Meio Ambiente fortalece parceria com Corpo de Bombeiros na prevenção de queimadas

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 01 ago 2021

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

Com o objetivo de definir novas estratégias de prevenção e combate aos incêndios no município, a secretária do Meio Ambiente, Ana Cláudia Passos, se reuniu, nessa sexta-feira (30), com o comandante do 7º Grupamento de Bombeiros Militares, Tenente-Coronel Paulo Henrique de Araújo, e com o chefe da Seção de Planejamento Operacional, Capitão Álvaro Serrão.

Segundo a secretária, o encontro abordou a fiscalização e a atuação das equipes no combate às queimadas. “Estamos sempre tendo esse apoio do Corpo de Bombeiros e prestamos apoio também. A gente está buscando novas estratégias, aperfeiçoando a logística, tudo o que for possível para diminuir o número de incêndios que têm ocorrido em Vitória da Conquista”, explicou a secretária.

Segundo o levantamento da Brigada de Incêndios da secretaria, de janeiro até agora foram atendidos mais de 130 focos de incêndio, sendo 25 ocorrências apenas neste mês de julho. As altas temperaturas e o tempo seco dos últimos dias contribuíram para o aumento das queimadas.

A população pode colaborar ligando para o 193 ao perceber qualquer sinal de fumaça. Outra forma de ajudar é não utilizar fogo para fazer limpeza de terrenos e pastagens ou atear fogo em amontoados de lixos.

Crime ambiental – Provocar incêndio em mata ou floresta é crime ambiental definido no artigo 41 da Lei de Crimes Ambientais, com pena prevista de 2 a 4 anos de reclusão.

Além de responder a processos criminais, o munícipe pode sofrer multa administrativa de R$ 1 mil por hectare, e pode ser chamado a reparar os danos causados, incluindo danos morais em prol da coletividade.

Os comentários estão encerrados.