Conquista: Muros do cemitério Kadija passam por reformas

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 05 fev 2018

Tags:,

Da Redação

Foto:Ascom/PMVC

A Secretaria de Serviços Públicos, nesta segunda-feira (05), iniciou os trabalhos  de reforma dos muros no cemitério do Kadija. O cemitério foi inaugurado oficialmente em 1988 e é uma das necrópoles mais antigas da região

Segundo o secretário de serviços públicos, Ivan Cordeiro os trabalhos irão continuar avançando para trazer melhores condições para o cemitério do Kadija. Ainda de acordo com o secretário , um dos próximos passos é licitar a construção de novos túmulos verticais para o cemitério, ampliando assim o número de vagas e evitando a superlotação no local.

Setor de varejo espera reforma da Previdência e ajuste fiscal

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 05 jan 2018

Tags:, , ,

da Redação
Fonte: TB/Correio Braziliense/CDL (Conteúdo)

Apesar dos sinais de retomada da economia no Brasil, crescimento do varejo pode ficar comprometido se o governo não fizer mudanças para aliviar contas públicas

Com a gradual recuperação do poder de compra de muitas famílias — resultado, em parte, da queda da inflação —, o varejo também começa a dar sinais de retomada. Com isso, o clima de desconfiança sobre a volta do crescimento vem dando lugar à expectativa de melhora, mas com cautela. “Ainda que a economia esteja inerte, o viés é de crescimento, independentemente do ambiente político de 2018”, diz Eduardo Terra, presidente da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC). A expectativa do setor é que este ano seja melhor que 2017 e 2016, a não ser que haja alguma surpresa muito grande no cenário político ou econômico. “Os fatores que influenciam no consumo estão favoráveis. Por exemplo, em relação ao desemprego, que vem cedendo, e ao crescimento da economia, que hoje já tem previsões mais otimistas”, diz o representante da SBVC. …Leia na íntegra

Votação da reforma fica para fevereiro de 2018

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 15 dez 2017

Tags:,

da Redação

O governo, sem apoio, decidiu adiar a votação para o dia 19 de fevereiro de2018 e flexibilizar mais a proposta de reforma da Previdência.

A notícia já preocupa o mercado e o Brasil poderá ter o PIB reduzido para o próximo ano. Os deputados recuaram temendo perder apoio nas eleições do ano que se avizinha.

A bolsa de valores caiu e o dólar subiu. As reformar do presidente Michel Temer têm tido apoio na classe empresarial e com repercussão positiva no exterior.

 

O Palácio do Planalto já começou a produzir novas campanhas publicitárias e o presidente Michel Temer deve dar entrevistas na TV.

Governo não tem votos para aprovar nova Previdência

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 01 dez 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: FSP (Conteúdo)

O governo federal não tem os 308 votos necessários para aprovar a reforma da Previdência na Câmara.

Levantamento da reportagem mostra que o número está bem abaixo do esperado.

Ao menos 212 parlamentares devem votar contra, segundo enquete feita entre 27 e 30 deste mês.

A intenção do governo era colocar o texto em votação na semana que vem, no dia 6, mas sem o apoio necessário, essa data vai mudar.

Saiba quem ganha e quem perde grana com a reforma

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 28 nov 2017

Tags:, ,

Clayton Castelani
do Agora

A reforma da Previdência proposta pelo governo trará vantagem no valor da aposentadoria dos trabalhadores que estão a até três anos de completar o tempo obrigatório de contribuição ao INSS e que atingirem, até o ano que vem, as idades mínimas de 53 anos, para mulheres, e de 55 anos, para homens.

Quanto mais perto esse grupo de cinquentões estiver do tempo de contribuição exigido hoje –30 anos (mulheres) e 35 anos (homens)–, maior será o ganho deles com o novo cálculo.

Por exemplo, em 2018, sem a reforma, um homem de 55 anos, com 35 anos de contribuição e média salarial de R$ 5.166,23 –para quem sempre contribuiu pelo teto– receberia aposentadoria de R$ 3.575,03. Mas se a reforma for aprovada, o segurado teria um benefício de R$ 4.520,45. A diferença é de 26,4%.

Veja em que ano poderá se aposentar com a reforma

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 25 nov 2017

Tags:, ,

Clayton Castelani
do Agora

A reforma da Previdência, se aprovada pelo Congresso, obrigará o trabalhador a fazer contas para saber quando poderá se aposentar.

