Prefeito e vice-prefeito de Poções têm mandatos cassados

0

Publicado por Editor | Colocado em Sudoeste | Data: 12 abr 2017

Tags:, ,

Da Redação

Os mandatos do prefeito e do vice-prefeito de Poções, Leandro Araújo Mascarenhas e Jorge Luiz Santos Lemos, respectivamente, foram cassados pela Justiça a pedido do Ministério Público Eleitoral. Os gestores foram acusados de captação ilícita de recursos para a campanha da eleição municipal de 2016.

Na sentença, o juiz Álerson do Carmo Mendonça considerou que “as ilegalidades cometidas pelos investigados, em seu conjunto, demonstram a vontade consciente de burlar o processo eleitoral, desbordando da mera irregularidade formal”.  Segundo a representação, ajuizada pelo MPE em conjunto com a coligação ‘Por uma Poções Cada Vez Melhor’, foi declarada na prestação de contas da campanha a aplicação de R$ 82,7 mil provenientes de recursos doados por Jorge Lemos. O montante, no entanto, é superior ao patrimônio de pouco mais de R$ 42,5 mil, existente em contas bancárias, declarados no registro de candidatura dele.

O MPE apurou que parte dos recursos foi conseguida, de forma irregular, via empréstimo de R$ 50 mil feito junto a pessoa física, pois este tipo de operação é vedado pela Resolução 23.462/15 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Outra irregularidade detectada foi a cessão por Jorge Lemos de uma caminhonete 4×4 que não foi declarada na relação de bens apresentada à Justiça Eleitoral.

Para o juiz, as atitudes ilícitas dos gestores, além de comprometer a lisura, pôde efetivamente desequilibrar a campanha eleitoral. Cabe recurso ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Operação Vigilante: ex-prefeito e vice-prefeito de Malhada de Pedras são soltos

0

Publicado por Editor | Colocado em Justiça, Sudoeste | Data: 11 mar 2017

Tags:, , ,

Da Redação
Foto: Brumado Notícias

O ex-prefeito da cidade de Malhada de Pedras, Valdecir Alves Bezerra (PT), o Ceará, e o atual vice, Adriano Reis Paca (PSD), vão deixar o presídio de Vitória da Conquista, na manhã deste sábado (11). Os dois foram presos por meio da Operação Vigilante, da Polícia Federal, deflagrada em novembro do ano passado.

Os políticos serão liberados após uma decisão da 2ª Vara Federal de Vitória da Conquista, na última sexta-feira (10). O Ministério Público Federal (MPF) opinou pela concessão da liberdade para ambos, mas o juiz federal Fábio Stief Marmund arbitrou fiança no valor de R$ 150 mil, para cada. 

A defesa deles negociou com a justiça um prazo para o pagamento de fiança e com isso o alvará de soltura foi expedido. Caso no prazo estipulado, a fiança não seja paga, ambos poderão ter bens sequestrados pela Justiça Federal.

Os dois, além da prefeita eleita Terezinha Baleeiro Santos, e de secretários e empresários, são acusados de participar de um esquema de desvios de recursos destinados ao transporte escolar no município de Malhada de Pedras. O prejuízo estimado ao Erário é de, pelo menos, R$ 3 milhões.

Operação Vigilante: vice-prefeito de Malhada de Pedras também é preso pela PF

0

Publicado por Editor | Colocado em Sudoeste | Data: 28 nov 2016

Tags:, , ,

Da Redação

imagem_noticia_5Nesta segunda-feira (28), o vice-prefeito eleito de Malhada de Pedras, no Sertão Produtivo do estado, Adriano Baca, foi preso, por meio da Operação Vigilante, da Polícia Federal, deflagrada na última sexta-feira (25). O político, que estava foragido, será encaminhado ao presídio de Vitória da Conquista, onde o prefeito da cidade, Valdecir Alves Bezerra, o Ceará, está detido.

Os dois, além da prefeita eleita Terezinha Baleeiro Santos, e de secretários e empresários, são acusados de participar de um esquema de desvios de recursos destinados ao transporte escolar no município de Malhada de Pedras. O prejuízo estimado ao Erário é de, pelo menos, R$ 3 milhões.

Durante as investigações, foram identificadas fraudes em licitação, com direcionamento, para contratação de empresa vinculada a gestores municipais; superfaturamento mediante adulteração de quilometragem de linhas percorridas; e cobrança pela prestação de serviço de transporte, em dias sem atividade escolar. Em alguns casos, a quilometragem cobrada era mais do que o dobro da distância real percorrida.

Os envolvidos devem responder pelos crimes de responsabilidade, fraudes em licitação, organização criminosa, além de atos de improbidade.

“Quem chega primeiro tem uma atenção especial”, diz Herzem sobre vice

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 08 jun 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Rafael Gusmão

DSC_1133

No anúncio de apoio dos partidos PTB, PRB e PSC à pré-candidatura de Herzem Gusmão (PMDB) a prefeitura de Vitória da Conquista uma pergunta ficou em aberto: Irma Lemos (PTB) será candidata a vice na chapa majoritária? Os dois principais envolvidos na questão fez questão de mostrar que a sintonia está afinada, mas que ainda há muito o que se conversar.

