Procuradoria pede condenação de Gleisi, presidente do PT, pagamento de R$ 4 mi e perda do mandato

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 25 nov 2017

Tags:, ,

noticias.uol.com.br / imagem redes sociais

A procuradora geral da República, Raquel Dodge, pediu ao STF (Supremo Tribunal Federal) que a senadora Gleisi Hoffman (PT-PR), e o marido dela, o ex-ministro Paulo bernardo, sejam condenados no processo em que são acusados de serem beneficiados com R$1 milhão no esquema de corrupção na Petrobras, que teriam sido usados na campanha de Gleise ao Senado em 2010.

Raquel Dodge também quer que eles paguem R$4 milhões como reparação pelo crime e que a senadora perca o cargo. A procuradora-geral afirma no documento ter fixado para o pagamento por danos morais e materiais pelos crimes o valor de quatro vezes a propina que teria sido solicitada.

Segundo Dodge, o prejuízo provocado pela corrupção é difícil de ser quantificado. “Os prejuízos decorrentes da corrupção são difusos (lesões à ordem econômica, à administração da Justiça e à administração pública, inclusive à respeitabilidade do parlamento perante a sociedade brasileira), sendo dificilmente quantificados”, escreve a procuradora-geral nas alegações finais.

A manifestação foi apresentada ao STF nas alegações finais da Procuradoria, entregues no processo contra Gleisi e Paulo Bernardo.

A senadora, que também é presidente do PT, tem afirmado que não há provas contra ela e que sua campanha em 2010 não recebeu esse dinheiro.

Leia na íntegra https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2017/11/24/procuradoria-pede-condenacao-de-gleisi-pagamento-de-r-4-milhoes-e-perda-do-mandato.htm

Petistas não convencem e atacam a Secretária de Saúde Ceres

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 16 nov 2017

Tags:, ,

Da Redação / Foto Dilson Gusmão BRG

Na câmara municipal de vereadores, nesta-quinta feira (16), foi solicitada pela Vereadora Viviane (PT) e pelo Deputado Federal Jorge Solla (PT), coletiva de imprensa, questionando a gestão atual em relação à saúde, afirmando que a atual gestão mente ao relatar a situação de alguns pontos na saúde, a exemplo das ambulâncias.

Foi questionado por eles sobre a possibilidade de terceirização das ambulâncias, acusando o atual gestor de incapacidade administrativa, porém várias prefeituras no Brasil, após realizarem estudos, trabalham com terceirização, a exemplo de São Bernardo, Santo André, Diadema e Mauá.

Vereadores de Curitiba aprovaram, este ano, projeto que permite não só terceirizar serviços da saúde, mas também da educação. Curitiba é uma cidade de referência, mas para Solla (PT) terceirizar é sinônimo de incapacidade.

Foram apresentadas por eles, fotografias das ambulâncias que se encontravam em manutenção na gestão anterior, sendo perguntado pelo nosso Blog o porque não foram dadas as devidas manutenções, deixando para a atual gestão, em resposta, a vereadora Viviane (PT) afirmou que as mesmas não tinham condições técnicas de rodarem, havendo a necessidade que fossem compradas mais ambulâncias. Se as ambulâncias não estavam em condições técnicas para rodarem no governo passado, como as mesmas estariam em condições técnicas para rodarem na nova gestão?

Repetindo o que o prefeito Herzem Gusmão já havia relatado, a Secretaria de Saúde está preparando uma nota oficial para evidenciar que o parlamentar falta com a verdade. Segundo o prefeito, o relatório da transição provará a inoperância da Secretaria de Saúde do governo passado, que era comandada pela atual vereadora Viviane (PT). Milhares de seringas, soro e outros medicamentos já estavam com a data de validade vencida desde o governo passado. A atual gestão encontrou somente duas ambulâncias operando, sendo que uma estava sem condições de uso, mostrando a inverdade da secretária do governo de Guilherme Menezes (PT).