Para quem está na reta final, o Agora calculou quais serão as idades e os anos de aposentadorias de segurados que, em 2018, estarão a até cinco anos de completar as idades mínimas exigidas pela reforma –55 anos (homem) e 53 anos (mulher)– e de atingir o tempo mínimo de contribuição, de 35 anos (homem) e 30 anos (mulher).

Na maioria dos casos, as mudanças obrigarão o segurado a trabalhar e a esperar mais tempo antes de conseguir pendurar as chuteiras.

Rodrigo Maia: ” O governo está muito longe de ter 308 votos para a Reforma da Previdência ir para o Senado”

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 21 nov 2017

Tags:, ,

Por Dilson Gusmão / Fonte G1 / Foto blogopopolar

Presidente da Câmara Rodrigo Maia em entrevista à rádio CBN, diz que a reforma foi demonizada e que será com diálogo para mostrar aos deputados a importância da aprovação do texto.

O governo transferiu para a câmara a responsabilidade de fazer a votação, com estratégia de excluir mudanças que podem ser feitas depois.

Maia é um dos principais defensores da reforma previdenciária e tem se empenhado na articulação política para que o texto seja aprovado.

Por ser uma emenda da Constituição, a reforma precisa de no mínimo 308 votos, que é uma dificuldade para a compreensão dos deputados quanto à importância da reforma, segundo Maia.

Maia afirmou que se a comunicação junto aos deputados não sofrer um ajuste, explicando os impactos da reforma, muito longe a câmara de deputados estará de conseguir os 308 votos.

Governo vai tentar aprovar reforma suave na Previdência

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 09 nov 2017

Tags:,

Clayton Castelani
do Agora

Sem apoio no Congresso para aprovar uma reforma completa da Previdência, o presidente Michel Temer (PMDB) vai apostar em mudanças pontuais e até mesmo mais suaves.

A decisão foi tomada ontem, em reunião, no Palácio do Planalto, com as participações de Temer e do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

A nova estratégia do Planalto é concentrar esforços para convencer deputados e senadores aliados a aceitarem dois pontos-chave da proposta que já está na Câmara: a criação da idade mínima e a aproximação das regras dos benefícios de servidores públicos às dos trabalhadores do setor privado, informou ontem o relator da reforma, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA).

10 direitos dos trabalhadores em caso de demissões depois da reforma trabalhista

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 09 ago 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Gilberto Bento Jr, advogado trabalhista

Apesar da economia já apresentar melhoras, ainda é grande o temor de muitos trabalhadores em relação a possibilidade de serem os próximos demitidos e com a Reforma Trabalhista a preocupação é ainda maior, já que essa terá impacto nos direitos nesse caso.

Ponto importante a ser lembrado é que as mudanças só devem começar a valer em novembro deste ano. Contudo, mesmo que ocorra a demissão depois desse prazo o trabalhador continuará a ter uma série de direitos que permitem um fôlego inicial para retomar a busca por uma melhor colocação profissional.

“Esses são direitos trabalhistas garantidos pela constituição, contudo, existem os casos das demissões por Justa Causa, nas quais os trabalhadores perdem parte dos direitos citados abaixo quando ocorre alguma conduta considerada inaceitável pelo empregador, desde que seja comprovado que ela ocorreu”, conta Gilberto Bento Jr., sócio da Bento Jr. Advogados.

Contudo, fora as exceções, após a reforma trabalhista, quais os direitos trabalhistas garantidos aos trabalhadores em caso de demissão? Gilberto Bento Jr., detalhou esses:

  1. Quando o empregador deve pagar o valor da rescisão: Salvo se empresa combinar por escrito data diferente com o trabalhador, quando o aviso prévio for indenizado, deve pagar até 10 (dez) dias após a dispensa, e quando o aviso prévio for trabalhado, tem que pagar no 1º (primeiro) dia útil após a dispensa.
  2. Saldo de salário: deve ser pago na proporção aos dias trabalhados no mês da demissão. Isto é, o salário mensal, dividido por 30 e multiplicado pelo número de dias trabalhados. Com ou sem justa causa.
  3. Aviso prévio: pode ser indenizado ou trabalhado, o empregador tem a opção de avisar ao trabalhador sobre a demissão com 30 dias de antecedência ou, pagar o salário referente a esses 30 dias sem que o empregado precise trabalhar.
  4. Aviso prévio indenizado proporcional: instituído por lei no fim de 2011, quando a dispensa é sem justa causa, para cada ano trabalho, há acréscimo de 03 (três) dias no aviso prévio, com limite de adicional de até 60 (sessenta) dias, portanto, no máximo o aviso prévio poderá ser de 90 (noventa) dias.
  5. Férias e adicional constitucional de um terço:todo mês trabalhado dá direito à uma proporção de férias, que equivale a um salário inteiro, mais um terço, após 1 ano de trabalho, este valor deve ser pago independente do motivo da dispensa. Só não será pago caso haja faltas não justificadas e outras infrações constatadas.
  6. 13º salário: deve ser pago todo fim de ano ou em época combinada em convenção coletiva, caso ocorra dispensa, com ou sem justa causa, deve ser pago na proporção dos meses trabalhados, ou seja, divida o valor do salário por 12 meses para saber o valor proporcional de 1 mês trabalhado, e multiplique pela quantidade dos meses que trabalhou para chegar o valor correto. Lembrando que as datas de pagamento podem ser negociadas.
  7. Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – FGTS: só para quem foi dispensado sem motivo, nasce o direito de sacar os valores do FGTS, incluindo o depósito correspondente ao aviso prévio e outras verbas pagas na rescisão. O FGTS atualizado corresponde a aproximadamente um salário por ano.
  8. Multa de 40% sobre o saldo do FGTS: Nas demissões sem justa causa, o empregador por lei deve pagar uma multa de 40% do valor depositado no FGTS do trabalhador. Após a reforma trabalhista esse direito continua igual e não pode ser alterado por acordo entre empresa e trabalhador, mas observamos que agora nasce o direito de demissão acordada onde a empresa paga multa de 20% e o trabalhador pode sacar 80% do valor depositado.
  9. Liberação de guias para saque de seguro desemprego: nos casos de dispensa sem justa causa, se o empregado trabalhou o tempo necessário exigido por lei, tem o direito de solicitar as guias para receber seguro desemprego, estas guias devem vir junto com o TRTC – termo de rescisão do contrato de trabalho. Esse direito pode sofrer alterações após a reforma trabalhista, e vai variar de acordo com os novos contratos de trabalho.
  10. Obrigação de homologação da rescisão: A obrigação de homologação sindical após a reforma trabalhista não existirá mais. No entanto, sobre a obrigação de homologação da dispensa após 12 meses no Ministério do Trabalho a nova lei ainda não é clara.

Reforma do Centro de Cultura pode sair do papel; equipamento está fechado há 4 anos

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 29 jul 2017

Tags:, ,

Da Redação

A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult) publicou o edital de licitação para reforma do Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, em Vitória da Conquista, que está fechado há exatos quatro anos. O processo licitatório visa a contratação de uma empresa para executar o projeto de reforma do Sistema de Segurança e Combate a Incêndio, Pânico e Acessibilidade.

Teto e piso do teatro ainda devem ser reformados e as 380 cadeiras também serão trocadas por novas poltronas. No entanto, o Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, ainda não tem data para voltar a funcionar.

Sendo o principal local para a realização de eventos culturais, como apresentações teatrais, musicais e de dança e exposições, em Vitória da Conquista, a interdição do espaço, ocorrida em 2013, ainda tem trazido bastante prejuízo para a cultura do município.

De acordo com a Secretaria Estadual de Cultura, a responsável pela gestão do Centro de Cultura, a interdição foi necessária para a realização de reforma do espaço que, por falta de verba, vem acontecendo a passos bem lentos. Na primeira parte da obra, apenas foram concluídos os banheiros do foyer, camarins e concha acústica e instalados uma rampa para dar acesso ao palco externo, algumas barras e um corrimão, para cumprir as normas de acessibilidade. Também foram finalizadas as reforma do anfiteatro e das salas de ensaio.

 

 

Aliados pedem que governo adie as mudanças no INSS

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 27 jul 2017

Tags:, ,

Agora SP
Fonte: Folha

Partidos aliados da base de Temer defendem que o presidente abandone a ideia de votar a reforma da Previdência agora e que a proposta seja retomada em 2019, somente no próximo governo.

