Protesto contra falta d’água fecha a Av. Siqueira Campos

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 19 nov 2014

Tags:, ,


por Mateus Novais

DSC_1536Moradores de cinco bairros de Vitória da Conquista fecharam o trecho da Avenida Siqueira Campos, em frente a Embasa, em protesto contra a falta de água. Segundo os manifestantes, o Jardim Valéria, Copacabana, Morada Nova e Santa Terezinha estão há 30 dias com os reservatórios vazios.

O protesto se iniciou após um grupo de moradores não conseguirem ser atendidos por nenhum funcionário da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). “No momento, não tinha ninguém para atender a gente. Quando viram que paramos o trânsito, chamaram a polícia. Aí a polícia conseguiu falar com um deles e chamaram três da gente para conversar lá dentro”, contou a moradora do jardim Valéria, Lília Araújo.

“Tem oito dias que eu não lavo pratos. Estamos indo para o trabalho para tomar banho ou pra casa dos vizinhos distantes para tomar banho. Eu pegava água na casa dos vizinhos, mas agora ninguém tem mais. Não posso cozinhar, filhos e netos não tomam banho, porque a Embasa não dá uma solução para a gente. O Patagônia, que não é tão distante do Jardim Valéria, tem água, mas a gente não tem”, afirmou Dona Lília.

A moradora também se queixou do atendimento que é oferecido à população pela Embasa. Segundo Dona Lília, não há um canal de comunicação eficiente. “Não atende telefone, quando atende é o telefone de Salvador, não é o daqui. Vem aqui, pergunta alguma coisa para o atendente, eles respondem na maior ignorância, inclusive com os idosos”, completou.

Comerciantes da Yolando Fonseca protestam contra esgoto a céu aberto

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 19 nov 2014

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

IMG_5540

O canal de drenagem do Rio Verruga, que passa pela Avenida Yolando Fonseca, no bairro Jurema, é mais uma vez alvo de protesto de comerciantes. Na manhã desta quarta-feira (19), a Associação de Corretores de Veículos do São Vicente se uniu ao Movimento Contra a Morte Prematura para pedir providências à Prefeitura.

De acordo com os comerciantes, “o odor exalado pelo canal é muito forte, ficando impraticável trabalhar no local”. Ao lado do canal, funcionam nove lanchonetes, dois restaurantes (inclusive o Restaurante Popular) e o ponto de vendas de veículos, conhecido como “Pedra”. Além disso, é onde está localizada a entrada principal do Hospital SAMUR.

O canal foi construído para desviar as águas do Rio Verruga, mas é utilizado como escoamento de esgoto residencial.

Recentemente a Prefeitura anunciou obras de isolamento do canal de drenagem. A primeira etapa do serviço, a limpeza, foi iniciada, mas até o momento não deram continuidade nos demais serviços.

Há 10 dias sem água, moradores do Patagônia e Kadija protestam

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 05 nov 2014

Tags:, , , ,

por Mateus Novais
imagem de celular

protestoAlguns moradores dos bairros Patagônia e Kadija se reuniram para protestar contra a falta d’água na localidade. Segundo os manifestantes, não cai água nos tanque há cerca de dez dias. Com baldes nas mãos e objetos improvisados de barricadas, os moradores bloquearam por quase 30 minutos a rua em frente ao Hospital Esaú Matos, que, segundo os manifestantes, está sendo abastecido por caminhões pipa.

Na tarde desta quarta-feira (5), a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) emitiu comunicado informando que o abastecimento na região está sendo normalizado gradativamente, com o sistema operando normalmente.

“A situação de desabastecimento em algumas ruas ainda é reflexo dos problemas de fornecimento de energia elétrica ocorridas com frequência desde a semana passada, e que afetaram o funcionamento do sistema de abastecimento, diminuindo a pressão em vários pontos da rede distribuidora. Técnicos da empresa acompanham de perto o processo de regularização do abastecimento na região, com a realização de ações em campo.”, diz a nota.

Protesto de estudantes: terminal tem movimento tranquilo

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 05 nov 2014

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_1236

No primeiro dia de reajuste da tarifa do transporte coletivo, o Terminal de Ônibus da Avenida Lauro de Freitas tem um começo de manhã normal. O protesto contra o aumento da passagem, agendado pelos estudantes para às 8h desta quarta-feira (5), não aconteceu.

