Cerca de 24 mil escolas públicas do país vão receber internet

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Educação, Geral | Data: 04 nov 2019

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Fonte: EBC

O Ministério da Educação (MEC) levará internet a 24,5 mil escolas públicas urbanas pelo programa Educação Conectada. De acordo com a pasta, isso significa que 56% das escolas públicas passarão a estar conectadas no país. A medida deverá beneficiar 11,6 milhões de estudantes.

Para viabilizar o programa, a pasta repassará R$ 82,6 milhões. Esse dinheiro chegará por meio do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE), administrado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). A expectativa, de acordo com o ministro da Educação, Abraham Weintraub, é que as escolas já tenham acesso à internet no primeiro semestre de 2020.

“O ensino hoje no mundo sem estar conectado à internet é um absurdo”, disse Weintraub. Além de repassar recursos para conectar novas escolas, a pasta repassará também R$ 32 milhões para a manutenção do programa em 9,9 mil escolas já atendidas.

Feirão limpa nome da Serasa oferece descontos de até 98% em dívidas

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 04 nov 2019

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

Fonte:G1

Neste mês, os consumidores com nome sujo ou contas em atraso têm até o dia 30 de novembro para renegociar suas dívidas pela internet no “Feirão Limpa Nome” da Serasa. Os descontos podem chegar até 98% e o serviço é gratuito.

Participam as seguintes empresas: Santander, Itaú, Recovery, Ativos, Net, Claro, Embatel, Anhaguera, Credsystem, Ipanema, Unopar, Sky, Nextel, Banco BMG, Digio, Hoepers, Porto Seguro, Tricard, Oi, Zema, Unic, Fama, Pitágoras, Uniderp, Unime. Elas vão oferecer novos prazos para pagamentos e descontos

Na última edição do evento, os descontos chegaram a R$ 2,8 bilhões, em mais de 679 mil acordos fechados. Segundo a Serasa, 63,2 milhões de pessoas estavam inadimplentes em outubro. Até setembro, a quantia devida, somada, chegava a R$ 252 bilhões, chegando a um valor médio de R$ 3,997 mil.

Enem 2019 começa hoje com provas redação, linguagens e ciências humanas

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Educação, Geral | Data: 03 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Começa neste domingo a partir das 13h30 (horário de Brasília), o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019. Cerca de 5.095.308 candidatos devem realizar a prova. Esse é o menor número de inscritos desde 2010.

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), mais de 4,5 milhões d já haviam checado seu local de provas até as 17h30 de sábado (2). Isso quer dizer que 11% dos candidatos ainda não sabiam onde fariam as provas até aquele horário.

Os portões fecham às 13h de Brasília e as provas do primeiro dia serão de redação, linguagens e ciências humanas. Ouça, no podcast abaixo, dicas para a prova de redação:

Celulares voltam a adiantar hora mesmo sem horário de verão

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 03 nov 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

G1

Na madrugada deste domingo (3), usuários relataram nas redes sociais que o relógio de seus aparelhos celulares foi adiantado de forma automática para o horário de verão. O problema já havia ocorrido no fim de semana de 19 e 20 de outubro, data padrão da mudança, mas que foi revogada este ano pelo presidente Jair Bolsonaro.

A reprogramação já era prevista, porque o horário de verão em 2018 teve início no primeiro fim de semana de novembro. No ano passado, usuários tiveram a mesma reclamação.

Na última sexta-feira (1º), o Google havia publicado um anúncio oficial recomendando que usuários de Android no Brasil alterassem as configurações automáticas de data e hora; saiba como fazer isso. O Google sugere manter a desativação até o dia 16 de fevereiro, quando o horário de verão chegaria ao fim, se ainda estivesse em vigor.

