Assistência Farmacêutica esclarece sobre o desabastecimento de insulina nas Farmácias da Família

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 27 jan 2021

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-redes-sociais-ano-novo.gif

Secom/PMVC

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Assistência Farmacêutica, informa que, neste momento, as Farmácias da Família do município estão, temporariamente, sem estoque de insulina, devido ao desabastecimento por parte do Governo do Estado e Ministério da Saúde.

As insulinas, tanto a NPH quanto a regular, são adquiridas pelo Ministério que faz a distribuição aos estados que, por sua vez, distribuem aos municípios. O pedido tem sido realizado mensalmente, desde o mês de novembro, mas o município ainda não recebeu o quantitativo de insulina para atender toda a demanda.

Mesmo com o pedido autorizado, não foi recebido nenhum frasco nos meses de novembro e dezembro de 2020. Em 14 de dezembro o Estado recebeu um lote do Ministério da Saúde, porém só foi destinado e entregue ao município, no dia 5 de janeiro de 2021, apenas 1000 frascos, ainda do pedido de dezembro, para atender a uma demanda de 1.600 pacientes que usam regularmente o medicamento e fazem a retirada nas Farmácias da Família.

Foi informado ainda, neste mês de janeiro, que o Ministério da Saúde enviou mais um lote de frascos ao Estado que não encaminhou para região Sudoeste, com a justificativa de que houve um corte no quantitativo de doses feito pelo Ministério. Além disso, teriam problemas logísticos na distribuição e demandas reprimidas, já que a oferta de insulina enviada pelo Ministério não tem sido suficiente para atender mensalmente todas as regionais.

A Secretaria de Saúde segue aguardando que sejam encaminhados ao município os frascos de insulinas já solicitados para o mês de fevereiro, a fim de que o fornecimento seja regularizado aos pacientes o mais rápido possível.

Novo problema técnico provoca deesabastecimento na Zona Rural de Conquista e Barra do Choça

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 29 abr 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: imagem ilustrativa

AguaProblemas técnicos voltaram a provocar o desabastecimento de água na zona rural de Vitória da Conquista. Desta vez, a adutora que conduz água bruta da barragem de Serra Preta até a estação de tratamento de água de Barra do Choça quebrou e está deixando, também, o município vizinho sem água.

Segundo a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), o incidente ocorreu no início da noite desta terça-feira (28). Devido a isso, o sistema de abastecimento para as localidades de José Gonçalves, São Sebastião, São Domingos e Itaipu, em Vitória da Conquista, “está operando com capacidade inferior ao usual, resultando na redução da oferta de água para a população”, diz a empresa.

A Embasa recomenda que os moradores mantenham a economia de água, consumindo de forma racional a água armazenada nos reservatórios domiciliares. O fornecimento de água deverá ser restabelecido gradativamente após a conclusão do serviço, previsto para o início da tarde desta quarta (29).

Sem água nas torneiras, conquistenses são obrigados a comprar água

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 29 mar 2015

Tags:, , ,

Da Redação

caminhão pipa abastecendo casaHá pelo menos duas semanas vários bairros de Vitória da Conquista estão sendo obrigados a conviver com o abastecimento irregular de água que é de responsabilidade da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). Moradores de bairros periféricos e outros considerados de área nobre informam que a água chega a cair, mas de intensidade bem fraca e por pouco tempo, mas que geralmente não está caindo nenhuma gota.

Sem outra alternativa quem tem condições, está apelando para a compra de água comercializada pelos caminhões-pipa. Ao longo das últimas semanas a Embasa chegou a informar que problemas ligados à rede elétrica foram as causas dos problemas de desabastecimento e que esses foram solucionados, e que nos próximos dias a água voltaria às casas gradativamente, mas percebe-se que vários dias se passaram e essa questão ainda não foi resolvida.