Os estudantes de várias instituições de ensino de Vitória da Conquista marcaram o protesto durante uma reunião, na última segunda. No encontro, os estudantes definiram como ponto de pauta a imediata revogação do reajuste da passagem, melhorias no terminal de ônibus do centro e implantação do passe livre.

Os estudantes prometeram ir às ruas e bloquear o Terminal da Lauro de Freitas. O protesto, segundo informou os estudantes, também iria ao prédio da Prefeitura Municipal. A tarifa de ônibus subiu de R$ 2,10 para R$ 2,40; reajuste de mais de 14%.

Belo Campo: população vai às ruas pedindo paz

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Sudoeste | Data: 31 out 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

PROTESTO BELO CAMPO

Moradores do município de Belo Campo (a 60 km de Vitória da Conquista) saíram às ruas da cidade em uma mobilização contra a violência. Na última semana, a morte de dois homens chocou a população local.

IMG_8220Com cartazes em mãos, mais de mil pessoas fizeram uma caminhada buscando chamar a atenção do poder público para a situação do município. A delegacia da cidade está desativada desde 2009, sem nenhum delegado. A segurança local é feita por dois policiais militares em cada turno. O que torna ainda maior a sensação de insegurança nos 18 mil habitantes de Belo Campo.

Os moradores afirmam que os índices de violência vêm aumentando consideravelmente. Lindomar Jardim, um dos organizadores do ato, denuncia que “traficantes estão aliciando adolescentes, com isso, muitos assaltos estão acontecendo”. Na última semana um comerciante, conhecido como Edgar da Farinha, foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte) e outro morador do povoado de Lagoa Suja foi espancado durante um assalto.

A mobilização, que teve apoio da Polícia Militar, percorreu as principais ruas de Belo Campo, passando pela porta da Câmara de Vereadores, Fórum e Prefeitura. “Na garganta de todo belocampense ecoa o grito de paz. A população de Belo Campo pede socorro”.

Por asfalto, moradores do Bela Vista interditam corredor de ônibus

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 08 out 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_0339

Moradores do bairro Bela Vista, em Vitória da Conquista, interditaram parte da Avenida Laura Nunes em protesto por asfaltamento. Os populares utilizaram manilhas da rede de esgotamento para bloquear uma das principais vias do bairro.

DSC_0341Faixas foram afixadas nos postes da avenida com os seguintes dizeres: “Senhor prefeito, quando será concluído o asfalto da Laura Nunes” e “O corredor de ônibus, quando será asfaltado?”.

Embasa diz que abastecimento de água no Patagônia está sendo regularizado

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 04 set 2014

Tags:, , ,

por Mateus Novais

DSC_0608Em resposta aos protestos dos moradores do bairro Patagônia, a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) emitiu nota informando que uma falha no fornecimento de energia elétrica na estação de tratamento comprometeu o abastecimento de água. O defeito teria ocorrido último fim de semana.

Segundo a nota, “o abastecimento de água está sendo regularizado gradativamente após a recuperação dos equipamentos afetados. (…) Neste momento, trabalham com potência máxima”.

A Embasa afirma que a rede que foi afetada atende aos bairros Patagônia, Kadija, Cidade Modelo, Campinhos, Simão, Santa Terezinha e Jardim Valéria. “Por conta disso, algumas ruas ainda estão em processo de regularização”, diz a empresa.

Moradores do Patagônia iniciam protestos por falta d’água

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 03 set 2014

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_0608

Os moradores do bairro Patagônia iniciaram um protesto por problema de abastecimento de água, na noite desta quarta-feira (3). Populares fizeram uma caminha pela Avenida Paraná, impedindo a passagem de veículos. Segundo os populares, há cerca de quase 20 dias não cai água em quatro quarteirões da comunidade.

DSC_0621Um dos moradores, o senhor Nilson Souza (foto), afirmou que desde o racionamento, no segundo semestre de 2013, não é normalizado o abastecimento no local. “De lá pra cá, eles nunca conseguiram resolver o problema, muito menos agora. Eu já fui lá, identifiquei com os funcionários da Embasa (Empresa Baiana de Águas e Saneamento) no mapeamento nossa região e, até agora, eles não fizeram nada.”, disse Souza.

A falta d’água por tanto tempo gerou um sentimento de revolta nos moradores do bairro. “Nós não somos piores que nenhum outro bairro, do mesmo jeito que eles pagam suas contas nós pagamos e temos o direito de ter água em nossas torneiras. Tem gente que fica acordado de madrugada tentando aparar água ao menos para beber e, mesmo assim, tem dia que não cai.”, finalizou seu Nilson.

