Exumação no Cemitério do Kadija é necessária e tem amparo na lei municipal

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 21 jun 2017

Tags:, ,

da Redação

A solução encontrada pela Secretaria de Serviços Públicos para resolver a situação da superlotação do Cemitério do Kadija  será a exumação dos cadáveres sepultados. A decisão do Governo Municipal tem amparo legal no Código de Posturas do município.

Essas primeiras exumações de cadáveres permitirão  novos sepultamentos por até cinco meses, tempo necessário  para que a Prefeitura solucione o problema com a construção de gavetas e mais ossários. Neste primeiro momento, serão transferidos para o ossário os restos mortais de 221 pessoas que foram sepultadas como indigentes.

O Cemitério do Kadija, com as providências da administração municipal, semelhantes as tomadas em vários cemitérios do País, em pouco tempo terá restabelecido as condições para novos sepultamentos.

“Que fique todo mundo em paz e tranquilo, porque essa exumação que vai acontecer agora é apenas para dar uma folga, e ver como a gente vai tratar essa questão daqui para frente”, explica Deocleciano Filho.