Câmara de Vereadores exige da Coelba mais pontos para pagamento de contas de energia

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 27 jun 2018

Tags:, , ,

da Redação
Com informações da Ascom

Grande transtorno vem causando a Coelba com o fim da parceria com a Caixa Econômica Federal que permitia o pagamento de contas de energia elétrica em Casas Lotéricas em Vitória da Conquista.

Em  reunião com vereadores que ocorreu na última segunda-feira (25),  a Coelba informou da ampliação de postos de atendimento credenciados. Esses postos ainda estão longe de atender a população da terceira maior cidade da Bahia.

São filas que representam dor de cabeça para o consumidor que perdeu os pontos antes credenciados nas lojas lotéricas.

Prefeitura/Procon

A Prefeitura de Vitória da Conquista, através da PGM – Procuradoria Geral do Município, está vigilante com o Procon, para que a Coelba não interrompa fornecimento de energia elétrica por falta de pagamento.

A empresa terá que compreender o momento que representa dificuldades de domínio público para quitação de contas de energia elétrica na cidade.

Distribuição de boxes na Feira do Paraguai: Presidente do Sindicato diz que não quer ‘entrar na polêmica’

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 26 fev 2013

Tags:, , , ,

Por Rodrigo Ferraz e Mônica Cajaíba

cdl_gov.ba_sindsacApós denúncia da Câmara de Dirigentes Lojistas de Vitória da Conquista (CDL), quanto a distribuição dos novos boxes na Feira do Paraguai, a nossa reportagem entrou em contato com o presidente do Sindicato dos Sacoleiros, Ambulantes e Camelôs – SINDSAC, Valdemir Pereira (Sky).

O representante da entidade revelou que não foi comunicado sobre a distribuição dos ‘pontos’ no local e que preferiu não entrar na polêmica.

“Infelizmente não estamos tendo o apoio dos ambulantes e camelôs quanto ao sindicato. Prefiro não me manifestar sobre o assunto, até porque a distribuição dos novos boxes foi de responsabilidade da prefeitura”.

Ainda durante a conversa, o presidente revelou que não sabe se os ‘pontos’ foram cedidos por um vereador, como revelou Marcos Alberto, responsável pela CDL em entrevista concedida ontem (segunda-feira) ao programa Resenha Geral.