Proprietários de transporte escolar protestam contra padronização nacional

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 18 jul 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

DSC_0512

Os proprietários de veículos que atuam no transporte escolar privado realizaram uma mobilização contra a padronização nacional dos veículos. A mobilização ocorreu no sábado (16), simultaneamente com o movimento nas cidades brasileiras. A  proposta partiu da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), mas os proprietários de vans apontam um lobby.

A norma que está sendo elaborada e tramita no Congresso prevê que todos os motoristas passem a utilizar micro-ônibus com capacidade mínima de 20 pessoas, o que excluiria a utilização de Kombis, Doblôs e vans do serviço. “Nós [transporte escolar] já somos padronizados pelo Código de Trânsito Brasileiro” explica o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Autônomos de Escolares de Vitória da Conquista (Sintevic), Givanildo Pereira. “O que o Governo quer é implantar o micro-ônibus americano acessível a cadeirantes e que nem existe no mercado”, argumenta ao denunciar um possível lobby de uma grande montadora.

O micro-ônibus apresentado teria um valor de R$ 220 mil. “Com essa crise, como pagar um carro nesse valor?” questiona Pereira. “Hoje em Vitória da Conquista o valor médio do transporte é de R$ 90, a proposta subiria as mensalidades para R$ 300. No geral nossa clientela é de baixa renda. o projeto é bom, mas inviável para nossa realidade” finaliza.

Os comentários estão encerrados.