Receita Federal inicia pagamento do segundo lote do IR

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 15 jul 2019

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

A Receita Federal liberou nesta segunda-feira (15), 15, 5 bilhões de reais para pagar o segundo lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2019, e também, as restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018. Foram contemplados 3.164.229 contribuintes.

Serão depositados R$ 5 bilhões para 3.164.229 contribuintes. Desse total, R$2.362.514.597,42 referem-se a restituição de 15.489 contribuintes idosos acima de 80 anos, 197.895 contribuintes entre 60 e 79 anos, 24.793 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, e 1.251.906 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, é preciso acessar o site da Receita Federal, ou ligar para o Receitafone, no número 146. A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF.

IR 2019: mais de 553 mil declarações já foram enviadas para Receita Federal

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 16 abr 2019

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-candeias-premium.gif

A Receita Federal divulgou um balanço das declarações do Imposto de Renda da Pessoa Física, enviadas na Bahia. De acordo com o órgão 553.117 declarações foram recebidas até o final da tarde desta segunda-feira (15).

Até a última quinta-feira (11), o balanço do estado era de 498.549 declarações. Em todo o Brasil, já foram feitas 13.627.760 declarações do IR.

A expectativa da Receita Federal é de que até o final do prazo, no dia 30 de abril, os baianos emitam 1.208.000 declarações.

IR: Receita abre consulta a lote da malha fina

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 08 abr 2019

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Da Redação

A consulta ao lote residual de restituição do Imposto de Renda (IR) Pessoa Física de abril, foi aberto nesta segunda-feira (08) pela Receita Federal. Ao todo, serão desembolsados R$ 210 milhões para 91,3 mil contribuintes que estavam na malha fina das declarações de 2008 a 2018, mas regularizaram as pendências com o Fisco.

A lista com os nomes já esta disponível no site da Receita na internet. A consulta também pode ser feita pelo Receitafone, no número 146. A Receita oferece ainda aplicativo para tablets e smartphones, que permite o acompanhamento das restituições.

As restituições terão correção de 6,64%, para o lote de 2018, a 108,76% para o lote de 2008. Em todos os casos, os índices têm como base a taxa Selic (juros básicos da economia) acumulada entre a entrega da declaração até este mês.

Receita cria chat para regularizar débitos de pessoas físicas

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 15 mar 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Da Redação

Fonte:G1

Foi anunciado nesta quinta-feira(14), pela Secretaria da Receita Federal
 a ampliação do atendimento eletrônico para as empresas que possuem certificado digital, e também a criação de um atendimento online por meio de “chat” (sala de bate papo) para regularizar débitos do Imposto de Renda
das pessoa física.

Hoje (15), a Receita Federal inaugura um novo processo de atendimento eletrônico que permitirá às empresas com certificação digital pedirem a Certidão Negativa de Débito (CND), sem a necessidade de mandarem um representante a uma unidade de atendimento do Fisco.

As duas novidades foram regulamentadas por instruções normativas e publicadas no Diário Oficial da União. Os serviços estão disponíveis no Centro Virtual de Atendimento da Receita Federal (e-CAC), disponível na internet.

Receita Federal invalida CNPJ de 3,3 milhões de empresas

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 23 fev 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-candeias-premium.gif

Reprodução do site da CDL

As empresas não declararam ao Fisco débitos e créditos tributários

A Receita Federal declarou inapto o Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) de 3.309.404 empresas, que deixaram de fazer a Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais (DCTF) por dois anos consecutivos entre 2013 e 2017.

A obrigação é anual e deve indicar o recolhimento ou isenção de 11 tributos federais como Imposto de Renda, Imposto de Produtos Industrializados, Contribuição para o PIS/Pasep e a Cide-Combustível.

A inaptidão do CNPJ invalida a inscrição da empresa, anula documentos fiscais, pode bloquear a movimentação de contas-correntes em bancos e responsabiliza sócios e administradores por eventuais débitos com o Fisco.

Antes de declarar a inaptidão, a Receita Federal procurou cada empresa contribuinte e avisou das pendências. As comunicações foram feitas entre agosto do ano passado e este mês (fevereiro). De todas empresas contatadas, apenas 116,8 mil entregaram a declaração em atraso e reverteram o processo de invalidade.

De acordo com o coordenador-geral de Arrecadação e Cobrança da Receita Federal, Marcos Hubner Flores, não foi feito um perfil das empresas consideradas inaptas e nem há um levantamento das razões para a não apresentação da declaração.

Ele não considera que a razão da omissão tenha a ver com a recessão econômica e o fechamento de empresas. “Por causa da crise econômica e de dificuldades financeiras, uma empresa pode deixar de recolher tributos, mas pode fazer as declarações”, explicou ao lembrar que em caso de dívida com fisco há possibilidade de negociação e reparcelamento de débitos.

