Covid-19: Rui Costa impõe retaliação contra Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 13 abr 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Resenha_Vermelho_600x65.gif

da Redação

Rui Costa (@costa_rui) | Twitter

O governador da Bahia, Rui Costa (PT) tem usado a Sesab – Secretaria de Saúde do Estado para impor retaliação ao município de Vitória da Conquista.

A Sesab aproveita entradas diárias e repetidas, na Rede Bahia de Televisão, para distorcer a verdade. A cada dia fica mais clara as atitudes da Sesab em retaliar a cidade com autorização de Rui Costa. O secretário Fábio Villas Boas, fala mansa, e atitudes perversas contra o município, falta com a verdade ao declarar que Conquista abriu mão dos recursos.

O secretário Alexsandro Costa esclareceu que Conquista jamais abriu mão de gerenciar os recursos, como afirmou Vilas-Boas: “É falsa a afirmação, uma vez que o município não esteve presente na reunião por não ter sido convidado”, disse o secretário de Saúde de Conquista.

Vídeo

Em um vídeo, o secretário estadual afirma que Vitória da Conquista optou por não gerenciar o recurso destinado pelo Governo Federal para custeio de ações de prevenção e combate ao coronavírus. De acordo a Portaria 480 o valor mínimo de 2 reais por habitantes, corresponde a cerca de 700 mil reais, mas não foi repassado. Importante informar que o Governo Federal repassou para a Bahia mais de R$ 60 milhões.

Salvador

O secretário Fábio Villas Boas declarou no mesmo vídeo “Traçamos uma estratégia de montar 500 leitos de UTI da cidade de Salvador, dedicados exclusivamente para o coronavírus e trazer para a capital todos os pacientes graves que precisarem de ventilação mecânica”.  Como uma pessoa necessitando de um respirador, com falta de ar, suportará chegar em Salvador?

Os secretários municipais, Kairan Rocha e Alexsandro Costa, foram enfáticos ao afirmar que essa medida é muito perigosa, pois pacientes que necessitem de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) podem não conseguir chegar a Salvador e morrerem no meio do caminho.

Reação / Justiça

A exemplo do município de Vitória da Conquista já são vários outros municípios que reclamam do ausente Governo da Bahia, que se sustenta com inverdades na TV Bahia. O Governo da propaganda enganosa.

A nossa reportagem apurou que o prefeito Herzem Gusmão (MDB) determinou que a PGM – Procuradoria Jurídica do Município, e a Secretaria de Transparência e Controle possam buscar reparação com denúncias ao MPF – Ministério Público Federal e a CGU – Controladoria Geral da União.

A Prefeitura levará ainda ao conhecimento do FNS – Fundação Nacional de Saúde, CNM – Confederação Nacional dos Municípios e FNP – Frente Nacional dos Prefeitos para que os órgãos possam atuar em defesa do repasse devido ao Município de Vitória da Conquista.

Todas as providências jurídicas cabíveis e as denuncias serão apresentadas no decorrer desta semana.

Os comentários estão encerrados.