Prefeitura terá que esperar até 4ª feira para resolver o transporte escolar

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 29 jul 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

da Redação

Com determinação e firmeza, a Prefeitura de Vitória da Conquista, vem enfrentando os carteis que são formados na Bahia – para forçar os prefeitos a cometerem erros sucessivos nos contratos com empresas do transporte escolar.

O TCM – Tribunal d Constas dos Municípios não aceita os contratos emergenciais sob pena de reprovação de contas de prefeitos baianos.

Em Vitória da Conquista, a Smed – Secretaria de Educação, desde o ano passado, tem sido vencida com processos licitatórios fracassados. Os ganhadores de vários lotes não possuem os veículos e a Prefeitura continua sem o transporte escolar.

Prazo

Pela Lei, a PMVC, terá que aguardar até 4ª feira (31), para que uma empresa de Salvador, ganhadora de lotes na licitação, apresente a documentação e a frota de 50 vans, 29 micro-ônibus e 31 ônibus.

Para o secretário de Educação, Esmeraldino Correia, a empresa já deu sinais que não tem os veículos para apresentar.

Compra direta

Após o prazo legal, a PMVC, fará COMPRA DIRETA, para definitivamente resolver um problema que vem se arrastando desde 2011.

Segundo vem declarando o prefeito Herzem Gusmão (MDB), “Com coragem e atitude vamos resolver este problema. Faltou aos administradores no passado determinação para o enfrentamento destes carteis de transporte escolar”.

Semob realiza segunda vistoria técnica para o transporte escolar urbano e prestadores do Município

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 09 jun 2018

Tags:, ,

da Redação
Reprodução site da PMVC

Durante a vistoria, que acontece em julho, serão observados, entre outros aspectos, as condições físicas dos veículos,

Motoristas devem comparecer à Semob para retirar o DAM para pagamento

Você é permissionário do serviço de transporte escolar urbano ou dos carros que prestam serviços nas secretarias municipais? Fique atento! A Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) iniciou o processo referente a segunda vistoria técnica destes veículos para garantir mais segurança e conforto a quem utiliza destes transportes.

Os motoristas de ambos os grupos devem comparecer à Semob para retirar o DAM para pagamento. No caso dos motoristas de transporte escolar, há ainda uma segunda exigência: a regularização da documentação.

Quanto aos veículos que prestam serviço ao Município, a Semob orienta que as secretarias municipais enviem uma relação com o nome dos prestadores, acrescentando o número da placa dos veículos, ano e modelo, até o dia 26 de junho.

Depois de cumpridas essas etapas, os motoristas serão encaminhados à Central de Equipamentos (Deserg) – localizada na Avenida Santa Catarina, s/n, bairro Patagônia –, entre os dias 4 e 30 de julho (no caso de permissionário do transporte escolar) e entre 4  e 31 de julho (no caso de prestador do Município), das 8h às 11h e das 14h às 17h, para a vistoria.

Mais informações na Coordenação de Transporte, por meio do telefone (77) 3429-7380.

2ª vistoria do transporte escolar urbano acontece neste mês de agosto

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte | Data: 04 ago 2017

Tags:,

 

Da Redação
foto: arquivo BRG


Neste mês de agosto, a Prefeitura de Vitória da Conquista irá realizar a 2ª vistoria do transporte escolar urbano. Segundo a administração municipal, para estar apto à vistoria, os permissionários do serviço devem comparecer à sede da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana para regularizar sua documentação.

Depois de retirarem o D.A.M. e efetuarem o pagamento, eles serão encaminhados ao Deserg para realização da vistoria. Conforme a Prefeitura, permissionários filiados ao Sindicato Empresarial dos Transportadores Escolares da Bahia (Seteb) e também os que não são associados a nenhum sindicato serão atendidos entre 14 e 18 de agosto, das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas. Já os que forem associados ao Sindicato dos Transportadores de Escolares de Vitória da Conquista (Sintevic) serão recebidos nos dias 12 e 19 de agosto (dois sábados), das 7 às 13 horas.

