Confira como aumentar seu tempo total de contribuição

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 17 abr 2017

Tags:, ,

Cristiane Gercina
do Agora

Os segurados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) que querem se aposentar o quanto antes precisam ter certeza de que todo o tempo de trabalho está registrado no cadastro do instituto.

Para isso, devem consultar o Cnis (Cadastro Nacional de Informações Sociais).

Se algum período estiver faltando, o trabalhador deve providenciar os documentos para comprovar o tempo total de contribuição.

A carteira de trabalho é o principal deles.

Ela não pode ter rasuras ou anotações que não são possíveis de serem lidas.

Se houver irregularidade, o INSS rejeita o documento e dificulta a aposentadoria.

Saiba escolher a melhor hora para pedir a aposentadoria

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 02 abr 2017

Tags:, ,

Cristiane Gercina e Luciana Lazarini
do Agora

O trabalhador que já completou as condições mínimas para pedir a aposentadoria ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e quer correr para ter o benefício antes das mudanças na Previdência deve se planejar bem.

O risco da falta de planejamento é receber uma aposentadoria muito baixa pelo resto da vida. Para ajudar quem está na dúvida, o Agora traz dicas de especialistas do que deve ser levado em consideração antes de agendar o pedido no INSS.

A primeira orientação do advogado Roberto de Carvalho Santos, do Ieprev (Instituto de Estudos Previdenciários), é que o trabalhador faça uma análise de toda sua vida profissional e pessoal, pois a decisão de pedir o benefício não deve levar em conta apenas cálculos ou regras das aposentadorias.

Segurado poderá consultar quanto tempo falta para se aposentar

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Trabalho | Data: 25 mar 2017

Tags:, ,

Luciana Lazarini e Cristiane Gercina
do Agora

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) prevê que, a partir de agosto, os segurados poderão saber, de forma mais simples, seu tempo total de contribuição.

Com isso, ficará mais fácil identificar quando o trabalhador poderá pedir a aposentadoria.

A consulta será no site Meu INSS (www.servicos.inss.gov.br).

Hoje, os segurados já podem usar esse sistema para consultar o Cnis, que é o cadastro de contribuições.

A partir de agosto, o site Meu INSS também mostrará quantos anos, meses e dias de contribuição o trabalhador acumula.

Segundo o INSS, em princípio, não será preciso preencher nenhum dado.

Porém, o segurado deverá verificar se todos os períodos trabalhados estão sendo contabilizados.

O simulador vai usar as informações do Cnis, que, muitas vezes, têm falhas.

Emendas mudam reforma para facilitar aposentadoria

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 14 mar 2017

Tags:, ,

Clayton Castelani
do Agora

Dificilmente a reforma da Previdência proposta pelo governo Temer passará sem alterações no Congresso.

Até ontem, penúltimo dia do prazo para apresentar emendas à PEC (proposta de emenda à Constituição) que cria a idade mínima, a medida havia recebido 65 sugestões de mudanças.

Algumas com potencial para desmontar as regras do Planalto para as aposentadorias.

O ponto da reforma governista com maior chance de ser demolido pela pressão da sociedade sobre o Congresso é a regra de transição, que cria a idade mínima de 65 anos para todos os segurados abaixo de 45 (mulheres) e 50 (homens) anos.

Aliados e adversários do governo consideram a regra injusta, pois cria grande desvantagem para trabalhadores que já estão perto de conseguir o benefício pelas regras atuais do INSS.

Comissão está dividida sobre idade mínima de 65 anos

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 01 mar 2017

Tags:, ,

da Redação

Com informações da Folha (SP) / Conteúdo

Metade dos integrantes da comissão especial da Câmara dos Deputados que analisa a reforma da Previdência se opõe à exigência de idade mínima de 65 anos para a aposentadoria, e a maioria discorda de outros pontos cruciais da proposta do presidente Michel Temer.

A idade mínima é um dos eixos do projeto, porque valeria para todos os trabalhadores e acabaria com o sistema que hoje permite aos que se aposentam por tempo de contribuição obter o benefício em média aos 54 anos.

Levantamento da reportagem revela que 18 dos 36 integrantes da comissão especial são contra a idade mínima proposta por Temer.

Sete entre eles defendem idades inferiores a 65 anos.

Fim da troca de benefício ameaça renda de segurados

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 28 fev 2017

Tags:, , ,

da Redação
Com Clayton Castelani do Agora

Quatro meses após o STF (Supremo Tribunal Federal) decidir que não cabe à Justiça conceder a troca de aposentadoria aos aposentados que contribuem para a Previdência Social, milhares de segurados que tinham conseguido a chamada desaposentação convivem com o risco de perder o aumento obtido na renda mensal.

Em todo o país, mais de 180 mil aposentados pediram a desaposentação.

