SAMU 192: trotes caem 40% no período de férias escolares

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 10 fev 2016

Tags:,

por Mateus Novais

SC1_4200

O número de trotes contra o Serviço de Urgência e Emergência (Samu 192) caiu cerca de 40% nos meses de dezembro e janeiro, período de férias escolares. E redução se deu através de u trabalho de conscientização aliado ao novo sistema eletrônico de atendimento.

No mês de dezembro, o registro de trotes caiu de 53,5%, em 2014, para 30,64% das ligações, em 2015. Já no mês de janeiro de 2015 foi registrado 51,6% de ligações irregulares, contra 29,65% no mesmo período deste ano. No acumulado, a diminuição foi de mais de 40% nos trotes em ambos os período – algo em torno de 480 trotes para um total de 1200 chamada por mês.

A queda no número de trotes só foi possível após a implantação do Samu +, sistema integrado de atendimento às urgências médicas, em março de 2015. Além do investimento em tecnologia, a equipe do Samu 192 visitou às escolas para conversar com crianças e adolescentes sobre o funcionamento do serviço e também sobre o prejuízo que o trote pode causar para as pessoas que realmente precisam do serviço. “A ideia é continuar com as ações nas escolas para que este percentual diminua ainda mais”, ressaltou a coordenadora do Samu 192 , Gracielle Gardênia.

Demora

O funcionamento dos novos equipamentos era um pedido antigo dos funcionários do SAMU 192, já que o índice de trotes era muito alto, estimado em 52% das ligações (média superior a nacional, que gira em torno de 40%). Com a ausência de um sistema ate-trote, todo o serviço de atendimento da região ficava comprometido. Para se ter uma ideia, a regional de Vitória da Conquista coordena 11 municípios e atende, em média, 1.200 ligações por mês.

Os recursos para implantação desse novo sistema começou a ser disponibilizado pelo Governo Federal em 2011. Em setembro de 2014, a Prefeitura Municipal começou a adquirir os equipamentos para o funcionamento da interligação, porém, apenas os computadores haviam sido instalados para os telefonistas. Mesmo assim, estes ficavam desligados durante todo o tempo, já que não tinham função.

Trote é crime

Caso as pessoas não saibam, trote é crime previsto no Artigo 266 do Código Penal. O infrator pode ser punido com detenção de um a seis meses, ou multa.

Os comentários estão encerrados.