Realizações do governo Herzem

  1. Recuperação do Hospital Esaú Matos que foi deixado pela administração anterior com 48 pontos de goteira. Não escaparam nem o centro cirúrgico e o berçário
  2. Implantou o Unacon no Hospital Samur para o tratamento do câncer com cirurgias oncológicas, radioterapia e quimioterapia
  3. Inaugurou nova sede da Secretaria de Saúde com moderno prédio com elevador, acessibilidade, garagem, auditório , fisioterapia e até uma unidade de tratamento avançada de pé diabético
  4. Reforma da unidade de saúde de Inhobim com mais uma equipe

 

O PT assume que tem medo de ACM Neto, diz Herzem Gusmão

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Vit. da Conquista | Data: 01 set 2017

Tags:, , ,

da Redação

Foto: Blog do Anderson

Uma campanha publicitária com cartazes que estão sujando e poluído à cidade,  espalhados e colados  em muros e nos abrigos do terminal de passageiros da Av. Lauro de Freitas,  revela o pânico do PT e partidos aliados com o nome de  ACM Neto, – como favorito nas eleições de 2018, na disputa pelo Palácio de Ondina.

Ao saber da campanha contra o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), Herzem Gusmão (PMDB), prefeito de Vitória da Conquista disparou: “O PT assume que está com muito medo de ACM Neto (DEM), considerado o melhor prefeito do Brasil e um grande nome para governar a Bahia.

A campanha contra ACM Neto em Conquista veio logo após o sucesso do evento na Câmara Municipal por ocasião da entrega do Titulo de Cidadão Conquistense, revela Gusmão: “A presença de Neto em Conquista assustou o PT que está em pânico. ACM Neto será o futuro governador da Bahia”, completou Gusmão.

 

PF confirma que Gleisi recebeu propina

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 08 ago 2017

Tags:, ,

G1

A Polícia Federal concluiu um inquérito que investigou a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) e apontou indício dos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Em nota divulgada nesta segunda-feira (7), a PF informou que a senadora recebeu propina da Odebrecht disfarçada de doação eleitoral em 2014.

Além desse inquérito, Gleisi já é ré no Supremo Tribunal Federal (STF) acusada de receber R$ 1 milhão de dinheiro desviado da Petrobras.

O advogado Rodrigo Mudrovitsch, que defende a senadora, afirmou que Gleisi não cometeu qualquer irregularidade. “A defesa entende que não há elementos nos autos que autorizem a conclusão alcançada pela Polícia Federal. Não foi praticada qualquer irregularidade pela senadora”, afirmou.

A defesa de Paulo Bernardo informou não ter conhecimento da investigação e acrescentou que o ex-ministro nunca foi chamado a depor sobre esses fatos. Por isso, não tem elementos para se manifestar.

As investigações

Segundo as investigações, a petista teria recebido, por meio de intermediários, oito pagamentos de R$ 500 mil cada.

Os repasses, de acordo com a PF, estavam registrados em uma planilha apreendida com uma funcionária do Setor de Operações Estruturadas da empresa, que ficou conhecido como departamento de propinas.

Os repasses, segundo a Polícia Federal, foram feitos a um dos sócios de uma empresa que prestou serviços de propaganda e marketing a Gleisi durante a campanha de 2014.

Na nota, a PF afirma ainda que foram encontrados mais três repasses à mesma empresa: um de R$ 150 mil em 2008 e dois de R$ 150 mil em 2010.

Além da senadora, a PF também viu indícios dos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro por parte do ex-ministro Paulo Bernardo, marido da petista, e pelo então chefe de gabinete da senadora, Leones Dall Agnol.

Nota da PF

Veja a íntegra da nota da Polícia Federal sobre o inquérito:

PF CONCLUI INQUÉRITO DO STF

Brasília/DF –A Polícia Federal concluiu na data de hoje (07/08) o inquérito 4342 do Supremo Tribunal Federal, instaurado para apurar crimes supostamente praticados no âmbito de uma campanha eleitoral para o Senado Federal de 2014.

Em fevereiro 2016, a PF apreendeu documentos na residência de uma secretária do setor de operações estruturadas da construtora Odebrecht. Entre eles, planilhas relatando dois pagamentos de R$ 500 mil cada a uma pessoa de codinome “COXA”, além de um número de celular e um endereço de entrega.

A investigação identificou que a linha telefônica pertencia a um dos sócios de uma empresa que prestou serviços de propaganda e marketing na última campanha da senadora Gleisi Hoffmann.

