Prefeita Sheila Lemos leva pautas da saúde e infraestrutura para audiência com governador

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Geral, Vit. da Conquista | Data: 12 maio 2021

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é unnamed-1.gif

Secom/PMVC

Nesta quarta-feira (12), às 15h30, a prefeita de Vitória da Conquista, Sheila Lemos, terá a primeira audiência com o governador Rui Costa, na Governadoria, em Salvador. Na pauta, maior participação do governo estadual no financiamento da saúde e em obras de infraestrutura. Este é o primeiro encontro entre a autoridade estadual e um gestor conquistense desde maio de 2019, quando o ex-prefeito Herzem Gusmão foi recebido por Rui Costa.

A prefeita entregará ao governador nove demandas específicas, incluindo projetos e obras que ele anunciou no ano passado, durante a campanha eleitoral. “O que levamos são reivindicações justas, merecidas pela cidade e que visam a melhoria da qualidade de vida e o bem-estar da nossa população”, explica Sheila. Ela acrescenta que Rui Costa analisará as demandas com espírito republicano, considerando que o governador afirmou o interesse em realizar obras importantes no município e ajudar Vitória da Conquista.

“Assim como nós entendemos que é nosso papel dialogar e buscar benefícios para a população, independentemente de posicionamentos políticos, cremos que o governador tem o mesmo nível de compromisso, especialmente pela importância de Vitória da Conquista para o estado”, ressaltou a gestora.

Veja as demandas levadas pela prefeita Sheila Lemos ao governador Rui Costa:

Saúde:

Esaú Matos – apoio, em caráter emergencial, com destinação de novos recursos com o intuito de não prejudicar os atendimentos prestados  pelo hospital, referência em gestação de alto risco no interior da Bahia, o 2º maior a realizar partos em gestação de alto risco no estado da Bahia, atendendo mais de 100 municípios regionais, mas pactuado com apenas 67, dos quais 18 têm pactuação para procedimentos de alto risco.

Leitos Covid-19 – Recursos financeiros para manter os 40 leitos clínicos contratados pela Prefeitura no Hospital São Vicente de Paulo, tendo em vista que as  unidades hospitalares funcionam com o acesso regulado, voltadas para a internação de pacientes com sintomas respiratórios de baixa e média complexidade, podendo funcionar como retaguarda clínica para UTI e definidas como referência para tratamento da COVID-19.

Vacinas – Aumento no envio de doses de vacina para: atendimento de trabalhadores da Saúde, cujo total é superior ao estimado pelo Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações SIPNI, em 2.567 pessoas; atendimento de pessoas de fora e/ou que receberam a primeira dose em outro município, conforme preconiza o SUS. Já foram vacinadas em Conquista, com a 2ª dose, 110 pessoas de outros municípios e estados;

Suplementação de doses para compensar o fato de que, a partir do dia 17 de março, os frascos de vacina que deveriam conter 10 doses estão totalizando somente nove, com casos de serem aspiradas apenas oito doses por frasco. A Secretaria Municipal de Saúde contabiliza um déficit de 3.600 doses por incompletude nos frascos.

Atendimento Geral – Retorno da Regulação Estadual para o Município, com o intuito de atender de forma mais célere os pacientes de Vitória da Conquista e região;

Reativação do atendimento ao público no Pronto Socorro do Hospital Geral de Vitória da Conquista – HGVC, que só está atendendo pacientes oriundos da UPA ou SAMU 192;

Disponibilização de recursos para a média complexidade, a fim de evitar que pacientes do município de Vitória da Conquista precisem ser encaminhados para Salvador, por intermédio do TFD – Tratamento Fora do Município;

Implantação do Centro de Saúde da Mulher, equipamento especializado no rastreamento do câncer e em exames preventivos e pré-natal;

Conclusão do Centro de Traumatologia de Vitória da Conquista, com 63 leitos, além de um centro cirúrgico com três salas e uma agência transfusional, que funcionará integrado ao Hospital Geral de Vitória da Conquista – HGVC.

Obras/Infraestrutura:

Duplicação da Avenida Presidente Vargas, com um projeto moderno, incluindo nova iluminação, ciclovia e pista para caminhada, possibilitando a conexão da ciclovia a outras já existentes na cidade e ofertando opção para atividades físicas a moradores daquela região. Projeto que foi compromisso firmado pelo governador na campanha eleitoral do ano passado;

Apoio para a intervenção no Parque Urbano Lagoa das Bateias, principalmente na área da lagoa, que sofre um grande processo de assoreamento e contaminação da água, bem como para a requalificação  das áreas de esportes e lazer do local;

Requalificação asfáltica da rodovia Vitória da Conquista a Encruzilhada, necessária para toda a região Sudoeste, ao interligar a BR 116, região de Vitória da Conquista, ao município de Encruzilhada. Obra importante para a economia regional, por onde é escoada a produção local de café.

Os comentários estão encerrados.