As principais ruas atingidas pela falta de água são a Paramirim, Florianópolis, Rio Grande do Sul, Macaúbas e Porto Alegre.

Vitória da Conquista vive onda de protesto por pavimentação

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 01 set 2014

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

IMG_4529

Enquanto os moradores do bairro Conveima 1 protestavam por pavimentação, em outro ponto da cidade, mais precisamente na zona rural, a comunidade de Iguá também cobrava asfaltamento. A luta pela pavimentação do acesso ao povoado é longa e parece não ter data para terminar.

IMG_4500O protesto da comunidade de Iguá começou cedo. No início da manhã desta segunda-feira (1º), a população interditou o trecho da estrada próximo ao distrito. Os moradores afirmaram que a mobilização seguirá por toda a semana e ameaçaram atrapalhar o processo eleitoral na localidade, no dia 5 de outubro. “Se não vier ninguém para resolver a situação dessa estrada, nós vamos fechar no dia da eleição de novo. Ninguém vai entrar ou sair do Iguá para votar.”, garantiu dona Maria Madela da Silva (foto), em entrevista à repórter Mônica Cajaíba.

Recentemente o Departamento de Infraestrutura de Transportes da Bahia (DERBA) revelou que não há previsão para o início do asfaltamento dos 8 km que liga o distrito à BR 116.

Moradores do Conveima 1 voltam a protestar por asfaltamento

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 01 set 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

IMG_4547

Os moradores do bairro Conveima 1, em Vitória da Conquista, voltaram a protestar em favor da pavimentação da comunidade, nesta segunda-feira (1º). Quem mora no local reclama que o bairro está abandonado há muito tempo.

Os populares fecharam ruas que são corredores de ônibus, impedindo que o transporte coletivo circulasse pela localidade. Os líderes do movimento dizem que “a prefeitura fica anunciando o asfaltamento de outros bairros, enquanto isso as ruas do Conveima estão abandonadas”.

Dia Interestadual de Protesto por Mais Segurança aconteceu na Bahia e em Sergipe

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Brasil, Economia, Segurança, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 06 ago 2014

Tags:, ,

Da Redação

Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região realizou ação na cidade.

protesto sindicato dos bancáriosAté o final do mês de julho, foram registradas 32 mortes relacionadas a assaltos envolvendo bancos em todo país, apontando um aumento de 39,1% nas ocorrências registradas desde 2011.

Na Bahia, a situação não é a mais animadora. Já são 141 casos de violência em ambientes bancários, quando, no mesmo período do ano passado, esse número chegava a 124. As explosões lideram a lista, com 100 registros, seguidos pelos arrombamentos (16) e os assaltos (9). As tentativas frustradas somam 16 ocorrências.

Pouco vem sendo feito para mudar este quadro. O governo da Bahia destina mais verbas à publicidade que à segurança: foram gastos R$625 milhões contra R$ 287 milhões, respectivamente, de 2007 a 2012 e os maiores bancos, mesmo com balanço positivo fechado em R$ 57,7 bilhões no ano passado, repassaram cerca de 5% à segurança e vigilância. …Leia na íntegra

Embasa diz que manutenção emergencial provocou falta d’água no Patagônia

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 19 jul 2014

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

DSC_0681A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) emitiu nota para explicar a falta de água na região que abrange os bairros Kadija e Patagônia. De acordo com a Embasa, uma manutenção emergencial na rede de distribuição causou o inconveniente.

“Nos dias 16 e 17 (quarta e quinta-feira), foi necessário realizar serviços de manutenção emergencial na rede de distribuição de água de Vitória da Conquista, o que ocasionou desabastecimento na região do bairro Kadija. A intervenção foi concluída na quinta-feira e o fornecimento está sendo restabelecido de forma gradativa. A previsão é que o abastecimento seja completamente normalizado durante o fim de semana.”, diz a nota da empresa.

Nesta última sexta, os moradores do bairro Patagônia atearam fogo em pneus, revoltados com a falta de água, que, segundo eles, se arrasta por mais tempo que a manutenção citada pela Embasa. “Faz dois meses que a água não vem com força.”, afirmou um morador.

Barra do Choça: polícia apresenta acusados de matar lavrador

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Sudoeste | Data: 18 jul 2014

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais

foto 2A Polícia Civil de Barra do Choça (a 30 km de Vitória da Conquista) apresentou os cinco acusados de ter assassinado, com requintes de crueldade, o lavrador Erivaldo Batista dos Santos, no dia 10 deste mês. O bando afirmou que a intenção era assaltar a vítima.