Boa parte deles não teve o processo concluído, pois muitas ações que chegavam à segunda instância tinham o andamento interrompido, à espera de uma decisão definitiva do Supremo –a Corte levou mais de dois anos para analisar o tema.

Confira os novos valores das aposentadorias do INSS

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 15 jan 2017

Tags:, ,

Clayton Castelani

do Agora

Os benefícios pagos pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) terão um novo valor a partir deste mês.

Segurados que recebiam o salário mínimo de R$ 880 passarão a ganhar R$ 937. O reajuste é de 6,48%.

Aposentadorias, pensões e auxílios com valor acima do piso terão um aumento de 6,58%. Com o reajuste, o teto dos benefícios passará de R$ 5.189,82 a R$ 5.531,31.

O Agora traz hoje o valor dos novos benefícios para diversas faixas salariais e os descontos do Imposto de Renda, aplicados só nos benefícios maiores

Confira quem receberá os atrasados do INSS em 2017

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 25 dez 2016

Tags:, , ,

Cristiane Gercina
do Agora

Os segurados que ganham ação de revisão ou concessão de aposentadoria, pensão ou auxílio contra o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) têm direito de receber a grana dos atrasados.

Os valores só são liberados quando o processo chega totalmente ao fim, sem possibilidade de recursos. A data em que a bolada cairá na conta dependerá do valor do atrasado e de quando ocorreu a liberação do juiz.

O Agora mostra hoje como saber se terá os atrasados no ano que vem. Para os segurados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, a consulta ao processo é feita no site do TRF 3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região): www.trf3.jus.br

Proposta de deputados livra trabalhador da idade mínima

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 17 dez 2016

Tags:, ,

da Redação
Agora SP / conteúdo

Foto: Ilustração

Deputados do grupo chamado de “centrão”, que faz parte da base do presidente Michel Temer, tentarão livrar trabalhadores que já estão no mercado da idade mínima de 65 anos para as aposentadorias, como está na proposta enviada à Câmara pela equipe do governo.

Na proposta dos deputados, a idade mínima poderia valer só para quem começasse a contribuir com o INSS após a reforma da Previdência.

Para os demais segurados valeria uma regra de transição nos moldes do sistema 85/95, que hoje existe como alternativa ao fator previdenciário.

A alternativa prevê um aumento progressivo do tempo de contribuição e da idade dos trabalhadores para a concessão do benefício e, por isso, é considerada justa para quem já trabalha.

Temer quer idades diferentes

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 09 nov 2016

Tags:, ,

da Redação
Diário do Poder / Conteúdo

Brasília - O presidente interino Michel Temer apresenta as primeiras medidas econômicas para reequilibrar as contas do governo (José Cruz/Agência Brasil)

Brasília – O presidente interino Michel Temer apresenta as primeiras medidas econômicas para reequilibrar as contas do governo (José Cruz/Agência Brasil)

Presidente pediu estudo da Fazenda para reforma da Previdência – Foto: EBC

O presidente Michel Temer solicitou estudos mais detalhados ao Ministério da Fazenda com o objetivo de manter idades diferentes para aposentadoria de homens e mulheres, na reforma da Previdência que deverá ser discutida, em caráter conclusivo, já no início de 2017. A tendência em todo o mundo é igualar as idades à volta dos 65 anos. No Brasil, aposenta-se após 180 meses de contribuição, além de ter de atingir valores mínimos na soma da idade com o tempo de contribuição. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Se depender de Michel Temer, homens e mulheres se aposentarão em idades distintas, ainda que reduzindo a diferença de 5 para 3 anos.

Mulher vive mais que homem, mas essas estatísticas estão proibidas pelo Planalto, nos estudos da reforma da previdência.

Nos EUA, ambos os sexos se aposentam aos 66 anos, mas sobe a 67 anos em 2022. Na Alemanha são 65 agora, mas passa a 67 em 2022.

Estudo da OCDE mostrou que o Brasil dá o maior benefício proporcional na aposentadoria: 85,9% do salário. Nos EUA são 42,3%.

Supremo decide acabar com a troca de aposentadoria

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 27 out 2016

Tags:, ,

da Redação com informações Agora/SP

Clayton Castelani e Luciana Lazarini

aposentadoria-inss-idade-tempo-servicoOs ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) decidiram, por sete votos a quatro, que o aposentado que continua trabalhando não tem o direito de trocar sua aposentadoria por uma nova.

O julgamento concluído ontem havia sido iniciado há dois anos, quando foi suspenso para que a ministra Rosa Weber tivesse mais tempo para estudar o caso.

O resultado do julgamento acaba com as chances dos aposentados conseguirem o aumento do valor do benefício com base nas contribuições previdenciárias pagas após a aposentadoria.

