Vitória da Conquista e Feira de Santana se posicionam contra Policlínica do PT na Bahia

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Saúde, Vit. da Conquista | Data: 27 dez 2018

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

da Redação 

O PT entrou em desespero. Temia perder a eleição para ACM Neto, e lançou as Policlínicas, diz Herzem

Entrevistado ontem no programa Sudoeste Hoje, da Rádio Clube FM (95,9), o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins (MDB), criticou a forma como vem atuando a Policlínica do Governo da Bahia que foi implantada este ano em seu município.

O prefeito de Feira ainda lembrou que: (…) Aqui em Feira de Santana o Governo do Estado paga R$ 340 mil por mês de manutenção. O segundo quem paga é Feira de Santana, R$ 215 mil, que pagava né”, disse Colbert, ao lamentar que municípios que pagam valores bem inferiores têm mais força do que Feira nas decisões.

Visita

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins, virá a Vitória da Conquista em apoio a decisão do prefeito Herzem Gusmão, em não aceitar nenhum tipo de pressão.

Colbert disse ontem a Washington na Clube FM o que eu venho sustentando. “Essas Policlínicas não funcionam como deveria, e sangram os cofres públicos com atendimento pífio. A partidarização do PT ficou provada em ano de eleição com verdadeiros showmícios”, disse Herzem Gusmão.

O prefeito de Conquista, ainda sobre as Policlínicas, sustenta que Rui Costa (PT) temia perder as eleições para ACM Neto (DEM) e lançou as Policlínicas açodadamente. “O PT entrou em desespero. Temia perder a eleição para ACM Neto, e lançou as Policlínicas investindo cachês milionários para inaugurá-las”, completou Herzem.