Aulas semipresenciais: Educação convoca professores e alunos

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Vit. da Conquista | Data: 21 ago 2021

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

A Secretaria Municipal de Educação convoca para retornarem às aulas semipresenciais, na próxima segunda-feira, dia 23 de agosto, os professores e alunos das turmas de 2º e 5º anos do Ensino Fundamental I e do 9º ano do Ensino Fundamental II, que acontecerão nas seguintes escolas:

Zona Urbana

ESCOLA MUNICIPAL ALAOR COUTINHO

ESCOLA MUNICIPAL BEM QUERER

ESCOLA MUNICIPAL CARLOS SANTANA

ESCOLA MUNICIPAL PROFª CELINA DE ASSIS CORDEIRO

ESCOLA MUNICIPAL FIDELCINA CARVALHO SANTOS

ESCOLA MUNICIPAL FREI SERAFIM DO AMPARO

ESCOLA MUNICIPAL GUIMARÃES PASSOS

ESCOLA MUNICIPAL PROFª HELENA CRISTÁLIA FERREIRA

ESCOLA MUNICIPAL PROFª IZA MEDEIROS

…Leia na íntegra

Aulas semipresenciais têm início em 24 escolas municipais a partir desta segunda

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Vit. da Conquista | Data: 20 ago 2021

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

A Prefeitura de Vitória da Conquista começa, na segunda-feira (23), o retorno às aulas presenciais na Rede Municipal de Ensino, após mais de um ano da suspensão das aulas como medida preventiva ao novo Coronavírus. Voltarão à sala de aula apenas os professores e alunos do 2º, 5º e 9º anos de 24 escolas*, sendo 17 na área urbana e 7 que integram Círculos Escolares Integrados (CEI) na área rural.

“Trabalhamos incessantemente para o início, gradativo, das aulas na modalidade semipresencial em nossa Rede. Todas essas 24 escolas, que iniciam o processo, foram dotadas dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e dos materiais necessários à higienização e passaram por ajustes estruturais para atender a esse novo momento”, explica o secretário municipal de Educação, Edgard Larry.

…Leia na íntegra

Rede estadual: aulas semipresenciais do ensino fundamental são retomadas na Bahia

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Educação, Geral | Data: 09 ago 2021

Tags:,

Foram retomadas nesta segunda-feira (9) na Bahia, as aulas semipresenciais do ensino fundamental da rede estadual em sistema híbrido. Os cerca de 175 mil alunos estavam sem ir para a escola desde 18 de março de 2020, por causa da pandemia da Covid-19.

Assim como está ocorrendo com as aulas do ensino médio, as turmas do ensino fundamental foram divididas em 50%. Metade dos alunos frequenta as instituições na segunda, quarta e sexta, e a outra metade na terça, quinta e sábado. Nos demais dias, os estudantes participam das aulas e atividades remotas.

Além disso, os estudantes receberão kits contendo máscaras de proteção e uma nova camisa da farda. A alimentação também já está sendo reforçada com a oferta de duas refeições por turno letivo.

Aulas semipresenciais do Ensino Fundamental serão iniciadas nesta segunda-feira (9)

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Geral | Data: 07 ago 2021

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado

Após o início das aulas semipresenciais dos estudantes do Ensino Médio da rede estadual de ensino, em 26 de julho, será a vez dos 125.481 estudantes do Ensino Fundamental iniciarem o ensino híbrido, na próxima segunda-feira (9). As unidades escolares que ofertam o Ensino Fundamental de forma compartilhada ou exclusiva em todo a Bahia já estão preparadas com todos os protocolos sanitários recomendados, como termômetros para a aferição da temperatura, disponibilização de pias e álcool 70% para higienização das mãos e distanciamento entre as carteiras, dentre outras medidas de biossegurança.

Assim como está ocorrendo com as aulas do Ensino Médio, as turmas também serão divididas em 50%. Metade dos alunos irá na segunda, quarta e sexta; e a outra metade irá na terça, quinta e sábado. Nos demais dias, os estudantes participam das aulas e atividades remotas. A divisão da turma se dará por letra e as escolas já estão em contato com os estudantes e as famílias para os ajustes que se fizerem necessários.