Previdência: pressa para aposentar não é a melhor saída

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 25 set 2016

Tags:, ,

Agência Brasil

650x375_inss-previdencia-social-concursos-destaque-do-dia_1593865
Com a perspectiva de uma reforma da Previdência Social, uma das prioridades do governo do presidente Michel Temer, alguns trabalhadores estão inseguros e buscando informações em postos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Para especialistas consultados pela Agência Brasil, no entanto, a pressa em se aposentar não é a melhor saída e pode até causar prejuízos.

Especialista em Finanças Públicas, o professor José Matias-Pereira, do departamento de Administração da Universidade de Brasília, afirma que os trabalhadores estão certos ao buscar informações sobre as condições das suas aposentadorias no momento em que uma reforma previdenciária é discutida. Mas ele alerta para os riscos de uma decisão irrefletida.

“As pessoas próximas de atingir a época de se aposentar têm de ir ao INSS buscar informações. Isso é uma coisa recomendável, pois, se a reforma acontecer e a pessoa não estiver preparada, pode ser que venha a ficar muito mais tempo na ativa. Agora, as pessoas precisam se conduzir de uma maneira equilibrada, sem açodamento”, aconselha.

Ele destaca, por exemplo, que os trabalhadores que não atingiram as regras da fórmula 85/95, – que permite escapar do fator previdenciário e receber aposentadoria integral – saem no prejuízo ao apressar a saída da ativa. …Leia na íntegra

Pente-fino na aposentadoria por invalidez deve começar em março

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 30 ago 2016

Tags:, , ,

Cristiane Gercina, do Agora

Os aposentados por invalidez que recebem o benefício há mais de dois anos terão um período maior para se preparar para o pente-fino do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

A revisão nas aposentadorias deverá começar só em março, segundo previsão da ANMP (Associação Nacional dos Médicos Peritos).

Antes, a perícia revisional será feita nos auxílios-doença –essa etapa vai durar de meados de setembro até os primeiros 15 dias de março, segundo Francisco Eduardo Cardoso, presidente da associação.

Em março, os aposentados por invalidez de até 59 anos poderão começar a marcar suas perícias.

Eles serão chamados por carta, assim como quem ganha auxílio-doença.

Quem tem 60 anos ou mais e recebe o benefício por invalidez está fora do pente-fino.

Juizado garante troca de benefício sem devolução

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 10 ago 2016

Tags:, , ,

Leda Antunes
do Agora

A Turma Recursal do JEF (Juizado Especial Federal) de São Paulo impediu que uma aposentada tivesse que devolver a grana que recebeu do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) para garantir a troca de aposentadoria.

A mulher se aposentou em 2012 e, em 2014, entrou com o pedido de desaposentação no juizado. Na época, ela recebia R$ 1.242,23. Com a troca, passaria a ganhar R$ 3.289,77, um aumento de 165%.

Hoje, considerando a correção monetária pela inflação do período, a aposentadoria da segurada pode passar de R$ 1.475,01 para R$ 3.906,24 com a troca.

Neste ano, o juizado decidiu favoravelmente à desaposentação, mas a juíza que avaliou o caso determinou que a aposentada devolvesse todos os valores recebidos pelo INSS até então.

INSS fará pente-fino em benefícios

0

Publicado por Herzem Gusmão | Colocado em Brasil | Data: 07 ago 2016

Tags:, ,

Bernardo Caram e Luci Ribeiro)

Beneficiários de aposentadoria por invalidez e auxílio-doença poderão ter seus benefícios cassados se não atenderem ao chamado do governo para que façam perícias médicas de revisão. De acordo com o presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Leonardo de Melo Gadelha, a punição aos faltosos irá da suspensão até o cancelamento definitivo dos pagamentos.

Há um mês, o governo anunciou um pente-fino nos benefícios do INSS. O foco será dado nos aposentados por invalidez que tenham menos de 60 anos e nos afastados por motivo de saúde, especificamente aqueles que recebem os benefícios há mais de dois anos sem que tenha sido feita nenhuma revisão no período. Para o agendamento das perícias médicas, serão feitas notificações por telefone ou carta.

Segundo Gadelha, após duas notificações sem resposta, o benefício será suspenso. “Se depois de seis meses o benefício estiver suspenso e ele não comparecer à perícia, será feito o cancelamento”, afirmou.

Peritos

Na segunda-feira, o INSS vai abrir um prazo de 15 dias para a adesão voluntária dos peritos que querem atuar na força-tarefa montada para as revisões. …Leia na íntegra

Segurado com dez anos de INSS escapa da idade mínima

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Trabalho | Data: 19 jul 2016

Tags:, ,

Clayton Castelani
do Agora

Foto: ilustração (BRG)

segurados-inss

Quem começou a trabalhar há dez ou 20 anos pode escapar da obrigação de atingir uma idade mínima para pedir a aposentadoria do INSS, segundo informações do secretário da Previdência Social, Marcelo Abi-Ramia Caetano, confirmadas por sua assessoria de imprensa.