De acordo com Hubner Flores, empresas que pediram falência também devem declarar débitos e créditos tributários.

Caso a fiscalização tributária cerifique que a omissão da declaração ocorreu em razão de fraude, os sócios poderão ser processados na Justiça e ter a dívida de contribuições e impostos em atraso da empresa vinculados aos CPF dos sócios.

Fonte: Agência Brasil

Receita libera consulta ao último lote de restituição do IR 2018

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 10 dez 2018

Tags:, ,

Da Redação

A Receita Federal liberou nesta segunda-feira (10), a consulta ao sétimo e último lote de restituições do Imposto de Renda 2018. Este lote também inclui restituições residuais de 2008 a 2017.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar o site da Receita ou ligar para o Receitafone, no número 146. Quem não aparecer em um dos sete lotes regulares do IR está automaticamente na malha fina do Leão.

Ao todo, serão pagos mais de R$ 319 milhões a 151.248 contribuintes no dia 17 de dezembro. Desse total, R$ 193 milhões referem-se ao sétimo lote do IR de 2018, que contemplará 100.690 contribuintes.

Receita libera na segunda a consulta ao último lote de restituição do IR 2018

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 07 dez 2018

Tags:, ,


Da Redação

A Receita Federal vai liberar a partir das 9h de segunda-feira (10) a consulta ao sétimo e último lote de restituições do Imposto de Renda 2018. Também estão no lote restituições de 2008 a 2017 que haviam caído na malha fina e  foram regularizadas.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar o site da Receita ou ligar para o Receitafone, no número 146

Consulta ao quinto lote de restituição do IR é liberado pela Receita

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 05 out 2018

Tags:, ,


Da Redação

 

A Receita Federal liberou nesta sexta-feira (5), a consulta ao quinto lote de restituições do Imposto de Renda 2018. Também estão no lote restituições de 2008 a 2017 que haviam caído na malha fina e foram regularizadas. O crédito bancário para mais de 2,5 milhões de contribuintes será realizado no dia 15 de outubro, somando R$ 3,3 bilhões.

Desse total, R$ 171,7 milhões são destinados a contribuintes com prioridade, sendo 4.307 idosos acima de 80 anos, 32.257 pessoas entre 60 e 79 anos, 4.530 com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 20.362 contribuintes cuja maior fonte de renda é o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone, número 146.

Receita Federal: Cadastro de Atividade Econômica da Pessoa Física é regulamentado

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 11 set 2018

Tags:, ,

Banner marcelo santana

Da Redação

Foi publicada na edição de hoje (11) do Diário Oficial da União, a Instrução Normativa nº 1828/2018 da Receita  Federal  que regulamenta o Cadastro de Atividade Econômica da Pessoa Física (Caepef).

O Caepf substitui o Cadastro Específico do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), chamado de CEI. Esse cadastro é exigido como forma de controle das contribuições previdenciárias, resultado da atividade econômica de pessoas físicas, ou seja, que não têm Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ).

De acordo coma Receita Federal, o cadastro entrará em produção de forma facultativa para o contribuinte em 1º de outubro deste ano e será obrigatório em 2019. No período de 1º de outubro de 2018 a 14 de janeiro de 2019 o CEI coexistirá com o Caepf, diz a instrução normativa.

Obrigatoriedade.

…Leia na íntegra

Receita ameaça cancelar o CNPJ de 3,4 milhões de empresas

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 06 set 2018

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Veja/CDL(Reprodução)

Serão considerados inaptos os contribuintes que estão omissos na entrega de escriturações e de declarações dos últimos cinco anos

Receita Federal ameaça retirar o registro de Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) das empresas que estejam omissas na entrega de escriturações e declarações nos últimos cinco anos, em especial as Declarações de Débitos e Créditos Tributários Federais. Estima-se que até 3,4 milhões inscrições no CNPJ possam ser declaradas inaptas até maio de 2019.

Segundo a Receita, os CNPJs inaptos serão publicados em seu site pela delegacia fiscal do domicílio da empresa. Para evitar a declaração de inaptidão, o órgão orienta que o contribuinte regularize a sua situação.

De acordo com a Receita, o contribuinte pode consultar a existência de omissões na entrega de declarações no Centro Virtual de Atendimento (e-CAC) no serviço “Certidões e Situação Fiscal”, nos itens “Consulta Pendências – Situação Fiscal”, com relação às obrigações acessórias não previdenciárias, ou a “Consulta Pendências – Situação Fiscal – Relatório Complementar” com relação às obrigações acessórias previdenciárias. …Leia na íntegra

Receita Federal recebe exposição sobre comunidades rurais de Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura | Data: 01 ago 2018

Tags:, ,

Da Redação

Por mais um ano, a Receita Federal recebe exposição do Proler. Foto: arquivo do projeto

Começou nesta quarta-feira (1º) a exposição intitulada “Linguagens do Campo em Memoriais – Saber Memória”, na Receita Federal, em Vitória da Conquista. O evento é uma realização do Programa Nacional de Incentivo à Leitura (Proler).