Aulas semipresenciais: escolas são preparadas para início do ensino híbrido

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Vit. da Conquista | Data: 05 ago 2021

Tags:

Desde o começo da semana, após anúncio da nova data para o início das aulas presenciais, a equipe da Secretaria Municipal de Educação (Smed) tem se dedicado às melhorias nas unidades de ensino que ainda não estavam em condição 100% para receber a comunidade escolar.

Escola Carlos Santana

Na Escola Carlos Santana, os profissionais trabalham na troca e adequação das instalações elétricas. Enquanto isso, na Escola Municipal Zica Pedral, outra equipe está reformando o telhado. Já na Escola Municipal Professora Neuza Vieira Silva, estão sendo instaladas torneiras para higienização das mãos.

Além disso, no quesito Alimentação Escolar, o cardápio que será servido aos alunos já está sendo revisado pela equipe de nutricionistas do Município e as manipuladoras de alimentos seguem em capacitação. Elas estão recebendo as orientações passadas pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Escola Zica Pedral

O transporte escolar, por sua vez, está sendo vistoriado e recebendo a manutenção necessária. Somado a isso, os profissionais das frotas própria e terceirizada estão sendo capacitados quanto aos protocolos sanitários e de segurança, como a higienização periódica dos ônibus e redução do número de passageiros transportados.

SMS e escolas particulares discutem alinhamento de protocolo das aulas semipresenciais com o do Município

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Geral, Vit. da Conquista | Data: 31 jul 2021

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

Representantes das escolas particulares de Vitória da Conquista e a Diretoria de Vigilância em Saúde, vinculada a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), estiveram reunidos em um encontro virtual para tratar sobre a padronização das ações de prevenção e vigilância da Covid-19 no âmbito da rede privada de ensino.

A diretora de Vigilância em Saúde, Ana Maria Ferraz, explicou que o principal assunto da reunião era de alinharem os protocolos de segurança, com o que vem sendo seguido pela rede municipal de ensino. “Esse encontro foi para orientações técnicas em relação à doença, bem como direcionamento de condutas, encaminhamento de possíveis casos ou ocorrências ou suspeição da Covid-19, tanto em relação às salas de aulas, quanto nas salas administrativas”, pontuou.

Com isso, o município avança em mais uma etapa na vigilância da Covid-19 no retorno das aulas semipresenciais e continua dando o suporte a organização das escolas particulares, esclarecendo todas as dúvidas sobre as condutas a serem feitas de forma adequada, dentro das normas sanitárias.

Ensino Médio da rede estadual inicia aulas semipresenciais na segunda-feira (26) e o Ensino Fundamental no dia 9 de agosto

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Educação, Geral | Data: 20 jul 2021

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) publicou, no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (20), a portaria que estabelece orientações gerais e dispõe sobre o retorno híbrido das atividades letivas, na rede estadual de ensino. A portaria institui a segunda fase do ano letivo de forma híbrida, a partir da próxima segunda-feira (26); recomenda a observância de protocolos de biossegurança para o enfrentamento da pandemia da Covid-19; e estabelece a volta para as escolas de forma escalonada.

De acordo com a portaria, neste primeiro momento, no dia 26 de julho, só devem ir para as aulas semipresenciais na escola apenas os alunos do Ensino Médio das diferentes ofertas e modalidades. Para as demais etapas, incluindo o Fundamental nas suas diferentes modalidades e ofertas, o início das aulas sempresenciais será no dia 9 de agosto e, até esta data, esses alunos continuam com as atividades do ensino remoto.

Para todas as situações, a realização das atividades letivas fica condicionada à ocupação máxima de 50% da capacidade de cada sala de aula e à observância aos protocolos sanitários. Cada turma de estudantes será dividida em duas, sendo uma turma formada por alunos cujo nome próprio seja iniciado por letra constante do grupo de letras de “A” a “I” e a outra turma formada por alunos cujo nome próprio seja iniciado por letra constante do grupo de letras de “J” a “Z”. A unidade escolar poderá fazer o ajuste relacionado a esta escala conforme a realidade de cada turma e em função de outro critério que a unidade escolar considere relevante.