O governo estuda implantar a idade mínima de 65 anos na aposentadoria de homens e mulheres.

Mas o trabalhador que tem mais de dez anos de pagamentos não deverá conseguir o benefício cumprindo apenas o tempo de contribuição ao INSS exigido hoje, que é de 30 anos, para as mulheres, e de 35 anos, para os homens.

Mudança na aposentadoria deverá sair no ano que vem

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 10 jul 2016

Tags:, ,

Clayton Castelani e FSP

A aprovação da idade mínima de 65 anos para as aposentadorias do INSS dificilmente passará no Congresso antes de abril de 2017, garantem políticos e especialistas em Previdência consultados pelo Agora.

O tempo necessário para a aprovação pode ser um aliado de trabalhadores que estão na reta final para completar as condições mínimas da aposentadoria com o fator previdenciário ou para atingir a regra 85/95, que garante o benefício integral.

“Eu não apostaria em uma mudança rápida, ainda neste ano, não dá tempo”, comenta Adriane Bramante, vice-presidente do IBDP (Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário).

Considerando que a proposta só será apresentada após a votação do impeachment de Dilma no Senado, conforme afirmou o presidente interino, Michel Temer, a aprovação antes do final do primeiro semestre do ano que vem é considerada um cenário otimista. “Depois do impeachment. Não há nem condições para ser antes”, disse o presidente interino.

Fórmula 85/95 de aposentadoria começa a valer a partir de hoje (5); entenda

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Trabalho | Data: 05 nov 2015

Tags:,

por Mateus Novais

RTEmagicC_APOSENTADO228.jpg

Já está valendo as novas regras para a concessão da aposentadoria por tempo de contribuição por meio da fórmula 85/95 Progressiva. Pela Lei 13.183, a partir desta quinta-feira (5), o cálculo levará em consideração o número de pontos alcançados somando a idade e o tempo de contribuição do segurado (confira o gráfico abaixo).

Alcançados os pontos necessários, será possível receber o benefício integral, sem aplicar o fator previdenciário. A progressividade ajusta os pontos necessários para obter a aposentadoria de acordo com a expectativa de sobrevida dos brasileiros.

O ministro do Trabalho e Previdência Social, Miguel Rossetto, afirmou que “o caráter de progressão colabora para a sustentabilidade do sistema previdenciário porque reconhece as mudanças demográficas do país: os brasileiros vivem mais”.

  Mulher Homem
Até 30 de dezembro de 2018 85 95
De 31 de dez/18 a 30 de dez/20 86 96
De 31 de dez/20 a 30 de dez/22 87 97
De 31 de dez/22 a 30 de dez/24 88 98
De 31 de dez/24 a 30 de dez/26 89 99
De 31 de dez/2026 em diante 90 100

 

 

Greve faz segurado esperar até 2016 para se aposentar

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil | Data: 30 ago 2015

Tags:,

banner_shop_05

Agora São Paulo

downloadApós 53 dias de greve dos servidores do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), a maior parte das agências do órgão na capital paulista só agenda pedidos do benefício por tempo de contribuição para 2016.

Das 21 agências consultadas ontem pela reportagem, 18 só aceitavam agendamentos para os dois primeiros meses do próximo ano.

A maior espera era para a unidade do Jardim Campo Grande (zona sul), cuja data mais próxima era 16 de fevereiro.

O prazo legal para a concessão de benefícios previdenciários é até 45 dias.

“Esse prazo não é cumprido, mas, para compensar, o segurado recebe os valores atrasados corrigidos pela inflação, contados a partir da data do agendamento”, diz a advogada Adriane Bramante, vice-presidente do IBDP (Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário).

O segurado terá direito, inclusive, ao 13º.

Dilma veta aumento da aposentadoria com a regra do mínimo

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 30 jul 2015

Tags:, ,

A Tarde

650x375_dilma-rousseff_1545326
A presidente Dilma Rousseff vetou a extensão do modelo de reajuste do salário mínimo para as aposentadorias do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A decisão foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 30.

A Medida Provisória (MP), aprovada no Senado no início do mês, previa que, assim como o salário mínimo, as aposentadorias seriam reajustadas com base na variação do Produto Interno Bruto (PIB) dos dois anos anteriores, além da inflação.

O governo alega que a extensão da regra para aposentados pode comprometer as contas previdenciárias. O ministro da Previdência, Carlos Gabas, estima que a medida geraria um custo extra de R$ 9,2 bilhões.

Durante a votação no Senado, parlamentares governistas tentaram impedir a aprovação da MP, mas a matéria acabou aprovada sem alterar o texto validado na Câmara, o que fez a medida seguir diretamente para sanção da petista, que teve a incumbência de vetar.