A PF verificou outros seis pagamentos no mesmo valor, além de um pagamento de R$ 150 mil em 2008 e duas parcelas de R$ 150 mil em 2010. Também foram identificados os locais onde os pagamentos foram realizados e as pessoas responsáveis pelo transporte de valores.

Essas tabelas também foram apresentadas pela construtora no momento em que foi firmado termo de colaboração premiada.

Há elementos suficientes para apontar a materialidade e autoria dos crimes de corrupção passiva qualificada e lavagem de dinheiro praticados pela senadora, seu então chefe de gabinete, Leones Dall Agnol e seu marido, Paulo Bernardo da Silva, além dos intermediários no recebimento, Bruno Martins Gonçalves Ferreira e Oliveiros Domingos Marques Neto.

Os autos também comprovam que a parlamentar e seu marido, juntamente com Benedicto Barbosa da Silva Júnior e Valter Luiz Arruda Lana, foram responsáveis pelo cometimento de crime eleitoral (artigo 350 do Código Eleitoral).

Herzem aproveita emenda da senadora Lídice da Mata (PSB) e irrita a direção do PT

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política, Vit. da Conquista | Data: 16 mar 2017

Tags:, , , ,

da Redação
Fonte: Diário Conquistense

O prefeito Herzem Gusmão (PMDB), no discurso de posse, e na 1ª sessão da Câmara Municipal deste ano de 2017, declarou que todas as emendas de adversários políticos seriam aproveitadas, e que os autores seriam convidados para inauguração.

A pavimentação de duas ruas do Bairro Jurema fez os vereadores por unanimidade aprovar uma moção de aplausos da Câmara Municipal. iniciativa do mandato do vereador Rodrigo Moreira (PP).

A moção aprovada também pelos vereadores do PT provocou imediata reação da direção municipal e estadual do Partido dos Trabalhadores. Em nota o Coletivo Ética Socialista – tendência do PT censurou os edis que aprovaram a Moção.

A emenda que permitiu o asfaltamento de 2 ruas do Bairro Jurema foi da senadora Lídice da Mata (PSB). Na Rádio Brasil FM (107,7), ao ser entrevistado, o prefeito Herzem Gusmão disse que “não convidarei a senadora autora da emenda porque não se faz festa ou comemoração por ruas asfaltadas, mas agradeço a senadora Lídice da Mata”, disse. A obra poderia ter sido realizada na gestão anterior.

O prefeito Guilherme Menezes (PT), perdeu milhões de recursos de emendas parlamentares por ser adversário, ou emendas de aliados que não gozavam da sua simpatia. Um dos exemplos mais conhecidos foram os mais de R$ 2 milhões destinados pelo ex-deputado federal Mão Branca. “Não deixarei voltar nenhum recurso de emendas de adversários. São recursos importantes para a nossa terra”, acrescentou Gusmão na entrevista concedida ao vereador e radialista Luis Carlos Dudé.

 

Mal do PT é incalculável

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Polícia | Data: 05 mar 2017

Tags:, , ,

da Redação
Com informações do Diário do Poder (Conteúdo)

Governo descobre diariamente ‘Bombas-relógio’ deixadas pelo PT

Guilherme faz balanço dos 20 anos do PT em Vitória da Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 29 dez 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

O prefeito Guilherme Menezes, ao lado do vice-prefeito Joás Meira e do ex-prefeito José Raimundo, realizou um balanço dos 20 anos de governo do Partido dos Trabalhadores em Vitória da Conquista. Após cinco mandados consecutivos, iniciados em 1997, o PT deixa o comando da Administração Municipal no próximo sábado (31 de dezembro).

Em suas fala, Menezes elencou várias obras realizadas ao logo destas duas décadas a frente da prefeitura. Como destaque, ele apontou a valorização do servidor, a criação do Banco do Povo e o equilíbrio fiscal. “Deixamos praticamente todas as contas com recursos e o que ficar de resto a pagar é porque nem todos os contratos ou convênios dão tempo de ser empenhados”, destacou o prefeito.

Guilherme Menezes também afirmou que nestes 20 anos foram investidos 26% da receita da Prefeitura no Sistema Único de Saúde (SUS), o que corresponde a aproximadamente R$ 67 milhões. Na Educação, o investimento também foi de 26% (1% a mais que o exigido pela Constituição), equivalentes a R$ 35 milhões.

