Conquista teve apenas dois casos e chikungunya no último mês e nenhum de dengue e zika

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 23 ago 2021

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

Desde o dia 1º julho, quando o Centro de Controle de Endemias divulgou último boletim informativo das arboviroses, até esta segunda-feira (23), foram registrados apenas dois novos casos confirmados de chikungunya no município. dengue e zika não apresentaram registros de novas confirmações.

Com a atualização do boletim, o número de casos confirmados de dengue apresentou uma redução de 70 para 68, após uma retificação no Sistema Federal de Informação de Agravos de Notificação (Sinan) de dois casos que haviam sido lançados incorretamente.

De 1º de janeiro até esta segunda-feira (23), foi registrado apenas um caso confirmado de zika e, para chikungunya, 20 casos foram confirmados laboratorialmente. Neste período, foram confirmados o total de 89 ocorrências dessas três doenças.

Das 729 notificações suspeitas de arboviroses registradas em Vitória da Conquista, 560 foram descartados e 61 casos ainda aguardam por resultados laboratoriais – 35 com suspeita de chikungunya, 22 de dengue e quatro de zika.

“Em 2020, nessa mesma semana epidemiológica, nós tínhamos o registro de 3.203 casos confirmados de dengue, 32 de zika e 47 de chikungunya, números todos os elevados. Dengue com mais de três mil casos a mais, chikungunya mais que o dobro e zika 31 vezes mais das ocorrências que temos hoje. Esse tem sido um ano mais tranquilo em relação às notificações, mas a população não deve se descuidar em momento nenhum”, destacou Eliezer Almeida, coordenador de Endemias.

Evite qualquer foco de água parada para que o mosquito não encontre condições para se reproduzir e, em caso de sintomas, procure imediatamente a unidade de saúde mais próxima de casa para receber atendimento médico. Para fazer uma denúncia ou solicitar a visita dos agentes de endemias, entre em contato com o Centro de Controle de Endemias por meio do número: (77) 3429-7421.

Conquista registra redução de casos de dengue, zika e chikungunya

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 09 jul 2021

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_blog_728x90px_SEVILHA_PEL-1.gif

De acordo com o boletim epidemiológico das arboviroses, atualizado pelo Centro de Controle de Endemias, nos seis primeiros meses de 2021 foram registrados 89 casos confirmados da dengue, zika e chikungunya em Vitória da Conquista.

Se comparado ao mesmo período do ano de 2020, em que foram confirmados 1.648 casos dessas doenças, houve uma redução de 94,6% no número de ocorrências no município. Foram 1.619 casos de dengue, 19 de chikungunya e 10 de zika. Já neste ano de 2021, até o dia 1º de julho, 70 pessoas tiveram diagnóstico positivo para dengue, 18 para chikungunya e um de zika.

Até agora, dos 645 casos notificados por suspeita, ainda aguardam por resultado laboratorial 20 pacientes notificados com suspeita de dengue, 24 com suspeita de chikungunya e quatro de zika. Outros 487 casos foram descartados laboratorialmente.

Mesmo com a redução no número de ocorrências e da taxa de infestação, que apresentou 2,2% neste segundo bimestre, a população deve manter os cuidados para a que o mosquito não encontre focos de água parada para a sua reprodução.

Em caso de sintomas, procure imediatamente a unidade de saúde mais próxima de casa para receber atendimento médico. Para fazer uma denúncia ou solicitar a visita dos agentes de endemias, entre em contato com o Centro de Controle de Endemias por meio do número: (77) 3429-7421.

Números da dengue caem em Conquista, mas os cuidados precisam continuar

0

Publicado por Editor 2 | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 07 maio 2021

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_blog_728x90px_SEVILHA_PEL-1.gif

Os números da dengue registrados nos quatro primeiro meses do ano são bem menores que o mesmo período do ano passado, quando o total de casos confirmados chegou a 212, enquanto este ano foram registrados apenas 33 casos confirmados, uma redução de 84%. No total das três arboviroses, incluindo com zika e chikungunya, em 2020 foram 216 casos e em 2021, somente 50 casos.

