Professores da Uesb podem entrar em greve no início de abril

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Educação | Data: 11 mar 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_3058A crise orçamentária que vive as universidades estaduais deve provocar uma greve na Uesb até o próximo mês. Quem confirmou a informação foi a presidente da Associação dos Docentes da UESB (ADUSB), Marcia Lemos. Os professores apontam uma redução de R$ 20 milhões no orçamento dos últimos dois anos da instituição, provocada pela política de austeridade do Governo Estadual.

“A situação orçamentária hoje das universidades estaduais da Bahia é gravíssima, porque o orçamentos destinado para 2015, relativo a verba de manutenção, ações do PPA finalística e custeio, foi reduzida e ela é menor que o de 2013. A redução do orçamento da Uesb  chega a R$ 20 milhões, nesse período”, alertou a presidente da ADUSB.

Diferentemente dos últimos movimentos paredistas, em que se reivindicavam aumentos de salários, os professores acreditam que esta greve é necessária para que a Uesb consiga voltar a funcionar corretamente. “Se o movimento docente não deflagrar a greve, como está no horizonte para o final do mês de março ou abril, no máximo, ela vai parar por inanição, porque não tem verba para colocar no seu transporte, para pesquisa, as bolsas estão atrasadas, os terceirizados não recebem. Ou seja, a situação é gravíssima”, afirma Marcia Lemos.

A assembleia da ADUSB, onde será definido o início do movimento, deve acontecer no dia 24 de março, no campus de Itapetinga.

Os comentários estão encerrados.