Lixo de Conquista não é reaproveitado

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia, Educação, Trabalho, Vit. da Conquista | Data: 08 nov 2013

Tags:, , ,

por Paulo Anderson Rocha

Trezentas toneladas. Essa é a quantidade média de lixo produzida diariamente em Vitória da Conquista, segundo o coordenador do Recicla Conquista, João Paulo Silva. Por outro lado, somente 5% desse montante é reaproveitado.

João-PauloDiante desses dados, o coordenador esclarece que se, pelo menos, metade dessa produção fosse coletada seletivamente, haveria lucros e ganhos para a economia da cidade e até para as questões ambientais. Ele lembrou também que o próprio aterro sanitário da cidade teria uma vida maior, caso recebesse uma menor quantidade de lixo.

O ganho ambiental a que ele se refere é relacionado às famílias que sobrevivem da coleta desse material que pode ser reutilizado, base da Cooperativa Recicla Conquista. Antes, 150 famílias viviam de catar o que encontravam no antigo lixão, fechado em 2004. A ação conjunta dessas pessoas em torno da perspectiva de reciclar e reutilizar fez surgir a cooperativa.

Reciclagem-vasosCom ela, a ação dos atravessadores é minimizada, que intermedeiam a venda dos pequenos catadores para as empresas de reciclagem.

Ainda de acordo com João Paulo, a falta de atuação do poder público municipal, o modelo adotado por ele para a coleta dos resíduos (atualmente, as empresas recebem pelo peso coletado), e a falta de conscientização da população, afasta Conquista de se um exemplo no tratamento de lixo.

Além disso, segundo ele, a prefeitura do município não cumpre as diretrizes da Política Nacional de Resíduos Sólidos, lançada pelo Governo Federal em 2008.

Informações e imagens: site Balanço do Dia

Os comentários estão encerrados.