Apesar de não ser consenso, a ideia ecoa em partidos que somam 173 dos 513 deputados.

A reportagem ouviu integrantes de PSDB, PR, PSD, DEM, PRB e do PP, que dizem não ter segurança de que o governo conseguirá aprovar a proposta de mudanças nas aposentadorias do INSS.

Eles levam em conta a proximidade das eleições de 2018 e a previsão de que o Planalto só conseguiria aprovar uma reforma mínima, desfigurando ainda mais a proposta original e dificultando uma mudança maior.

“Não é hora. Falei isso para o presidente numa conversa, há um mês. Disse ‘esqueça este assunto de Previdência. Não fale em Previdência mais'”, diz o líder do PSD, Marcos Montes (MG).

Pedido de aposentadoria por tempo de contribuição sobe

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 01 jul 2017

Tags:, ,

Clayton Castelani e Fernanda Brigatti
do Agora

No momento em que a atenção dos brasileiros está voltada para a reforma da Previdência, a quantidade de pedidos de aposentadoria por tempo de contribuição aumentou em 36,30%.

Entre janeiro e maio deste ano, o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) recebeu 618,4 mil requerimentos do benefício.

No mesmo período do ano passado, foram solicitadas 453,7 mil aposentadorias por tempo de contribuição, de acordo com dados obtidos por meio da Lei de Acesso à Informação.

Ao todo, foram feitos 164,7 mil pedidos a mais em 2017.

O projeto que cria a idade mínima para as aposentadorias foi aceito pela Câmara dos Deputados no final de 2016, mas o debate na comissão especial que analisou e modificou o projeto se estendeu até o início de maio deste ano, quando o texto foi aprovado.

O andamento da proposta foi interrompido em seguida, devido às graves denúncias de corrupção envolvendo o presidente Michel Temer (PMDB).

Prefeitura apresenta projeto de modernização do terminal da Lauro de Freitas ao Conselho da Pessoa com Deficiência

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 09 jun 2017

Tags:, , ,

Da Redação


Técnicos da secretaria de Infraestrutura se reuniram com o Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência para apresentar aos conselheiros o projeto de modernização do terminal da Lauro de Freitas. De acordo com a prefeitura, na oportunidade, foram apresentadas e discutidas questões como sinalização tátil direcional  para as pessoas cegas ou com deficiência visual, banheiro com adaptações para o usuário de cadeira de rodas com espaço adequado, implantação de calçadas com integração às  rotas acessíveis identificadas,  com dimensões adequadas, permitindo o deslocamento fácil e seguro para os deficientes.

Entre outras coisas, o projeto de revitalização prevê ainda a retirada da rotatória que hoje está situada no centro do terminal, onde atualmente há um sanitário público, que será demolido. Ainda conforme a prefeitura, outro, mais moderno e cumprindo todas as exigências em matéria de acessibilidade, será construído na parte de baixo, nos fundos do prédio que abriga a equipe de fiscalização.

Os calçadões serão mais largos e também respeitarão as noções de acessibilidade, o que dará mais conforto e segurança para os usuários do transporte público.

Previdência Social: Mesa-redonda discute reforma e dívida pública

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Vit. da Conquista | Data: 05 jun 2017

Tags:, , ,

da Redação:
Fonte: site CDL

A FAINOR promove, no dia 06 de junho, a mesa-redonda “A Reforma da Previdência Social e a Dívida Pública”. Com o subitem “A Dívida Pública e a Falência do Estado Brasileiro”, o evento vai reunir estudiosos da área, para debater o assunto sob diversos ângulos.
A mesa-redonda, marcada para as 19h no auditório da FAINOR, está sendo organizada pelo Colegiado do Curso de Ciências Contábeis, com a participação dos colegiados de Administração, Engenharia da Computação, Engenharia Elétrica, Engenharia da Produção e Arquitetura e Urbanismo.
Foram convidados para o debate os professores Dirlêi Bonfim (Doutor/FAINOR); Zenildo Soares de Souza Júnior (Doutor/FAINOR); Alexssandro Campanha Rocha (Mestre/FAINOR-Uesb); e Rubens Jesus Sampaio (Doutor/Uesc). A mediação da mesa será feita pelo professor Márcio Céo dos Santos (Mestre/FAINOR).
“Será uma rica discussão acerca de temas tão instigantes quanto importantes, num momento delicado e difuso da vida nacional”, comenta o professor Dirlêi Bonfim.