Prefeitura realiza segunda vistoria anual do transporte escolar

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Vit. da Conquista | Data: 20 jul 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura/Conteúdo

Começa no próximo sábado, 22, a segunda vistoria técnica anual dos veículos que fazem o transporte escolar de alunos e professores da Rede Municipal de Ensino de Vitória da Conquista. A vistoria será realizada até o dia 2 de setembro, sempre aos sábados das 7h às 13h.

O calendário da fiscalização foi previamente distribuído aos prestadores de serviços. No momento da vistoria, que será realizada na Central de Equipamentos (Deserg), os responsáveis pelos veículos devem estar munidos de Carteira de Habilitação e Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV).

O coordenador de transportes da secretaria de Educação, Humberto Lima, lembrou que as vistorias técnicas estão previstas no Código de Trânsito Brasileiro. “Essa medida é necessária com a finalidade de garantir maior segurança dos nossos alunos e professores”, completou.

Além de verificar a parte mecânica dos veículos, serão analisadas as condições físicas e verificadas a existência de dispositivos específicos, como faixas de identificação, lanternas na parte superior traseira e cinto de segurança.

Alunos da Rede Estadual estão sem aula em Conquista por falta de pagamento do transporte

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Vit. da Conquista | Data: 24 maio 2017

Tags:,

Da Redação

Na última semana, alunos do Colégio Estadual do Campo da Cabeceira da Jiboia, zona rural de Vitória da Conquista, entraram em contato com o BLOG DA RESENHA GERAL para denunciar o que eles consideram “um grande descaso do governo estadual”.  De acordo com o relato dos estudantes, há mais de duas semanas eles estão sem aulas, porque não conseguem chegar até à escola.

Sem transporte escolar, devido à falta de pagamento dos funcionários da rede, eles não têm como ir ao Colégio. Por meio de nota, o Núcleo Regional de Educação informou que “a Secretaria da Educação do Estado da Bahia está regularizando o pagamento do transporte dos estudantes do Colégio Estadual do Campo da Cabeceira da Jiboia, para retomada imediata do serviço”.

193 veículos que realizam transporte escolar serão vistoriados novamente pela Prefeitura

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte | Data: 09 fev 2017

Tags:, ,

Da Redação

Foto: Rafael Gusmão

Uma nova vistoria nos veículos que fazem transporte escolar dos alunos da rede municipal de ensino será feita na manhã do próximo sábado (10), em frente ao Estádio Lomanto Júnior, em Vitória da Conquista.

Ao todo são 193 veículos que prestam esse serviço no município. A iniciativa visa garantir que o transporte seja seguro para os alunos, de forma que sejam observadas a presença e o funcionamento adequado de todos os equipamentos de segurança, como prevê o contrato e as normas estabelecidas na legislação em vigor.

Uso de cadeirinhas em transporte escolar não é mais obrigatório

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte | Data: 02 dez 2016

Tags:, , ,

Da Redação

net_foto_1_detran_-_cadeirinhaA partir de agora, está suspensa a obrigatoriedade do uso de cadeirinhas para crianças de até sete anos e meio em veículos de transporte escolar. A decisão foi anunciada pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), por meio de um resolução, nesta quinta-feira (1º). De acordo com o órgão, a exigência foi suspensa por dificuldades técnicas, econômicas e sociais para a adaptação dos veículos escolares em circulação, além da baixa oferta no mercado de cadeirinhas com cinto de segurança do tipo sub-abdominal.

Além disso, o órgão afirma que ainda há a necessidade de estudos complementares para avaliar a efetividade das cadeirinhas. Em julho de 2015, o uso dos equipamentos foi considerado obrigatório. À época, o Contran determinou que os veículos de transporte escolar deveriam ter cadeirinhas para crianças até essa idade, a partir de fevereiro 2016. A medida provocou protestos de motoristas em vários estados do país.

