Revogação dos R$2,80 é inviável, diz Prefeitura aos estudantes

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 14 jul 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais

DSC_0006

Os vários representantes de movimentos sociais que integram a Revolta do Busu se encontraram com membros da Prefeitura municipal, na tarde desta terça-feira (14), para discutir os problemas no transporte coletivo de Vitória da Conquista. A reunião durou mais de três horas e meia e o recado da Prefeitura foi claro: não revogaremos o reajuste da tarifa.

DSC_0017A revogação dos R$2,80 era o principal ponto da pauta das queixas dos estudantes secundaristas, que durante a última semana paralisaram o transporte diversas vezes.  E a negativa gerou um grande descontentamento no movimento. “Nós vamos entrar com um abaixo assinado, via Ministério Público, a solicitação da revogação. Porque a gente não entende isso como um aumento, entendemos como um roubo, um assalto à população de Conquista”, afirma Tiago Pinheiro (foto).

Apesar da recusa em se rediscutir a tarifa, os estudantes acreditam que tiraram algo positivo da reunião. “Tivemos a vitória do fim do valor mínimo da recarga para os estudantes e abrimos o diálogo para outras questões”, afirma Tiago. As outras questões citadas por um dos líderes do movimento são: Meia passagem aos domingos e feriados para toda a população; Passe livre estudantil; ampliação da Integração; fim da quantidade máxima de passagem no Passe Estudantil; e reformulação do Conselho Municipal de Transportes. “A gente entende que o Conselho está muito cheio de governo e empresário, e pouco representante da sociedade civil”, finaliza.

Estudantes e Administração Municipal participam de reunião

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte | Data: 14 jul 2015

Tags:, , , ,

Da Redação

IMG_1234
Neste momento, está acontecendo uma reunião entre os estudantes do movimento Revolta do Busú e os membros da Administração Municipal. O encontro, que está sendo realizado na Estação da Juventude, tem como proposta discutir a pauta de reivindicações do movimento, como a redução da tarifa do transporte coletivo, que foi reajustada para R$ 2,80 no dia 1° de julho.

A prefeitura decidiu se reunir com os estudantes após uma série de manifestações realizadas pela categoria na última semana, desencadeadas pelo anúncio do segundo aumento da passagem de ônibus em menos de oito meses. Os estudantes pararam a cidade com o intuito de chamar a atenção do poder público para situação caótica em que vive o transporte coletivo de Vitória da Conquista. Assim, a categoria reivindica:

1º A revogação do valor da passagem;
2º Meia passagem aos domingos e feriados para toda a população;
3º Reestruturação do terminal;
4º Passe livre estudantil;
5º Integração de Verdade;
6º O fim da quantidade mínima de passagem no Passe Estudantil;
7º O fim do valor mínimo de recarga;
8º O fim do contrato da empresa Viação Vitória; e
9º Mais transparência.

Estudantes se reúnem com Prefeitura nesta terça (14)

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 13 jul 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais

DSC_0269

O movimento Revolta do Busu e Prefeitura se encontrarão nesta terça-feira (14), às 14 horas, para debater os problemas no transporte coletivo de Vitória da Conquista. A confirmação da reunião solicitada pelos estudantes secundaristas foi o que gerou a suspensão das manifestações programadas para esta segunda e terça.

Os estudantes realizaram uma assembleia na Praça Vitor Brito, onde foram avaliados os diversos atos durante a última semana. O movimento concluiu que, neste momento, a continuidade das paralisações do transporte causaria “um prejuízo muito grande para a população”. “Ir para as ruas foi a nossa única opção para sermos ouvidos. Se a negociação com o poder público não for satisfatória, voltaremos para as ruas e pararemos a cidade”, disse Gabriel Xavier um dos líderes do movimento.

Ainda nesta segunda, membros do movimento realizaram ações de mobilização nas escolas da Rede Pública de Educação.

CPI do transporte coletivo depende do PCdoB

0

Publicado por Editor | Colocado em transporte, Vit. da Conquista | Data: 11 jul 2015

Tags:, ,

da Redação

OnibusCom 5 assinaturas, o vereador Arlindo Rebouças (PROS) está próximo de ver aprovada a CPI do transporte coletivo em Vitória da Conquista. Além do próprio proponente da  investigação, assinaram o pleito os vereadores Pastor Sidney (PRB), Hermínio Oliveira (SDD), Bibia (PSDB) e Álvaro Pithon (DEM).