A unidade escolar implementará a mesma organização de aulas programadas para as rotinas regulares, de modo que, a cada dia, metade da quantidade de alunos de uma turma participará das atividades de maneira presencial e a outra metade desenvolverá atividades de maneira não presencial, em sistema de alternância diária e com igual carga horária.
Quanto à alternância, ela ocorrerá entre os dias da semana e entre as semanas. Assim, na semana 1, metade da turma irá na segunda, quarta e sexta e a outra metade, terça, quinta e sábado. Na semana 2, os dias serão invertidos e quem foi na segunda, quarta e sexta-feira irá na terça, quinta e sábado, e o contrário. Essa alternância assegura que todos os estudantes tenham aulas presenciais de todos os componentes curriculares.

Caberá a cada Núcleo Territorial de Educação (NTE) validar a escala do retorno híbrido definida por cada unidade escolar, bem como efetuar o devido e respectivo acompanhamento. A escala do retorno híbrido deverá ser rigorosamente efetivada por cada unidade escolar, a fim de que nenhum aluno seja desassistido, respeitando-se o revezamento, sendo de absoluta importância o controle interno da frequência do aluno.

A alternância das atividades é exclusiva dos estudantes. Os professores lecionarão nas turmas e nos horários definidos na programação e não modificarão os citados horários, exceto em função da inclusão dos sábados letivos, quando haverá atividades presenciais e remotas, conforme a escala do retorno híbrido descrita na portaria.

Motoristas da Educação são orientados sobre o transporte escolar durante aulas semipresenciais

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Geral, transporte, Vit. da Conquista | Data: 20 jul 2021

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

Motoristas que atuam na Secretaria Municipal de Educação (Smed) participaram, nesta segunda-feira (19), de uma capacitação para o transporte de alunos e professores durante as aulas semipresenciais. Na ocasião, o coordenador da Vigilância Sanitária, Maico Meres, apresentou os protocolos e a importância em seguir todas as orientações, como a higienização periódica dos ônibus e vans e a redução do número de passageiros transportados.

A psicóloga Marizete França fez orientações sobre a forma de lidar com as emoções durante o período da pandemia. A coordenadora do setor de transporte da Secretaria de Educação, Indira Pitanga, informou que além das capacitações, a secretaria trabalha na aquisição dos equipamentos de proteção individual. Ela destacou ainda que este foi um momento para ouvir os profissionais e esclarecer as dúvidas.

Para os participantes, o treinamento foi positivo. Motorista da Smed há 11 anos, Wepson Fernandes está seguro para retornar com o transporte de alunos e professores. “Estamos vendo aqui a questão do cuidado e higiene e de tudo que será feito. Com certeza vai ser uma volta tranquila para todos”, disse.

Educação municipal acolhe e capacita os servidores para as aulas semipresenciais

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 19 jul 2021

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

Secom/PMVC

Dando sequência às ações preparatórias para o início das aulas semipresenciais na rede municipal a Secretaria de Educação (Smed) iniciou nesta segunda-feira (19) a semana de acolhimento aos profissionais das 24 escolas selecionadas para voltar a funcionar. Ao longo de cinco dias, em encontros realizados no Centro de Aperfeiçoamento Profissional (CAP) da Uesb, auxiliares de higienização, o primeiro grupo a participar da etapa preparatória, motoristas, professores, monitores, vigilantes e equipe gestora das unidades receberão orientações sobre normas de segurança e esclarecerão dúvidas.

“Estamos atentos à proteção, ao estado psicológico e acolhimento desses servidores com o retorno, por isso, essa formação foi pensada, bem como para falar sobre as normas de segurança e os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) que a Smed tem colocado à disposição deles. Além de reforçar, em nome do secretário Edgard Larry, que a secretaria está aberta para eles, atenta e consciente de que o trabalho precisa ser feito de forma conjunta”, explicou o coordenador de Recursos Humanos, Alisson Sá.

