Dilma diz estar indignada com abertura de processo de impeachment

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 02 dez 2015

Tags:, , , ,

BannerResenhaGeral_600x65px

por Mateus Novais

dilma-pronunciamento

A presidente Dilma Rousseff declarou estar indignada com a aceitação do pedido de impeachment anunciada, nesta quarta-feira (2), pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Em pronunciamento no Palácio do Planalto, a presidenta disse que as ações contra ela são “inconsequentes e inconsistentes”.

Em um discurso breve, na presença de 11 ministros, Dilma pediu tranquilidade e confiança nas instituições públicas. “Não podemos deixar as conveniências e os interesses indefensáveis abalarem a democracia e a estabilidade de nosso país. Devemos ter tranquilidade e confiar nas nossas instituições e no Estado Democrático de Direito”. Em forma de indireta para o presidente da Câmara, a presidente afirmou: “Não paira contra mim nenhuma suspeita de desvio de dinheiro público. Não possuo conta no exterior. Nunca coagi e nem tentei coagir instituições em busca de satisfazer os meus interesses”, afirmou.

Dilma também rechaçou os boatos de uma negociação por votos de membros da base governista no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados em favor da abertura de processo de cassação do presidente da Câmara em troca do arquivamento dos pedidos de impeachment. “Eu jamais aceitaria ou concordaria com quaisquer tipos de barganha, muito menos aquelas que atentam contra o livre funcionamento das instituições democráticas do meu país, bloqueiam a Justiça ou ofendam os princípios morais e éticos que devem governar a vida pública.”

Vereadores de Jequié aprovam pedido de impeachment da prefeita Tânia Britto

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Sudoeste | Data: 02 dez 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

TaniaCamaraPrefeita de Jequié, Tânia Britto, lê mensagem para vereadores na Câmara Municipal

Na noite desta terça-feira (1° de dezembro), os vereadores do município de Jequié aprovaram por unanimidade o pedido de impeachment da prefeita Tânia Britto (PP). O pedido foi apresentado por um morador da cidade, de nome Rafael Pereira dos Santos. A denúncia se fundamenta na má gestão da Educação, feitas pelo MP na semana passada, que culminou na exoneração do secretário responsável pela pasta.

Após a abertura do processo, uma Comissão, formada pelos vereadores Tinho (PV), Chico de Alfredo (PDT) e Beto de Lalá (PSB), foi sorteada para analisar as denúncias. Os parlamentares terão o prazo de até 90 dias para apresentarem um parecer. Após esta etapa, os vereadores votarão o parecer da Comissão, se posicionado de forma favorável ou contraria à cassação.

Segundo o site local GiCult.com, há entre os vereadores um forte posicionamento a favor do afastamento de Tânia e pela posse do substituto legal, o vice-prefeito Sérgio da Gameleira (PSB).

Deputado Arthur Maia entrega novo pedido de impeachment elaborado por Bicudo, Reale Jr. e Janaina Paschoal

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 22 out 2015

Tags:, , ,

Por Regina Bortolo

Arthur Maia

O líder do Solidariedade, deputado Arthur Oliveira Maia (BA), participou nesta quarta-feira (21) da entrega do novo pedido de impeachment da presidente da República, Dilma Rousseff. Parlamentares de partidos da oposição, além de Maria Lúcia Bicudo e representantes dos movimentos Brasil Livre, Vem pra Rua e Contra a Corrupção também participaram do ato. A exemplo de um dos pedidos anteriores, o novo requerimento foi assinado pelos juristas Hélio Bicudo, um dos fundadores do PT, Miguel Reale Jr e Janaína Paschoal.

Maia afirmou que a novidade deste pedido é a comprovação das chamadas “pedaladas fiscais” por parte do governo neste ano. Segundo ele, houve crime de responsabilidade fiscal no atual mandato da presidente, o que abriria caminho para o impeachment.