Prefeito, ex-prefeito e prefeita eleita de Malhada de Pedras são acusados de desvio de verbas

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 25 nov 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

img_1214O prefeito Valdecir ‘Ceará’ (foto), o ex-prefeito Ramon dos Santos e a sua esposa e prefeita eleita, Terezinha Baleeiro, participaram ativamente dos desvios de verbas.

A Operação Vigilante, deflagrada pela Polícia Federal e Controladoria-Geral da União (CGU), cumpriu vário mandados de prisão contra membros da Administração Municipal de Malhada de Pedras. Entre os que foram presos ou conduzidos coercitivamente estão o prefeito, ex-prefeito e prefeita eleita do município. O esquema de desviou pelo menos R$ 3 milhões em recursos destinados ao transporte escolar no município.

O mandado de prisão preventiva foi cumprido contra o atual prefeito, Valdecir Bezerra, conhecido como Ceará, o vice-prefeito eleito, Adriano Paca, que se encontra foragido, além de servidores da Secretaria de Transportes. Também foram conduzidos coercitivamente o ex-prefeito, Ramon dos Santos, a prefeita eleita, Terezinha Baleeiro, o atual vice-prefeito, Paulo César Paca.

“A gente está falando de um ex-prefeito, que já tem condenação por inelegibilidade, da sua esposa, que foi eleita prefeita; do atual vice-prefeito e seu irmão, que foi eleito vice-prefeito, além de empresários e servidores da prefeitura. É o que a gente chama de um conúbio espúrio, que é um grupo político que se une no propósito de desviar recurso público em beneficio próprio, para custear gastos de campanha e empresários”, declarou o delegado Rodrigo Kolbe.

Os detidos na operação foram transferidos para o Conjunto Penal de Vitória da Conquista, onde estão custodiados outros dois prefeitos da região presos este ano.

Operação investiga desvios de R$ 3 milhões em transporte escolar

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 25 nov 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

img_0828

O Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU) e a Polícia Federal realizam, nesta sexta-feira (25), a Operação Vigilante, que visa desarticular esquema de desvios de recursos destinados ao transporte escolar no município de Malhada de Pedras. O prejuízo estimado ao Erário é de, pelo menos, R$ 3 milhões.

Durante as investigações, foram identificadas fraudes em licitação, com direcionamento, para contratação de empresa vinculada a gestores municipais; superfaturamento mediante adulteração de quilometragem de linhas percorridas; e cobrança pela prestação de serviço de transporte, em dias sem atividade escolar. Em alguns casos, a quilometragem cobrada era mais do que o dobro da distância real percorrida.

Participam da ação cerca de 90 pessoas, entre policiais e auditores da CGU. Estão sendo cumpridos dois mandados de prisão preventiva, dois de prisão temporária, oito conduções coercitivas, três medidas cautelares e 15 mandados de busca e apreensão, nos municípios baianos de Malhada de Pedras, Salvador, Alagoinhas, Itagibá e São José do Jacuípe.

Os envolvidos devem responder pelos crimes de responsabilidade, fraudes em licitação, organização criminosa, além de atos de improbidade. O nome da Operação faz referência a dois aspectos: primeiro, deriva do nome da empresa utilizada pela organização criminosa, que em tupi, significa vigilante; segundo, uma alusão a órgãos de controle, que estão vigilantes quanto aos desvios de recursos públicos.

Riacho de Santana: prefeito desviou mais de 100 milhões, diz Polícia Federal

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 05 maio 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais
foto: Rony Cley

IMG_1505

Em entrevista coletiva, nesta quinta-feira (5), a Polícia Federal em Vitória da Conquista apresentou detalhes da Operação Imperador, que acabou com um esquema de desvio de verba na prefeitura de Riacho de Santana, no oeste baiano. O atual prefeito do município, Tito Eugênio Cardoso de Castro (foto), é acusado de ser chefe da quadrilha que fraudava contratos de transporte escolar.