Previdência Social: Mesa-redonda discute reforma e dívida pública

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 01 jun 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: site CDL / Conquista / Conteúdo

A FAINOR promove, no dia 06 de junho, a mesa-redonda “A Reforma da Previdência Social e a Dívida Pública”. Com o subitem “A Dívida Pública e a Falência do Estado Brasileiro”, o evento vai reunir estudiosos da área, para debater o assunto sob diversos ângulos.
A mesa-redonda, marcada para as 19h no auditório da FAINOR, está sendo organizada pelo Colegiado do Curso de Ciências Contábeis, com a participação dos colegiados de Administração, Engenharia da Computação, Engenharia Elétrica, Engenharia da Produção e Arquitetura e Urbanismo.
Foram convidados para o debate os professores Dirlêi Bonfim (Doutor/FAINOR); Zenildo Soares de Souza Júnior (Doutor/FAINOR); Alexssandro Campanha Rocha (Mestre/FAINOR-Uesb); e Rubens Jesus Sampaio (Doutor/Uesc). A mediação da mesa será feita pelo professor Márcio Céo dos Santos (Mestre/FAINOR).
“Será uma rica discussão acerca de temas tão instigantes quanto importantes, num momento delicado e difuso da vida nacional”, comenta o professor Dirlêi Bonfim.

Novo elegante terminal de passageiros já em operação em Conquista no atual aeroporto

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 31 maio 2017

Tags:, , ,

da Redação

O Aeroporto Pedro Otacílio Figueiredo já colocou em operação o seu novo Terminal de Passageiros climatizado e confotável. A Socicam investiu R$ 2 milhões. O novo espaço possui estrutura com amplo espaço para embarque além de novos sanitários e a praça de alimentação. Os passageiros no embarque durante todo o dia de ontem se surpreenderam com a nova realidade de embarque na cidade de Vitória da Conquista.

As obras da construção do novo aeroporto que receberá o nome de Glauber Rocha, na 2ª etapa para construção do terminal, terá investimento do Governo Federal na ordem de R$ 45 milhões. Coube ao Governo da Bahia comandar a obra em função de convênio firmado desde a época de governo de Dilma Roussef. Após 20 anos de promessas, iniciadas do primeiro ano de mandato do ex-governador Jaques Wagner (PT), em Brasília no ano passado, o atual prefeito Herzem Gusmão (PMDB), conseguiu destravar os recursos com intervenção do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB).

O deputado Lúcio foi o relator da MP que garantiu investimento de R$ 398 milhões para os aeroportos do Brasil.  Desde o ano passado, em plena campanha eleitoral, que Gusmão anunciou que a licitação do aeroporto de Conquista seria a primeira. A garantia foi dada pelo comando da SAC.

 

O aeroporto Pedro Otacílio de Figueiredo será desativado em julho de 2018.  O Ministério dos Transporte já homologou a desativação do atual aeroporto em operação deste a década de 50. No passado aviões Douglas (bimotores) operavam voos para São Paulo e Rio de Janeiro com as empresas Real e Nacional. A cidade de Vitória da Conquista tem tradição em voos comerciais desde 1949.

A previsão para inauguração no novo aeroporto será de maio a julho de 2018.

Quatro anos depois, Centro de Cultura ainda não tem data para ser reativado

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura | Data: 23 maio 2017

Tags:, ,

Da Redação


O Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, fechado há quatro anos, ainda não tem data para voltar a funcionar. Sendo o principal local para a realização de eventos culturais, como apresentações teatrais, musicais e de dança e exposições, em Vitória da Conquista, a interdição do espaço tem trazido bastante prejuízo para a cultura do município, que já é muito carente.

De acordo com a Secretaria Estadual de Cultura, a responsável pela gestão do Centro de Cultura, a interdição foi necessária para a realização de reforma do espaço que, por falta de verba, vem acontecendo a passos bem lentos. Na primeira parte da obra, apenas foram concluídos os banheiros do foyer, camarins e concha acústica e instalados uma rampa para dar acesso ao palco externo, algumas barras e um corrimão, para cumprir as normas de acessibilidade. Também foram finalizadas as reforma do anfiteatro e das salas de ensaio.

