DH prende jovens envolvidos com o tráfico e elucida vários homicídios em Vitória da Conquista

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Polícia, Segurança, Vit. da Conquista | Data: 31 maio 2015

Tags:, ,


Da Redação 

ARMA e DROGASA Polícia Civil, através da Delegacia de Homicídios (DH), efetuou a prisão em flagrante delito dos traficantes Uerlei Ribeiro da Silva, José Henrique da Silva Lima, vulgo Tutuca, e Nadine Oliveira Santos, na noite de sexta-feira no bairro Santa Terezinha, em Vitória da Conquista, pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, porte ilegal de arma de fogo e munições e corrupção de menores.

A equipe da DH estava investigando a autoria de vários homicídios relacionados ao tráfico de drogas ocorridos recentemente em Vitória da Conquista e após investigações localizou um endereço no bairro Santa Terezinha, onde os acusados estavam cortando, embalando, e distribuindo drogas para vários bairros da cidade, sendo efetuada uma busca no local pelos investigadores da DH, onde foi apreendida uma grande quantidade de drogas, cerca de 1.500 pedras de crack e cocadas de maconha, prontas para comercialização, além de cocaína em pó, e maconha fragmentada, duas balanças de precisão utilizadas para pesar as drogas no local, e um revólver calibre 38, municiado, usado em vários crimes.

O acusado Uerlei já possui antecedentes policiais por tráfico de drogas e é apontado nas investigações da DH como autor de vários homicídios ocorridos neste ano, nos bairros Campinhos e adjacentes e nos condomínios da minha casa minha vida na região dos campinhos, cujas vítimas foram assassinadas a tiros por disputas e dívidas oriundas do tráfico de drogas.

No local foram encontrados três menores de idade, sendo duas meninas e um adolescente, que são usados no tráfico, e uma delas possui apenas 13 anos de idade, sendo namorada de Uerlei, o qual deverá responder criminalmente também pelo crime de estupro de vulnerável, sendo a adolescente encaminhada para DEAM, para ser submetida a exame de conjunção carnal, uma vez que afirmou que estava grávida do acusado.

Tutuca também possui antecedentes policiais por roubo a mão armada em Conquista e saiu em liberdade provisória concedida pela Justiça, na quarta-feira passada, do Presídio Nilton Gonçalves, onde se encontrava preso e deverá retornar novamente a prisão após um dia de liberdade, em razão dos crimes cometidos.

Os acusados foram presos e autuados em flagrante delito na DH e indiciados no inquérito policial  pelos crimes descritos, sendo interrogados e posteriormente encaminhados para o Presídio Nilton Gonçalves, onde ficarão presos à disposição da Justiça, sendo os menores encaminhados aos responsáveis legais para posterior apresentação ao MP e a Vara da Infância e Juventude para aplicação de medidas sócio-educativas previstas no ECA .

 

Os comentários estão encerrados.