Água escura em São Sebastião não está contaminada, garante Embasa

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 12 mar 2015

Tags:, , , ,


por Mateus Novais
foto: arquivo BRG

aguaA Empresa Baiana de Água e Saneamento (Embasa) informou aos moradores do distrito de São Sebastião que a coloração da água distribuída na comunidade não interfere na sua qualidade. Segundo a empresa a cor está associada “ao desprendimento de partículas aderidas às paredes das tubulações”.

A Embasa garantiu que “alterações pontuais na cor da água estão associadas ao desprendimento de partículas aderidas às paredes das tubulações, devido ao aumento da vazão, sem comprometer a qualidade da água distribuída”. Para evitar que essas partículas sólidas continuem a ser transportadas pela água, e continue provocando a cor escurecida, a empresa aponta que “realizou descargas na rede”.

Sobre o desabastecimento no distrito, a concessionária de água voltou a afirmar que está sendo regularizado, “após a redução de oferta causada por problemas eletromecânicos nos equipamentos de bombeamento da barragem de Serra Preta, decorrentes da intermitência no fornecimento de energia elétrica pela Coelba. Enquanto isso, o abastecimento na localidade será complementado por meio de carros-pipa”.

Moradores da Zona Rural recorrem à água da chuva contra desabastecimento

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 12 mar 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: reprodução G1 Bahia

agua1

Moradores do distrito de São Sebastião, em Vitória da Conquista, têm recorrido à água da chuva para lavar roupas, fazer limpeza dentro de casa e até mesmo cozinhar. Para beber, eles usam apenas água mineral. De acordo com os moradores, a situação é recorrente e as contas de água continuam a chegar. A reportagem é do G1 Bahia.

aguaA pouca água que cai nas casas chega com coloração escura e muita gente prefere não utilizá-la. As donas de casa já acumulam roupa suja há 15 dias. A aposentada Maria do Carmo relatou à publicação que tem comprado água, mesmo pagando as contas da Embasa. “A gente comprando água, pagando água da Embasa e comprando água. Quando chove mesmo a gente apara aqui nos baldes para poder fazer limpeza”, revelou a aposentada. “Você paga R$ 30, R$ 40 na conta de água, sem utilizar”, completa outra moradora, Maria Cristina.

Outros moradores buscaram alternativas, como poços artesianos. Esse é o caso da decoradora Ana Analha Prado, que tem uma bomba que joga água para o reservatório. A decoradora diz que raramente usa água da Embasa. “Não vale a pena porque tem hora que quando cai, preta igual um carvão, então não vale a pena”, contou.

Chuva causa falta d’água em Vitória da Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 17 nov 2014

Tags:, , ,


por Mateus Novais
fotos:  Roberto Silva

DSC_1449

A falta de chuva ao longo do ano preocupou muita gente que acreditava na volta do racionamento de água em Vitória da Conquista. Com a chegada das águas de novembro, os conquistenses olharam para o céu e correram para conferir a previsão também para Barra do Choça. E as notícias eram boas.

Segundo os medidores da barragem Água Fria 1, a mesma chuva que caiu em Conquista atingiu o reservatório que abastece a capital do Sudoeste. E os institutos de meteorologia mostravam que a previsão era de mais chuva. Felicidade geral! Teve quem desse como certo o fim do desabastecimento. Correto? Nem tanto.

DSC_1450Nesta segunda-feira (17), vem a Embasa e joga toda a felicidade no chão. Segundo a Empresa Baiana de Águas e Saneamento, “as chuvas registradas na região das barragens, afetou o fornecimento de energia elétrica e comprometeu o funcionamento do sistema de captação de água bruta (foto ao lado) na barragem de Água Fria I. Por conta disso, o abastecimento em Vitória da Conquista encontra-se temporariamente reduzido.”

Ainda segundo a Embasa “a concessionária responsável pelo fornecimento de energia elétrica foi acionada e iniciou os trabalhos de correção do problema na manhã de hoje. Enquanto isso, a Embasa recomenda à população que mantenha a economia, consumindo de forma racional”.

E novamente a população deve se perguntar: o que tem que ser feito para ter água na torneira? Quem vê a água caindo do céu entende o recado de São Pedro. O problema não é com ele.