PCdoB

Com declaração de rompimento em carta entregue ao prefeito Guilherme Menezes (PT), o PCdoB, agora na oposição, deverá assinar e aprovar a CPI com os seus vereadores Andreson Ribeiro, Nelson de Vivi e Joaquim Libarino. No partido, o vereador Nelson de Vivi já tinha solicitado através de requerimento toda a documentação necessária dos contratos firmados com as empresas para avaliação. A posição do partido deverá ser anunciada na próxima semana.

Estudantes suspendem manifestações neste final de semana

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 10 jul 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais
foto: arquivo BRG

DSC_0620

Os estudantes secundaristas, do movimento Revolta do Busu, decidiram suspender as manifestações neste final de semana. Assim sendo, a circulação do transporte coletivo ocorrerá dentro da normalidade nesta sexta-feira (10) e no sábado e domingo. Mas a promessa é que o bloqueio volte na segunda.

“As manifestações foram até ontem [quinta-feira, 9] e retorna na segunda”, informou o estudante Ricardo de Azevedo, um dos líderes do movimento. De acordo com Ricardo, neste final de semana acontece o Congresso da União de Estudantes da Bahia, onde será discutido temas como educação pública e privada, além da eleição da nova diretoria da entidade. Os estudantes também avaliarão os protestos.

A Revolta do Buzu é movimento estudantil pela redução da tarifa do transporte coletivo em Vitória da Conquista, reajustada no último dia 1º de julho em mais de 16%, saltando de R$ 2,40 para R$ 2,80.

CPI do transporte coletivo já tem 5 assinaturas; faltam 2

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política, transporte | Data: 10 jul 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais
foto: arquivo BRG

DSC_0521

A bancada de oposição da Câmara de Vereadores está contando como certa a instalação da Comissão Especial de Inquérito (CEI – ou CPI) para investigar o transporte coletivo de Vitória da Conquista. Até o momento, a proposta já teve o apoio de cinco parlamentares, dos sete que é preciso para oficializar o pedido.

Em contato com o líder da Oposição, vereador Arlindo Rebouças (PROS), os vereadores da minoria – Álvaro Pithon (DEM), Edjaime Rosa – Bibia (PSDB), Hermínio Oliveira (SD) – terão o apoio do pastor Sidney Oliveira (PRB), o que totaliza cinco assinaturas. “Mas ainda vamos procurar os outros 16 vereadores e acredito que conseguiremos as sete assinaturas necessárias”, disse Rebouças, que também revelou que a postura do PCdoB nesse caso do transporte indica para um apoio à proposta.

Para formalizar o pedido, a bancada de oposição aguarda a entrega de documentos (Contrato da Viação Vitória, Edital de Licitação e Ata da Licitação) solicitados à Prefeitura sobre a licitação do Transporte Coletivo, realizada em 2013.

Decreto amplia isenção do IPVA para pessoas com deficiência

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Economia, Justiça, Sudoeste, transporte, Vit. da Conquista | Data: 10 jul 2015

Tags:, ,

Da Redação

De acordo com as novas regras, cada beneficiário pode indicar até três condutores para dirigir o carro.

ipva deficiente físicoPessoas com deficiência física, visual, mental e autismo agora têm direito à isenção do Imposto Sobre Propriedade de Veículo Automotor (IPVA). De acordo com o Decreto Estadual 16.032, a documentação necessária agora é a mesma prevista pelo Convênio 38/2012 do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que já concede a isenção na compra de veículos destinados a pessoas com estes perfis.

A isenção do IPVA era concedida apenas ao condutor de veículo adaptado para pessoas com deficiência física, buscando diminuir os custos de quem precisasse adequar o carro. As novas regras ampliam o benefício, permitindo que pessoas com deficiência se tornem beneficiárias sem que, necessariamente, seja o motorista do veículo. De acordo com as novas regras, cada beneficiário pode indicar até três condutores para dirigir o carro. …Leia na íntegra

Contrato com Viação Vitória pode ser rompido, afirmam bancadas de Situação e Oposição da Câmara

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 09 jul 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

DSC_0656

Ainda durante a coletiva sobre o transporte coletivo, na Câmara Municipal, os líderes das bancadas de Situação e Oposição afirmaram que a Prefeitura já poderia ter quebrado o contrato de concessão com a Viação Vitória. Os atrasos no pagamento da outorga seria a principal causa para isto.

