Sesab do Governo da Bahia será investigada em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 02 jul 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Resenha_Vermelho_600x65.gif

da Redação

Prefeitura não descarta uma auditoria nacional nos contratos da Sesab em Conquista

Prefeitura de Vitória da Conquista aciona governo do Estado por ...
HCC – Foto: A Tarde

A Prefeitura de Vitória da Conquista fez representação no Ministério Público Federal (MPF) contra o Governo do Estado, por supostas irregularidades no contrato firmado com o Hospital de Clínicas de Conquista (HCC). A Prefeitura acusa Sesab – Secretaria Estadual de Saúde de fortes indícios de superfaturamento na contratação de leitos.

Para o prefeito Herzem Gusmão, secretário Fábio Vilas Boas faltou com a verdade ao anunciar 20 leitos de UTI para tratamento de pacientes com Covid-19, sendo que o hospital só possui 10 respiradores e 2 reservas.

Mais investigação

O pedido do MP – Ministério Público, a Justiça, através de uma Ação Civil Pública, para que o prefeito Herzem Gusmão (MDB) revogasse o Decreto que permite a abertura gradual do comércio, ensejou mais investigação de hospitais em Conquista.

A titular da Vara da Fazenda Pública, Dra. Simone Soares de Oliveira solicitou informações dos hospitais São Vicente, HCC e o Hospital de Base (HGVC), com pedido de urgência, e prazo de 24 horas, para informar quantos leitos clínicos estão destinados ao coronavírus. A quantidade de respiradores terá que ser informada a Justiça.

IBR

IBR Hospital
IBR – Foto: divulgação

No despacho, a Vara da Fazenda Pública, não relacionou o IBR. O prefeito Herzem Gusmão disse a nossa reportagem que pedirá também que a Justiça busque informações junto ao IBR. “Amanhã vou solicitar a PGM, que se possível, ainda no processo, seja solicitada informações detalhadas dos leitos disponíveis no IBR”, disse o prefeito. “Informações terão que ser transmitidas ao Ministério da Saúde, em Brasília, com segurança”, acrescentou.

Auditoria

Auditoria do Denasus identifica irregularidades em contratos de ...

A depender do levantamento que será feito pela Vara da Fazenda Pública, o prefeito Herzem Gusmão, não descarta solicitar ao Departamento Nacional de Auditoria do SUS (Denasus) investigação nos contratos firmados pelo Governo da Bahia, através da Sesab.

“A cidade precisa saber a verdade. Os indícios de irregularidades praticadas pela Sesab são reais, e vamos solicitar as investigações necessárias. O Governo do Estado vem contribuindo com informações desencontradas de um atabalhoado e arrogante secretário estadual de saúde”, reforçou o prefeito.

Os comentários estão encerrados.