“A presidente mentiu para o povo brasileiro, traiu a confiança da nação. Dilma não está sendo cassada pelo caos econômico que criou no país, mas pelo crime de responsabilidade que cometeu, motivo mais do que suficiente para o impeachment. Por isso, estamos lançando a campanha Natal sem Dilma”, destacou.

O parlamentar disse ainda que o presidente Eduardo Cunha recuse o pedido, os líderes vão recorrer ao Plenário. “Se ele recusar, não vai ser dele a palavra final, vamos levar ao plenário”, disse.

Oposição quer agilizar impedimento de Dilma

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 10 out 2015

Tags:, , ,

Diário do Poder

‘Comitê do Impeachment’ já contabiliza 290 votos pró-afastamento. Foto: Antonio Cruz/ABR 

A oposição trabalha para iniciar o impedimento da presidente Dilma ainda este ano. Parlamentares avaliam que a situação do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), tende a piorar, mas ainda não compromete o avanço do processo. O “comitê do impeachment”, com representantes do DEM, PSDB, PSC, SD e PMDB, contabiliza cerca de 290 votos pró-afastamento. O processo pode ser aberto com 257 votos.

Para instaurar o processo de impeachment são necessários 342 votos. Mas recurso de um pedido de impeachment requer apenas 257 votos.

O PMDB, maior agraciado na reforma ministerial da crise de Dilma, garante pelo menos 24 votos favoráveis ao impeachment.

O líder do SD, Arthur Maia (BA), diz que Cunha em nada compromete o impeachment: o papel dele é cumprir o regimento e definir a pauta. Leia mais na Coluna Cláudio Humberto

 

 

200 mil aderem a site pró-impeachment no 1º dia

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 10 set 2015

Tags:, ,

banner_shop_05

 

Escrito por Josias de Souza

Zeca Ribeiro/Ag.Câmara

Levado ao ar na manhã desta quinta-feira por um movimento suprapartidário da Câmara, o site com um abaixo-assinado a favor do impeachment de Dilma Rousseff atraiu até o início da noite mais de 200 mil subscritores. Às 19h38, já havia 209.900 assinaturas. A meta dos organizadores da página para o primeiro dia era de 100 mil adesões.

Encampado pelos antagonistas de Dilma, o pedido de impeachment assinado pelo jurista Hélio Bicudo, fundador do PT, foi reproduzido no site na íntegra. Na peça, Bicudo enumera como razões para o afastamento da presidente da República as manobras contábeis conhecidas como “pedaladas fiscais”, a corrupção descoberta na Petrobras pela Operação Lava Jato e a compra com prejuízos da refinaria de Pasadena, no Texas, com a anuência de Dilma.

O movimento pró-impeachment reúne deputados dos oposicionistas PSDB, PPS, DEM, SD e PSC, do “independente” PTB, além de dissidentes dos governistas PMDB, PSD e PR.

PMDB planeja romper com Dilma e conduzir Temer à Presidência

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 04 set 2015

Tags:, , , , ,

banner_shop_05

A Tarde

temer_1558115

O PMDB planeja fazer coro ao pedido da oposição que quer a saída de Dilma Rousseff da Presidência. De acordo com a coluna “Painel” da Folha de S. Paulo, os peemedebistas pretendem romper com o governo até o congresso do partido, agendado para 15 de novembro. A previsão deles é que a crise econômica estará pior, sendo o momento oportuno para apoiar o impeachment ou renúncia da petista.

O primeiro secretário da Executiva Nacional do PMDB e presidente da legenda na Bahia, Geddel Vieira Lima, nega que haja um prazo para o rompimento, mas confirma que há “um processo em curso” para que isso aconteça. Como ele já tinha antecipado ao A TARDE em 26 de agosto, o partido deve deixar o governo em breve.

