Prazo para justificar ausência no 1º turno das eleições 2020 termina hoje

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Justiça, Política | Data: 14 jan 2021

Tags:, , , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

O eleitor que não compareceu às urnas no primeiro turno das eleições municipais de novembro tem até esta quinta-feira (14) para justificar a ausência. Caso o procedimento não seja realizado, será preciso pagar uma multa. Quem não regularizar a situação pode ficar sujeito a restrições. Para o segundo turno, o limite é 28 de janeiro

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recomenda que a justificativa seja feita, preferencialmente, por meio do aplicativo e-Título, disponível para celulares com sistemas operacionais Android ou iOS.

O procedimento pode ser feito também pela internet, em um computador, por meio do Sistema Justifica. Ou ainda de modo presencial, no Cartório Eleitoral. Em todo caso, o eleitor precisará preencher um Requerimento de Justificativa Eleitoral (RJE), descrevendo porque não votou. O TSE pede que seja anexada documentação que comprove a razão da falta. 

Prazo para justificar ausência ao 1º turno termina nesta quinta

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 11 jan 2021

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-natal-antecipado-1-1.gif

Os eleitores que não votaram no primeiro turno das Eleições 2020, realizado no dia 15 de novembro, têm até quinta-feira, 14, para justificar ausência. Caso o procedimento não seja realizado, será preciso pagar uma multa. Quem não regularizar a situação pode ficar sujeito a restrições. Para o segundo turno, o limite é 28 de janeiro.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recomenda que a justificativa seja feita, preferencialmente, por meio do aplicativo e-Título, disponível para celulares com sistemas operacionais Android ou iOS.

O procedimento pode ser feito também pela internet, por meio do Sistema Justifica. Ou ainda de modo presencial, no Cartório Eleitoral. Em qualquer um dos casos, o eleitor precisará preencher um Requerimento de Justificativa Eleitoral (RJE), descrevendo por que não votou. O TSE pede que seja anexada documentação que comprove a razão da falta.

Prazo para mesário justificar ausência ao 2º turno das Eleições 2020 termina hoje

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 07 jan 2021

Tags:, , , , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

Fonte:

Termina nesta quinta-feira (7), o prazo para justificativa dos mesários que faltaram ao segundo turno das Eleições 2020, realizado no dia 29 de novembro, conforme informa o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE).

O mesário que não justificar a ausência poderá pagar multa, que varia de 50% a um salário mínimo. O Código Eleitoral diz ainda que, se o membro da mesa receptora que não compareceu ao pleito for servidor público ou de autarquias, a pena será de suspensão de até 15 dias.

O artigo 124 do Código Eleitoral prevê o prazo de 30 dias para apresentar a justificativa, que deve ser encaminhada ao juiz da zona eleitoral onde o mesário deveria prestar serviço. Quem tiver dúvidas pode acessar do site do TRE onde há o contato das zonas eleitorais da Bahia.

Eleições 2020: prazo para mesário faltoso justificar ausência acaba hoje

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral, Política | Data: 15 dez 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-natal-antecipado-1-1.gif

Termina nesta terça-feira (15), o prazo para que os mesários que faltaram ao trabalho no primeiro turno das eleições municipais apresentem uma justificativa para a ausência. Segundo o calendário eleitoral, os mesários têm um mês para fazer a justificativa após cada turno. Neste ano, o primeiro turno foi realizado no dia 15 de novembro. 

O mesário que não apresentar uma justificativa poderá ser condenado pela justiça eleitoral ao pagamento de multa de até um salário mínimo. A punição para o descumprimento pode ser de suspensão de até 15 dias de trabalho se o mesário foi servidor público ou funcionário de autarquias. 

O prazo para os mesários faltosos no segundo turno realizarem a justificativa termina em 7 de janeiro. 

Eleitor tem 60 dias para justificar ausência em votação

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Polícia | Data: 01 dez 2020

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-natal-antecipado.gif

Fonte

O eleitor que não compareceu às eleições realizadas no último domingo (29) tem até 60 dias para justificar a ausência na Justiça Eleitoral. A justificativa deverá conter a documentação comprobatória da impossibilidade de comparecimento ao pleito.

A requisição pode ser feita por meio do aplicativo de celular e-Título, pelo Sistema Justifica ou por meio do comparecimento a um cartório eleitoral para a entrega do Requerimento de Justificativa Eleitoral (RJE), que pode ser preenchido aqui . O requerimento pode ser enviado pelos correios ao juiz da zona eleitoral na qual o eleitor for inscrito, acompanhado da documentação comprobatória da impossibilidade de comparecimento ao pleito. Veja a relação das zonas eleitorais.

O eleitor que deixou de votar e não justificou a ausência no dia da eleição poderá apresentar justificativa até 14 de janeiro de 2021 (ausência no primeiro turno) e até 28 de janeiro de 2021 (ausência no segundo turno).