Já a quantidade de pessoas com zika e chikungunya aumentou este ano. Em quatro meses, foram registrados seis casos de zika, ante dois do ano passado, e 11 de chikungunya e ante dois casos em 2020, de acordo com o boletim informativo do Centro de Controle de Endemias, da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Ainda aguardam por resultado laboratorial, 85 pacientes notificados com suspeita de dengue e outros 27 pacientes com suspeita de chikungunya. Outros 224 casos foram descartados após análise laboratorial.

…Leia na íntegra

Confira o boletim semanal sobre os casos de Dengue, Zika e Chikungunya no município

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 06 abr 2021

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

Secom/PMVC

O Centro de Controle de Endemias divulgou a atualização do Boletim informativo das notificações de Dengue, Zika e Chikungunya em Vitória da Conquista, do período de janeiro a 5 de abril – referente à 13ª semana epidemiológica.

Na última semana, foram registradas 18 novas notificações, totalizando 288 ocorrências de casos suspeitos de arboviroses neste ano. Desses casos, 21 foram confirmados laboratorialmente para Dengue e sete para Chikungunya. Outros 84 pacientes notificados com suspeita seguem aguardando resultado laboratorial.

O setor de Endemias reforça que cada morador do município deve continuar vigilante para evitar qualquer tipo de água parada que favoreça a reprodução do mosquito. Em caso de sintomas característicos de uma dessas doenças, procure a unidade de saúde mais próxima para receber atendimento. Denúncias ou solicitação da visita dos agentes de endemias podem ser feitas pelo número (77) 3429-7421.

Boletim informativo: 16 casos de dengue e seis de Chikungunya confirmados em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 30 mar 2021

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-redes-sociais-ano-novo.gif

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou nesta terça-feira (30) o boletim informativo das arboviroses (Dengue, Zika e Chikungunya) em Vitória da Conquista. Os dados são da 12ª semana epidemiológica de 2021, que compreende o período de 1º de janeiro a 26 de março.

Até o momento, o Centro de Controle de Endemias registrou 270 notificações de casos suspeitos dessas três doenças, sendo que 154 delas foram descartadas laboratorialmente. Foram confirmados 16 casos de dengue e seis de Chikungunya. Além disso, 83 casos ainda aguardam resultado laboratorial.

Mesmo com a redução no número de ocorrências, a população deve continuar vigilante para evitar o acúmulo de água parada em pratinhos de plantas ou qualquer outro recipiente; vedar adequadamente reservatórios de água; limpar a caixa coletora de água atrás da geladeira, além de evitar o descarte de lixo em locais e horários incorretos. Denúncias ou solicitação da visita dos agentes de endemias podem ser feitas pelo número (77) 3429-7421.

Centro de Controle de Endemias faz balanço das ações de combate à dengue no município em 2020

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 13 jan 2021

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

Secom/PMVC

No ano de 2020, a equipe do Centro de Controle de Endemias encontrou muitos desafios no trabalho de combate à proliferação do mosquito da dengue, principalmente em função da pandemia da Covid-19, que limitou e continua limitando os acessos dos agentes às residências. Contudo, houve intensificação nas ações de campo, em locais como terrenos baldios e imóveis que possuíam acesso pela lateral, além do trabalho feito de porta em porta com os moradores, deixando uma mensagem de alerta e cuidado.

Em 2020 foram inspecionados mais de 122 mil imóveis, e feitas quase seis mil visitas aos pontos estratégicos do município, como ferros velhos, empresas de transporte de cargas, borracharias e afins. Além disso, foram recolhidos mais de 192 toneladas de pneus – a maior quantidade já recolhida no município.

