O Governo Wagner (PT) contribuiu e o E.C Bahia pode cair para 2ª Divisão

0

Publicado por Editor | Colocado em Esportes | Data: 24 nov 2014

Tags:, ,


da Redação
Foto: Bocão News

O  Governador Jaques Wagner na foto ao lado do secretário Fernando Schmidt (camisa azul do time), promoveu ações prejudiciais na vida do E.C Bahia 

E C Bahia

O E.C Bahia obteve uma péssima experiência ao ser envolvido pela política partidária na Bahia, uma péssima experiência para o Esquadrão de Aço da Capital. O Ex – presidente Marcelo Guimarães Filho sentenciou: “O Bahia virou secretaria de Governo” ,disse.

O Bahia viveu um período conturbado e sob a intervenção do advogado Carlos Rátis que logo transferiu o time para o então secretário para assuntos internacionais, de Jaques Wagner (PT), Fernando Schmidt, que foi eleito presidente do Bahia em setembro do ano passado.

Na época, ele contou com o apoio do publicitário e marqueteiro do PT, Sidônio Palmeira, do diretor da Sudesb, Raimundo Nonato, o Bobô (PCdoB), do governador Jaques Wagner e da primeira-dama Fátima Mendonça.

Agora o E.C Bahia está em uma situação difícil para permanecer no pelotão de elite do Campeonato Brasileiro – Série A. Para evitar o vexame o time baiano terá que vencer os dois jogos que restam contra o Grêmio na Fonte Nova e o Coritiba no Paraná. Terá que torcer para o Palmeiras não ganhar mais nenhum ponto nas duas partidas que restam e ainda que o E.C Vitória, o seu rival, não vença nenhum dos dois jogos. Matematicamente o time do Bahia ainda tem chance.

Os comentários estão encerrados.