IMG_0151As investigações começaram a partir da denuncia apresentada por vereadores daquele município ao Ministério Público Federal, que a repassou para a Controladoria Geral da União (CGU). “O Ministério Público nos comunicou da denúncia e então passamos a investigar. Então percebemos diversas irregularidades nas licitações, como alto valor para a retirada de documentos e excesso de exigências. Para se ter uma ideia, eles pediam que a empresa proponente tivesse pelo menos 50 por cento da frota em seu patrimônio, o que totaliza 10 veículos. Então, a empresa liga ao prefeito tomou os veículos na forma de empréstimo e depois os devolveu. Por fim, ele contrataram veículos e motoristas que já prestavam serviço em outra gestões para fazer o transporte dos estudantes”, revelou  o chefe da CGU na Bahia, Adilmar Gregorini.

Segundo o delegado federal, Rodrigo Kolbe, o prefeito Tito Eugênio constituiu empresas fraudulentas, em nome de laranjas, e colocou na administração parentes ou pessoas de sua confiança, como o ex-chefe de gabinete. “Eles comandavam toda a operação de transporte escolar na cidade e recebiam um valor muito maior do que era repassado aos motoristas, o restante era desviado para proveito próprio. A gente conseguiu detectar que ao longo desses anos, essas empresas todas movimentaram mais de 100 milhões de reais”.

Parte desse dinheiro, de acordo com a Polícia Federal, foi usado para pagar dívida de campanha. “Ele precisava, a partir do ingresso no cargo público, fraudar licitações para fraudar licitações [e pagar as despesas da campanha]”, afirma o delegado.

Após as prisões, o prefeito e os comparsas foram encaminhados para o presídio Lemos de Brito, em Salvador. Todos foram afastados das atividades públicas.

Polícia Federal de Conquista cumpre mandados de prisão contra prefeito de Riacho de Santana

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 05 maio 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

DSC_1464

A Polícia Federal em Vitória da Conquista, o Ministério Público Federal e a Controladoria Geral da União deflagram nesta quinta-feira (5) a Operação IMPERADOR, que apura apurar fraudes nos contratos de transporte escolar celebrados entre o município de Riacho de Santana (oeste da Bahia) e empresas constituídas em nome de “laranjas”. Ao todo, são cumpridos três mandados de prisão preventiva, 11 mandados de busca e apreensão e 5 mandados de medidas cautelares nas cidades de Guanambi, Tanque Novo e Riacho de Santana.

IMG_0151Os mandados expedidos são em desfavor do atual prefeito Tito Eugênio Cardoso de Castro (foto), do seu chefe de gabinete, de um vereador de Riacho de Santana, além dos proprietários das empresas envolvidas e do contador que auxiliava a organização criminosa na constituição fraudulenta das pessoas jurídicas.

O Inquérito Policial foi instaurado em 2014 e, ao longo da investigação, descobriu-se que os verdadeiros beneficiários da verba pública federal eram parentes, pessoas próximas e o próprio Prefeito. O esquema teria perdurado por cerca de seis anos, entre os anos de 2009 e 2015.

Dentre as medidas cautelares impostas, incluem-se a suspensão do exercício da função pública, a suspensão de exercício de atividade econômica, a proibição de acessar as dependências da Prefeitura Municipal ou qualquer repartição pública municipal de Riacho de Santana e a proibição de contratar com o Poder Público, direta ou indiretamente.

O nome da operação é uma referência ao principal investigado, o Prefeito Municipal, que tem o mesmo nome de dois imperadores romanos, o primeiro conhecido como “o usurpador” e o segundo por ter governado Roma por um longo período de 79 a 81 d.C.

Polícia realiza reconstituição do acidente que matou condutora de van escolar

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 01 abr 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais*

IMG_0521foto: Paulo César Fernandes – Blog Transitar

O Departamento de Polícia Técnica realizou a reconstituição do acidente que matou uma motorista de transporte escolar em Vitória da Conquista, no mês de maio de 2014. A van, conduzida por Rita de Cássia Lamego (foto), colidiu com uma pick-up no cruzamento das ruas TG 7 e Larissa Cavalcante, no Bairro Boa Vista.

IMG_1331O trabalho da polícia, nessa quarta-feira (30), teve o intuito de buscar esclarecimentos dos fatos que motivaram o acidente. Para isso, o trânsito foi interrompido nas proximidades do acidente.