Em sua fala, a vereadora Irma Lemos lembrou que foi convidada por diversos partidos, inclusive do atual governo, para coligar como vice-prefeita, mas preferiu seguir com Herzem. “Todos sabem que minha caminhada com Herzem não é de agora, começamos lá em 2010, quado já vínhamos conversando, e continua com este apoio. Mas todos sabem que não serei mais candidata a vereadora. Estou em meu terceiro mandato e já anunciei que vou me aposentar do Legislativo Municipal”, comentou Irma, passando a bola para Herzem Gusmão.

Já Herzem pregou a calma nesse início de diálogo: “Quando começamos a conversar com dona Irma, o nome dela foi proposto como nossa vice. Mas eu fiz várias ponderações para que não tomássemos essa decisão imediatamente, já que ainda temos que conversar com os demais partidos da oposição e há nomes importantes que também podem compor. Ela entendeu e mesmo assim decidiu manter seu apoio, o que me deixou muito feliz”, contou Herzem.

No fim, ele deixou escapar que gosta da ideia de te a vereadora como sua vice-prefeita. “Eu não vou negar a todos vocês que quem chega primeiro tem uma atenção especial. Então, quando for o momento de tomar essa decisão, nós vamos olhar com mais carinho esse gesto que dona Irma está tendo nesse momento tão especial”, confidenciou Gusmão.

H1N1: para vice-prefeito, imprensa criou desespero na população

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 27 abr 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

DSC_1474A coletiva de imprensa convocada pela Prefeitura Municipal, na manhã desta quarta-feira (27), deveria se restringir a atualização dos casos ligados à gripe H1N1 e as doenças provocadas pelo mosquito Aedes Aegypti. Mas, infelizmente, também funcionou como uma sessão de descarrego do vice-prefeito Joás Meira. O segundo homem no alto escalão de comando do Executivo Municipal aproveitou o espaço para dar uma “lição” de jornalismo aos jornalistas.

A lição ocorreu no momento em que a secretaria de Saúde, Karine Brito, foi questionada sobre o fato de um homem armado ter entrado em um Posto de Saúde, no bairro Pedrinhas, e obrigado uma funcionária a aplicar a vacina contra a gripe, sem que o mesmo pertencesse ao grupo de risco da doença. O vice-prefeito, então, tomou a palavra e, deixando os altos números de mortes provocados pela H1N1 de lado, fez-se entender que casos como este só ocorre porque a imprensa cria um pânico na população.

“Tenho 30 anos como médico e a gente já acompanhou muita coisa e sobrevivemos. E por que sobrevivemos? Porque teve informação, teve cuidado, porque teve precaução. Quando o H1N1 começou, nem vacina tinha e não teve essa mortandade toda porque as medidas preventivas foram implantadas. Então, essa cultura alarmista da imprensa que tem que deixar de existir. Nós temos que ter uma cultura informativa. Nós não podemos descansar e achar que está tudo bem, mas não podemos também estar alarmados, desesperados e desesperando a população”, disse o vice-prefeito.

O que o médico Joás Meira se esqueceu de mencionar é que a população está preocupada porque está muito bem informada e sabe que, só no município em que ele é vice-prefeito, os casos notificados da H1N1 subiram de 10 para 27, entre 2015 e 2016 – destes 5 foram positivos, e resultaram em pelo menos uma morte, já que outras duas foram inconclusivas. O vice-prefeito também deixou de lado o fato da Campanha de Vacinação 2016 ter sido antecipada, contando com uma elogiável adesão da população – ao contrário do que ocorreu em 2015, quando a Campanha em Conquista teve de ser prorrogada por mais de um mês para atingir a meta de 80% estabelecida pelo Ministério da Saúde. Esta conscientização, definitivamente, não é mérito da Secretarias ou Ministério da Saúde.

Outro ponto esquecido pelo vice-prefeito é que os resultados dos exames de diagnósticos para H1N1 estão sendo realizados a toque de caixa. Ao contrario do que ocorrem com os diagnósticos da Dengue, Zika e Chikungunya – que, infelizmente, não estão ganhando o mesmo destaque da H1N1. Para se ter uma ideia, dos 2.354 casos de dengue notificados em Vitória da Conquista, 1.756 ainda aguardam o diagnóstico.

Então, desculpe em discordar, senhor vice-prefeito. Mas a população e a imprensa têm motivos de sobra para se preocupar.

Vice-prefeito de Tremedal declara apoio a Paulo Souto e Geddel

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 18 set 2014

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

DSC_2164O vice-prefeito do município de Tremedal Joaquim Nonato (PDT) anunciou o apoio à candidatura de Paulo Souto (DEM) e Geddel Vieira Lima (PMDB), que concorrem ao Governo do Estado e Senado, respectivamente. Nonato foi prefeito da cidade por três mandatos (1988 -1991, 1997 – 2000, 2001 – 2004) e compõe atualmente o governo do prefeito Marcio Ferraz (PT).

A decisão foi anunciada oficialmente na última quarta-feira (17), em Vitória da Conquista. O vice-prefeito recepcionou a comitiva da chapa majoritária de oposição no aeroporto conquistense, onde teve alguns minutos de conversa com os candidatos. “Governador, eu estou aqui para dizer que eu e meu grupo político marcharemos com você rumo a este novo mandato. Acredito que você e Geddel têm totais condições de fazer um mandato novo, com grandes realizações”, declarou Nonato.

Paulo Souto agradeceu o apoio e afirmou que “isso nos deixa feliz e demonstra o nosso crescimento em Tremedal. É muito bom ter o apoio de alguém com a história dele ao nosso lado”.