Parabólica

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Política, Vit. da Conquista | Data: 25 abr 2013

Tags:, ,

Aeroporto

PARABÓLICA22111111111212164111211111-150x150O presidente do Movimento Conquista Pode Voar Mais Alto, José Maria Caíres, conseguiu aprovar na Câmara de Vereadores, uma Audiência Pública que será realizada no dia 24 de maio.  Caíres continua firme no propósito de cobrar a licitação do aeroporto. O governador, entrevistado recentemente, garantiu que a licitação seria publicada no mês passado.

Aeroporto II

Os deputados estaduais de oposição ao governo, além da bancada governista na assembléia, poderão ser convidados a participar da audiência pública do dia 24/05. Prato cheio para os oposicionistas que estão cansados das promessas do atual governo petista na Bahia. Sandro Regis (PR) deverá apresentar o Lorotil, 1º medicamento ‘produzido na Bahiaframa’ em Conquista, como exemplo da falta de atenção do governo para com a 3ª maior cidade da Bahia.

Federal

O Cel. Esmeraldino Correia garante que será candidato a deputado federal nas eleições de 2014. O ex-comandante do 9º Batalhão da Polícia Militar de Vitória da Conquista, hoje na reserva, tem amplas possibilidades de alcançar uma cadeira na Câmara dos Deputados em Brasília. Correia demonstra que goza de grande prestígio político na cidade.

Lei Seca

O diretor da 4ª CIRETRAN de Vitória da Conquista, Rodrigo Moreira, está preparando as blitz que serão feitas em Vitória da Conquista contra os motoristas alcoolizados ao volante. Já nesta final de semana a Lei Seca vai funcionar. Na Resenha Geral, o diretor do órgão, vai explicar como serão festas as operações na cidade.

Mil por mês

Em Salvador, a prefeitura está guinchando uma média de mil veículos por mês. Estacionamento irregular é a primeira causa das apreensões de veículos na capital. O exemplo que vem da capital, mostrado na edição de ontem do Jornal A Tarde, está longe de ser aplicado em Vitória da Conquista. Aqui falta autoridade e competência para ser desenvolvido um projeto moderno de trânsito.

Puxão de orelhas

O vereador Cori (PT), não aprovou as demolições de casas no bairro Alegria. Entrevistado, condenou o sorridente coordenador de habitação da PMVC que esteve à frente dos tratores na tal operação. O recado do edil, serviu também para o prefeito Guilherme Menezes que autorizou a desastrosa missão de deixar famílias sem teto.

Os comentários estão encerrados.