Ainda segundo o gestor, o atual Governo Municipal deixa para a futura gestão um saldo de aproximadamente R$ 4 milhões em recursos do Fundeb, R$ 2,5 milhões nas contas bancárias referentes ao Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e R$ 3,1 milhões em recursos par serem aplicados na Saúde. “Estamos entregando uma administração possível de ser levada a diante”.

Em Itapetinga, PT e PMDB discutem transição; enquanto em Conquista…

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 21 nov 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

img_1181Prefeito eleito Rodrigo Hagge (PMDB) discute com o atual prefeito Zé Carlos (PT) a transição

O atual prefeito de Itapetinga, Zé Carlos (PT), convidou o prefeito eleito, Rodrigo Hagge (PMDB), para tratar da transição de governo. A reunião ocorreu na manhã desta segunda-feira (21) e definiu pontos das equipes que farão o processo de mudança de governo.

No encontro, o Zé Carlos assegurou a Rodrigo que não adotará nenhuma medida que possa criar obstáculos à sua futura administração. Rodrigo agradeceu a boa vontade do chefe do executivo e só aguarda as providências necessárias para que possa ser iniciada a transição de governo, como manda a lei.

Vitória da Conquista

Enquanto isso, em Vitória da Conquista, a equipe de transição do prefeito eleito Herzem Gusmão (PMDB) aguarda que o atual prefeito, Guilherme Menezes (PT), tenha a mesma atitude de seu colega itapetingense.

Em entrevista ao jornal A Tarde,  Herzem disse estar com dificuldades para obter informações da prefeitura neste período de transição: “Esperávamos um gesto de grandeza do nosso prefeito, porque afinal de contas a maior potência do mundo deu agora exemplo de civilidade, quando Obama convidou Trump para um encontro apesar das farpas que trocaram, entendendo que os Estados Unidos são maiores que os dois. Pedimos ao prefeito Guilherme Menezes uma antecipação do processo de transição por ser dezembro um mês de festas, mas ele não acatou, sequer assinou, mandou um ofício assinado pela secretária da Administração, portanto não criou facilidades para transição”.

Eleição redesenha mapa da gestão nos 20 maiores colégios eleitorais na Bahia

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 06 nov 2016

Tags:, , ,

A Tarde

Eleições 2016Encerradas as eleições municipais, o resultado dos vinte maiores colégios eleitorais da Bahia indica que os partidos da base do governador Rui Costa (PT) venceram em 13 municípios enquanto as duas principais siglas de oposição ao governo do estado, DEM e PMDB ganharam em sete.Ocorre que como venceram nos principais colégios eleitorais baianos, a dupla DEM/PMDB vai administrar os municípios com mais eleitores e com as maiores receitas.

Os vinte maiores municípios possuem um total de 4.255.119 eleitores, que equivalem a 40,2% do total do eleitorado baiano, de 10.570.085, e têm como receita um total de R$ 14,650 bilhões.

O DEM e o PMDB terão os prefeitos das maiores cidades e, por isso, vão gerenciar a maior parte do bolo orçamentário dos vinte municípios: 67,6% das receitas anuais totais, cerca de R$ 9,89 bilhões.

Os partidos da base do governador vão gerenciar nas 13 prefeituras R$ 4,76 bilhões, equivalentes a 32,4% dos vinte maiores colégios eleitorais do estado.

Municípios

O DEM venceu em Salvador, maior colégio eleitoral baiano com 1.948.154 eleitores, em Feira de Santana, segundo maior com 397.590, Camaçari (4°) com 158.125, Barreiras (11°) com 94.612 e Alagoinhas (12°) com 94.177.

O PMDB ganhou em Vitória da Conquista, terceiro maior colégio eleitoral baiano com 230.598 eleitores, e em Valença (17°), que conta com 62.262 votantes.

Somados, os dois partidos vão administrar 70,16% do eleitorado dos vinte maiores colégios eleitorais baianos. …Leia na íntegra

Zé Raimundo diz estar preparado para continuar legado do PT em Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 30 out 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

img_1456

O candidato do PT à prefeitura de Vitória da Conquista, José Raimundo Fontes, votou hoje pela manhã no Colégio Abdias Menezes. Ele chegou à seção acompanhado da sua vice Sidélia Porto, apoiadores e do prefeito Guilherme Menezes.

img_7217

Logo após registrar seu voto, Zé Raimundo concedeu entrevista à imprensa e afirmou estar preparado para continuar legado do seu partido em Conquista. “Fizemos uma campanha limpa, a população recebeu muito bem as nossas propostas, mostramos o legado que construímos em Conquista e os novos desafios, para os quais estamos prontos para enfrentar. Estou muito confiante de que haveremos de continuar esse trabalho a partir de 1° de janeiro de 2017”.

