Prefeitura de Vitória da Conquista entra na Justiça contra o IBGE

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 11 nov 2010

Por Rodrigo Ferraz

Secretário de governo Márcio Higino com prefeitos da região. Prefeitura negou ceder territórios

Depois das informações que alegaram que a cidade de Vitória da Conquista poderá chegar, no máximo, a 302 mil habitantes, abaixo da expectativa de 318 mil após contagem do Censo, a Prefeitura Municipal resolveu agir. O poder público entrou com ação na Justiça Federal contra o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) com o intuito de assegurar que moradores de diversos povoados situados nos limites com os municípios de Anagé, Barra do Choça, Belo Campo, Itambé e Cândido Sales sejam contabilizados como habitantes de Vitória da Conquista.

Várias comunidades que pertencem a maior cidade do Sudoeste baiano já declararam que não aceitam ser contados como pertencentes às cidade vizinhas. De acordo com levantamento feito pela assessoria de comunicação da prefeitura, cerca de 15 mil pessoas podem estar envolvidas e que residem em 56 povoados, dentre eles Fazenda Olho d´Água, Mãe Eleotéria, Lagoa da Visão, Maria Clemência, Poço Comprido I e II, Roseira, Boqueirão, Caldeirão, Campo Formoso, Deus Dará, Matinha, Boa Sorte e Algodão.

A diminuição da população implicaria numa diminuição considerável do repasse, podendo complicar a situação da atual administração municipal.

Escreva um Comentário

Faça o login para publicar um comentário.