Prefeito de Conquista não defende reativação do Crescêncio Silveira como hospital

0

Publicado por Editor | Colocado em Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 14 jun 2015

Tags:, ,

da Redação

Hospital

Em reunião com o secretário Fábio Vilas-Boas, em Salvador, o prefeito de Vitória da Conquista, Guilherme Menezes (PT), solicitou a cessão do imóvel de propriedade do Governo Estadual, onde funcionou o Hospital Crescêncio Silveira, para instalação por meio da Secretaria Municipal de Saúde, de ações de apoio às atividades de atendimento à criança, à mulher e à população idosa do município.

Em nota postada no site da prefeitura (www.pmvc.com.br), em nenhum momento foi dito que o Hospital Crescêncio Silveira será reativado. A gestão petista em Vitória da Conquista, em quase 20 anos, está sendo marcada por desativações de hospitais e serviços. Além da desativação do Hospital Crescêncio Silveira, a Cupe – Clínica de Urgência Pediátrica, que atendia a 1.000 crianças por mês foi descredenciada do SUS. O Hospital Esaú Matos foi privatizado, e a ala de obstetrícia do Hospital de Base também foi desativada.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) preconiza que para cada 1.000 habitantes são necessários de 3 a 5 leitos para um atendimento satisfatório. A cidade de Vitória da Conquista possui média apenas de 0,005 leitos para 1.000 habitantes. A Bahia possui média de 2,15 leitos.

Os comentários estão encerrados.