Outro importante aliado nessa luta foi o fumacê, que realizou a pulverização de inseticida a Ultra Baixo Volume (UBV) em 26 localidades da zona urbana e rural, atendendo 72.522 mil imóveis. Em outras 46 localidades, foi realizado bloqueio com UVB portátil, por meio de um equipamento acoplado nas costas dos agentes, que atendeu mais de 15 mil residências. Isso colaborou para que o número de ocorrências de casos das arboviroses não fosse ainda maior no município.

…Leia na íntegra

Confira o boletim semanal sobre os casos de Dengue, Zika e Chikungunya no município

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 22 dez 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

Secom/PMVC

Nesta segunda-feira (21), o Centro de Controle de Endemias atualizou os dados do boletim informativo das arboviroses (Dengue, Zika e Chikungunya) até 51ª semana epidemiológica, referente ao período de janeiro a 18 de dezembro de 2020.

Na última semana não foi confirmado nenhum novo resultado laboratorial positivo, mantendo-se 4.192 casos confirmados da dengue no município. Outros 2.302 casos foram descartados, 230 inconclusivos e 108 ainda seguem aguardando por resultado laboratorial.

Dos 1.034 casos suspeitos notificados, 48 foram confirmados para laboratorialmente. Outros 240 foram descartados e 725 casos apresentaram resultado inconclusivo. Ainda há 21 pessoas que esperam pelo resultado laboratorial.

CHIKUNGUNYA – 875 pessoas fizeram notificação por suspeita, sendo que 75 delas tiveram diagnóstico laboratorial positivo, 429 apresentaram resultado descartado para Chikungunya e 371 seguem aguardando resultado laboratorial.

Os bairros que apresentaram maiores números de ocorrências dessas arboviroses foram: Cruzeiro, Patagônia, Brasil, Alto Maron, Centro, Vila América, Alto da Boa Vista e Ibirapuera.

…Leia na íntegra

Confira o boletim semanal sobre os casos de Dengue, Zika e Chikungunya no município

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Saúde, Vit. da Conquista | Data: 15 dez 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-natal-antecipado-1-1.gif

Foi divulgado nesta terça-feira (15) a atualização do boletim informativo das arboviroses (Dengue, Zika e Chikungunya) em Conquista. Os dados são da 50ª semana epidemiológica, que compreende o período de janeiro a 11 de dezembro deste ano.

DENGUE – Do total de 6.797 notificações suspeitas registradas, 4.192 casos foram positivos para a doença. Outros 2.275 casos foram descartados, 224 apresentaram resultados inconclusivos para dengue e 104 pacientes ainda aguardam por resultado laboratorial. Nesse período, foram confirmados dois óbitos de pacientes por dengue grave hemorrágica.

ZIKA – Foram notificados 1.034 casos suspeitos, sendo que 48 deles tiveram diagnóstico laboratorial positivo para a doença. 240 foram descartados e 725 casos apresentaram resultado inconclusivo. Ainda há 21 pessoas que esperam pelo resultado laboratorial.

CHIKUNGUNYA – 872 pessoas fizeram notificação por suspeita, das quais: 74 tiveram diagnóstico laboratorial positivo, 427 apresentaram resultado descartado para Chikungunya e 371 seguem aguardando resultado laboratorial.

Nesse período de chuvas e de altas temperaturas, os cuidados contra o mosquito da dengue devem ser redobrados, pois esse é o cenário ideal para a reprodução. Toda população deve continuar vigilante para evitar o acúmulo de água parada em pratinhos de plantas ou qualquer outro recipiente; vedar adequadamente reservatórios de água; limpar a caixa coletora de água atrás da geladeira, além de evitar o descarte de lixo em locais e horários incorretos.

Caso alguém apresente sintomas característicos de uma dessas doenças, deve procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima para ser notificado e receber atendimento médico. A população também deve fazer denúncias ou solicitar a visita dos agentes de endemias por meio do número (77) 3429-7421.