O crime aconteceu no distrito de Barra Nova, que fica a 16 km da cidade, e gerou comoção na comunidade. Os acusados afirmam que tentaram roubar Erivaldo e, como a vítima não possuía algo de valor, decidiram matá-lo e ocultar o corpo para que não fossem denunciados. Erivaldo foi morto a pauladas e pedradas, além disso, teve os olhos furados e a língua cortada. …Leia na íntegra

Moradores do Patagônia reclamam dos problemas causados pela falta d’água

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 18 jul 2014

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Rafael Gusmão

DSC_0675

Revoltados com a falta de água, os moradores do bairro Patagônia bloquearam ruas do local. A comunidade afirma que o problema de abastecimento está completando dois meses.

DSC_0681Os moradores atearam fogo em pneus, no cruzamento das ruas Itororó e Ribeira do Pombal, um corredor de ônibus. Eles afirmam que não têm água nem para o consumo próprio e as roupas e os pratos sujos estão se acumulam nas pias das residências.

O morador Aloísio Ramos (foto) conta que em sua casa não cai água há uma semana. “Nunca foi de faltar água no bairro. Mas faz dois meses que a água não vem com força, mesmo assim estava caindo alguma coisa. Agora faz mais de uma semana que não cai mais nada.”.

O salão da esposa de seu Aloísio, que funciona em frente a sua casa, está fechado desde que a água parou de cair. Mesmo com todos estes inconvenientes, Ramos afirma que “as contas de água não param de chegar, no mesmo valor de antes.”.

Barra do Choça: poder público e moradores de Barra Nova fecham acordo que põe fim as manifestações

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Sudoeste | Data: 15 jul 2014

Tags:, , , ,

por Mateus Novais
Foto: Blog do Jorge Amorim 

20140715_112354Os moradores do distrito de Barra Nova, em Barra do Choça (município a 30 km de Vitória da Conquista) fecharam um acordo com o poder público local para pôr fim as manifestações do último final de semana. A população fechou a rodovia que dá acesso ao distrito, que fica a 16 km da cidade, por três dias, após uma onda de violência na comunidade.

Na reunião, que ocorreu na última segunda-feira (14), os representantes dos moradores encaminharam à Prefeitura e Polícia Militar um documento com as seguintes demandas: presença de dois policias e dois guardas municipais exclusivos para o distrito, apoio ao esporte e as atividades culturais, como forma de prevenção às drogas, e participação nos conselhos de Segurança e Tutelar.

O Comandante da 79ª Companhia Independente da Polícia Militar, Major Fernando Leite, e o prefeito Oberdan Rocha receberam a solicitação da comunidade e se comprometeram a cumprir as propostas. De acordo com o Blog do Jorge Amorim, o Major Leite afirmou que a PM vai ocupar o Distrito de Barra Nova e, com as informações recebidas da população, acabar com este movimento da quadrilha.

Barra do Choça: por segurança, moradores de Barra Nova bloqueiam estrada

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Sudoeste | Data: 13 jul 2014

Tags:, , , ,

por Mateus Novais
Fotos: Rafael Gusmão

DSC_0640

Os moradores do distrito de Barra Nova, na cidade de Barra do Choça (a 30 km de Vitória da Conquista), bloquearam a principal entrada de acesso à localidade durante um protesto contra  onda de violência. A manifestação dura dois dias, desde que foi registrado um homicídio no local.

De acordo com o Seu Adilson de Jesus, morador local, o distrito se tornou uma terra sem lei. “Estamos abandonados. Os roubos sempre aconteceram, mas esse terror que eles estão fazendo agora passou do limite. A gente acordou para evitar mais problemas. A população precisa de ajuda.”.

DSC_0620Os moradores do povoado contam que há cerca de 5 anos não existe policiamento em tempo integral na comunidade. Um posto policial foi construído, mas nenhum soldado atende à população.

Da última sexta-feira (11) até o esse sábado foram registrados um homicídio, uma tentativa de homicídio e três roubos de motos no distrito, que tem pouco mais de 6 mil habitantes.