O próximo passo, será a execução do projeto de reforma do Sistema de Segurança e Combate a Incêndio, cuja licitação está concluída. Segundo a Secretaria de Cultura, essa parte final da obra irá custar R$ 900 mil. Teto e piso do teatro ainda devem ser reformados e as 380 cadeiras também serão trocadas por novas poltronas.

A falta de interesse do Governo do Estado em reativar o Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima demonstra o quanto a cultura do interior baiano ainda está inviabilizada. Infelizmente, os olhos, bem como os investimentos, são direcionados apenas para a capital.

Atraso na reforma amplia a chance do benefício integral

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 21 maio 2017

Tags:, ,



Clayton Castelani
do Agora

É inegável que a reforma da Previdência subiu no telhado após o presidente Michel Temer (PMDB) passar a ser investigado por atrapalhar a Lava Jato, corrupção e organização criminosa. Apesar de a tentativa de mudar as aposentadorias não ter sido enterrada, o atraso no andamento do projeto é bem-vindo para trabalhadores que estão perto de conseguir vantagens que só serão possíveis pelas regras atuais, como o benefício integral com o cálculo 85/95.

Aprovado no Congresso em 2015, ainda na gestão Dilma Rousseff (PT), o sistema 85/ 95 impede que a aposentadoria seja reduzida pelo fator previdenciário quando a soma da idade ao tempo de contribuição do segurado resulta em 85, para as mulheres, ou 95, para os homens.

O trabalhador que atingir essa soma antes da aprovação da reforma, mesmo que não peça o benefício, manterá o direito de receber uma aposentadoria com renda mensal equivalente à média dos 80% maiores salários recebidos desde julho de 1994.

Guarita e sanitários da Ceasa de Conquista passam por reforma

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 05 maio 2017

Tags:, ,

Da Redação

Foto: Secom PMVC

A Prefeitura de Vitória da Conquista está reformando algumas áreas do Centro de Abastecimento (Ceasa), do Centro da cidade. Por meio da Secretaria de Serviços Públicos, foram realizados reparos na guarita e também estão sendo feitas intervenções estruturais de maior porte nos dois banheiros do local.

O trabalho envolve a troca dos vasos sanitários, caixas de descarga, canos e torneiras, mais aplicação de massa PVA na parte interna e de massa acrílica na parte externa das paredes. O serviço também inclui a pintura.

Conforme a Coordenação de Serviços Básicos e Posturas, no sanitário da rua Catão Ferraz, a reforma já foi iniciada e deverá ser concluída no próximo fim de semana. De acordo com o setor, depois da reforma, a manutenção nos sanitários públicas serão contínuas.

Ainda segundo a Coordenação, essa operação de reforma nos sanitários faz parte de uma programação maior que envolve toda a estrutura do Ceasa, e ainda os outros setores que estão sob a responsabilidade da Coordenação de Serviços Básicos – como as feiras dos bairros Brasil, Patagônia e Alto Maron, os dois cemitérios (Saudade e Kadija) e a Central de Abastecimento da avenida Juraci Magalhães.

Veja como a reforma muda a sua idade de aposentadoria

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 23 abr 2017

Tags:, , ,

Clayton Castelani
do Agora

Após passar pelas primeiras mudanças na Câmara dos Deputados, a proposta de reforma da Previdência pode complicar a cabeça do trabalhador que tentar descobrir quando poderá se aposentar, caso as novas regras sejam aprovadas no Congresso.

A proposta de acabar com a aposentadoria por tempo de contribuição, criando a idade mínima para a concessão do benefício, foi mantida.

Mas para quem já é ou passar a ser contribuinte do INSS antes da reforma, o novo texto prevê idades mínimas progressivas, começando aos 55 anos, para homens, e aos 53 anos, para mulheres.

Após 2020, a idade mínima aumenta em um ano a cada dois anos, até ser fixada em 65 anos (para homens) e em 62 anos (para mulheres).

Mas não basta ter a idade exigida para se aposentar.

O segurado também precisará ter o tempo mínimo de contribuição exigido hoje (de 35 anos, se homem, e 30 anos, se mulher), além de um adicional de 30% do tempo que estiver faltando para a aposentadoria dele na data da aprovação da reforma.