Manchetes de jornais deste Domingo, 03 de Novembro

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 03 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

– A Tarde:  Itaparica atrasa verbas para serviço de Saúde

– Tribuna da Bahia: Óleo chega a Porto Seguro e atinge praias de Arraial D’ Ajuda e Trancoso

– Correio (BA):  Tem EXU debaixo do navio

– Correio Braziliense:  Navio grego é o principal suspeito de vazar o óleo

– Estado de Minas:  PF acusa navio grego de derramar Petróleo

– Folha de SP:  Vamos propor uma reforma profunda ao país, diz Guedes

– O Globo: Megaleilão reforça Brasil como o país mais atraente pra o setor de petróleo

– Jornal do Comercio (Recife):  Chegou a hora de se dar bem no Enem

Apenas 16% dos poupadores diversificam seus investimentos

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 02 nov 2019

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

O velho ditado diz que ‘não se pode colocar todos os ovos em uma mesma cesta’, mas são poucos os investidores que no dia a dia seguem essa regra. Um levantamento feito pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) revela que somente 16% das pessoas que poupam no país diversificam seus investimentos, ou seja, depositam o seu patrimônio em ao menos dois tipos diferentes de aplicações. A maioria (63%) dos entrevistados aposta tudo em um mesmo produto financeiro. Já 21% até guardam dinheiro, mas não investem, optando por deixar a quantia parada na conta corrente ou na própria casa.

Dos 74% de poupadores que aplicam em alguma modalidade de investimento, a caderneta de poupança é o principal destino, citada por 60%. O tesouro direto desponta como o segundo tipo de investimento mais popular do país, mencionado por 11%. Depois aparecem os fundos de investimentos (8%), previdência privada (6%) e CDBs (6%). Apenas 3% de quem poupa investem em ações, que ficam à frente das LCI e LCAs (2%) e das criptomoedas (2%).

Para a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, não concentrar todos os recursos em um único tipo de investimento é um princípio básico para todo investidor, principalmente no atual momento em que as taxas de juros estão mais baixas, o que exige do poupador um apetite maior ao risco, caso queira que seus rendimentos superem a inflação.

“Diversificar os investimentos é a forma que o poupador tem de se proteger contra uma eventual desvalorização de alguma das suas aplicações, amenizando riscos e encontrando formas de compensar perdas. Isso significa que se uma determinada aplicação não tiver um bom retorno em certo período, a distribuição dos recursos em outras aplicações pode equilibrar a rentabilidade final”, afirma a economista.

…Leia na íntegra

Manchetes de jornais deste sábado, 02 de Novembro

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 02 nov 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

– A Tarde: Navio grego é suspeito de causar tragédia ambiental

– Tribuna da Bahia: Óleo chega a Porto Seguro e atinge praias de Arraial D’ Ajuda e Trancoso

– Correio (BA):  Trens batem de frente no Subúrbio

– Correio Braziliense:  Navio grego é o principal suspeito de vazar o óleo

– Estado de Minas:  PF acusa navio grego de derramar petróleo

– Folha de SP:  Navio grego é alvo da PF por vazamentos de óleo no NE

– O Globo: Navio que derramou óleo no Nordeste é grego, diz PF

– Jornal do Comercio (Recife):  Presente de grego

Situação fiscal é crítica ou difícil em diversos municípios da Bahia; Veja quais são eles

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Geral | Data: 01 nov 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Fonte:B.Noticias

Quase quatro mil cidades brasileiras têm dificuldade para fechar as contas. Segundo o Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF) 2019, elaborado pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), a situação fiscal de 73,9% dos municípios é considerada difícil ou crítica. Muitos deles não conseguem gerar receita nem para bancar a estrutura administrativa e contam com transferências federais até para pagar salários do gabinete.

Na Bahia, o IFGF 2019 aponta que praticamente 9 entre 10 cidades baianas têm gestão fiscal em dificuldade ou crítica. Revelam também negligência na administração do que entra e do que sai em dinheiro, aumento da folha com gastos com pessoal, comprometimento de finanças com restos a pagar e pouca ou nenhuma capacidade de investimento.

