Estado de professora vítima de facadas desferidas por ex-companheiro é estável

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 04 jan 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_1001Marília ao lado do ex-companheiro, William Peterson, acusado pelo crime

A professora conquistense Marília de Alencar Silva, de 33 anos, foi vítima de um atentado na noite deste sábado (3). Ela foi atingida por vários golpes de faca dentro de sua própria residência, no bairro Iracema. O ex-companheiro de Marília, William Peterson Silva, é apontado como autor do crime.

Segundo informações, William Peterson, teve uma crise de ciúmes ao saber que Marília estava namorando. Logo após o crime, William fugiu.

Marília foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhada ao Hospital Samur, em estado grave. A professora passou por cirurgia e, de acordo com familiares, seu quadro é estável. Pelas redes sociais, familiares e amigos demonstram a comoção e indignação pelo crime. No facebook, uma tia da professora desabafou e pediu que as pessoas ajudem a polícia encontrar William:

Quero deixar aqui meu recado que William Peterson Silva agrediu e esfaqueou minha sobrinha, Marília Alencar, sua ex-companheira, ontem, 02 de janeiro, covardemente. Peço que se alguém souber do paradeiro desse covarde assassino que avise a policia. Ele está foragido! Que sua família não acoberte esse criminoso!

Ela está hospitalizada e sabe Deus em que situação se encontra, física e emocionalmente e como sairá dessa. Orem por ela e denuncie essa covarde!

Marília é graduada em Letras pela Uesb e ensina no Colégio Opção, além da Rede Municipal de Ensino de Vitória da Conquista.

Os comentários estão encerrados.