O acolhimento ou não da justificativa apresentada ficará a critério do juiz da zona eleitoral em que o eleitor for inscrito. Enquanto não regularizar sua situação com a Justiça Eleitoral, o eleitor não poderá, entre outras coisas, obter passaporte ou carteira de identidade e renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial.

Mais 600 mil eleitores utilizam o e-Título para justificar ausência no segundo turno

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 30 nov 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

Fonte: Brasil 61

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) comunicou que 604.098 eleitores justificaram a ausência no segundo turno das eleições por meio do aplicativo e-Título até as 14h45 deste domingo (29). O TSE informou que a ferramenta até o momento da atualização não apresentou instabilidades. Caso os eleitores tenham dificuldades para utilizar o aplicativo, o tribunal recomenda que a ferramenta seja atualizada.

Nos dias de votação, a justificativa de não comparecimento às seções eleitorais só é feita com o aplicativo ou de forma presencial em qualquer seção eleitoral. O e-Título funciona por meio de GPS e pode ser usado até mesmo por eleitores que estão no exterior. 

Eleitores devem estar atentos às proibições no dia do segundo turno das eleições

Centralização de votos no TSE não fragiliza segurança da votação, dizem especialistas

Quem faltar no dia das eleições têm até 60 dias para justificar a ausência com a utilização do aplicativo, pelo site do TSE ou de forma presencial nos cartórios. 
 

Não conseguiu ir votar? Veja como justificar a sua ausência

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 18 nov 2020

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park_setembro-1.gif

Fonte:A.Brasil

Os eleitores que não puderam votar no primeiro turno das eleições municipais, têm até 60 dias para justificar a ausência junto à Justiça Eleitoral. O procedimento pode ser feito pessoalmente ou pela internet.

Quem preferir fazer pela internet, as opções são o Sistema Justifica, com acesso via página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou o aplicativo e-Título, que pode ser baixado gratuitamente para as plataformas Android e iOS. Por causa do grande número de acessos, a plataforma apresentou instabilidades e muitos eleitores não conseguiram utilizá-la para enviar a justificativa, no último domingo (15).

Os eleitores que não quiserem usar a internet podem preencher o Requerimento de Justificativa Eleitoral (pós-eleição), disponível no site do TSE, e entregar em qualquer zona eleitoral ou enviar pelos Correios ao juiz da zona eleitoral na qual for inscrito.

Não votou? Saiba como justificar a ausência nas urnas nas Eleições 2020

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 16 nov 2020

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park_setembro-1.gif

Fonte: Brasil 61

Quem não votou nesse domingo (15) pode justificar a ausência em até 60 dias após cada turno da eleição, caso o município tenha segundo turno. Segundo informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a justificativa pode ser feita preferencialmente pelo aplicativo no celular e-Título e excepcionalmente pelo formulário de Requerimento de Justificativa Eleitoral (RJE).
 
O aplicativo e-Título permite, além da via digital do título de eleitor e da apresentação de justificativa eleitoral, a emissão de certidão de quitação eleitoral, de certidão de crimes eleitorais, a consulta e emissão de Guia de Recolhimento da União (GRU) para o pagamento de multas por ausências injustificadas às urnas ou aos trabalhos eleitorais, a consulta ao local de votação e a inscrição como mesário voluntário.Já o formulário de Requerimento pode ser obtido gratuitamente na página do TSE, nas unidades de atendimento da Justiça Eleitoral, nas páginas da Justiça Eleitoral na internet e nos locais de votação ou de justificativa, e em outros locais previamente autorizados.
 
Ainda segundo o TSE, o eleitor inscrito no Brasil que se encontrar no exterior na data do pleito pode apresentar justificativa pelo e-Título no dia e no horário da votação. A justificativa pode ser feita ainda em até 60 dias após cada turno ou no período de 30 dias contados da data do retorno ao Brasil, acompanhada de documento que comprove a impossibilidade de votar.

…Leia na íntegra

Audiência de novo aeroporto: População questiona ausência do prefeito e deputados do PT

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 07 jun 2013

Tags:, , ,

da Redação

DSC_0230Discursos de protestos deram o tom da audiência pública que cobrou a licitação do novo aeroporto de Conquista, na noite de hoje (sexta-feira).

Um dos temas levantados foi a ausência do prefeito de Conquista, Guilherme Menezes (PT), que nem enviou representante, além dos deputados José Raimundo Fontes e Waldenor Pereira, também do Partido dos Trabalhadores.

Além disso, vários vereadores que compõem a base de sustentação do gestor também não marcaram presença.

“Eles receberam ordem para não vir. Isso é uma vergonha”, disse o parlamentar Arlindo Rebouças, líder da bancada de oposição no legislativo.