Em 265 cidades, encontra-se os municípios com pior gestão, ou 63,5% das 417 do estado, estão nesta condição. Anagé, no Sudoeste, aparece como o município pior avaliado. A relação com as 10 piores gestões fiscais vem na sequência com: Coaraci, no Sul, Itaquara, no Vale do Jiquiriçá, Itambé, também no Sul, Jeremoabo, no Nordeste baiano, Senhor do Bonfim, no Piemonte Norte do Itapicuru, Coração de Maria e Água Fria, no Portal do Sertão, e Santanópolis, também no Portal do Sertão. Os municípios nesta condição estão faixa de pontos de até 0,4.

Um pouco melhor, mas na condição de “dificuldades”, estão 108 municípios, 25,9% do total. Os piores da faixa são Itaguaçu da Bahia, na região de Irecê, Cabaceiras do Paraguaçu, no Recôncavo, Canarana, na região de Irecê, Nova Itarana, no Vale do Jiquiriçá, Sebastião Laranjeiras, no sudoeste, Monte Santo, na região sisaleira, Itapetinga, no sudoeste, Riacho de Santana, no oeste, Serra do Ramalho, no Sudoeste e Juazeiro, no Sertão do São Francisco.

Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (31), e tomo como base informações das próprias prefeituras referentes ao ano passado. São quatro classificações quanto ao nível da gestão fiscal. A variação é de 0 a 1, ponto máximo da qualificação. Estão na condição de “Gestão de Excelência” aqueles que tiveram resultados acima de 0,8. Com “Boa Gestão” os que obtiveram valores entre 0,6 e 0,8. Os que ficaram entre 0,4 e 0,6 foram classificados como de “Gestão de Dificuldade”. Já os que beiraram até 0,4 pontos apresentaram “Gestão Crítica”.

Bradesco anuncia fechamento de 300 agências em 2020

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 01 nov 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

O segundo maior credor do setor privado do Brasil, o Bradesco, fechará cerca de 300 agências em 2020, como parte de um esforço para enfrentar maiores despesas operacionais que afetaram os ganhos do terceiro trimestre, disse o presidente do banco na quinta-feira (31).

O Bradesco registra neste ano custos acima do esperado, ficando aquém de suas próprias metas e decepcionando investidores. Em janeiro, o banco informou que seus custos aumentariam até 4% em 2019, mas subiram 7,5% nos primeiros nove meses do ano.

Isso pesou sobre as ações do Bradesco na quinta-feira, que caíam cerca de 4%, apesar de o banco ter registrado lucro líquido trimestral em linha com a projeção dos analistas, a R$ 6,5 bilhões.

Conta de energia pode ter aumento de 2,42% em 2020

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 01 nov 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Fonte:EBC

No próximo ano, as contas de luz dos consumidores de todo o país poderão ter um aumento médio de 2,42%. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) apresentou na última terça-feira a proposta de orçamento da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) de 2020. As estimativas, que serão discutidas em audiência pública por 30 dias, apontam para o aumento do déficit de R$ 16,230 bilhões no orçamento deste ano para R$ 20,6 bilhões no ano que ve

O Reajuste consta de uma consulta pública aberta na quarta-feira (30), pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) sobre o orçamento para a Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), um dos subsídios pagos pelos consumidores de energia. Em 2020, a Aneel aprovou um orçamento para a CDE de R$ 22,453 bilhões, um aumento de 11% em relação ao orçamento deste ano, de R$ 20,208 bilhões. Desse montante, a parte paga pelos consumidores teve um aumento de 27% e deve passar de R$ 16,238 bilhões para R$ 20,645 bilhões.

A CDE é formada por um conjunto de despesas que inclui subsídios ao consumidor de fonte de energia incentivada (eólica e solar); irrigação na agricultura; subsídios ao carvão mineral nacional; os subsídios para produção de energia termelétrica nos sistemas isolados, por meio da Conta de Consumo de Combustíveis (CCC); subsídios para a universalização do acesso à energia por meio do programa Luz para Todos; os descontos da tarifa social de baixa renda; entre outros.

