Desesperada, mãe protesta pela guarda do filho em frente à Coelba na cidade de Brumado

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Política, Sudoeste | Data: 13 mar 2013

Tags:, ,

Da Redação

Ela teria perdido a guarda do filho de 08 anos porque na casa onde vive não existe energia elétrica. 

Manifestante na porta da Coelba de BrumadoAcampada na porta do escritório regional da Coelba em Brumado nesta terça-feira (12), Edinair Martins Brasil, moradora de uma comunidade rural próxima ao Riacho do Pilão na cidade de Paramirim, protestou em frente ao local alegando que perdeu a guarda do filho por causa da falta de energia elétrica em sua propriedade.

“Sem energia acostumei a viver, porém sem meu filho é impossível”, é o que está escrito na faixa que Dona Edinair segurava. Ela contou que perdeu a guarda do filho de 08 anos para seu ex-marido porque a justiça determinou que sem energia elétrica ela não poderia manter a criança. “Meu filho é minha vida. Há um ano que estou nesse vai e vem a Salvador e aqui em Brumado buscando meios de ligar minha energia. Há três postes da Coelba em minha propriedade, o mais próximo fica a 9 metros de minha casa. Hoje, me cansei de ficar esperando e resolvi acampar aqui. Trouxe rapadura, farinha e água, estou preparada para ficar o tempo que for preciso. Quando a Coelba ligar minha energia, retorno para casa, pois aí terei como lutar para resgatar meu filho”, explicou.

A mulher foi ouvida pela gerência do escritório, que garantiu que até o dia 25 deste mês a energia será ligada na residência. Aliviada, a manifestante disse que ganhou mais fôlego para lutar pela guarda do filho. “Amanhã cedo já vou ligar para o Fórum em Salvador e dizer que consegui a energia”, concluiu.

Foto e informações: Brumado Agoga

Os comentários estão encerrados.