Segundo o líder da bancada de Oposição, Arlindo Rebouças (PROS), a Viação Vitória está devendo várias parcelas. “Eles pagaram pouco mais de R$ 4 milhões dos R$ 37 milhões que foi prometido na licitação”, revelou o vereador, que criticou a postura da Prefeitura durante o processo de licitação. “A comissão de licitação da Prefeitura agiu de forma irresponsável ao aceitar a proposta feita pela Vitória, era evidente que eles não conseguiriam pagar esses 37 milhões e ocorreriam os problemas que estamos passando”, disse Rebouças.

Já o vereador Florisvaldo Bittencourt (PT), líder da bancada de Situação, afirmou que o contrato assinado entre o Município e a Viação Vitória prevê que a Prefeitura poderá romper a concessão caso a empresa não esteja cumprindo com suas obrigações, entre elas, o pagamento da outorga. “O contrato prevê que a falta de pagamento da outorga já se caracteriza como motivo para rompimento do contrato. Essa questão da judicialização que a Prefeitura fez só retarda a resolução do problema e não tem prazo para finalizar”.

Segundo os vereadores, caso ocorra o rompimento do contrato, a Prefeitura deverá abrir uma nova licitação de emergência para contratar uma nova empresa.

Transporte Público: Câmara oficializa pedido de diálogo com Prefeitura

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 09 jul 2015

Tags:, , , , , , ,

por Mateus Novais

DSC_0656

A Câmara de Vereadores oficializou o pedido, junto ao atual Governo municipal, de abertura de diálogo para discutir o caos no Transporte Coletivo da cidade. Os vereadores querem estabelecer uma mesa permanente para discutir pontos como: Redução de ISS, Reajuste da Tarifa; Reforma do Terminal de Ônibus, Passe Livre, Bilhete Tarifário e Contrato de concessão da empresas.

Segundo o presidente da Câmara, vereador Gilzete Moreira, “a Câmara vem desenvolvendo seu trabalho com independência, em defesa intransigente pela qualidade do serviço de transporte público em Vitória da Conquista. Então, o que queremos é discutir todas essas questões com clareza”. O parlamentar ressaltou também que no início das discussões da redução do ISS para as empresas de transportes, “o secretário Sellmann deixou muito claro que, mesmo com a redução, haveria o reajuste da tarifa. E depois ele declarou à imprensa que o reajuste só ocorreu porque nós não teríamos aprovado o projeto. O que nos causa estranheza, porque nós iríamos aprovar os projetos com as emendas que beneficiavam a população e a Prefeitura retirou o projeto antes”.

Ainda durante a coletiva, os vereadores deixaram claro que este primeiro esforço é para que seja viabilizado da revogação da tarifa de ônibus. “Queremos debater co a prefeitura o que pode ser feito para reduzir a tarifa, sem que a população sai perdendo desse processo”, finalizou o presidente da Câmara.

Participaram da coletiva, os líderes da situação e oposição, Florisvaldo Bitencourt (PT) e Arlindo Rebouças (PROS), além dos membros da Mesa Diretora: Edjaime Rosa – Bibia (PSDB), Juvêncio Amaral (PV) e Hermínio Oliveira (SD).

Estudantes pedem reunião com Prefeitura

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 08 jul 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Rafael Gusmão

DSC_0271

Os estudantes do Movimento Revolta do Buzu 2015 solicitaram da Administração Municipal uma reunião para discutir os pontos de pauta das manifestações. A entrega do ofício, no prédio da Prefeitura, foi marcada por um novo tumulto.

O grupo ligado ao movimento encontrou as portas da Prefeitura novamente fechadas. Depois de muita negociação, o chefe de gabinete do prefeito aceitou receber três representantes dos estudantes.