No dia do acidente, testemunhas relataram que o veículo que colidiu com a van havia acabado de sair do estacionamento da empresa. Com o impacto, quatro das cinco foram arremessadas para fora do veículo. Rita de Cássia ficou presa debaixo do carro.

Após o acidente, Rita de Cássia chegou a ficar internada no Hospital SAMUR. Ela sofreu traumatismo craniano e passou por uma cirurgia no cérebro, no entanto, faleceu seis dias depois do ocorrido. Além de Rita de Cássia, cinco crianças estavam na van e saíram feridas.

*com informações do Blog Transitar

Itapetinga: veículo do transporte escolar pega fogo e crianças são retiradas às pressas

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Sudoeste | Data: 24 fev 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

kombi-1foto: site Sudoeste Hoje

Uma kombi que fazia transporte de alunos da zona rural de Itapetinga pegou fogo e por muito pouco não causou uma tragédia. O veículo estava repleto de crianças que retornavam para suas casas após uma manhã de aulas. O fato ocorreu nessa terça-feira (23).

Testemunhas relataram que a Kombi começou a pegar fogo ainda em movimento. A fumaça acabou se alastrando rapidamente pelo interior do veículo. Ao notar o incêndio, o motorista parou o carro no meio da estrada e retirou às pressas os alunos, o que evitou a tragédia.

Segundo o site Sudoeste Hoje, pais e alunos vinham se queixando das péssimas condições do veículo, que faz o transportes dos estudantes da localidade conhecida como Fazenda Liberdade. Ainda de acorgo o site, a Secretaria de Educação e o Conselho Tutelar foram alertados dos perigos, mas nenhuma providência foi adotada.

Jequié: MPF e MP/BA ajuízam ação contra prefeitura e empresa por irregularidades em transporte escolar

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 18 fev 2016

Tags:, , , ,

Da Redação
foto ilustrativa

onibus-escolarO Ministério Público Federal em Jequié (BA) e o Ministério Público do Estado da Bahia (MPE/BA) entraram com uma ação civil pública com pedido de liminar em tutela antecipada contra o prefeitura Jequié e a empresa Rio Una Transportes LTDA, responsável pelo transporte escolar na zona rural no município. De acordo com os órgãos, a empresa utiliza veículos precários e, por outro lado, a prefeitura não adota providências para acabar com as irregularidades.

Dessa forma, os órgãos solicitaram à Justiça Federal de Jequié, dentre outras medidas, que o município instaure procedimento administrativo em 48 horas para apurar as irregularidades contratuais com a Rio Una e suspenda, imediatamente, o contrato firmado com a empresa.

As instituições também pedem à Justiça que o município de Jequié seja obrigado a assumir a execução do serviço para não prejudicar a continuidade do transporte escolar. Pedem ainda a retenção dos créditos decorrentes da execução do contrato ainda não repassados à conta da firma contratada para viabilizar o ressarcimento dos cofres públicos pelos danos causados e também a realização de nova licitação para contratação do serviço escolar.

Segundo os órgãos, desde 2013, já vinha sendo apurada a deficiência do serviço de transporte escolar e a subcontratação ilegal integral do contrato celebrado entre o município de Jequié e a empresa Rio Una. Além disso, em 2015, denúncias foram feitas, afirmando que o transporte escolar fornecido pelo município era precário, superlotado e desatendia às normas do Código de Trânsito Brasileiro.

Ao investigar o caso, se verificou que, de fato, o serviço de transporte escolar oferecido desde o ano de 2013 era de péssima qualidade, não atendia às exigências legais, expunha a vida e a integridade física dos alunos a perigo de acidentes e morte por conta da falta de cinto de segurança e demais equipamentos de segurança. Foram flagrados estudantes da rede municipal de ensino de Jequié sendo transportados em “paus de arara”, sem nenhum item de segurança, que prestavam serviço à Rio Una. Além disso, condutores afirmaram que os veículos não foram submetidos à inspeção em 2015.