Dia D de Combate à Dengue acontece na próxima segunda (7)

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 05 dez 2020

Tags:, ,

Secom/PMVC

A luta contra o mosquito da dengue continua! Na próxima segunda-feira, 7 de dezembro, vai acontecer o Dia D de Combate ao Aedes Aegypti na sede do Núcleo Regional de Saúde, de 8h30 às 14h.

O Centro de Controle de Endemias do município, em conjunto com o Núcleo, fará uma exposição de maquetes que simulam situações adequadas e inadequadas em residências que podem evitar ou contribuir para o surgimento de criadouros do mosquito. Além disso, serão dadas orientações de educação em saúde e demonstrar diversas ações realizadas pela Secretaria Municipal de Saúde e parceiros no combate ao mosquito que transmite a Dengue, Zika e Chikungunya.

Na oportunidade, também será feita uma monção de reconhecimento ao trabalho que os Agentes de Controle de Endemias têm desempenhado com muito afinco e dedicação em toda zona urbana e rural. E eles também estarão em campo realizando visitas às residências para avaliar e fazer ações de controle vetorial do mosquito.

Neste ano, por conta da pandemia do Novo Coronavírus, o Dia D de Combate à Dengue está sendo realizado de forma pontual e restrita para evitar o risco de contaminação. O evento será aberto ao público, mas terá limite de entrada para evitar aglomerações no local. É indispensável o uso da máscara.

Confira o boletim semanal sobre os casos de Dengue, Zika e Chikungunya no município

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 02 dez 2020

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-natal-antecipado.gif

Nesta terça-feira (1º), o Centro de Controle de Endemias publicou mais uma atualização do Boletim informativo com dados da Dengue, Zika e Chikungunya em Vitória da Conquista, até a 48º semana epidemiológica – período de janeiro a 27 de novembro.

DENGUE – Foram notificados o total de 6.729 casos suspeitos, sendo que 4.067 deles apresentaram resultados positivos para a doença. Outros 2.138 casos foram descartados, 438 apresentaram resultados inconclusivos para dengue e 84 pacientes ainda aguardam por resultado laboratorial. Nesse período, foram confirmados dois óbitos de pacientes por dengue grave hemorrágica.

ZIKA – 1.025 casos suspeitos da doença foram notificados. 48 deles tiveram diagnóstico laboratorial positivo para a doença e 239 foram descartadas. Outros 712 casos apresentaram resultado inconclusivo e 26 pacientes notificados esperam pelo resultado laboratorial.

CHIKUNGUNYA – 863 pessoas foram notificadas com suspeita da doença em Conquista. 75 delas tiveram diagnóstico positivo e 423 tiveram resultado descartado para Chikungunya. 365 pacientes seguem aguardando resultado laboratorial.

As ações de prevenção contra o mosquito da dengue devem continuar. É preciso evitar água parada em pratinhos de plantas ou qualquer outro recipiente; vedar adequadamente reservatórios de água; limpar a caixa coletora de água atrás da geladeira, além de evitar o descarte de lixo em locais e horários incorretos.

Caso alguém apresente sintomas característicos de uma dessas doenças, deve procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima para ser notificado e receber atendimento médico. A população também deve fazer denúncias ou solicitar a visita dos agentes de endemias por meio do número (77) 3429-7421.

Secretaria de Saúde de Vitória da Conquista atualiza dados da dengue, zika e chikungunya

0

Publicado por Editor 2 | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 23 nov 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou, nesta segunda-feira (23), mais uma atualização do Boletim informativo com dados da Dengue, Zika e Chikungunya em Vitória da Conquista. As informações são de janeiro a 20 de novembro – período até a 47º semana epidemiológica.

De acordo com dados, foram notificados o total de 6.692 casos suspeitos de dengue. Destes, 4.017 apresentaram resultados positivos para a doença. Outros 2.110 casos foram descartados, 496 apresentaram resultados inconclusivos e 67 pacientes ainda aguardam por resultado laboratorial. Desde o início do ano, foram confirmados dois óbitos causados pela dengue.