DSC_0650O documento solicita que a reunião seja realizada nesta quinta-feira (9), às 19 horas, na Prefeitura. Os estudantes também querem a presença de 20 membros do movimento e da imprensa. O ofício foi assinado pela UJS, Levante Popular da Juventude, Pajeú – Psol e Movimento dos Trabalhadores por Direitos (MTD). Confira os pontos de pautas do movimento:

1º A revogação do valor da passagem;
2º Meia passagem aos domingos e feriados para toda a população;
3º Reestruturação do terminal;
4º Passe livre estudantil;
5º Integração de Verdade;
6º O fim da quantidade mínima de passagem no Passe Estudantil;
7º O fim do valor mínimo de recarga;
8º O fim do contrato da empresa Viação Vitória; e
9º Mais transparência.

 

 

“Fora Viação Vitória”, pedem estudantes conquistenses

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 07 jul 2015

Tags:, , , , , , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_1589

Nestes dois primeiros dias de manifestações contra o aumento da tarifa de ônibus (reajustada duas vezes no período de oito meses), os estudantes secundaristas de Vitória da Conquista direcionaram o foco contra a Viação Vitória. A empresa é acusada de não cumprir vários pontos do contrato de concessão do transporte público da cidade.

DSC_1582Segundo os estudantes, os cerca de R$ 30 milhões que a empresa deve em outorga do serviço à Prefeitura é motivo suficiente para o rompimento do contrato por parte do município. “A Viação Vitória vem desrespeitando o usuário do transporte coletivo de Vitória da Conquista há muito tempo. Eles não oferecem serviço de qualidade, não coloca ônibus novos, roda com carros emplacados fora do estado, desrespeita o trabalhador e os estudantes, e também não paga o que deve ao município. Queremos que a Prefeitura rompa o contrato com esta empresa”, argumenta o estudante Tiago Pinheiro.

Como represália à empresa, o grupo impediu que vários ônibus da Vitória circulassem por cerca de quatro horas pela cidade. Os veículos também foram pichados com as frases “2,80 NÃO” e “2,80 é ROUBO”.

Estudantes rejeitam diálogo com Prefeitura e voltam a fechar terminal

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 07 jul 2015

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_1600

Os estudantes secundaristas de Vitória da Conquista voltaram a protestar contra o reajuste da tarifa do transporte coletivo, nesta terça-feira (7). A manifestação teve início às 10 horas da manhã e promete se estender até às 14 horas.

O grupo de manifestantes impediu que os ônibus, principalmente da Viação Vitória, deixassem o terminal de ônibus da Av. Lauro de Freitas. Além disso, outros grupos bloquearam o trânsito dos veículos que tentavam circular nas ruas próximas ao centro comercial.

DSC_1583

Negociação

Segundo os líderes do movimento, a Prefeitura Municipal os convocou para uma reunião, onde seriam discutidos os pleitos dos estudantes. Porém, o chamado para negociação foi rejeitado. “Antes da votação do reajuste nós solicitamos diversas reuniões com o prefeito e o secretario de Mobilidade, mas eles não quiseram nos receber. Agora que iniciamos nosso movimento eles vêm nos procurar? Só iremos sentar para conversar quando acharmos que é a hora certa”, afirma Tiago Pinheiro.

Estudante é agredido por segurança da Prefeitura

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 06 jul 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_0638

Um estudante secundarista de Vitória da Conquista foi agredido com um soco durante o protesto contra o reajuste da tarifa do transporte coletivo, nesta segunda-feira (6). A agressão partiu de um segurança da Prefeitura Municipal.

A confusão teve início após os estudantes tentarem ocupar o prédio da Prefeitura. A segurança patrimonial fechou as portas, impedindo o acesso do grupo. Os estudantes, então, forçaram o acesso ao prédio. Na confusão, um estudante, identificado como Aécio Junior, recebeu um soco do segurança. A agressão atingiu a região da nuca do jovem.

DSC_0641

“Tem um segurança, que nós não conseguimos ainda pegar o nome, que desde o dia da votação do aumento da tarifa se tornou inimigo do nosso movimento. Ele nos recepciona com ‘porrada’. Eu fui agredido na última reunião, Glauber tinha sido, hoje também Glauber e Aécio Junior. E nós não entendemos isso, porque somos um movimento pacifico”, denunciou um dos líderes do movimento, Tiago Pinheiro.

Os estudantes prometeram registrar uma queixa contra a segurança da Prefeitura Municipal. “Estamos nos dirigindo para o Disep, registrar um BO [Boletim de Ocorrência] contra o chefe da segurança do prefeito, que é o senhor Beto. E eles irão responder”, disse Pinheiro.