Loterias da Caixa poderão ter preços reajustados a partir de 2020

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 31 out 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Fonte:EBC

A Caixa Econômica Federal foi autorizada pelo Ministério da Economia, a reajustar, a partir de 1º de Janeiro de 2020, os preços de suas loterias, conforme portaria nº 8.061 da Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria, da Secretaria Especial de Fazenda, do Ministério da Economia, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (31).

A Mega-Sena, cuja a aposta simples, com seis dezenas marcadas, o apostador paga atualmente R$ 3,50, passará para R$ 4,50.

De acordo com a portaria, a cobrança de novo preço somente poderá a ser feita após divulgação ostensiva nos veículos de comunicação do país e também pela internet, com antecedência mínima de três dias úteis da data de início da cobrança.

Novos preços:

Dupla-sena: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 2,50

Lotofácil: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 2,50

Lotomania: a aposta única passa a custar R$ 2,50

Quina: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 2

Os jogos de prognósticos esportivos serão também majorados:

Loteca: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 1,50, passando, em consequência, a aposta múltipla mínima obrigatória, que compreende um prognóstico duplo, a custar R$ 3.

Lotogol: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 1,50.

Timemania: a aposta única passa a custar R$ 3.

Enem começa neste fim de semana para milhões de estudantes

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Educação, Geral | Data: 31 out 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Mais de 5 milhões de candidatos que farão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste domingo (3) e no dia 10 de novembro. Os estudantes poderão usar as notas que obtiverem para acessar o ensino superior dentro e fora do país. As oportunidades são muitas e uma das principais condições para participar dos processos seletivos é não tirar zero na redação. 

Todas as universidades federais do país usam o Enem de alguma forma, seja como processo seletivo único, seja como uma das formas de admissão. Para ingressar em instituições públicas federais, estaduais e municipais, o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que ocorre duas vezes por ano, é uma das principais formas de acesso. 

Na primeira edição deste ano foram ofertadas mais de 235 mil vagas distribuídas em 129 universidades públicas de todo o país. Na segunda edição, foram mais de 59 mil vagas em 76 instituições públicas de ensino.

As instituições particulares também admitem estudantes com base na nota do Enem, seja por meio de programas do governo federal, seja por processos próprios. O Programa Universidade para Todos (ProUni) oferece bolsas de estudos nessas instituições. Neste ano, foram ofertadas, no primeiro semestre, cerca de 244 mil bolsas de estudo em 1,2 mil instituições particulares de ensino. No segundo semestre, o total de bolsas foi 169 mil, em 1,1 mil instituições em todo o país.

Neste ano o Enem também pode ser usado para admissão em universidades, fora do país, . Em Portugal, o exame é aceito como forma de ingresso em 42 instituições de ensino.

Caixa lança aplicativo financeiro para clientes de baixa renda

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 31 out 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

A Caixa Econômica Federal lançou um aplicativo financeiro chamado “CAIXA Tem”, no qual clientes de baixa renda e beneficiários de programas sociais vão poder fazer pagamentos de contas, transferências e consultas sociais relacionadas ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e ao Bolsa Família.

Segundo o banco, a plataforma é mais simples que similares e tem baixo consumo do pacote de dados. “O app foi desenvolvido para possibilitar a inclusão financeira e ampliar o acesso aos serviços da Caixa por pessoas que têm celulares mais simples”, diz a Caixa em nota.

Para utilizar o aplicativo, o usuário insere o CPF e a mesma senha que utiliza para realizar transações. O produto é visualmente parecido com o WhatsApp e permite a transferência de recursos com a leitura de QR Code, navegação por comando de voz e leitura das conversas em voz alta. O app estará disponível na versão Beta, inicialmente para 10 mil clientes, no sistema Android.

Bolsas de estudo para Suporte de TI estão sendo disponibilizadas pelo Google

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Educação, Geral | Data: 30 out 2019

Tags:

A tarde

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Em parceria com o Coursera – empresa de tecnologia educacional norte-americana -, o Google está ofertando um Certificado Profissional para Suporte de TI. O curso é online e foi traduzido para o português. Ao todo, serão disponibilizadas duas mil bolsas de estudos. Os interessados devem realizar as inscrições até o final de novembro pelo site do Google.

