Casos de Trabalho escravo confirmados em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 09 ago 2010

Por Ramon Gusmão, com informações do Interior da Bahia

Em Vitória da Conquista, o Grupo de Fiscalização Rural da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego da Bahia identificou dezessete casos de trabalhadores submetidos a um regime de trabalho semelhante à de escravidão .

Os inspetores identificaram precariedade dos alojamentos e das instalações sanitárias, contratação e transporte irregular, exploração do trabalho infantil, falta de água potável, informalidade, jornada excessiva e até casos de servidão por dívida.

De acordo com o coordenador do Grupo de Fiscalização Rural, Joatan Gonçalves, o empregador se recusou a pagar os direitos trabalhistas aos resgatados. Uma cópia do relatório da inspeção foi encaminhada ao Ministério Público do Trabalho (MPT), para devidas providências.

DADOS NO BRASIL

De l995 à maio deste ano, 963 ações fiscais do MTE, em 2.584 estabelecimentos, em todo o país, resultaram no resgate de 37.205 trabalhadores e no pagamento de mais de 54 milhões de indenização.

Os comentários estão encerrados.