Prefeitura inaugura Postos de Saúde sem médico na zona rural

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 23 jul 2015

Tags:, ,

da Redação

Posto SUS

As inaugurações de Postos de Saúde pela Prefeitura de Vitória da Conquista não significam certeza de atendimento regular. Logo é observado a falta de médicos e medicamentos para o atendimento. Essa é a marca da administração que propaga que a Saúde em Conquista é referência para outras regiões.

O BRG destacou que nesta quarta-feira (22), os moradores do povoado de Barrocas, na zona rural de Vitória da Conquista, mais uma vez encontraram a unidade de saúde com as portas fechadas inaugurada que foi há exatos 2 anos. Um leitor enviou a foto, já postada,  que mostra o descaso da administração municipal com a saúde.

Em Barrocas são mais de 230 famílias cadastradas na Equipe de Saúde da Família de Capinal que poderia estar servindo a aproximadamente 800 pessoas. O terreno onde está localizada a Unidade foi doado por um morador. Antes da unidade de saúde a comunidade utilizava uma área da igreja católica para o atendimento.

Hospital Esaú Matos: médico denuncia falta de pediatra

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 29 ago 2013

Tags:, , ,

da Redação

Luis Almeida BO médico pediatra Luiz Almeida, em entrevista concedida ao programa Resenha Geral, da Rádio Clube FM (95,9), manifestou preocupação com o péssimo atendimento as crianças do município. Para agravar a situação, o Hospital Materno Infantil Esaú Matos vive momento de crise com a falta de médicos pediatras.

“Fizemos o alerta de que a privatização do  Esaú Matos não daria certo e que poderia trazer consequências graves a saúde no município. Hoje, um ano após, falta pediatras no Esaú rotineiramente. Será por quê?  Fui diretor do hospital por dez anos, e nunca faltou o profissional”, lembrou.

O médico disse que existem rumores de que a  atual direção do Hospital de Base já pensa em privatizar a unidade. Dr. Luiz Almeida prometeu levar o problema para o Congresso Nacional de Pediatria. “O secretario de Saúde da Bahia, Jorge Sola, já entregou 11 hospitais para instituições privadas e as experiências não tem dado certo”, finalizou lamentando.