Motoristas de transporte escolar protestam em Vitória da Conquista

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Brasil, Vit. da Conquista | Data: 17 jul 2015

Tags:, , , ,

Da Redação

motoristas1

Dezenas de motoristas de vans fizeram um protesto pacífico na manhã desta sexta-feira (17), em Vitória da Conquista. Os manifestantes se reuniram logo cedo na Praça Sá Barreto e em seguida saíram pelas ruas da cidade. Em alguns momentos, o trânsito ficou tumultuado, mas não houve grandes confusões.

motoristas3

Os manifestantes são contra a lei da padronização das cadeirinhas para o transporte escolar e dos veículos. A medida, anunciada em junho, foi publicada pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) há um mês. Nesta sexta-feira, a resolução reforçou a obrigatoriedade da cadeirinha para todos os veículos. A regra vale a partir de 1º de fevereiro de 2016. Mas os motoristas alegam que sequer foram ouvidos a respeito da decisão, nem a sociedade. O que era necessário, já que a padronização deve gerar altos custos para os pais e beneficiaria, principalmente, aos fabricantes e empresários do setor.

motoristas2

Desde 2010, a lei obriga que crianças de até 1 ano sejam transportadas no bebê-conforto em carros de passeio. As que têm entre 1 e 4 anos, em cadeirinhas com encosto e cinto próprio. Os assentos de elevação, que utilizam cinto de segurança que ficam na altura do pescoço da criança, devem ser usados para menores entre 4 e 7 anos. O Ministério das Cidades informou que, com relação à exigência das cadeirinhas, a maior preocupação do Contran é dar segurança para as crianças.

Transporte escolar: pais de alunos do Miro Cairo voltam atrás e aceitam proposta da Prefeitura

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Educação | Data: 02 mar 2015

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais

DSC_0552A Associação dos Moradores dos Condomínios Jacarandá e Flamboyant entrou em contato com o BLOG DA RESENHA GERAL, nesta segunda-feira (2), para informar que voltou atrás na decisão de manter a mobilização contra a Prefeitura Municipal. O impasse começou após a Administração Municipal suspender o serviço de transporte escolar para os alunos dos residenciais.

No último sábado, a associação informou que recusou a proposta da Coordenação de Transporte Escolar que ofereceu atender apenas crianças até 12 anos para as escolas Professora Ridalva Correia e Maria Célia (a 8 km dos conjuntos habitacionais), e Caic (2,8 km). A proposta só beneficiará a Escola Frei Serafim a partir da próxima quarta.

“A primeira decisão seria de que os ônibus que transportam alunos dos residenciais só deveriam retornar na quarta-feira (4), quando tivéssemos a resposta da coordenadora de transporte escolar de Vitória da Conquista se teria ônibus para a Escola Frei Serafim, na Vila Serrana. Mas, ao término da reunião, ficou definitivamente aceita a proposta da coordenadora de transporte. E que, na quarta-feira, não havendo ônibus para a Frei Serafim, em solidariedade com pais e alunos dessa unidade, o impasse continua e não aceitaremos os outros transportes”, diz o comunicado assinado pela presidente da Associação, dona Maria Piedade (foto).

Pais de estudantes do Miro Cairo não aceitam proposta da Prefeitura para transporte escolar

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Educação | Data: 28 fev 2015

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais
fotos: Rafael Gusmão

DSC_0532

Os moradores dos condomínios do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, no bairro Miro Cairo, estiveram reunidos na tarde deste sábado (28) para definir as ações contra o corte de transporte escolar. Segundo os moradores, a Secretaria Municipal de Educação justificou que o serviço não era mais necessário. Mas a comunidade diz que mais de 150 alunos estão sem poder se deslocar às escolas.