Não é preciso ter treinamento ou experiência anterior na área para participar. O programa gratuito dará prioridade a grupos carentes em todo Brasil. Por esse motivo, a seleção vai avaliar as condições sociais dos participantes, o interesse na área e a disponibilidade de realização do mesmo.

Quem não tiver acesso às bolsas, não precisa se preocupar. O curso estará disponível pelo valor de 19 dólares – equivalente a R$76. Uma curiosidade é que o programa foi lançado inicialmente por 39 dólares. Ao final do curso, os participantes poderão concorrer a vagas em empresas como Coca-Cola, Cognizant, Localiza, Telhanorte, Rappi e o próprio Google.

Outra forma de ingressar no universo da TI é contando com a ajuda do Educa Mais Brasil. O programa atua em todo o país e já beneficiou 1 milhão de estudantes. Através dele, é possível conseguir bolsas de estudo para várias modalidades de ensino, inclusive, em um curso de Tecnologia da Informação. Se interessou? Não perde tempo, acesse o site do programa e confira todas as possibilidades.

Brasil bate meta global de vacinação contra o sarampo

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral, Saúde | Data: 30 out 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

De acordo com o balanço parcial divulgado pelo Ministério da Saúde (MS), o Brasil atingiu a meta global de vacinação de sarampo para crianças de 6 meses a menores de 1 ano, com o registro de 95% da população geral nessa faixa etária imunizada.

Estão abaixo da meta de vacinação Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Piauí, Rondônia, Roraima, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte. Em relação aos municípios, o ministério contabiliza que 34,5% (1.923 cidades) precisam reforçar os esforços para atender à meta de vacinação.

A segunda etapa da campanha de vacinação está prevista para começar em 18 de novembro. O governo federal tem expectativa de que agentes comunitários de saúde de combate às endemias façam busca ativa em residências para vacinação.

71% das vítimas de fraudes já deixaram de comprar em um site por desconfiar de sua reputação

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 30 out 2019

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

As fraudes financeiras levam os consumidores que foram vítimas a repensar seu comportamento na internet e a adotar medidas de segurança. A conclusão é de um estudo feito em todas as capitais pela CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) e pelo SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) em parceria com o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas).

De acordo com o levantamento, em cada dez consumidores que foram vítimas de fraudes, sete (71%) já deixaram de comprar em algum site por desconfiar da sua idoneidade. O estudo ainda mostra que somente 28% desses consumidores confiam nos sistemas de proteção contra fraudes das empresas e 62% acreditam que os fraudadores estão sempre um passo à frente das medidas de segurança.

Para a maioria dos entrevistados, a responsabilidade pela segurança em relação a possíveis golpes é tanto da sociedade, quanto das organizações públicas e privadas. De acordo com o levantamento, 69% dos entrevistados acreditam que as instituições financeiras são os principais responsáveis em desenvolver medidas para se evitar fraudes. Já 61% julgam que os próprios consumidores são responsáveis, o mesmo percentual de 61% acreditam que a responsabilidade é de comerciantes e lojistas e 60% mencionam a Polícia Federal.

…Leia na íntegra

Manchetes de jornais desta 4ª feira, 30 de outubro

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Geral | Data: 30 out 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

– A Tarde: Emergência por óleo é decretada em mais de 15 municípios

– Tribuna da Bahia: Óleo se aproxima de Abrolhos e governo proíbe pesca de camarão

– Correio (BA): PM morto ao reagir a assalto em shopping

– Correio Braziliense:  Previdência dos militares avança e enfrenta protesto

– Estado de Minas:  Sem radares móveis, motoristas aceleram

– Folha de SP:  Risco-país cai para o menor patamar desde maio de 2013

– O Globo: Empresas reduzem dívidas com melhora da percepção do país

– Jornal do Comercio (Recife): “Vocês não têm com o que me pegar”

Só um em cada 5 meninos no País tomou duas doses da vacina contra o HPV

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral, Saúde | Data: 29 out 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Fonte: A Tarde

Quase três anos após começar a ser oferecida na rede pública gratuitamente para meninos, a vacina contra o HPV alcançou somente 21% do público esperado. Dados do Ministério da Saúde, mostram que somente um em cada cinco adolescentes de 11 a 14 anos que já deveriam estar protegidos contra o vírus tomaram, de fato, as duas doses da vacina necessárias para garantir a imunização.

