gilberto Carvalho e o ex-chefe da Casa Civil José Dirceu, ele próprio um dos presos pela Operação Lava Jato. No caso de Gabrielli, a PF chega a dizer que “é improvável que um esquema dessa envergadura funcionasse sem o conhecimento e a anuência do responsável máximo da companhia”. …Leia na íntegra

Custo ladroagem!

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 24 abr 2015

Tags:, ,

 

 

Charge do Duke, via O Tempo.

Josias de Souza (postagem)

STF nega desbloqueio de bens de Gabrielli e ex-dirigentes da Petrobras

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 24 mar 2015

Tags:, , ,

do G1

img_2015A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) negou terça-feira (24) um pedido de desbloqueio de bens do ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli e de outros cinco ex-gestores da estatal. A decisão mantém uma medida tomada em julho do ano passado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) relativa a prejuízo causado pela compra, iniciada em 2006, da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos.

Além de Gabrielli, permanecerão com os bens bloqueados os ex-dirigentes Nestor Cerveró, Renato Duque, Almir Barbassa, Guilherme Estrella e Luís Carlos Moreira Silva. Todos são suspeitos de colaborarem para um rombo de US$ 792,3 milhões, conforme auditoria realizada pelo TCU.

Bancada de oposição endurece o jogo e afirma que ‘Petrolão’ é uma vergonha

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 18 mar 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais
foto: Ascom Câmara

oposição

Durante a Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Vitória da Conquista (CMVC), na manhã desta quarta-feira (18), os vereadores que compõem a bancada de oposição demonstraram que realmente estão dispostos a unificar o discurso. De forma estratégica os parlamentares focaram nas manifestações do último dia 15 de março contra as denúncias de corrupção envolvendo o Governo Federal.

O vereador Álvaro Pithon (DEM) afirmou que a população de Vitória da Conquista e de todo o Brasil deu um importante passo ao ir às ruas com bandeiras e faixas de protesto contra a corrupção e contra o ajuste fiscal. Pithon disse estar assustado com o desenrolar da operação Lava-Jato, envolvendo a Petrobras, empreiteiras, políticos e o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto. “Segundo estimativas da Justiça, o rombo da Petrobras é o maior assalto aos cofres públicos do Brasil. Foram mais de R$ 88 bilhões tirados dos cofres da empresa para sustentar o projeto de poder do PT”, disse o parlamentar.

Já o vereador Edjaime Rosa – Bibia (PSDB) reforçou o discurso da oposição defendendo a punição dos envolvidos no escândalo de corrupção da Petrobrás. “Quem defende a corrupção tira o pão do trabalhador”. Indignado com os depoimentos dos envolvidos no escândalo da Petrobrás, exibidos pelo Jornal Nacional, Bibia afirmou que participou da manifestação e participará “quantas vezes for preciso, de manifestações respeitosas como essa, onde participaram pais de família, crianças e trabalhadores honestos”.

Por fim, Hermínio Oliveira (SD) disse que o correto é “colocar nos ministérios e cargos de confiança pessoas que tenham passado limpo, caráter, ética e dignidade. Devem ser técnicos e não por indicação política”. O parlamentar também defendeu uma reforma política, mas “com austeridade”. “Sou contra o financiamento de campanha com o dinheiro público”, completou. Hermínio finalizou lembrando que o atual vice-governandor da Bahia, João Leão (PP), é um dos citados em delações na Operação Lava Jato. “[Ele] deveria respeitar a Bahia, ter vergonha na cara”.

Reciclagem!

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 14 mar 2015

Tags:, ,

 

– Via Nani.

STF libera lista de políticos investigados na Lava-Jato

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 06 mar 2015

Tags:,


Correio Braziliense

O Supremo Tribunal Federal (STF) divulgou nesta sexta-feira (5/3) a lista de nomes de políticos e demais investigados na Operação Lava-Jato pela Procuradoria-Geral da República (PGR) (confira no fim do texto). A relação revela que são investigados por suspeita de envolvimento em casos de corrupção na Petrobras os presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Além deles, também constam da lista os senadores Fernando Collor (PTB-AL), Humberto Costa (PT-PE), Lindbergh Farias (PT-RJ), Antonio Anastasia (PSDB-MG) e Edison Lobão (PMDB-MA), além dos deputados Nelson Meurer (PP-SC), Eduardo da Fonte (PP-PE) e Simão Sessim (PP-RJ).

A divulgação dos políticos investigados acontece três dias depois de o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pedir a abertura de 28 inquéritos contra 54 pessoas – 45 parlamentares. Ele ainda solicitou o arquivamento de mais sete investigações sobre políticos citados em delações premiadas do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e do doleiro Alberto Youssef, entre eles os senadores Aécio Neves (PSDB-MG), Delcídio Amaral (PT-MS) e o ex-deputado federal Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN).

Na quarta-feira, o ministro do STF Marco Aurélio Melo havia dito que a divulgação era necessária. “Enquanto tiver sigilo, inclusive quanto aos nomes, a suspeição recairá sobre todos os políticos”, disse. “Tem que abrir.”

Inquéritos

Renan Calheiros
Anibal Gomes
Edison Lobão
Roseana Sarney
João Pizzolatti
Lindbergh Farias
Vander Loubert
Cândido Vaccarezza
Gleisi Hoffmann
Humberto Costa
Simão Sessin
Arthur Lyra
Benedito Lyra
José Mentor
Eduardo Cunha
José Otávio Germano
Luiz Fernando Faria
Roberto Coutinho
Nelson Meurer
Eduardo da Fonte
Agnaldo Ribeiro
Aline Correa
Carlos Magno
Ciro Nogueira
Dilceu Sperafico
Gladson Camelli
Gerônimo Pizzolotto
João Felipe Leão
Luiz Argolo
Sandes Júnior
Afonso Ham
José Linhares
José Olímpio Silveira
Lázaro Botelho
Mário Negromonte
Pedro Corrêa
Pedro Henry
Renato Molling
Renato Balestra
Romero Jucá
Valdir Raupp
Vilson Covatti
Waldir Maranhão
Fernando Collor
Antonio Anastasia

Governo não terá maioria na CPI da Petrobras

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 26 fev 2015

Tags:, ,

por Mateus Novais

camara-dos-deputadosA Câmara instala nesta quinta-feira, 26, a comissão parlamentar de inquérito que vai investigar o esquema de corrupção envolvendo a Petrobras. Apesar do PT vai ocupar a relatoria da CPI, o ambiente está desfavorável ao governo. O clima entre os deputados é tenso e a composição está relativamente equilibrada entre governistas e oposicionistas.

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, a CPI será instalada em meio a uma base aliada desarticulada e na iminência dos pedidos da Procuradoria-Geral da República de investigação ou mesmo denúncias contra os parlamentares. Um levantamento feito pelo jornal aponta que, dos 27 integrantes da CPI, 12 apoiaram Dilma Rousseff (PT) nas eleições presidenciais de 2014 e nove apoiaram o senador Aécio Neves (PSDB). Os outros cinco restantes devem manter uma postura independente, discurso também compartilhado pelos aliados do Planalto. …Leia na íntegra