Auxiliar de higienização na Escola Municipal Maria Leal, Emiliana de Jesus, aprovou a iniciativa da Smed em realizar a preparação para a equipe de profissionais. Ela disse que o encontrou serviu para tranquiliza-la mais. “É necessário que a gente chegue às escolas com essas orientações, por isso, esse encontro foi muito importante, assim como as informações passadas. E se Deus quiser, ele vai nos dando a graça de permanecermos abertos até normalizar tudo”, destacou Emiliana.

Na última semana, a equipe técnica da Coordenação de Alimentação Escolar começou a capacitação in loco das manipuladoras de alimentos. E nesta terça-feira (20), por meio de plataforma online, será realizado um curso sobre Boas Práticas na Alimentação Escolar.

Aulas semipresenciais: Equipe técnica da Alimentação Escolar capacita manipuladoras de alimentos

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Geral, Vit. da Conquista | Data: 16 jul 2021

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_blog_728x90px_SEVILHA_PEL-1.gif

Secom/PMVC

A equipe de nutricionistas da Coordenação Municipal de Alimentação Escolar iniciou, nesta quinta-feira (15), as visitas às escolas municipais onde será adotado o ensino híbrido (remoto e presencial) a partir de 12 de agosto. O objetivo é capacitar as manipuladoras de alimentos acerca das normas sanitárias definidas pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) quando do retorno às aulas presenciais.

Foram repassadas orientações sobre higiene pessoal, com destaque para a lavagem correta das mãos, uso de equipamentos de proteção individual, como máscaras, higienização dos alimentos e do ambiente de trabalho, principalmente, em relação aos utensílios, equipamentos e bancadas utilizadas, além do distanciamento entre as manipuladoras. Tudo para assegurar um retorno seguro e dentro das normas sanitárias de prevenção.

“Iniciamos essa formação in loco porque entendemos que, além do que trabalhamos com elas nas formações anteriores sobre as boas práticas na manipulação de alimentos, sabemos que existem agora as medidas sanitárias adicionais por conta do Covid-19. É uma estratégia para garantirmos mais segurança, prevenção e que não haja disseminação do vírus no retorno às aulas”, explicou a nutricionista e responsável técnica do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), Thaise Ferraz.

Manipuladora há três anos, Suziene Sousa aprovou a iniciativa que, de acordo com ela, foi importante para esclarecer dúvidas. “As nutricionistas falaram de pontos que já realizávamos antes da pandemia, mas que tínhamos dúvidas de como seria agora. A questão da higiene da bancada, por exemplo, que já fazíamos, agora, vamos redobrar, a dos utensílios, vamos nos adaptar ao que foi estabelecido. Estamos aqui para desempenhar nossas atividades, observando a nossa proteção quanto dos alunos”, disse.

…Leia na íntegra

Aulas semipresenciais começam no dia 26 na rede estadual de ensino

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Educação, Geral | Data: 14 jul 2021

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

O retorno das aulas na rede estadual de ensino, de forma semipresencial, foi confirmado pelo governador Rui Costa, na noite desta terça-feira (13), durante o Papo Correria. No dia 26 de julho, as escolas da rede estadual irão iniciar a segunda fase do planejamento do ano letivo 2020/21, passando do ensino 100% remoto, que começou em 15 de março, para o ensino híbrido.

O governador destacou que serão adotadas medidas de segurança no retorno das aulas. As salas serão ocupadas com metade da capacidade, e a semana letiva passará a ter seis dias, dividida em dois grupos de estudantes. Um grupo terá aula nas segundas, quartas e sextas, enquanto o outro terá nas terças, quintas e sábados. “A ideia é dividir a turma por ordem alfabética, mas vamos dar liberdade para que cada escola possa fazer esse ajuste quantidade de alunos em sala”, afirmou.