DSC_0552O problema começou logo após o início do ano letivo na Rede Municipal de Ensino. Segundo a presidente da Associação dos Moradores dos Condomínios Jacarandá e Flamboyant, dona Maria Piedade, os ônibus circularam apenas nas duas primeiras semanas de aula. Após esse período, as mães tiveram que se deslocar até 8 km para deixar seus filhos nas escolas. “Tem uns 15 dias que eles param de buscar as crianças. Procuramos a Secretaria de Educação e, depois que fizemos o protesto e procuramos o Ministério Público, a coordenação de transporte escolar informou que só vão ser atender crianças até 12 anos. Mas o transporte começará na segunda para as escolas Professora Ridalva [Correia] e Maria Célia (a 8 km dos conjuntos habitacionais), e Caic (2,8 km), já a escola Frei Serafim, só na quarta-feira”.

Devido a estas incertezas, quanto ao transporte dos alunos da última escola e a idade máxima, os pais dos estudantes decidiram não utilizar o transporte até que todos os alunos sejam atendidos ao mesmo tempo. “Se eles não atenderem vai haver uma grande evasão escolar, que não é o que nós, pais, queremos, mas sabemos que todos somos responsáveis pela educação de cada uma dessas crianças”, completou dona Maria Piedade.

Atenção na hora de escolher o Transporte Escolar para seus filhos

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 07 fev 2015

Tags:, ,


por Mateus Novais
Foto: Roberto Silva

DSC_0780O período de aulas já está se aproximando e para não restar dúvida de qual a melhor forma de transportar as crianças para a escola, o BLOG DA RESENHA GERAL procurou o Sindicato de Transporte Escolar Autônomo de Vitória da Conquista (Sintevic) para dar dicas aos pais.

Segundo o sindicato, “os pais devem se atentar se o condutor possui carteira de habilitação categoria D, com a especificação do curso de qualificação obrigatório para transporte escolar. Além de ver se o carro é padronizado pelo Simtrans e se tem todos os itens de segurança”.

Vale lembrar que os pais que optar por um transporte irregular, torna-se coautor de uma ilegalidade, e pode ser punido pelos órgãos competentes. Para se informar dos Transportes Escolar que estão regularizados na cidade, o Sintevic disponibilizou o telefone (77) 8851 5030.

Primeira vistoria do transporte escolar urbano começa no dia 2 de fevereiro

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 19 jan 2015

Tags:, ,


por Mateus Novais

vistoriaA Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana divulgou as datas da primeira vistoria técnica anual dos veículos que atuam no transporte escolar urbano. A vistoria ocorrerá entre os dias 2 e 12 de fevereiro, das 8h às 11h e das 14h às 17h, na Central de Equipamentos (Deserg), localizada na Avenida Santa Catarina, s/n, bairro da Patagônia.

No momento da vistoria, o permissionário deve apresentar, xerox e originais, dos seguintes documentos: Carteira de Habilitação; Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV); Certificado de aferição do Tacógrafo.

Também serão avaliadas as condições físicas do veículo e a existência de dispositivos específicos, como faixas de identificação; registrador de velocidade e tempo; lanternas na parte superior traseira e cinto de segurança em número da lotação (mínimo de 8 passageiros) para o transporte escolar.

Os veículos que fazem transporte coletivo rural também passarão por vistoria técnica, 1ª etapa – 20/04 a 15/05; e urbano 1ª etapa – 23/02 a 20/03; além da frota de táxi – 06/04 a 17/04.

Prefeitura altera calendário de vistoria veicular de uso público

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 22 jul 2014

Tags:, , ,

por Mateus Novais

mobilidade_urbana-2A Prefeitura alterou o calendário da segunda etapa de vistoria de veículos uso público de Vitória da Conquista. A ação envolve desde veículos do transporte escolar, como do transporte coletivo urbano e rural, além dos táxis. O objetivo é garantir a segurança e o conforto de passageiros e motoristas dos automóveis.

Até o fim deste mês, os veículos licenciados pela Administração para executarem serviços para as secretarias municipais passam pela inspeção. Já a fiscalização do transporte escolar foi adiada para o período de 11 a 28 de agosto. Confira o novo calendário.

A vistoria está acontecendo no pátio do Deserg, localizado na Avenida Santa Catarina, s/n, bairro Patagônia. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 14h às 17h.