Barra do Choça: arrastão, morte e protesto com bloqueio na estrada

0

Publicado por Editor | Colocado em Sudoeste | Data: 13 jul 2014

Tags:, , ,


da Redação
Foto: Blog do Jorge Amorim

Fogo Fumaça

O clima é de revolta e tensão na vizinha cidade de Barra do Choça. Na noite de sexta para sábado (12), assaltantes fizeram um arrastão na região de Barra Nova deixando 1 lavrador morto identificado como  Erival Martins dos Santos e dois feridos à bala. “Várias fazendas foram assaltadas e 4 motos roubadas”, revelou o líder político da cidade Adiodato Araujo. Um suspeito foi pego pela população e entregue a polícia.

PresoDesde ontem pela manhã que a estrada que liga Barra do Choça a Barra Nova está interditada em protesto pela violência que se instalou na cidade e região. A feira de Barra Nova desta semana não foi realizada por conta do bloqueio na estrada. A população indignada clama por socorro e providência. “Um dos bandidos esteve no sepultamento da vítima tirou foto com o celular e enviou para o comparsa”, disse Adiodato a nossa reportagem por telefone.

Adiamento do julgamento de Mirtes Chemello gera revolta

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Justiça | Data: 18 jun 2014

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

DSC_1391

Logo após o adiamento do julgamento de Mirtes Chemello, uma aglomeração de pessoas se formou na porta do Fórum João Mangabeira à espera da saída da acusada. Populares curiosos se juntaram a familiares e amigos da vítima para pedir justiça.

Com faixas nas mãos as pessoas pediam agilidade ao julgamento do casal Mirtes e Valdir Chemello, que já se arrasta há sete anos. Arani Lopes, mãe de Reginaldo, diz que “já vai fazer oito anos que estou nessa luta, porque ele (Valdir Chemello) fica enrolando pra ganhar tempo. Isso porque se ele completar 70 anos tem o direito de não ser preso. O que nós queremos é que se realizem esse júri e eles fiquem no lugar deles, que é na cadeia.”.

Mirtes Chemello deixou o Fórum sob vários palavrões, que se misturaram aos gritos de “justiça”.

Prefeitura tenta esclarecer propaganda sem asfalto no Conveima I

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 14 jun 2014

Tags:, , ,

da Redação

GildoOs moradores do Conveima I fizeram um protesto com bloqueio da BR 116 – Rio-Bahia na altura do Atacadão. O protesto ocorreu por conta da propaganda da Prefeitura de Vitória da Conquista que dava conta de que 7 ruas do Bairro Conveima teriam sido asfaltadas. O líder do movimento, Gildo Fernandes (foto), diz que “saiu na rádio que tem sete ruas do Conveima pavimentada e não existe nenhuma. Há 40 anos que o bairro está abandonado. Nós queremos que o secretário ou o prefeito venha aqui para mostrar essas ruas asfaltadas”, disse o morador.

O Governo Municipal A fim de prestar esclarecimentos sobre projetos de pavimentação e drenagem se reuniu no início desta semana com representantes do bairro. O secretário municipal de Mobilidade Urbana, Luis Alberto Sellmann esclareceu sobre o andamento do projeto de pavimentação destinado a diversas vias do loteamento e falou que são obras do PAC e que o projeto está em fase de ajustamento para atender exigência do Ministério das Cidades.

Assim que for aprovado, o projeto será encaminhado à Caixa Econômica Federal, que, por sua vez, entrará em contato com a Prefeitura para que o contrato seja assinado, diz nota no site da PMVC.

Com informações e foto da Ascom/PMVC

Ônibus: o monopólio existe em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, transporte, Vit. da Conquista | Data: 25 maio 2014

Tags:, , ,

 Onibus B

da Redação

Rodoviários voltaram a paralisar as suas atividade no horário entre as 11 e 13 horas. Neste período de 2 horas, a população ficou sem o transporte coletivo e as vans voltaram a operar sem repressão da Prefeitura de Vitória da Conquista. A Cidade Verde cumpriu o tempo relativo ao protesto e voltou a operar normalmente. A empresa divulgou uma nota informando que “o movimento é injustificado”.  No caso da Viação Vitória os ônibus foram recolhidos à garagem.

A medida, segundo o Sindicato dos Rodoviários,  visa  além da campanha salarial que os trabalhadores da Viação Vitória possam receber o ticket alimentação, que está  atrasado, e  o  FGTS. Na noite de ontem  a nossa reportagem observou que em frente ao Shopping Itatiaia, estava uma trabalhadora grávida, sem ônibus para o Bairro Nova Cidade aguardando uma carona. O bairro é atendido apenas pela Vitória – o que demonstra que o monopólio do transporte coletivo continua mantido na cidade. Além do Nova Cidade outros bairros  são servidos apenas por uma empresa.