Após seis meses, manchas de óleo voltam a aparecer no litoral norte da Bahia

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Geral | Data: 09 mar 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Pel_banner_600x65-Resenha-_day.jpg

Fonte:g1

Manchas de óleo voltam a aparecer depois de seis meses. Neste domingo (8), foram retiradas cerca de cinco toneladas de óleo da praia de Itacimirim, em Camaçari, no litoral norte da Bahia.

As informações são do grupo “Guardiões do Litoral”, que, com apoio de voluntários, fez a retirada do óleo da praia. Segundo os Guardiões do Litoral, no primeiro domingo de março, no dia 1º, foram recolhidos três toneladas de óleo. O grupo ressaltou que não são novas manchas que voltaram a aparecer. O que foi recolhido faz parte dos resquícios que ficaram presos nas pedras e na areia.

“As manchas já estavam lá, não são manchas novas. É o petróleo que já chegou, foi soterrado com a maré, o movimento de acumulação de areia durante o verão e o petróleo, que provavelmente derreteu com o aquecimento solar, passou a camada de areia e se alojou na parte mais rígida, as pedras ou bancadas de coral”, explicou Artur Serbe, coordenador do Guardiões do Litoral.

Manchas de óleo atingem praias em Ilhéus e Itacaré

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Meio Ambiente | Data: 20 out 2019

Tags:, , , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

As manchas de óleo que atingem o litoral nordestino desde o dia 30 de agosto, chegaram ao sul da Bahia. As praias das cidades de Ilhéus e Itacaré, registraram a chegada do óleo neste sábado (19). Com isso, sobe para 11 o número de cidades atingidas pela substância na Bahia.

Em Ilhéus, cidade localizada a 270 km de Vitória da Conquista, as manchas foram encontradas em Olivença. Local muito frequentado por turistas que visitam a região. Além de Itacaré, houve registro da substância nas cidades de Vera Cruz, Itaparica, Salvador, Jandaíra, Lauro de Freitas, Conde, Camaçari, Entre Rios, Esplanada e Mata de São João.

As manchas começaram a chegar no estado em 3 de outubro, quase um mês após o início do problema no país. Mais de 150 praias já foram afetadas pelo óleo em todo o Nordeste.  A chegada do óleo no sul da Bahia ainda não foi confirmada oficialmente pela Marinha do Brasil ou outros órgãos oficiais.