Começar de Novo: Prefeitura entrega uniformes a apenados que trabalharão no projeto

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 18 ago 2021

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

Secom/PMVC

Na tarde desta terça-feira (17), uniformes e equipamentos de proteção individual (EPIs) foram entregues aos 50 participantes da segunda etapa do Projeto Começar de Novo. A entrega foi feita pela secretária municipal de Governo, Geanne Oliveira, e pelo diretor do presídio Nilton Gonçalves, Alex Silva, na própria unidade. Na quarta-feira (18), os participantes já começam a trabalhar.

O projeto é resultado de um convênio entre a pela Prefeitura de Vitória da Conquista, a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização do Estado da Bahia (Saep) e o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ – BA). Os internos do regime semiaberto do Presídio Nilton Gonçalves, deverão atuar em áreas da administração municipal que requerem atividades laborais específicas e que possuem defasagem de mão de obra, como os projetos Palmas para Conquista e Umbu Gigante e também na manutenção de estradas na zona rural do município.

A secretária de Governo, Geanne Oliveira, fez a entrega dos uniformes e destacou que o programa representa uma grande oportunidade de ressocialização aos apenados: “O Começar de Novo oportuniza uma chance de trabalho e aprendizado aos apenados, que estão na fase final de suas dívidas com a justiça e também favorece ao poder municipal, que ganha uma importante mão de obra”.

…Leia na íntegra

Força-tarefa para limpar o município após chuvas, tem a participação de apenados do Projeto Começar de Novo

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 06 mar 2020

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Pel_banner_600x65-Resenha-_day.jpg

Fonte:Secom/PMVC

Uma grande equipe com diversos setores da Prefeitura foi montada para tratar dos prejuízos causados pela forte chuva que caiu em Vitória da Conquista na madrugada desta sexta-feira(06). O Projeto Começar de Novo também integra a força-tarefa que está nas ruas, minimizando os danos causados pelas fortes chuvas. Cinquenta apenados do regime semiaberto do Conjunto Penal Nilton Gonçalves, que participam do programa de ressocialização, estão atuando no trabalho.

A equipe está auxiliando a Secretaria Municipal de Meio Ambiente na limpeza e recuperação da Praça Vítor Brito, Praça do Gil e na Avenida Olívia Flores. Amanhã, eles também vão executar o trabalho na Praça Tancredo Neves.

“Nosso programa de ressocialização de apenados, que o Tribunal de Justiça da Bahia tem em parceria com a Prefeitura de Conquista, também dá esse suporte emergencial, nessa necessidade de mão de obra mais braçal, para sanar os danos causados pela chuva”, diz a secretária municipal de Governo, Geanne Oliveira.

O projeto ligado à Secretaria Municipal de Governo é fruto da parceria entre a Prefeitura Municipal, a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização do Estado da Bahia (Seap-BA) e o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Atualmente, os internos do Conjunto PenalNilton Gonçalves trabalham em algumas secretarias, como Saúde, Educação, Meio Ambiente e Agricultura.

O objetivo é criar oportunidades de trabalho e de reeducação social e capacitação profissional. O serviço prestado, além de remuneração e redução de pena, tem gerado dignidade e ressocialização para os apenados.

Projeto Começar de Novo: Reeducandos trabalham na manutenção e reforma de unidades de saúde

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 10 dez 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

Secom/PMVC

Cerca de 10 apenados do regime semiaberto do Conjunto Penal Nilton Gonçalves, estão tendo a chance de reinserção no mercado de trabalho no setor de infraestrutura e manutenção da Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Projeto Começar de Novo.

Desde novembro de 2018, os reeducandos do projeto vem desempenhando suas funções laborativas nos serviços de pintura, climatização e reforma de 19 unidades e centros de saúde da Secretaria. Os reeducandos têm jornada de trabalho de oito horas diárias, de segunda à sexta, e recebem, pelos serviços prestados, uma bolsa auxílio correspondente a 75% do salário mínimo vigente.

 O projeto é fruto da parceria entre a Prefeitura Municipal, a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização do Estado da Bahia (Seap-BA) e o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Atualmente, os internos do Conjunto Penal Nilton Gonçalves trabalham em algumas secretarias, como Saúde, Educação, Meio Ambiente e Agricultura.

O objetivo é criar oportunidades de trabalho e de reeducação social e capacitação profissional. O serviço prestado, além de remuneração e redução de pena, tem gerado dignidade e ressocialização para os apenados.