Estudantes iniciam protestos contra reajuste da tarifa de ônibus

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 06 jul 2015

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_0620

Os estudantes secundaristas de Vitória da Conquista iniciaram uma série de protesto contra o reajuste da tarifa do transporte coletivo. O grupo, formado por cerca de 200 estudantes, passou ainda pelo terminal de ônibus, Prefeitura e Câmara Municipal.

DSC_0609

A manifestação foi iniciada logo cedo, com concentração na porta das escolas da zona leste e saíram em direção ao centro da cidade. No terminal da Av. Lauro de Freitas, os estudantes paralisaram o fluxo de veículos por quase 30 minutos. Em seguida, o grupo se direcionou para o prédio da Prefeitura Municipal. Antes disso, um ato contra a reunião do Conselho Municipal de Transportes, que autorizou o aumento da passagem de ônibus, foi realizado na porta da Rede de Atenção à Criança e ao Adolescente (os estudantes picharam a frase “aqui jaz um estudante”).

DSC_0625

Já na porta da Prefeitura, os estudantes intensificaram as palavras de ordem contra o prefeito Guilherme Menezes, o secretario de Mobilidade Urbana Luiz Alberto Sellmann e a empresa Viação Vitória. Um tumulto também foi registrado na passagem pelo prédio do Executivo municipal.

DSC_0631

Por fim, o grupo passou pela Câmara Municipal, protestando contra a atitude do vereador Ricardo ‘Babão, membro do Conselho de Transportes, que afirmou que o reajuste era bom para o estudante.

DSC_0645

“Esse reajuste de R$ 2,80 não passaria na Câmara de Vereadores”

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 03 jul 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

DSC_0568

A declaração acima foi dada pelo presidente da Câmara de Vereadores, Gilzete Moreira (PSB), durante entrevista ao programa Resenha Geral (Rádio Clube, FM 95,9). Durante entrevista com o radialista Herzem Gusmão, o vereador esclareceu o posicionamento do Legislativo Municipal em relação às discussões sobre o transporte coletivo e o novo valor da tarifa, fixada pela Comissão de Transporte em R$ 2,80.

Segundo o parlamentar, a Câmara estava participando ativamente das discussões em torno da proposta de reajuste. “Estávamos dialogando com as empresas de ônibus e os vereadores de situação e acreditávamos que a discussão poderia ocorrer com uma maior participação da Câmara. Mas aí veio a reunião do Conselho e determinou o reajuste de R$ 2,80”. Ainda de acordo com o presidente da Câmara Municipal, os vereadores entenderam a necessidade do reajuste, mas defendiam um valor de reajuste menor, de R$ 2,60.

Por fim, Gilzete Moreira voltou a ressaltar que em nenhum momento o Legislativo determinou o aumento de passagem durante as discussões de redução do ISS para empresas de ônibus. “A única coisa que pedimos eram garantias para o serviço de transportes. A emenda aprovada por nós fixava o valor da tarifa [R$ 2,40] em 12 meses, apenas isso. Quem retirou o projeto foi a Prefeitura, as discussões estavam correndo normalmente na Câmara”, finalizou o vereador.

Encontro define mobilização de estudantes contra reajuste da passagem

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 02 jul 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais
foto: arquivo BRG

DSC_0477

Líderes estudantis de Vitória da Conquista se reuniram na noite dessa quarta-feira (1º de julho) para discutir o reajuste da tarifa do transporte coletivo. O encontro, ocorrido na sede do Sindicato dos Bancários, definiu uma pauta de ações contrárias ao aumento de mais de 16% na passagem de ônibus.

Os estudantes prometeram intensificar as mobilizações contra a medida adotada pela Prefeitura Municipal a partir da próxima segunda (6), quando retornam as aulas da Rede Estadual de Ensino. Entre as ações prometidas pelos estudantes está a paralisação da Av. Lauro de Freitas.

Além da aprovação do aumento em R$2,80, os estudantes não gostaram nada de como foi conduzida as discussões para o reajuste. Um dos estudantes que integra o Conselho Municipal de Transportes já havia acusado a Administração Municipal de usar de má fé na escolha da data de votação do reajuste.