O HPV é mais conhecido por provocar o câncer de colo de útero, mas também pode causar outros tipos de tumores, como os de pênis, ânus, garganta, vulva e vagina. Em 2014, a vacina começou a ser ofertada para meninas no Sistema Único de Saúde (SUS) e teve a indicação ampliada para meninos no início de 2017.

A cobertura da vacina contra o HPV entre meninos é ainda menor do que a observada em meninas, também considerada baixa. Entre o público feminino, o porcentual de adolescentes que tomaram as duas doses do imunizante desde que a vacina foi incorporada na rede pública é de 42%. A meta do Ministério da Saúde para ambos os casos é que a cobertura chegue a 80% do público-alvo.

Segundo relatos de especialistas e de pais de adolescentes nessa faixa etária, o desconhecimento sobre a oferta dessa vacina no SUS é a principal razão para a adesão tão baixa ao imunizante.

Enem: cerca de 1,2 milhão de inscritos ainda não sabem local da prova

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Educação, Geral | Data: 29 out 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

EBC

A menos de uma semana para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), cerca de 1,2 milhão de participantes ainda não sabem onde farão a prova, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Esses estudantes ainda não acessaram o Cartão de Confirmação da Inscrição, que está disponível na Página do Participante e no aplicativo do Enem, que pode ser baixado nas plataformas Apple Store e Google Play.

Segundo balanço divulgado pelo Inep, 3,9 milhões de participantes, o equivalente a mais de 76% dos quase 5,1 milhões de inscritos no Enem 2019, acessaram o Cartão até a manhã desta segunda-feira.

Além do local de prova, os estudantes podem conferir, no cartão, o número da sala onde farão o exame; a opção de língua estrangeira feita durante a inscrição; e o tipo de atendimento específico e especializado com recursos de acessibilidade, caso tenham sido solicitados e aprovados, entre outras informações. As provas serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro em 1.727 municípios brasileiros.

Cresce para 21% o número de empresários do varejo e de serviços que planejam aderir à Black Friday

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia, Geral | Data: 29 out 2019

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Via-Bahia.png

Cada vez mais incorporada ao calendário de datas comemorativas do varejo nacional, a Black Friday deve mobilizar mais empresários neste ano, acompanhando a tendência de recuperação da economia. Dados apurados em todas as regiões do país pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostram que 21% dos empresários brasileiros, que atuam no comércio e no ramo de serviços, devem aderir ao dia de promoções da Black Friday 2019, que neste ano será comemorada no dia 29 de novembro. Se as estimativas se confirmarem, haverá um crescimento de adesões, uma vez que em 2018, 16% dos empresários participaram do evento.

De modo geral, os empresários que vão aderir a Black Friday estão esperançosos com a data e veem potencial na edição deste ano. A pesquisa aponta que 43% dos empresários consultados acreditam que, durante o evento, as vendas em 2019 serão melhores do que as do ano passado, enquanto 32% falam em estabilidade. Apenas 11% projetam vendas piores.

A experiência em anos anteriores explica a razão do otimismo desses empresários. Dentre os que aderiram a Black Friday em 2018, a maioria (63%) obteve bons resultados de vendas, seja por terem vendido acima das expectativas (20%) ou obtido um resultado conforme o esperado (43%). Em contrapartida, pouco mais de um terço (34%) dos empresários registrou vendas abaixo do projetado.

…Leia na íntegra