O projeto consiste em expor elementos que fazem parte da memória de algumas comunidades da zona rural de Conquista. A ação é de cunho educativo e cultural, com conexões entre leituras, escritas criativas, imagens, histórias de escolas e de pessoas dessas comunidades.

As produções são frutos do 26º Encontro de Leitura do Proler/Uesb Conquista, realizado para alunos do Ensino Fundamental do Círculo Escolar Integrado de Cabeceira, em outubro de 2017. A exposição, que acontece até o dia 31 de agosto, contemplou diversos aspectos das escolas dos povoados de Cabeceira, Periperi, Itapirema, Lagoa de Justino, Caiçara e Vereda Grande, como flores, vegetação, ofícios no campo, trabalhos em olarias, moradores antigos, manifestações culturais e religiosas.

O horário de visitação será das 8 às 17 horas. A Receita Federal fica situada na Praça Virgílio Ferraz, nº 32, Centro. Para mais informações, entre em contato com o Proler pelo telefone (77) 3421-1404.

Receita libera hoje consulta ao segundo lote de restituição do IR 2018

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 10 jul 2018

Tags:, , ,

da Redação
Fonte: Agência Brasil/CDL (Conteúdo)

A consulta ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2018 será liberada a partir das 9h de hoje (9). Esse lote também contempla restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2017.

O crédito bancário para 3.360.917 contribuintes será feito no dia 16 de julho, totalizando o valor de R$ 5 bilhões. Desse total, R$ 1,625 bilhão são destinados a contribuintes com prioridade: 3.358 idosos acima de 80 anos, 49.796 entre 60 e 79 anos, 7.159 com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 1.120.771 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet , ou ligar para o Receitafone, número 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível verificar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora. …Leia na íntegra

IR: consulta ao lote residual de restituição foi liberado nesta terça-feira

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 08 maio 2018

Tags:, ,

Da Redação

Foi liberado na manhã desta  terça-feira (08), pela Receita Federal, a consulta ao lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física, referentes aos exercícios de 2008 a 2017.

Os lotes residuais referem-se a contribuintes que caíram na malha fina, mas que posteriormente acertaram suas contas com o leão. No total, 125.569 contribuintes receberão o total de R$ 200 milhões. Desse montante, R$ 85.314.569,52 serão pagos a 23.957 contribuintes idosos e 2.140 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave.

A Receita lembra que há ainda o aplicativo para tablets e smartphones que facilita consultas às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF, diretamente nas bases de dados da Receita Federal.

Faltando uma semana para o fim do prazo, e 12,9 milhões de contribuintes ainda não entregaram a declaração do IR

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Justiça | Data: 23 abr 2018

Tags:,

 Da Redação

Segundo informações da Receita Federal,  12,9 milhões de contribuintes ainda não entregaram a declaração do Imposto de Renda 2018 (ano calendário 2017).  Até as 11 horas desta segunda-feira (23 ), cerca de 15.979.418 declarações foram recebidas.

Joaquim Adir,  supervisor nacional do IR, diz que a expectativa é de que 28,8 milhões de contribuintes entreguem a declaração. O prazo de entrega da declaração vai até 30 de abril.

Atenção contribuinte a Receita alerta que aqueles que perderem o prazo estarão sujeitos ao pagamento de multa mínima de R$ 165,74 e máxima de 20% do imposto devido.

Lembrando que neste ano é obrigatório informar o CPF de dependentes a partir de 8 anos ou mais, completados até a data de 31/12/2017.

Quem é obrigado a declarar o IR?? …Leia na íntegra

Novo delegado da Receita Federal toma posse em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Polícia, Segurança, Vit. da Conquista | Data: 09 mar 2018

Tags:, ,

Da Redação

Foto:B.R Ferraz

A Delegacia da Receita Federal de Vitória da Conquista, já esta sob novo comando. Na manhã desta sexta-feira (09), o novo delegado Andrey Soares de Oliveira foi empossado.

A cerimonia aconteceu no auditório do órgão, contou com a participação de representantes do poder público municipal, segurança pública, entidades de classe, representantes da sociedade civil, servidores e imprensa.

De acordo com o delegado, os trabalhos desenvolvidos  na Receita Federal de Conquista, serão continuados.  Andrey também se manisfestou em sua rede social  “Chegou o momento de assumir novos compromissos e responsabilidades. É o momento de compartilhar conhecimentos e, acima de tudo, aprender com a experiência de meus mais novos colegas da Delegacia da Receita Federal em Vitória da Conquista/BA. Que Deus continue a abençoar nossas vidas, agora nessa nova etapa”. 