Rui Costa vem a Conquista pela 4ª vez em dois meses

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 21 out 2016

Tags:, ,

Da Redação

650x375_rui-costa-politica_1531617Está agendada para a próxima segunda-feira (24), uma nova visita do governado do Estado, Rui Costa, a Vitória da Conquista. Essa é a quarta vez que o petista vem a cidade nos últimos dois meses.

Dessa vez, segundo informações divulgadas na imprensa, Rui vai vai inaugurar a ampliação do Hospital de Base, entregar equipamentos agrícolas para associações que envolvem a região, além de firmar alguns convênios.

Em 22 de agosto, o governador esteve na cidade inaugurando a primeira UPA de Conquista, quando ocorreu a agressão aos professores por parte dos seguranças de Rui. No primeiro turno das eleições, o governador veio a cidade, por duas vezes, participar de atos políticos do seu correligionário, Zé Raimundo.

Após eleição, PT pode abandonar estrela vermelha e mudar de nome

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 08 out 2016

Tags:, ,

da Redação

Conteúdo Varela Notícias (redacao@varelanoticias.com.br)

pt_lula_dilma

PT encolheu 63% após eleição municipal deste ano

O Partido dos Trabalhadores pode em breve mudar de nome, seguindo o que ocorreu em 2007 com o PFL, que se transformou em Democratas. Dentro do PT, cresce a ideia de que a legenda precisa mudar o nome e a sigla – estrela vermelha – para conseguir sobreviver.

De acordo com o colunista Claudio Humberto, do Metro Jornal, a avaliação é a de que após a tragédia das eleições deste ano, quando o PT encolheu 63%, a expectativa é que em 2018 o partido diminua ainda mais, elegendo somente cerca de 30 deputados – em 2014 o PT tinha 70 parlamentares na Câmara. Algo semelhante ocorreu com o extinto PFL, que em 1998 tinha 105 deputados e em 2014 elegeu 28.

Imbassahy alerta para possível tentativa do PT de encaixar companheiros desempregados no governo

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política, Vit. da Conquista | Data: 07 out 2016

Tags:, , ,

da Redação
Estadão/Conteúdo

cabide-de-empregos

O líder do PSDB na Câmara, Antonio Imbassahy chama atenção para as perspectivas sombrias do PT e seus reflexos, que podem chegar à Bahia. Por meio de sua página no Facebook, Imbassahy observou que o PT está desidratado com a drástica perda de prefeituras, pois saiu das urnas, esse ano, com 350 administrações municipais a menos que em 2012, apresentando queda acentuada inc lusive no Nordeste. Com isso, diz o tucano, as lideranças petistas já sabem que mais de 50 mil companheiros, que ocupavam cargos de confiança perderão suas boquinhas país afora. “A saída já estudada por eles, é encaixar parte dessa turma onde o PT ainda governa, como é o caso do governo da Bahia. Os baianos têm que ficar atentos e reagir a essa escandalosa movimentação, não permitindo o eventual inchaço da máquina estadual”, alertou.

Vitória da Conquista

Governada há 20 anos pelo PT, a cidade de Vitória da Conquista, vem merecendo empenho do Governo da Bahia que pretende concentrar força máxima para não perder a eleição de 2º turno  marcada para o dia 30 de outubro.

Na campanha política deste ano, adversários dos PT, já divulgaram a mesma possibilidade de que a Prefeitura da cidade possa servir , caso ocorra a difícil missão de ganhar a eleição, de guarda-chuva para os desempregados petistas que estão espalhados em vários estados do País.