Ainda sobre as mudanças na educação, Rui disse que autorizou a ampliação da carga horária de professores de 20 horas para 40 horas semanais. “Vamos também zerar o chamamento do concurso de 2019 e vamos declarar o concurso encerrado. Ainda convocaremos professores no regime REDA para suprir as vagas existentes nas escolas”.

Durante o programa, ele também garantiu a oferta de transporte, alimentação escolar reforçada, internet com wi-fi de qualidade e auxílio presença aos alunos da rede estadual de ensino.

Conquista: portaria conjunta estabelece protocolos para retomada das aulas semipresenciais no município

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 09 jul 2021

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

Foi divulgada no Diário Oficial do Município desta quinta-feira (8), a Portaria Conjunta SMED/SMS nº 19/2021 que estabelece as regras e protocolos de segurança sanitária o para retorno às atividades letivas, de maneira semipresencial, nas unidades de ensino públicas e privadas do município para as etapas de Educação Básica, Educação Profissional, Ensino Superior e afins.

Inicialmente serão convocadas apenas um terço das escolas da rede municipal que estão adequadas aos protocolos de segurança para retorno das aulas, em formato híbrido, e apenas os alunos do 2º, 5º e 9º ano.

O retorno às aulas presenciais será feito de forma escalonada, gradativa e híbrido. Por meio de um planejamento feito pelas secretarias de saúde e educação, foram definidas ações e medidas que possibilitam o retorno às aulas de forma segura, com base nas orientações da Organização Mundial da Saúde e das autoridades sanitárias.

Para garantia da retomada das aulas, todas as equipes das unidades escolares devem passar por formação, a fim de compreenderem sobre as medidas e orientações para monitoramento e controle, além de realizar ampla divulgação sobre o retorno às aulas, os protocolos e medidas de segurança.

Também deverá ser feita a adaptação dos espaços escolares com sinalização dos corredores, demarcações na calçada da escola para a chegada dos alunos, demarcação nos pátios e dentro das salas de aula para garantir o distanciamento de 1,5 metro entre os alunos, professores e demais servidores.

No Anexo I da Portaria Conjunta estão dispostos todos protocolos que devem ser observados atentamente e cumpridos pelas unidades de ensino, principalmente no que se refere a descrição das rotinas como entrada e saída do espaço, sala de aula, uso de máscara, alimentação e transporte escolar.

Smed esclarece sobre início das aulas semipresenciais ao Sinserv

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Vit. da Conquista | Data: 08 jul 2021

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

O secretário de Educação, Edgard Larry, esteve reunido, nesta quarta-feira (7), na Secretaria Municipal de Educação (Smed), com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Vitória da Conquista (Sinserv) para esclarecer à entidade sobre o início das aulas semipresenciais na Rede Municipal de Ensino. O chamado ensino híbrido está marcado para começar, de forma escalonada na Rede, a partir de agosto.

“Estivemos reunidos com o Sinserv para esclarecer que estamos buscando seguir todos os protocolos de modo a proporcionar a maior segurança possível não só aos servidores de interesse direto do Sinserv, mas também da Rede, além dos pais e alunos, quando do retorno das atividades presenciais. Adotamos um planejamento cuidadoso, escalonado e gradativo para este sistema híbrido e é fundamental esse diálogo com as entidades representativas das diversas categorias para falarmos a respeito”, explicou Edgard Larry.

A Smed, entre outras ações, vai iniciar a partir da próxima segunda-feira (12) um trabalho de treinamento, escuta e acolhimento com a comunidade escolar (professores e demais profissionais da Educação, alunos e pais ou responsáveis).

Para o assessor jurídico do Sinserv, Lucas Nunes, foi importante receber esses esclarecimentos da Secretaria. A entidade tem acompanhado de perto todo o processo referente à volta das aulas presenciais. “E por se tratar de um processo, que começou no ano passado com a construção do protocolo, este é um novo passo que está sendo dado, com uma quantidade restrita de escolas e todos os cuidados necessários”, comentou.

Lucas destacou ainda: “a reunião se deu com ampla transparência de todas as medidas que serão adotadas e nós estamos convictos de que os passos serão dados através de muito diálogo”.