Para a Zika, foram confirmados 48 casos, do total de 1.025 notificações. Neste período, 239 foram descartadas e 26 esperam resultados. Já os casos de Chikungunya atingiram o número de 853 notificações, com 72 confirmados, 360 aguardando resultados e 421 descartados.

…Leia na íntegra

Boa notícia! Índice de infestação do mosquito da dengue despenca para 1% em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor 2 | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 13 nov 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

A infestação do mosquito aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, caiu em Vitória da Conquista para os menores índices dos últimos anos. Segundo dados da coordenação de endemias do município, o índice de infestação que chegou a 6% em meados de 2020, agora está em 1%, número que é o tolerado pelo Ministério da Saúde, mas o trabalho dos agentes de endemias continua para que esse número diminua ainda mais.

Para se ter uma noção do quanto essa queda é importante, o bairro Santa Terezinha era um dos que possuía o maior índice de infestação, chegou a 20%, atualmente está em 6%, uma redução bastante significativa.

A intenção é que esses dados continuem diminuindo cada vez mais, por isso o trabalho da coordenação de endemias, juntamente com a equipe de agentes não para. Mas é preciso a colaboração de toda a população, descartando lixo corretamente, ficando atenta a limpeza do seu quintal e terrenos, ainda mais neste período chuvoso, onde qualquer recipiente, por menor que seja, pode acumular água e tornar-se um criadouro do mosquito.

Secretaria Municipal de Saúde divulga novo boletim da dengue, zika e chikungunya

0

Publicado por Editor 2 | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 10 nov 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park_setembro-1.gif

Nesta terça-feira (10), o Centro de Controle de Endemias, ligado à Secretaria Municipal de Saúde, divulgou a atualização do boletim informativo das Arboviroses (Dengue, Zika e Chikungunya). Em Vitória da Conquista foram registradas o total de 8.456 notificações suspeitas dessas doenças no período de janeiro a 6 de novembro – dados referentes a 45ª semana epidemiológica.

Dos casos notificados, 3.916 apresentaram resultados positivos para a Dengue, 47 para a Zika e 70 para Chikungunya. De janeiro a 6 de novembro, foram confirmados dois óbitos por dengue. Neste mesmo período, nenhum conquistense faleceu vítima de Zika ou Chikungunya.

Aguardam resultado 459 casos. Destes, 84 são de Dengue, 11 de Zika e 364 de Chikungunya.

…Leia na íntegra

Novo levantamento aponta queda de infestação do mosquito da dengue para 1,2% em Conquista

0

Publicado por Editor 2 | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 26 out 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park_setembro-1.gif

Foi divulgado nesta segunda-feira (26) mais uma atualização do Boletim informativo com dados da Dengue, Zika e Chikungunya no município, até a 43ª semana epidemiológica, de janeiro a 23 de outubro.

De acordo com a coordenação do Centro de Controle de Endemias, o boletim desta semana apresenta uma redução de casos confirmados de dengue após uma revisão do sistema de notificações, em que a equipe constatou casos com duplicidade de registro e fez a correção dos dados.

Além disso, O Centro de Controle de Endemias divulgou o resultado do segundo LIRAa (Levantamento do Índice Rápido de Infestação por Aedes Aegypti) do ano de 2020, feito no fim do mês de setembro, que aponta uma queda significativa do índice de infestação predial, que foi reduzido para 1,2%, se comparado ao primeiro levantamento feito no mês de fevereiro deste ano, em que o índice era de 6,6%.

…Leia na íntegra

Confira o boletim semanal sobre os casos de Dengue, Zika e Chikungunya no município

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 20 out 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park_setembro-1.gif

Secom/PMVC

Nesta terça-feira (20), foi divulgada, pelo Centro de Controle de Endemias, a atualização do boletim informativo das Arboviroses (Dengue, Zika e Chikungunya) em Conquista, que já registrou o total de 8.294 notificações suspeitas dessas doenças no período de janeiro a 16 de outubro – dados referentes a 42ª semana epidemiológica.

