Conquista: consulta Pública para Plano Municipal de Saneamento Básico segue aberta até 5 de junho

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 22 Maio 2020

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Resenha_Vermelho_600x65.gif

Orientar o poder público quanto às ações de saneamento básico necessárias para Vitória da Conquista nos próximos 30 anos. Este é o objetivo do Plano Municipal de Saneamento Básico que está sendo elaborado pela Prefeitura, por meio da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE).

O plano vai abordar como está a realidade de quatro eixos – o sistema de água tratada, o esgotamento sanitário, os resíduos sólidos (lixo) e a drenagem urbana – e apontará quais ações são necessárias para melhorias nestas áreas.

E, por entender que a sua opinião é muito importante para o município, é que você, cidadão, pode opinar sobre o plano. Basta participar da Consulta Pública, que segue aberta até o dia 5 de junho. Acesse e preencha o formulário, disponibilizado pela Prefeitura, com suas sugestões.

Para te auxiliar nessa tarefa, confira neste link os relatórios que apresentam os diagnósticos dos serviços, projetos e ações referentes ao saneamento básico da cidade.

Após o encerramento do período de consulta, a equipe da FIPE vai consolidar as sugestões que considerar pertinentes. Em seguida, será agendada a Audiência Pública.

Prefeitura dá início à consulta pública do Plano Municipal de Saneamento Básico

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 17 abr 2020

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Resenha_Vermelho_600x65.gif

Secom/PMVC (conteúdo)

Após meses de trabalho e discussões com representantes governamentais e segmentos da sociedade civil por meio de encontros e oficinas, o Plano Municipal de Saneamento Básico de Vitória da Conquista segue para uma nova etapa: a consulta pública.

Nessa fase, a população vai opinar sobre o plano e ter acesso aos relatórios que apresentam diagnóstico dos serviços de abastecimento de água potável, resíduos sólidos, esgotamento sanitário e drenagem urbana no município, além das principais ações a serem executadas para melhoria desses serviços.

O secretário municipal de Infraestrutura Urbana, José Antônio Vieira, ressaltou que todas as contribuições serão encaminhadas para a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), entidade responsável pela elaboração do plano. “Essa é uma iniciativa a longo prazo, estamos construindo juntos um direcionamento para projetos e obras de infraestrutura que vão garantir uma cidade muito melhor no futuro”, lembrou o gestor.

A consulta pública segue aberta nos próximos 45 dias. Clique aqui, confira os relatórios e apresente suas opiniões e sugestões.

Conquista: Secretaria de Saúde abre consulta pública para revisão do Plano Municipal de Contingência do Coronavírus

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Saúde, Vit. da Conquista | Data: 02 abr 2020

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

Secom/PMVC

Foi aberta nesta quarta-feira (01) pela Secretaria Municipal de Saúde, a consulta pública para revisão do Plano Municipal de Contingência para Enfrentamento da Infecção Humana pelo novo coronavírus, no município de Vitória da Conquista. Dessa forma, segmentos como universidades, residências médicas, hospitais e o Conselho Municipal de Saúde podem enviar alterações e sugestões tanto da forma, quanto do conteúdo do documento.

De acordo com o Secretário de Saúde, Alexsandro Nascimento, atualizações são necessárias frente às características da doença, à situação epidemiológica e à realidade do município.

O Plano Municipal de Contingência foi elaborado e concluído no dia 18 de março de 2020 e visa nortear as ações no município, definindo objetivos e metas, seguindo os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde. Por isso, o plano já vem sendo executado por meio das ações de prevenção e controle para o enfrentamento do novo coronavírus (Covid-19) em Vitória da Conquista.

A Secretaria Municipal de Saúde disponibiliza o e-mail coecovidvca@gmail.com para que as sugestões sejam encaminhadas.

Clique aqui para acessar a 1ª edição do Plano de Contingência.

Consulta pública para pesquisa sobre saúde bucal termina nesta sexta

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 17 jan 2020

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

EBC

Prever tendências, necessidades e elaborar políticas públicas para um país requer um amplo trabalho de coleta de dados. Para a saúde bucal não é diferente. A cada dez anos, o governo brasileiro faz um levantamento nacional para identificar os principais problemas dentários, como cáries, má oclusão, doenças periodontais, entre tantos outros.

Este ano, em sua quinta edição, a pesquisa SB Brasil 2020 vai examinar 30 mil pessoas para levantar informações que qualifiquem o planejamento de políticas e programas de promoção, prevenção e assistência em saúde bucal. 

Segundo o Ministério da Saúde, os quatro levantamentos nacionais anteriores, feitos em 1986, 1996, 2003 e 2010, contribuíram para a construção da série histórica e da base de dados do perfil epidemiológico de saúde bucal da população brasileira. 

MEC abrirá consulta pública sobre o novo Enem

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação | Data: 12 jan 2017

Tags:, ,

Da Redação 

No dia 18 de janeiro, o  Ministério da Educação (MEC) vai abrir a consulta pública para o novo modelo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A intenção é adequar o Enem à reforma do ensino médio, que atualmente está em discussão no Congresso Nacional.

De acordo com a Medida Provisória (MP) 746/2016, parte da carga horária do ensino médio é voltada a um aprendizado comum, definido pela Base Nacional Comum Curricular, que ainda está em discussão; e, na outra parte, o estudante poderá escolher entre cinco itinerários formativos: linguagens; matemática; ciências da natureza; ciências humanas; e formação técnica e profissional.

Algumas possíveis mudanças chegaram a ser debatidas, como a possibilidade de o exame não servir para certificar a conclusão do ensino médio e a exclusão dos treineiros – aqueles que fazem as provas só para testar os conhecimentos. Para eles, seria aplicado um simulado nacional, em julho, antes do Enem. Outra possibilidade é que haja modelos diferentes de Enem, mais direcionados para o que os estudantes aprenderam na etapa de ensino.