Financial Times diz que PT sofreu ‘humilhação nacional’ em eleições municipais

0

Publicado por Editor | Colocado em Mundo, Política | Data: 04 out 2016

Tags:, ,

por Célia Froufe | Estadão Conteúdo

Financial Times diz que PT sofreu 'humilhação nacional' em eleições municipaisFoto: Reprodução / Financial Times

O jornal inglês Financial Times publicou nesta segunda-feira (3) nas redes sociais a vitória de João Dória, candidato do PSDB para a Ppefeitura de São Paulo, no primeiro turno e destacou que o PT sofreu “humilhação nacional” nas eleições. Conforme o FT, o colapso do PT ajuda a fragmentar o voto e poderá fazer com que a próxima eleição presidencial se torne ainda mais imprevisível do que o habitual. O periódico destacou também que o PMDB, legenda liderada pelo presidente da República, Michel Temer, por sua vez, perdeu o controle do Rio de Janeiro, a segunda maior cidade do Brasil. Apesar disso, continua a matéria, o partido ainda obteve o maior número de prefeituras nas eleições locais realizadas em todo o país neste domingo (2). O jornal comentou também que o resultado das eleições será fundamental para a corrida presidencial de 2018 e que poderá já ter os seus primeiros reflexos sobre as reformas fiscais, consideradas cruciais para o país, e que podem começar a ser votadas pelo Congresso Nacional nas próximas semanas.

Para o FT, as eleições municipais podem ser consideradas como um importante indicador sobre o “estado de ânimo” dos eleitores. A publicação enfatizou que quase meio milhão de candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador competiu para as posições em 5.568 municípios. A disputa deixou claro, segundo o jornal, que o PT vem sofrendo sucessivos golpes com o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. O Financial Times diz também que o PT foi “dizimado” pelo escândalo envolvendo a Petrobras e lembrou que Temer era o vice-presidente de Dilma e, portanto, um aliado, antes do processo de impeachment. A reportagem mostra ainda que o PT perdeu mais de 50% das 630 prefeituras que detinha e que o PSDB, por outro lado, apresentou uma ampliação, saindo de 686 cidades administradas pela legenda para 793. No caso do PMDB, houve praticamente estabilidade – de 1.015 nas eleições passadas para 1.028 neste primeiro turno.

Sede do PT e agência, em Salvador, são alvo de operação da Polícia Federal

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 04 out 2016

Tags:, , ,

G1

policia_federal_01Polícia Federal esteve na sede do Partido dos Trabalhadores, no bairro do Rio Vermelho, em Salvador (Foto: Divulgação/Polícia Federal)

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (4), a Operação Hidra de Lerna, que cumpre 16 mandados de busca e apreensão na Bahia, Distrito Federal e no Rio de Janeiro. A operação investiga um grupo criminoso responsável pela possível prática de financiamento ilegal de campanhas políticas na Bahia e por esquemas de fraudes em licitações e contratos no Ministério das Cidades.

A PF esteve no prédio onde mora o conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) e ex-ministro das Cidades pelo Partido Progressista (PP), Mário Negromonte, em Salvador, na manhã desta terça-feira. O G1 tentou contato com a assessoria do ex-ministro, mas ninguém foi localizado. O ex-ministro Márcio Fortes também é um dos investigados na operação.

Ainda na capital baiana, mandados são cumpridos na agência de publicidade Propeg, no bairro da Barra, e na sede do PT, no Rio Vermelho. Não foi divulgado o número total de mandados no estado. O G1 tentou falar com a Propeg por telefone, mas ninguém foi localizado na agência.

Os mandados foram deferidos pela Ministra Maria Thereza Rocha de Assis Moura, do Superior Tribunal de Justiça, pois os investigados têm foro privilegiado.A Operação Hidra de Lerna, que deriva de três colaborações de investigados na Operação Acrônimo, já homologadas pela Justiça e em contínuo processo de validação pela Polícia Federal, tem como origem dois novos inquéritos em tramitação no STJ e cuja distribuição entre os ministros da corte ocorreu de forma automática. …Leia na íntegra

Conquista: Juiz suspende material de José Raimundo sobre ‘Minha Casa Minha Vida’

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 26 set 2016

Tags:, , ,

Bahia Notícias

Foto: Leitor BN / WhatsApp

bn
Uma decisão da 39ª Zona Eleitoral de Vitória da Conquista determinou a retirada de circulação de um material produzido pela Coligação de José Raimundo (PT) contra o postulante Herzem Gusmão (PMDB).
Os dois concorrem à prefeitura da cidade. Segundo a liminar deferida pelo juiz Wander Cleuber Oliveira Lopes, o material trazia a informação de que o governo “Temer cancelou novas etapas do [programa] Minha Casa Minha Vida”, considerada irregular pelo magistrado. Caso haja desobediência, a candidatura de José Raimundo terá de arcar com R$ 1 mil de multa diária. A sentença de busca e apreensão dos panfletos, em torno de 15 mil, foi proferida nesta segunda-feira (26).

