ACM Neto suspende aulas nas escolas, funcionamento de academias e cinemas na Capital Baiana

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Saúde | Data: 16 mar 2020

Tags:, , , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

Fonte:

Nesta segunda-feira(16), o prefeito ACM Neto anunciou sete medidas que o município adotará para tentar minimizar os impactos do novo coronávirus em Salvador. Uma das adotadas é a suspensão das aulas nas escolas da rede municipal por 15 dias, podendo haver prorrogação. A orientação também é válida para os colégios particulares. As iniciativas começarão a valer na próxima quarta-feira, por decreto que será publicado em edição extra do Diário Oficial do Município. 

O funcionamento de parques públicos, academias de ginástica e cinemas será suspenso, também em prazo quinzenal, inicialmente. Quem descumprir a determinação pode ser multado, ter o estabelecimento fechado e o alvará cassado. ACM Neto não descartou outras medidas no futuro, como a determinação do fechamento de bares, restaurantes e shoppings. “Como informamos na semana passada, podemos tomar novas iniciativas a qualquer momento para prevenir a proliferação do coronavírus na cidade”, reforçou o prefeito. 

No último sábado (14), a prefeitura já havia anunciado outras ações contra a doença, como a proibição, por tempo indeterminado, de qualquer evento ou atividade para mais de 500 pessoas na cidade, que vale a partir desta segunda, e o impedimento de viagens internacionais para servidores municipais. Além disso, aqueles colaboradores que estejam retornando de viagens internacionais da Europa, China, Irã ou EUA devem fazer o teste para o coronavírus e permanecer em isolamento residencial por sete dias.

Segundo o prefeito, a gestão decidiu se antecipar a um provável aumento na quantidade de casos da doença na capital baiana. “Esse conjunto de medidas restringem o dia a dia das pessoas, mas entendemos que esse é um momento que exige atenção e o máximo de precaução. A palavra nesse momento antecipar as decisões para evitar que o cenário se agrave.”

Os comentários estão encerrados.