“Cresce ainda mais no partido quem pensa como eu, que chega de PT. Não tem mais como dar sustentação. Mas não tem um prazo (para rompimento), não tem como marcar uma data”, afirma Geddel. …Leia na íntegra

Fundador do PT, Helio Bicudo, entra com pedido de impeachment de Dilma

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 01 set 2015

Tags:, ,

por Mateus Novais

Hélio-Bicudo

O jurista e fundador do PT, Hélio Bicudo, apresentou à Câmara dos Deputados um pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff, nesta terça-feira (1º de setembro). O documento foi apresentado pela filha de Hélio, Maria Lúcia Bicudo, que argumentou que a iniciativa do pai nada tem a ver com movimentos que são a favor da saída da presidente do poder e nem com partidos políticos.

Na carta, o fundador alega a questão das “pedaladas fiscais”, que devem ser julgadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) ainda este mês. Além disso, ele usa a argumentação de que a presidente fez manobras para adiar pagamentos e utilizou bancos públicos para cobrir dívidas. Hélio também argumentou que a presidente atentou contra a probidade administrativa por “não tornar efetiva responsabilidade de seus subordinados”. O caso da Operação Lava Jato e a compra da refinaria de Pasadena pela empresa Petrobras também foram citados no documento.

Com 93 anos e uma saúde fragilizada, Hélio Bicudo foi vice-prefeito de São Paulo, durante a gestão de Marta Suplicy (entre 2001 e 2004). Em 2005, ele se desfiliou do PT, durante o escândalo do mensalão. Formou-se em direito pela USP e se tornou procurador de Justiça. Informações Tribuna da Bahia

Núcleo do PMDB pró-impeachment se organiza

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 05 ago 2015

Tags:, ,

Do Josias de Souza

Conquista está entre as 100 cidades que realizarão protesto contra Dilma em agosto

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Vit. da Conquista | Data: 23 jul 2015

Tags:, , , ,

da Redação

A concentração em Vitória da Conquista será na Praça Guadalara conhecida como Praça da Escola Normal

O protesto em favor do impeachment de Dilma Rousseff, marcado para acontecer em várias cidades do Brasil terá a data do dia 16 de agosto.  Entre os que mais se destacam, estão o Movimento Brasil Livre, o Vem Pra Rua e o Revoltados Online. A aceitação da presidente Dilma Rousseff despencou para 7,7%. O PT e o Governo Federal temem que os brasileiros possam repetir junho de 2013 com manifestações gigantescas nas ruas de cidades brasileiras. UOL destaca hoje, com chamada de capa,  Lula procura FHC para discutir crise política e conter impeachment.

No quadro abaixo uma relação de  100 cidades em que o MBL está organizando manifestações. Na Bahia, além de Vitória da Conquista, consta as cidades de Feira de Santana e Ilhéus. Clique para ampliá-lo:

listas

 

Governo já admite derrota no TCU e mobiliza aliados contra processo de impeachment

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 08 jul 2015

Tags:, ,

Revista Veja (online)

Primeira iniciativa foi tomada na terça-feira, com a convocação de ministros para explicar as ‘pedaladas fiscais’ no Congresso

A presidente Dilma Rousseff participa da cerimônia de lançamento do Plano Nacional de Exportações, no Palácio do Planalto, em Brasília (DF), nesta quarta-feira (24)
Presidente Dilma Rousseff foi questionada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) por supostas irregularidades das contas(Bruno Domingos/Reuters)

Ao avaliar que deve ser condenado no julgamento das contas do governo de 2014 pelo Tribunal de Contas da União (TCU) em breve, o governo federal iniciou uma estratégia para tentar sensibilizar aliados a não apoiar eventual processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff no Congresso, decorrente da condenação. Numa proposta acertada com o Palácio do Planalto na segunda-feira, a operação do governo na Câmara e no Senado quer angariar apoios a uma eventual decisão desfavorável à petista.

A primeira iniciativa dos aliados ocorreu na terça-feira, com a aprovação de um requerimento para a formação de uma audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado com a presença do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, e do advogado-geral da União, o ministro Luís Inácio Adams, para explicar um dos principais pontos questionados pelo TCU nas contas de Dilma, as chamadas “pedaladas fiscais” – prática do Tesouro Nacional de atrasar de forma proposital o repasse de dinheiro para bancos públicos e também privados. …Leia na íntegra