Receita Federal apreende brinquedos e produtos eletrônicos falsificados em estabelecimentos de Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor 2 | Colocado em Polícia, Vit. da Conquista | Data: 20 maio 2021

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_blog_728x90px_SEVILHA_PEL-1.gif

Na manhã desta quinta-feira (20), a equipe de Vigilância e Repressão da Receita Federal realizou uma operação para apreender brinquedos, acessórios para celular e artigos eletrônicos falsificados, com uso indevido de marcas conhecidas, em três estabelecimentos do centro comercial de Vitória da Conquista.

Os produtos foram identificados por meio de técnicas de análise de risco e diligências nos estabelecimentos.

Essas mercadorias são retiradas do mercado para coibir a concorrência desleal com os comerciantes que vendem produtos originais, com o valor de mercado. Trata-se também de uma forma de proteger o consumidor, uma vez que as mercadorias são adquiridas como se fossem originais e podem ser, inclusive, nocivas à saúde.

Por exemplo, os brinquedos não certificados podem soltar pedaços pequenos, o que representa um risco para as crianças. Fora isso, alguns países usam tinta feita à base de chumbo, que é um produto cancerígeno. As baterias de celular falsificadas são mais propensas a vazamento e podem até explodir.

Operação da Receita Federal apreende mercadorias de lojas chinesas em Vitória da Conquista

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Polícia, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 17 abr 2013

Tags:, , ,

Da Redação

Produtos-ReceitaUma operação da Receita Federal de Vitória da Conquista apreendeu na manhã de hoje (16) cerca de R$ 70 mil em produtos com indícios de importação irregular e falsificação em lojas chinesas da cidade.

Sete lojas foram fiscalizadas. Cinco tiveram os produtos como bonés, bolsas, óculos e relógios apreendidos pela Receita Federal. A operação foi realizada pela Divisão de Repressão ao Contrabando e ao Descaminho da 5ª Região Fiscal dos estados da Bahia e Sergipe. Dez servidores da Receita Federal participaram da operação.

Os proprietários das mercadorias apreendidas têm até a sexta-feira (19) para apresentarem documentação que comprove a entrada legal da mercadoria no território nacional. Caso os documentos não sejam apresentados, os envolvidos serão autuados e será aplicada a pena de perdimento para a mercadoria. Se for confirmado que houve falsificação, os produtos apreendidos serão destruídos.

Foto: Site Conquista News