As ocorrências continuam reduzindo em todo município. De acordo com o Centro de Controle, somente neste mês de outubro foram registradas 14 notificações de suspeita de Dengue, com seis casos confirmados. Além disso, não houve nenhuma notificação de Zika e, consequentemente, nenhum caso confirmado dessa doença, e apenas uma notificação para Chikungunya e um caso confirmado.

DENGUE – Já foram notificados 6.493 casos suspeitos. Sem nenhum novo caso confirmado, manteve-se o número 3.928 casos positivos. Outros 1.774 casos foram descartados, 658 apresentaram resultados inconclusivos em relação à doença e 131 pacientes ainda aguardam por resultado laboratorial.

ZIKA – Sem novos registrados de casos suspeitos, o número de notificações permaneceu em 991, sendo que 46 delas tiveram diagnóstico laboratorial positivo para a doença e 224 foram descartadas. Outros 710 casos apresentaram resultado inconclusivo para Zika e 11 pacientes notificados esperam pelo resultado laboratorial.

CHIKUNGUNYA – Foram notificadas 810 pessoas com suspeita da doença em Conquista. 63 delas tiveram diagnóstico positivo e 747 pacientes ainda seguem aguardando resultado laboratorial.

De acordo com o Centro de Controle de Endemias, os bairros que registraram o maior número de casos confirmados de arboviroses desde o mês de janeiro foram: Cruzeiro (355), Patagônia (219), Alto Maron (217), Brasil (211), Centro (183) e Vila América (169).

Pequenas ações diárias devem continuar sendo feita por todos em casa para evitar que a reprodução do mosquito volte a crescer, como: evitar água parada em pratinhos de plantas ou qualquer outro recipiente; vedar adequadamente reservatórios de água; limpar a caixa coletora de água atrás da geladeira, além de evitar o descarte de lixo em locais e horários incorretos.

Caso alguém apresente sintomas característicos de uma dessas doenças, deve procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima para ser notificado e receber atendimento médico. A população também deve fazer denúncias ou solicitar a visita dos agentes de endemias por meio do número (77) 3429-7421.

Não foi registrado nenhum caso confirmado de dengue na última semana em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 13 out 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

O Centro de Controle de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde divulgou nesta terça-feira (13), a atualização semanal do boletim informativo com os dados da Dengue, Zika e Chikungunya no município. As informações são da 41ª semana epidemiológica, que corresponde do início do mês de janeiro a 9 de outubro de 2020.

DENGUE– Já foram notificados 6.478 casos suspeitos. Na última semana, não houve nenhum novo caso confirmado de dengue no município e manteve-se o número 3.928 casos positivos. Outros 1.751 casos foram descartados, 640 apresentaram resultados inconclusivos em relação à doença e 157 pacientes ainda aguardam por resultado laboratorial.

ZIKA– Não houve registros de novas de notificações suspeitas da doença nos últimos sete dias, mantendo-se, portanto, 991 notificações de zika, sendo que 46 delas tiveram diagnóstico laboratorial positivo para a doença e 224 foram descartadas. Outros 710 casos apresentaram resultado inconclusivo para Zika e 11 pacientes notificados esperam pelo resultado laboratorial.

CHIKUNGUNYA – Até o momento, 806 pessoas foram notificadas com suspeita da doença em Conquista. 62 delas tiveram diagnóstico positivo e 744 pacientes ainda seguem aguardando resultado laboratorial.

Mesmo com a redução dos números de ocorrências de casos semana após semana, a população não deve diminuir os cuidados para que o encontre condições para se reproduzir. Por isso, é essencial evitar água parada em pratinhos de plantas ou qualquer outro recipiente; vedar adequadamente reservatórios de água; limpar a caixa coletora de água atrás da geladeira, além de evitar o descarte de lixo em locais e horários incorretos.

Caso alguém apresente sintomas característicos de uma dessas doenças, deve procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima para ser notificado e receber atendimento médico. A população também deve fazer denúncias ou solicitar a visita dos agentes de endemias por meio do número(77) 3429-7421.

