Eleição dos rodoviários: integrantes da chapa 2 divulgam nota e repudiam atos de vandalismo na sede da entidade

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 29 jul 2013

Tags:, , , ,

da Redação

Sem Título-1Em nota divulgada para a imprensa, os integrantes da chapa 2 que concorrem para eleição do sindicato dos rodoviários divulgaram uma nota repudiando os atos de vandalismo registrados nos últimos dias na sede da entidade e contra o presidente em exercício, Carlos Fernandes, que tenta a reeleição.

Leia a nota na íntegra:

“Os componentes da Chapa de Oposição à diretoria do sindicato dos rodoviários vem a público esclarecer os últimos acontecimentos envolvendo os atos de vandalismo contra a sede do sindicato da categoria. Sublinhamos inicialmente que não temos nenhuma inimizade ou desafeto com qualquer componente que faz parte da diretoria, liderada pelo senhor Carlos Fernandes.Portanto, condenamos  cabalmente os atos de violência em face da sede da categoria e principalmente aos seus diretores.

Ressaltamos que num Estado democrático de direito é inconcebível haver este tipo de postura que envereda para violência como mecanismo de promover o terrorismo psicológico e físico, deverá ser condenado e investigado os promotores destes atos anti- democraticos.

Partindo destes pressupostos, consideramos levianas a acusação do senhor Carlos Fernandes que atribui os atos, aos membros da chapa de Oposição, contudo,não apresenta nenhuma prova que indique quem sejam os autores. Em razão disso, os componentes da chapa de oposição tiveram que realizar noticia crime  no Distrito de Segurança contra o presidente do sindicato pela prática do crime de denunciação caluniosa.

Gostariamos de externar para os rodoviários que o dialogo sempre será o caminho para solucionar qualquer atrito de cunho sindical, caso não haja êxito, seremos impelidos a buscar a justiça para resolver as querelas e foi com esta perspectiva que foi necessário ingressar judicialmente para anular a eleição fraudulenta e conquistar a readmissão dos 12 (doze) pais de família que foram demitidos, simplesmente por terem inscritos para disputar a eleição do sindicato e torná-lo de fato um instrumento de luta.

È sabido por todos que se a eleição fosse hoje, a chapa de Oposição seria eleita com mais de 90% dos votos válidos,pois a categoria não suporta mais ser representada por uma diretoria que está no poder há mais de 20 anos, sem lutar pelos interesses dos rodoviários.

Então, fica um questionamento, a quem interessa construir um clima tenso neste momento? Certamente não são os membros da chapa de Oposição, que repito, se as eleições fossem hoje venceria com mais de 90% dos votos e derrotamos por duas vezes na justiça o senhor Carlos Fernandes. Ou será desespero do presidente que está vendo o seu reinado acabando e terá que prestar conta do dinheiro do sindicato, informando onde foi investido.

Alertamos aos amigos rodoviários que o desespero do presidente do sindicato não irá para por aí, pois tentará até o último momento enganá-los.Portanto, não merecerem credibilidades as acusações infundadas.

Finalizamos informando aos trabalhadores da Empresa Serrana que tivemos uma reunião no dia 26 de julho, com o Secretário de Transporte do Município, que afirmou que a nova empresa de ônibus terá a obrigação de contratar no mínimo 90% dos trabalhadores da Serrana e que terão o direito de receber o pagamento integral dos direitos trabalhista.Se algum colega tiver dúvida, basta procurar os Membros da chapa de oposição para serem informados sobres os seus direitos”.

Os comentários estão encerrados.