Mostra Cinema Conquista retorna ao calendário anual de festivais da Bahia

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Cultura, Vit. da Conquista | Data: 19 nov 2017

Tags:


Rafael Carvalho | Especial para A TARDE

Na noite de abertura, será apresentado o longa “Divinas Divas” - Foto: Divulgação
Na noite de abertura, será apresentado o longa “Divinas Divas”
Divulgação

Um dos mais tradicionais festivais de cinema da Bahia retoma suas atividades. A Mostra Cinema Conquista chega a sua 12ª edição com programação variada, voltada para o cinema nacional, depois dos últimos dois anos sem acontecer. Sediada na cidade de Vitória da Conquista, a 520 km de Salvador, o evento começa neste domingo, 19, e segue até a próxima sexta-feira.

“Há 12 anos realizamos a Mostra Cinema Conquista, sempre tentando trazer para a cidade uma parte do que se tem feito no cinema brasileiro, principalmente nos últimos 20 anos”, explica Esmon Primo, coordenador geral do evento.

Com carência de programação dedicada ao cinema brasileiro mais inventivo, Vitória da Conquista respira cinema enquanto a Mostra realiza uma série de atividades, exibições e discussões sobre o fazer cinematográfico. Este ano, as exibições principais irão acontecer no auditório do Instituto de Educação Euclides Dantas (Escola Normal). Também será montada uma tenda de exibição no bairro Nova Cidade, além de tendas itinerantes que vão percorrer escolas de alguns distritos da cidade.

Na noite de abertura, será apresentado o longa “Divinas Divas”, estreia na direção da então atriz Leandra Leal. Entre outros destaques da seleção de longas estão os filmes baianos “Abaixo a Gravidade”, de Edgard Navarro; “Café com Canela”, de Ary Rosa e Glenda Nicácio; e “Noite Escura da Alma”, de Henrique Dantas.

Outros filmes, que rodaram o mundo em mostras e festivais, também fazem parte da seleção, como os multipremiados “Aquarius”, de Kleber Mendonça Filho; “Boi Neon”, de Gabriel Mascaro; e “As Duas Irenes”, de Fábio Meira.

Pensar o cinema

A programação da mostra segue também com muitos debates, oficinas, conferências e conversas com diversos convidados. O jornalista Paulo Markun, ex-apresentado do programa Roda Viva, vem a Conquista falar sobre a relação entre jornalismo, produção audiovisual e mercado.

Acontece também importante mesa redonda com o tema “O negro na produção audiovisual brasileira”. Participam desse debate a realizadora e produtora cultural Thamires Vieira (produtora do longa “Café com Canela”); a diretora Yasmin Thayná (que traz para o evento seu curta “Kbela”); e o crítico e realizador Juliano Gomes (também com um filme no evento, o curta “As Ondas”).

A Mostra conta ainda com algumas oficinas com temas diversos, contemplando desde a construção conceitual de séries, passando pelo tema da preservação audiovisual em tempos de suportes digitais, indo até a manutenção de cineclubes nas escolas.

Além disso, haverá os papos de cinema, encontros com alguns realizadores que irão exibir seus filmes dentro da programação da mostra e discuti-los depois com o público, em conversas mediadas pelo crítico Francis Vogner dos Reis.

Homenagens

Duas homenagens especiais este ano acontecem dentro da programação da Mostra Cinema Conquista, com direito a exposições que relembram a memória de duas grandes personalidades do cinema baiano.

Uma delas é intitulada “Guido Araújo, a jornada de um ‘Cangaceiro’ da Cultura”, dedicada ao influente Guido, que criou e levou adiante o mais importante festival de cinema de recorte brasileiro e latino-americano feito no Brasil, as Jornadas de Cinema da Bahia. Na ocasião será exibido os dois primeiros episódios da série “O Senhor das Jornadas”, dirigido por Jorge Alfredo.

Uma segunda homenagem é para o cineasta Tuna Espinheira, realizador de mais de 30 trabalhos no cinema. A exposição é intitulada “Tuna – Traço do tempo” e rememora a atuação de Tuna como ator, editor, roteirista, produtor e diretor. Também será exibido em sua homenagem seu curta-metragem “Cajaíba, Lição das Coisas – O Fazendeiro do Ar” durante a abertura do evento.

Toda a programação da Mostra é gratuita e pode ser acessada no site: www.mostracinemaconquista.com.br.

Os comentários estão encerrados.