Confira o boletim semanal sobre os casos de Dengue, Zika e Chikungunya no município

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 06 out 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é image-2.png

Foi divulgado nesta segunda-feira (5), pelo Centro de Controle de Endemias, a atualização semanal do boletim informativo com os dados da Dengue, Zika e Chikungunya no município até a 40ª semana epidemiológica, que vai de janeiro a 2 de outubro de 2020.

DENGUE – Nesse período foram notificados em Conquista 6.463 casos suspeitos. Na última semana apenas um novo caso da doença foi confirmado, totalizando 3.928 casos positivos. Outros 1.734 casos foram descartados, 626 apresentaram resultados inconclusivos em relação à doença e 173 pacientes ainda aguardam por resultado laboratorial.

ZIKA – Das 991 notificações de casos suspeitos registrados até o momento, 46 delas tiveram diagnóstico laboratorial positivo para a doença, 224 descartados e 703 apresentaram resultado inconclusivo para Zika. Outros 18 pacientes notificados esperam pelo resultado laboratorial.

CHIKUNGUNYA – 791 pessoas foram notificadas com suspeita da doença. Até o momento, 60 delas tiveram diagnóstico positivo e outros 731 pacientes ainda seguem aguardando resultado laboratorial.

De acordo com o Centro de Controle de Endemias, os bairros que registraram o maior número de casos confirmados de arboviroses até este período foram: Cruzeiro (356), Patagônia (219), Alto Maron (214), Brasil (210) e Centro (183).

Desde o mês de junho, as notificações vêm diminuindo gradativamente, mas os cuidados devem continuar para que a situação permaneça nesse ritmo. Por isso, é essencial evitar água parada em pratinhos de plantas ou qualquer outro recipiente; vedar adequadamente reservatórios de água; limpar a caixa coletora de água atrás da geladeira, além de evitar o descarte de lixo em locais e horários incorretos.

Caso alguém apresente sintomas característicos de uma dessas doenças, deve procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima para ser notificado e receber atendimento médico. A população também deve fazer denúncias ou solicitar a visita dos agentes de endemias por meio do número (77) 3429-7421.

Confira o boletim semanal sobre os casos de Dengue, Zika e Chikungunya no município

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 28 set 2020

Tags:, , , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é DIS_728x90px-SEMANA-NACIONAL-DE-TRA%CC%82NSITO-1.gif

Na última semana foram confirmados laboratorialmente apenas três casos de dengue no município, de acordo com a atualização do boletim semanal, divulgado pelo Centro de Controle de Endemias, da 39ª semana epidemiológica, que vai de janeiro a 25 de setembro deste ano.

DENGUE – Dos 6.423 casos suspeitos notificados no município, 3.927 foram confirmados e 1.728 descartados. Além disso, 612 casos apresentaram resultados inconclusivos em relação à doença e 154 pacientes ainda aguardam por resultado laboratorial. Nesse período, foram registrados dois falecimentos de pacientes por dengue grave hemorrágica.

ZIKA – Com 979 notificações suspeitas, manteve-se o número de 35 casos com diagnóstico laboratorial positivo para a doença, 178 descartados e 724 com resultado inconclusivo para Zika. Outros 42 pacientes notificados esperam pelo resultado laboratorial.

CHIKUNGUNYA – Foram notificados 783 casos suspeitos da doença. Com dois novos resultados confirmados na última semana, são contabilizados 59 casos positivo para Zika e outros 724 pacientes ainda seguem aguardando resultado laboratorial.

Mesmo com a redução dos números de notificações dos casos de arboviroses nos últimos meses em Conquista, os cuidados não devem ser deixados de lado. É importante que cada morador mantenha as ações de limpeza diariamente, como: evitar água parada em pratinhos de plantas ou qualquer outro recipiente, vedar adequadamente reservatórios de água, limpar a caixa coletora de água atrás da geladeira, além de evitar o descarte de lixo em locais e horários incorretos.