Alerta: cartas que pedem atualização de dados bancários na Receita são falsas

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 05 mar 2018

Tags:, , ,

Da Redação

A Receita Federal divulgou em nota nesta segunda-feira (05), um alerta sobre as cartas que pedem atualização de dados bancários junto à Receita Federal, fique atento as cartas são falsas.

Alguns contribuintes têm recebido cartas por via postal, na própria residência, intimando-os a regularizar os dados cadastrais. Nessa correspondência, há um endereço eletrônico para acesso e atualização dos dados,e vem informes de  inconsistências no cadastro referentes aos dados bancários declarados e que isso levou o contribuinte a constar “na lista da malha fina da Receita Federal”. A correspondência indica um endereço falso para que a correção seja feita.

Fique atento “Apesar de conter a marca da Receita Federal, a carta é uma tentativa de golpe e não é enviada pelo órgão nem tem sua aprovação. A orientação ao contribuinte é que, caso receba esse tipo de correspondência, destrua e jamais acesse o endereço eletrônico indicado”.

A Receita Federal orienta que consultas, alterações de informações ou download de programas sejam feitos apenas pelo endereço oficial do órgão. Caso entre em outro endereço eletrônico, o contribuinte estará sujeito a vírus e malwares, que podem roubar seus dados pessoais, bancários e fiscais. Caso o contribuinte não consiga utilizar os serviços virtuais oficiais, ele deve procurar um Centro de Atendimento ao Contribuinte nas unidades da Receita Federal. Nenhum outro site ou endereço na internet está habilitado a fazer procedimentos em nome da Receita Federal.

O órgão esclarece também  que solicita os dados bancários apenas em duas situações: para fins de débito automático ou depósito de restituição do Imposto de Renda. Em ambos os casos, a informação é fornecida na Declaração do Imposto de Renda e pode ser alterada por meio do Extrato da Dirpf no Centro Virtual de Atendimento da Receita Federal (e-CAC). (Agência Brasil)

Programa gerador do Imposto de Renda 2018, é liberado pela Receita Federal

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 26 fev 2018

Tags:, ,

Da Redação

A Secretaria da Receita Federal liberou nesta segunda-feira (26), através de sua página na internet o programa gerador do Imposto de Renda 2018, ano-base 2017.

Para fazer a declaração o contribuinte pode baixar o programa e realizar o procedimento, porém só poderá enviá-la ao Fisco a partir do dia 1º de março – quando começa a temporada do IR 2018. . O prazo de entrega se estende até 30 de abril.

As empresas, entretanto, têm até a próxima quarta (28) para entregar aos seus funcionários o comprovante de rendimentos do ano passado – documento necessário para fazer a declaração do Imposto de Renda de 2018.

 Receita Federal realiza pagamento do lote residual de restituição do Imposto de Renda

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 15 fev 2018

Tags:,


Da Redação

Nesta quinta-feira(15), a Receita Federal irá restituir mais de R$ 210 milhões para 102.361 contribuintes referentes ao Imposto de Renda de 2008 a 2017.  Os valores serão corrigidos pela Selic, a taxa básica de juros da economia , de acordo com a Agência Brasil,. A consulta ao lote residual foi aberta no último dia 8.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Segundo a Receita, a restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la pela internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da Declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Caso haja, o contribuinte poderá fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora. As consultas podem ser feitas pelo aplicativo da Receita Federal para tablets e smartphones.

Consulta a lote residual de restituição do Imposto de Renda é liberada pela receita

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 09 fev 2018

Tags:, ,


Da Redação

Foi disponibilizado na manhã da ultima quinta-feira (08), a  consulta ao lote multiexercício de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), contemplando o período de 2008 a 2017.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet (RF),  Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

Está sendo disponibilizado pela receita, um aplicativo para tablets e smartphones, que facilita a consulta às declarações do IRPF e à situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do Imposto de Renda e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

 

Receita exigirá CPF de dependentes com idade a partir de 8 anos

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 21 nov 2017

Tags:, ,

Da Redação


A Receita Federal informou que partir de 2018 o preenchimento da seção de dependentes na Declaração de Imposto de Renda sofrerá alterações. Com a alteração publicada como Instrução Normativa nessa segunda-feira (20), será exigido o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) de dependentes com mais de 8 anos. A determinação, anteriormente, era voltada para dependentes maiores de 12 anos.

De acordo com o governo, as mudanças se deram com o objetivo de diminuir as chances de que os declarantes caiam na malha fina. Deste modo, segundo o governo, a restituição do Imposto de Renda deverá ser mais rápida, levando em conta que devem haver menos problemas com as declarações. Para 2019, os dependentes de todas as idades devem ser registrados pelo CPF.