Internet: propaganda do PT em Conquista, antes e depois

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 12 set 2016

Tags:, , , ,

pt-terminal

Propaganda do PT antes e depois é divulgada na internet

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 10 set 2016

Tags:, ,

pt-antes-e-depois

PCdoB e PSB tentam sair da órbita do PT e buscam voos solo nas eleições municipais

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Política | Data: 10 ago 2016

Tags:, , ,

por Estela Marques / Bruno Luiz (BN)

Foto: Montagem / Bahia Notícias

Montagem

Durante anos atuando como coadjuvantes do PT, PCdoB e PSB tentam buscar um protagonismo maior nas eleições deste ano. Muito tempo como “eminências pardas” dos petistas na Bahia, as siglas decidiram ampliar suas áreas de atuação para cidades de grande porte do estado. Em Salvador, por exemplo, após apoiar candidaturas do PT por anos, os comunistas empreenderam uma espécie de rebelião e lançaram um nome para a corrida eleitoral.

Depois de muitas idas e vindas, os petistas se dobraram ao ímpeto do PCdoB e, pela primeira vez em anos, não vão encabeçar uma chapa na capital baiana: optaram por apoiar a deputada federal Alice Portugal (PCdoB). Para não perder a oportunidade de ter um nome na disputa, indicaram a deputada estadual Maria del Carmen como vice da parlamentar baiana.

Em Vitória da Conquista, outro caso de “motim” comunista. Após 20 anos no comando da terceira maior cidade do estado, o PT lançou o nome do deputado estadual Zé Raimundo para tentar continuar no domínio das terras conquistenses. Mas terá que lidar com a candidatura do também deputado estadual Fabrício Falcão, que “nem por intervenção do governador [Rui Costa] e do papa” (relembre) abriu mão de ingressar na disputa.

Estas dissidências revelam o quanto a crise de imagem que atinge o PT encorajou partidos a saírem de sua órbita – apesar do argumento não ser apresentado em público pelos aliados. Segundo o presidente estadual do PCdoB, deputado federal Daniel Almeida, a principal estratégia da sigla nestas eleições é tentar inserção política nos grandes municípios baianos. …Leia na íntegra

PT encolhe candidaturas a menor patamar em 20 anos

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 08 ago 2016

Tags:, ,

Ricardo Galhardo / Daniel Bramatti / Estadão Conteúdo

Redução de 35% reflete as turbulências pelas quais tem passado o partido; antipetismo, impeachment e restrições em coligações são as causas

Foto: Reprodução Blog Diário da Mída
Foto: Reprodução Blog Diário da Mída

 

Levantamento preliminar feito pela Direção Nacional do PT mostra que a legenda terá 1.135 candidatos a prefeito nas eleições de outubro. O número representa uma redução de 35,5% em relação aos 1.759 candidatos petistas que disputaram prefeituras nas eleições de 2012. É a menor quantidade de representantes do partido em um pleito municipal nos últimos 20 anos, quando disputou 1.077 prefeituras em 1996.

Segundo dirigentes do PT, a redução reflete as turbulências pelas quais tem passado o partido. “É a crise”, afirmou o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), vice-presidente da legenda.

A queda ocorre em todas as regiões do Brasil, de acordo com os dados do PT – o país tem 5.750 municípios. O único estado onde o número de candidaturas aumentou é o Piauí, governado por Wellington Dias (PT), com 70 nomes em disputa neste ano contra 49 há quatro anos.

Segundo o secretário nacional de Organização do PT, Florisvaldo Souza, o número vai aumentar até o término do prazo para registro de candidaturas, dia 15 deste mês, mas certamente ficará bem abaixo do registrado nas últimas eleições municipais. “Não tenho os números calculados ainda. De fato há uma redução de candidatos, mas, em compensação, devemos disputar mais eleitores.” …Leia na íntegra