Caso alguém apresente sintomas característicos de uma dessas doenças, deve procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima para ser notificado e receber atendimento médico. A população também deve fazer denúncias ou solicitar a visita dos agentes de endemias por meio do número (77) 3429-7421.

Confira o boletim semanal sobre os casos de Dengue, Zika e Chikungunya no município

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 21 set 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é image-2.png

Nesta segunda-feira (21), o Centro de Controle de Endemias divulgou o boletim informativo semanal com a atualização dos dados de notificação de casos Dengue, Zika e Chikungunya em Conquista até a 38ª semana epidemiológica – período de janeiro a 18 de setembro de 2020.

Desde o mês de junho os números de notificações das arboviroses vem diminuindo de forma gradativa e, neste mês de setembro, a coordenação de Endemias informou que foram feitas 35 notificações de casos suspeitos de dengue, um de Zika e seis de Chikungunya, sendo que, dessas notificações, apenas dois casos de dengue foram confirmados.

DENGUE – Foram notificados 6.377 casos suspeitos, sendo 3.924 confirmados, 1.716 descartados laboratorialmente e 587 casos com resultados inconclusivos em relação à doença. Ainda aguardam resultado laboratorial 148 pacientes notificados e duas pacientes do município foram a óbito por dengue grave hemorrágica.

ZIKA – Com 979 notificações de suspeita, 35 pessoas tiveram diagnóstico laboratorial positivo para a doença, 178 descartados e 724 apresentaram resultado inconclusivo para Zika. Outros 42 pacientes notificados esperam pelo resultado laboratorial.

CHIKUNGUNYA – Nesse período, 777 pessoas foram notificadas com suspeita da doença. Desse total, 57 pessoas receberam resultado positivo para Zika e outras 720 ainda seguem aguardando resultado laboratorial.

Todos as pequenas ações diárias devem continuar sendo feitas de forma rotineira para evitar criadouros do mosquito, como: evitar água parada em pratinhos de plantas ou qualquer outro recipiente, vedar adequadamente reservatórios de água, limpar a caixa coletora de água atrás da geladeira, além de evitar o descarte de lixo em locais e horários incorretos.

Caso alguém apresente sintomas característicos de uma dessas doenças, deve procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima para ser notificado e receber atendimento médico. A população também deve fazer denúncias ou solicitar a visita dos agentes de endemias por meio do número (77) 3429-7421.

Ministério da Saúde notifica 924.238 casos prováveis de dengue em 2020

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 17 set 2020

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Resenha_Vermelho_600x65.gif

Fonte: Brasil 61

A crise sanitária causada pela pandemia voltou a atenção da população para os cuidados preventivos contra a Covid-19. Outra conhecida doença, no entanto, vem apresentando números altos em 2020. Entre 29 de dezembro do ano passado e agosto deste ano, o Ministério da Saúde registrou 924.238 casos prováveis de dengue em todo o país, com taxa de incidência de 439,8 diagnósticos por 100 mil habitantes. 

Entre as regiões do Brasil, Centro-Oeste apresentou a maior taxa com 1.159 diagnósticos por 100 mil habitantes, seguida das regiões Sul (929,2 casos/100 mil habitantes); Sudeste (339,1 casos/100 mil habitantes); Nordeste (240,7 casos/100 mil habitantes) e Norte (106,7 casos/100 mil habitantes). No cenário entre os estados, Acre, Bahia, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás e Distrito Federal tiveram incidências acima da apresentada no país como um todo. 

No sul do Brasil, o Paraná também esteve acima da média nacional. O estado teve 227.724 casos confirmados até julho deste ano, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. A chefe da Divisão de Doenças Transmitidas por Vetores da pasta, Emanuelle Pouzato, destaca que a maior parte dos criadouros identificados no estado estava dentro dos domicílios e chama atenção para a importância dos cuidados dentro de casa. 

…Leia na íntegra