“A Prefeitura escolheu discutir esse reajuste estrategicamente em um momento que os estudantes encontram-se desmobilizados por conta do recesso escolar e greves nas universidades. Mas nós vamos continuar com a mobilização, fechando o terminal, ocupando a Prefeitura e, até, montando barraca em frente à Prefeitura”, garantiu Tiago Pinheiro, membro da UJS.

Passagem já custa R$2,80; tarifa representa 15,6% do salário mínimo

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 01 jul 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

cidade-verde-vitoria-onibus-61

A partir desta quarta-feira (1º de junho), os usuários do transporte coletivo de Vitória da Conquista passarão a pagar o maior valor de tarifa do interior da Bahia: R$2,80. Este é o segundo reajuste de valor na passagem de ônibus que os conquistenses enfrentam em menos de oito meses, o último, em 5 novembro de 2014, alterou de R$2,10 para R$2,40.

O reajuste de 16,67% foi autorizado pelo Conselho Municipal de Transporte, composto, em sua grande maioria, por representantes ligados à Prefeitura Municipal. Após a aprovação do Conselho, o prefeito Guilherme Menezes, assinou o decreto, na última sexta (26).

Os dois reajustes em um período inferior a um ano assinatura representam um total de 36,5% a mais no valor da passagem. Para o trabalhador assalariado, que recebe R$788 e utiliza o serviço público de transporte na cidade duas vezes ao dia para ir ao trabalho, o aumento consumirá R$123,20. Ou seja, 15,63% do salário do trabalhador conquistense é direcionado apenas para o transporte.

Feira de Santana inicia obras do BRT

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Bahia, transporte | Data: 30 jun 2015

Tags:, ,

por Mateus Novais

IMG_1104

As obras para a construção do BRT (Bus Rapid Transit) de Feira de Santana foram iniciadas na manhã desta segunda-feira (29).  O sistema de transporte, que deve ser concluído em janeiro de 2017, vai beneficiar 56 mil passageiros que atualmente utilizam o tradicional serviço de ônibus.

O BRT contará com dois corredores – João Durval, com 4,8 quilômetros de extensão, e o Corredor Getúlio Vargas, com 4,45 quilômetros, totalizando 9,25 quilômetros que vão ligar três terminais, também parte do projeto. Ao todo, 20 ônibus especiais, com acessibilidade, GPS, ar-condicionado e capacidade para atender até cem passageiros, por viagem, vão circular pelos corredores exclusivos. A construção conta com um investimento de aproximadamente R$ 87 milhões, financiados pela Caixa Econômica Federal.

Ônibus voltam a circular normalmente em Vitória da Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 30 jun 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_0521

O transporte coletivo de Vitória da Conquista voltou à sua normalidade nesta terça-feira (30). Um acordo foi firmado entre representantes das viações Vitória e Cidade Verde e o Sindicato dos Rodoviários pôs um fim à greve do transporte municipal.

A proposta debatida entre as duas partes contempla reajuste salarial, plano de saúde e ticket alimentação dos trabalhadores. Este último era o ponto que estava travando a negociação realizada na última segunda. Por fim, os trabalhadores conseguiram um reajuste de 22,5%, saindo de R$ 200 para R$ 245. Já o reajuste salarial foi fechado em 10%, como propôs os patrões, e o Plano de Saúde terá início em cerca de 30 dias. O Abono de Férias será decidido na justiça.

Devido a isso, os ônibus voltaram a circular com sua frota total, na manhã desta terça, com 160 ônibus atendendo as 53 linhas da cidade. O acordo coletivo deve ser assinado pelas empresas na tarde de hoje.

Greve dos rodoviários deve chegar ao fim nesta segunda (29)

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 29 jun 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_0519

O transporte coletivo de Vitória da Conquista pode voltar à sua normalidade nesta segunda-feira (29). Neste exato momento o Sindicato dos Rodoviários e representantes das viações Vitória e Cidade Verde estão em negociação para por um fim á greve do transporte municipal.

Uma nova proposta foi debatida entre as duas partes e deve contemplar o reajuste salarial e o plano de saúde dos trabalhadores. O entrave ainda se encontra no reajuste do ticket alimentação. Os trabalhadores pedem um reajuste de 50%, saindo de R$ 200 para R$ 300, e as empresas ofereceram 15%, o que passaria para R$230. Já o reajuste salarial deve ser fechado em 10%, como propõe os patrões, somado ao reajuste no vale. O Abono de Férias será decidido na justiça.